Partilhar

Como fazer seu cachorro viver mais e melhor

 
Por Carolina Costa, Médica Veterinária. Atualizado: 3 setembro 2018
Como fazer seu cachorro viver mais e melhor

Ver fichas de  Cachorros

Ter um animal de estimação não é tarefa fácil. Os animais são membros da família e necessitam de ser cuidados a vida toda.

Nós amamos tanto os nossos animais que não queremos que eles sofram ou estejam infelizes, mas algumas vezes não sabemos que cuidados com os cachorros devemos tomar para que eles possam viver mais e melhor.

Neste artigo do PeritoAnimal vamos demonstrar como fazer seu cachorro viver mais e melhor e desvendar quais os cuidados e truques para ter sucesso nesta missão.

Também lhe pode interessar: Como fazer seu gato viver mais e melhor

Nutrição adequada

A alimentação é uma parte fundamental na saúde do seu pet. Alimentar o seu cachorro com uma dieta equilibrada e adequada previne não só a obesidade, mas também outros problemas graves associados a desequilíbrios nutricionais.

É importante adaptar a alimentação às características do animal: raça, idade, sexo, estilo de vida e historial de doenças, para que você forneça as calorias diárias necessárias.

Os alimentos extras como biscoitos nunca devem exceder 10% das necessidades calóricas[1] e a água deve ser fresca, limpa e estar sempre disponível.

Importa realçar que existem muitos alimentos, frutos e plantas que não prejudicam o ser humano, mas que para certos animais como o cachorro podem ser muito tóxicas e letais, como é o caso do chocolate, cebolas e das uvas. Por isso, você não pode fornecer nenhum tipo de fruto ou planta a não ser que o médico diga que não há nenhum problema. Leia o nosso artigo completo sobre os alimentos proibidos para cães.

Como fazer seu cachorro viver mais e melhor - Nutrição adequada

Higiene dentária

Os dentes dos cachorros não são muito diferentes dos nossos no que diz respeito à higiene. A formação de tártaro e gengivite (inflamação da gengiva) são muito comuns em cães e, se não tratadas ou prevenidas, podem originar doenças dentárias muito graves que podem provocar a queda dos dentes, abcessos e infeções na mandíbula e maxila.

A melhor forma de prevenção é através de um regime de higiene dentária regular: escovar dentes ao animal com escova própria ou mesmo um pedacinho de gaze pode resultar e prevenir algumas doenças. Você pode sempre pedir informações e conselhos ao seu veterinário sobre quais os produtos de higiene oral existentes e qual a melhor forma de os aplicar. Veja o nosso artigo com dicas para cuidar dos dentes do seu cachorro.

Como fazer seu cachorro viver mais e melhor - Higiene dentária

Banhos e manutenção do pelo

Os banhos são essenciais para manter o pelo limpo e saudável.

Cães de pelo comprido necessitam de ser mais escovados para evitar sujeira e retenção de poeiras ou insetos no seu pelo, além de que muitos deles amam ser escovados, nem que seja só pela atenção que o tutor está dando para eles.

Quando o pelo estiver muito grande e causando incômodo ou se estiver um tempo muito quente, a tosquia é uma boa solução para melhorar o bem-estar do animal.

Exercício

Para um animal desfrutar da vida, o exercício físico regular é uma ferramenta essencial. Ele traz muitos benefícios para que o animal possa viver mais e melhor. É importante perceber os limites do animal e quais os estímulos que o levam a fazer um exercício físico regular e estável, porque o exercício intensivo descontrolado pode ser tão prejudicial como a falta dele.

Nadar é sinônimo de felicidade e as idas à praia e nadar também são também um ótimo exercício e quase todos os cachorros amam.

Passear não é apenas bom para se exercitarem, também é bom para a mente. Passear é uma aventura e permite ao animal explorar, farejar e interagir com o ambiente, por isso, é recomendado passear em média de duas a três vezes por dia para ele se sentir bem.

Como fazer seu cachorro viver mais e melhor - Exercício

Estímulos e jogos mentais

Se você se pergunta como fazer coisas que melhorem a qualidade de vida do cachorro esta é uma delas: o estímulo mental.

A saúde mental é tão importante como a saúde física, elas estão interligadas e se uma é afetada a outra pode ser também.

Fornecer estímulos mentais como puzzles com comida, caça ao tesouro, brinquedos e interação social é muito importante para manter a saúde do cachorro e para o encorajar a ser mais ativo.

Tire um tempinho só para o seu pet, os cachorros são muito sociais e adoram positividade, se você lhes der muito amor, carinho e atenção, acredite que os está fazendo muito felizes e prevenindo muitos problemas médicos e comportamentais.

Eles também se aborrecem, tal como nós, e comprar um novo brinquedo, ou passear num local diferente do usual, pode ser suficiente para chamar a atenção do cachorro e estimulá-lo novamente.

Um bom enriquecimento ambiental também podem ser jogos montados por si, como fortes com túneis ou tendas de pano para que os cachorros possam brincar e se esconder.

Treinos com novos truques e regras são sempre bem recebidos pelos cachorros, aumentam a concentração e estimulam a saúde mental. Tente utilizar o reforço positivo para os incentivar mais.

Ambiente limpo

Se mantiver a casa limpa, você terá menos problemas com ácaros, ectoparasitas (pulgas e carrapatos) e produtos e substâncias químicas tóxicas, diminuindo a probabilidade de alergias ou outros problemas associados.

Desparasitações

As desparasitações internas e externas devem fazer parte dos cuidados com cães. Os endo ou ectoparasitas podem causar doenças e consequências graves que apenas a prevenção pode evitar.

O médico veterinário vai selecionar qual o melhor fármaco e com que frequência deve aplicar no seu cachorro. A escolha da frequência de desparasitações depende do estilo de vida e do animal.

Como fazer seu cachorro viver mais e melhor - Desparasitações

Protocolo vacinal e visitas regulares ao veterinário

As vacinas incluídas no protocolo vacinal permitem prevenir muitas doenças que não têm cura quando contraídas.

Além do plano vacinal regular, as visitas ao veterinário vão permitir ao médico conhecer melhor o animal, acompanhá-lo e diagnosticar precocemente qualquer alteração ou doença que surjam.

Os cachorros adultos devem ser revisados pelo menos uma vez por ano, os jovens a cada 4 meses e os idosos de 2 em 2 anos. Claro está que se surgirem alguns sintomas ou outras alterações estes períodos devem ser adaptados[2].

Castração

A castração tem muitos benefícios. Não só melhora a qualidade de vida do animal, como também ajuda a prevenir certas doenças, como o câncer de mama em cadelas.

Como sei que o meu cachorro está feliz e saudável?

Melhor que descrever quando o seu animal está feliz e saudável é apresentar os sintomas que são sugestivos de que algo não está bem para que possa estar atento:

  • Falta de energia e depressão
  • Perda de apetite
  • Anorexia ou obesidade
  • Má qualidade do pelo
  • Corrimentos nasais ou oculares
  • Mucosas pálidas
  • Tosse e/ou dificuldades respiratórias
  • Alterações na pele
  • Massas ou caroços estranhos no corpo
  • Claudicação (mancar)
  • Alterações de comportamento, como agressividade ou fobias

Caso surjam estes ou outros sintomas, você deve consultar e se aconselhar junto do seu veterinário.

Importa salientar que se você está a pensar em adotar um cachorro pela primeira vez, recomendamos que busque sobre as necessidades desse animal e pondere se as consegue fornecer para garantir a saúde do pet[3].

E lembre-se: a saúde do dog depende de si, um cachorro saudável e feliz traduz-se em um tutor feliz.

Como fazer seu cachorro viver mais e melhor - Como sei que o meu cachorro está feliz e saudável?

Se deseja ler mais artigos parecidos a Como fazer seu cachorro viver mais e melhor, recomendamos-lhe que entre na nossa seção de Cuidados básicos.

Referências
  1. https://www.merckvetmanual.com/dog-owners/selecting-and-providing-a-home-for-a-dog/providing-a-home-for-a-dog#v3199924
  2. https://www.merckvetmanual.com/dog-owners/routine-care-and-breeding-of-dogs/routine-health-care-of-dogs
  3. https://www.merckvetmanual.com/special-pet-topics/health-and-the-human-animal-bond/animal-welfare
Bibliografia
  • Howell , T. J., Bennett, P. C. (2016) Pet dog management practices among a representative sample of owners in Victoria, Australia. Journal of Veterinary Behavior: Clinical Applications and Research, Volume 12, p 4-12
  • Pirrone, F., Albertini, M. (2015) Owner and animal factors predict the incidence of, and owner reaction toward, problematic behaviors in companion dogs. Journal of Veterinary Behavior: Clinical Applications and Research, Volume 10, Issue 4, p 295-301
  • Reaney, S. J., Zulch, H., Mills, D., Gardner, S., Collins, L. (2017) Emotional affect and the occurrence of owner reported health problems in the domestic dog. Applied Animal Behaviour Science, Volume 196, p 76-83

Escrever comentário sobre Como fazer seu cachorro viver mais e melhor

Adicione uma imagen
Clique para adicionar uma foto relacionada com o comentário
O que lhe pareceu o artigo?

Como fazer seu cachorro viver mais e melhor
1 de 6
Como fazer seu cachorro viver mais e melhor

Voltar ao topo da página