Partilhar
Partilhar em:

Cuidados do yorkshire terrier - Coisas que deve saber

Cuidados do yorkshire terrier - Coisas que deve saber

Ficha do animal: Yorkshire terrier

O yorkshire terrier não é só um dos cachorros mais pequenos do mundo, como também ñe um dos mais requisitados pelo seu tamanho e ternura. É um dos pets mais populares e, por esse motivo, entrou no sítio certo para saber tudo sobre esta raça.

A adoção de qualquer filhote ou cachorro adulto implica uma série de responsabilidades, entre elas a alimentação, a higiene, a segurança, o exercício, o adestramento... Contudo, por vezes algumas raças apresentam uma série de cuidados específicos. Hoje, no PeritoAnimal, explicamos todas as coisas que deve saber os cuidados do yorkshire.

Também lhe pode interessar: 10 Tipos de tosas para um Yorkshire Terrier

Alimentação do yorkshire terrier

Uma questão muito comum relacionada com os cuidados é qual a quantidade de ração recomendada para um yorkshire, uma vez que são cachorros muito pequenos e é comum ter receio de lhe oferecer demasiada comida. Sabemos que a obesidade é um problema grave em qualquer cachorro.

Como acontece com qualquer raça de cachorro, as quantidades são determinadas pela sua idade, peso e atividade física. Se não está seguro das quantidades, deve verificar as indicações da ração ou consultar o seu veterinário habitual. Ele, melhor do que ninguém, poderá determinar a quantidade de ração necessária para todas as fases da vida do cachorro.

Adestramento do yorkshire terrier

Apesar do seu pequeno tamanho, é fácil observar que o yorkshire é um cachorro corajoso e cheio de energia. Na verdade, sempre imagino um yorkshire a correr a saltar por todo o lado. Infelizmente, a combinação do seu tamanho e do seu aspeto ternurento fazem com que muitos tutores não eduquem o cachorro de forma correta. Por ser tão pequenino, os tutores não se importam com sua educação uma vez que não causam grandes estragos.

O que nunca devemos esquecer (e que estamos sempre a lembrar em PeritoAnimal) é que um bom adestramento é parte da felicidade do nosso cachorro.

Por isso, não esqueça que uma parte muito importante do adestramento de um filhote yorkshire é a socialização. Ensine o seu pet a se relacionar com outros cachorros e pessoas desde o primeiro dia. Uma boa socialização fará com que seja menos propenso a desenvolver medos de bicicletas, skates, etc. Outro ponto muito importante na vida de um cachorro é o exercício. Os yorkshire possuem muita vitalidade, sendo necessário gastar toda essa energia com longos passeios e brincando com ele de forma ativa.

Os latidos do yorkshire

Outra das características que identificam o yorkshire são os latidos. Existem muitos motivos para um cão ladrar em excesso. Um deles é o que foi referido no parágrafo anterior: uma má socialização. Mas existem outros fatores:

  • Estresse
  • Soludão e tédio
  • Entusiasmo
  • Frustração
  • Problemas de saúde
  • Herança
  • Adestramento inconsciente
  • Cão de guarda

Se o seu yorkshire ladra muito, não deixe der os conselhos para evitar que o meu cachorro ladre.

Além disso, deve saber que...

Um conselho extra para famílias com crianças: Como já foi mencionado, uma das principais características de um yorkshire terrier é o quão pequeno ele é. Isso implica que devemos ter um cuidado especial a brincar com eles. Desde o primeiro minuto, devemos fazer as crianças entenderem que os cachorros não são brinquedos e que devem ser tratados com carinho e respeito.

A higiene regular de um yorkshire

Para manter uma higiene correta nos cachorros yorkshire, deve fixar uma rotina de banho a cada duas semanas. De qualquer forma, tenha em conta que isto é uma recomendação. A frequência com que damos banho ao nosso pet depende do estilo de vida que ele leva (se passeia pela cidade, se passei em jardins, se chove, etc).

  • Dica: Aposte em shampoos especiais para cachorros, outro tipo de produtos podem provocar reações alérgicas.

O cuidado do pelo de um yorkshire é muito importante. Outra zona que não deve ser descuidada é a região peri anal. Deve cortar o pelo desta zona para que as fezes não fiquem grudadas na pelagem.

Os nós no pelo

Os yorkshire possuem pelo comprido, pelo que é recomendado que use um condicionador depois do shampoo para evitar nós. Além disso, é essencial que o pelo do seu pet seja seco com secador, enquanto é escovado em simultâneo. Não se esqueça que a pelagem do cachorro yorkie deve ser escovada, no mínimo, duas vezes por semana. Se o seu pelo se enrola com muita frequência, pode considerar cortes de pelo alternativos para um yorkshire, de forma a encontrar opções de pelagem mais curta que previnam os nós.

As remelas

Estes animais possuem tendência a desenvolver remelas. Deve ter cuidado na hora de removê-las. Nunca as saque, o que deve fazer é umedecê-las para amaciá-las e conseguir tirá-las com maior facilidade. Além disso, em PeritoAnimal pode descobrir truques para remover as manchas de lágrima dos cachorros.

A higiene dental

Estes cachorros criam muito tártaro, pelo que é muito importante que tenhamos, desde o começo, muito cuidado com este aspeto.

Existem várias formas de limpar os dentes do seu pet, mas se vai escovar os seus dentes é importante que comece a habituá-lo desde que é filhote. A escovagem deve, sempre, ser feita pouco a pouco.

  • Cuidado: apenas deve usar paste dentífrica própria para cachorros. A dos seres humanos é tóxica para os animais.

As orelhas dos cachorros yorkshire

Os yorkshire possuem dificuldade em levantar as orelhas sendo que, em algumas ocasiões, nem as chegam a levantar. Um truque para que seja mais fácil levantarem as orelhas é tosar o pelo das orelhas para que pesem menos. Necessita de mais dicas? Em PeritoAnimal encontrará toda a informação para levantar as orelhas a um yorkshire terrier.

Outra questão relacionada com o pelo que deve ter em conta é o facto de esta raça possuir pelo dentro das orelhas. Esse pelo em particular não deve ser cortado, mas sim arrancado para promover a boa saúde das orelhas do cachorro. Consulte o seu veterinário para que ele ensine como pode fazê-lo. Não tente fazê-lo você mesmo se não tem experiência pois corre o risco de machucar o cachorro.

Problemas de saúde

Uma queda complicada ou uma pancada pode ter consequências graves para esta raça- Por isso, os yorkshire terrier são muito propícios a desenvolver doenças ou lesões nos ossos e nos músculos (por exemplo, é muito habitual ver um yorkshire com hérnia discal). É necessário ter uma atenção particular na hora de brincar com crianças para que não machuquem o animal.

É habitual encontrar cachorros yorkshire com roupa para cachorros pequenos na rua. Não pense que isto é apenas uma moda, uma vez que esta raça tende a desenvolver doenças como a bronquite. Não se dão muito bem com climas frios.

Outras doenças habituais são a perda precoce de dentes (lembra do que foi mencionado sobre o tártaro?), problemas de estômago ou dificuldades durante o parto. Se detetar um sintoma estranho no seu cachorro, é fundamental que recorra de imediato ao veterinário. Deve ter em conta que quanto mais cedo detetar uma anomalia, mais chances tem de que o cachorro recupere de forma favorável.

Se deseja ler mais artigos parecidos a Cuidados do yorkshire terrier - Coisas que deve saber, recomendamos-lhe que entre na nossa seção de Cuidados básicos.

Comentários (0)

Escrever comentário sobre Cuidados do yorkshire terrier - Coisas que deve saber

Muito útil

Cuidados do yorkshire terrier - Coisas que deve saber
1 de 6
Cuidados do yorkshire terrier - Coisas que deve saber