Partilhar
Partilhar em:

Cuidados e alimentação do hamster

Cuidados e alimentação do hamster

Ver fichas de  Hamsters

Os roedores são grandes amigos e uma das melhores opções se quer ter um pet, devido ao seu reduzido tamanho e aos cuidados que precisa não serem excessivos. Tratam-se de pequenos roedores no geral simpáticos e curiosos, com os quais desfrutará vendo-os comer, investigar e correndo.

No entanto, tal como acontece com qualquer outro ser vivo, deve ter algumas noções que lhe permitam proporcionar ao animal os cuidados que precisa para desfrutar de um bom estado de saúde. De seguida, no PeritoAnimal vamos lhe explicar tudo o que precisa saber sobre os cuidados e alimentação do hamster.

Também lhe pode interessar: Alimentos proibidos para o hamster

Como cuidar de um hamster

A gaiola do hamster

Para que o hamster se sinta confortável com a chegada a sua casa, será fundamental ter já preparada a gaiola em que vai viver. Poderá encontrar à venda muitas opções mas a maioria delas são excessivamente pequenas o que pode causar estresse e mal-estar ao animal.

O espaço mínimo de uma gaiola para um hamster deve ser de cerca de 60 cm de comprimento x 50 cm de largura x 50 cm de fundo. O ideal seria adquirir uma de dois andares, em que possa colocar túneis e várias estruturas. A gaiola deve ser sempre ampla e confortável para o nosso pequeno hamster.

No entanto, se estiver a pensar em adotar um hamster roborovski (que é realmente pequeno), pode optar por comprar um aquário ou terrário e acondicionar devidamente, o que vai permitir evitar fugas por parte do hamster. Os hamster roborovski são tão pequenos e têm a facilidade de passar por lugares estreitos que é muito provável conseguir fugir de qualquer gaiola.

A limpeza da gaiola deve se realizar de forma semanal para evitar a acumulação de fezes e fomentar um ambiente higiênico ao animal.

A localização da gaiola

Este detalhe é verdadeiramente importante, uma vez que a qualidade de vida do hamster dependerá do lugar da casa onde o situarmos. É importante escolher um lugar ventilado mas que não tenha correntes de ar. A temperatura deverá ser constante e oscilar entre 18 e 26ºC.

Também destacamos a importância de situar a gaiola em um lugar de semi-sombra, uma vez que o sol direto pode causar um golpe de calor no hamster.

O substrato

Este é um fator muito importante a ter em conta. Deve escolher um substrato absorvente e que em nenhum caso produza pó. Para isso, os mais recomendáveis são os pellets de madeira natural ou de celulose.

Os brinquedos e o ninho

Além dos elementos como o bebedouro e o comedouro, o hamster precisa de ter um lugar para se refugiar. Pode utilizar um ninho, uma pequena casinho ou qualquer outro elemento que o permita descansar e isolar-se da luz do sol.

Também vai precisar de distrações para passar melhor o tempo em que não brinca ou interage com ele. Os túneis, escadas, brinquedos e outros elementos vão ajudar a enriquecer o seu dia a dia.

A alimentação do hamster

A alimentação de um hamster deve ser equilibrada e variada, de maneira a cobrir todas as suas necessidades nutricionais. Para isso, deve incluir sementes, verdura, fruta, cereais e frutos secos. De seguida vamos lhe explicar quais são as bases da sua dieta e que alimentos pode ou não oferecer-lhe:

Ração comercial

Existe à venda diferentes alimentos já preparados que pode oferecer ao seu hamster diariamente. Geralmente são compostos de cereais e sementes e frutos desidratados. Este tipo de alimentação é uma base eficaz para a sua ingestão de fibra e proteína, no entanto deve incluir também na sua dieta frutas e vegetais variados.

Cereais e legumes

A alimentação do hamster deve ser rica em fibra e baixa em gorduras, por esse motivo devemos escolher aqueles alimentos ricos em hidratos de carbono e fibras. Os cereais e as sementes devem ser a base da alimentação do hamster.

Se decidir não comprar rações comerciais e fazer você mesmo a alimentação do seu hamster, tome nota dos seguintes ingredientes. Deverá comprá-los e misturá-los crus.

  • Aveia
  • Trigo
  • Milho
  • Arroz
  • Cevada
  • Lentilhas
  • Grão

Frutos secos

A ingestão de proteínas do hamster pode ser completada através dos frutos secos, embora estes não devam ser oferecidos muito regularmente. Alguns exemplos são as avelãs, as nozes, as castanhas, as amêndoas ou as sementes. Todos eles devem ser dados sem sal nem nenhum tipo de elaboração.

Também pode oferecer carne, peixe e insetos para completar a sua ingestão de proteínas, mas não devemos abusar deles. Com uma vez por semana serão mais que suficientes. Alguns dos mais habituais são:

  • Carne de peru ou frango ao vapor
  • Ovos
  • Bacalhau ao vapor
  • Farinha de minhoca

Fruta e verdura

A fruta e a verdura são alimentos muito importantes para o hamster. Deve se certificar de oferecer todos os dias estes alimentos ao seu hamster:

  • Maçã
  • Pera
  • Ameixas
  • Damasco
  • Pêssego
  • Morango
  • Kiwi
  • Cenoura
  • Abobrinha

Descubra todas as frutas e verduras que o hamster pode comer neste artigo.

Água

A água deve ser renovada diariamente e, normalmente utilizam-se recipientes tipo "biberão" pois são mais higiênicos e fáceis de usar. No entanto, se acabou de adotar o seu hamster, é recomendável oferecer-lhe um pequeno recipiente no solo para beber diretamente dele, uma vez que alguns não conhecem o seu funcionamento.

Alimentos proibidos

Não se esqueça que também existem alimentos proibidos para o hamster que nunca lhe deve dar. Entre eles encontramos as sobras da nossa própria comida, os alimentos com especiarias, sal e vários condimentos ou aqueles que não são digeríveis.

Desgaste dos dentes

É importante dedicar tempo ao cuidado dos dentes do hamster para evitar anomalias como o crescimento excessivo ou dentes quebrados. Encontrará à venda elementos específicos para isso como ramos de árvores frutais que permitem um desgaste normal dos dentes. Informe-se numa loja de animais perto de si.

Doenças que podem afetar um hamster

Geralmente um hamster bem cuidado não tem complicações na sua saúde, mas os seguintes sinais podem indicar doença:

  • Perda de apetite
  • Queda de pelo ou pelo em mau estado
  • Secreção nasal ou lacrimal
  • Diarreia
  • Espirros

Se observar algum destes sintomas no seu hamster adulto, é fundamental levá-lo de imediato ao veterinário para descartar qualquer problema ou iniciar um tratamento ou cuidados específicos o quanto antes.

Se deseja ler mais artigos parecidos a Cuidados e alimentação do hamster, recomendamos-lhe que entre na nossa seção de Cuidados básicos.

Comentários (0)

Escrever comentário sobre Cuidados e alimentação do hamster

Muito útil

Cuidados e alimentação do hamster
1 de 4
Cuidados e alimentação do hamster