Partilhar

Doenças comuns do pug

 
Por Liliana Ramos, Jornalista especializada em mundo animal. Atualizado: 20 março 2019
Doenças comuns do pug

Ver fichas de  Cachorros

Os cachorros da raça pug, devido às suas particularidades anatômicas, apresentam uma predisposição especial para padecerem de doenças que você deve conhecer para garantir que a saúde dele é a melhor possível. Por isso, nesse artigo do PeritoAnimal vamos detalhar as principais doenças do pug.

Vamos enumerar algumas das doenças que um pug pode ter. É importante que você saiba que todas as raças podem apresentar determinada predisposição para algumas doenças. De qualquer forma, cumprindo as revisões periódicas junto do deu médico veterinário de confianças e oferecendo os melhores cuidados para o cachorro, você pode conseguir que ele tenha sempre uma boa saúde e caso alguma doença surja, detectá-a a tempo.

Os pugs têm um carácter fantástico, são muito carinhosos e brincalhões. Continue lende este artigo e descubra quais as doenças mais comuns do pug!

Também lhe pode interessar: Doenças comuns do Cocker Spaniel

Síndrome braquicefálico

As raças braquicéfalas, como o pug, se caracterizam por ter uma cabeça de formato arredondado e um focinho muito curto, com olhos muito salientes. Tendo em conta estas características, muitas das patologias que podem afetar os pug, estão relacionadas com esta síndrome e, por isso, vamos te explicar algumas delas.

Doenças respiratórias dos pug

Os cachorros pug apresentam narinas mais estreitas do que o normal, focinho curto, paladar mole e alongado e uma traqueia mais estreita. Tudo isto faz com que muitas vezes sofram de dispneia (dificuldade para respirar) que começa por se manifestar desde filhotes com os típicos roncos. Tal como com outros cachorros braquicéfalos, você precisa ter muito cuidado com os golpes de calor, acima de tudo devido às características anatômicas que acabamos de descrever.

Agentes infecciosos como os que geram a traqueobronquite infecciosa canina ou tosse de canil, afetam mais os pug do que outra raças, devido à condição braquicéfala. Deste modo, temos de estar atentos e garantir que o nosso cachorro não apresenta tosse, dificuldade em respirar, intolerância ao exercício e dificuldade em engolir.

Doenças comuns do pug - Doenças respiratórias dos pug

Doenças oculares do pug

Os pug possuem os globos oculares proeminentes e por isso são mais propensos a sofrer de úlceras na córnea seja por lesões feitas por objetos ou até mesmo pelos próprios pelos nas suas pregas faciais. Esta é uma das doenças que mais se associa à raça pug. Para além disso, esses cachorros podem ter as pálpebras viradas para dentro, o chamado entrópio e que também leva ao aparecimento de úlceras.

Geneticamente, estes cachorros estão predispostos a padecer de queratite pigmentar imunomediada, na qual se observa um pigmento de cor marrom (melanina) na superfície do olho. Outra doença oftalmológica do cachorro pug é o prolapso da membrana nictitante, que muitas vezes apenas pode ser corrigido através de uma intervenção cirúrgica.

Doenças articulares do pug

Os cachorros pug são uma das raças com mais predisposição para padecer de displasia de quadril. Se trata de uma das doenças do desenvolvimento do cachorro em que existe uma malformação da articulação coxofemural, o que faz com que o acetábulo da anca e a cabeça do fêmur não encaixem corretamente. Esta condição origina uma inflamação e dor, provocando artrose. Para prevenir a progressão da artrose, é recomendável que você suplemente o seu cachorro com condroprotetores. A partir dos seis meses, já pose ser diagnosticada a displasia através do auxílio de uma radiografia.

A luxação da patela ou luxação da rótula também é outra das doenças mais comuns do cachorro pug devido a um sulco pouco profundo da tróclea. Uma vez que a rótula se desloca da tróclea, o cachorro sofre de dor e manca.

A reprodução de todos os cachorros com problemas ortopédicos como os mencionados anteriormente deve ser evitada, não apenas para prevenir a transmissão dessas doenças aos descendentes, mas também para evitar que um problema já existente se agrave.

Doenças comuns do pug - Doenças articulares do pug

Doenças de pele do pug

Sendo um cachorro de pelo curto e com muitas pregas, o pug é propenso a sofrer de dermatite, pelo que é muito importante que você mantenha sempre uma correta higiene da pele do seu cachorro. Para além disso, o cachorro também é susceptível de sofrer de tinha, uma doença fúngica muito infecciosa e contagiosa.

Por outro lado, também podem sofrer de alergias ambientais ou alimentares. Por isso, você deve estar sempre atento a qualquer alteração na pele do seu cachorro para acudir ao veterinário o mais rápido possível. Para além disso, você deve seguir um plano de desparasitação para evitar as dermatites de origem parasitárias como a sarna em cachorros, assim como uma possível infestação por pulgas e carrapatos.

Outras doenças que um pug pode ter

Embora todas as patologias anteriores sejam mais comuns nestes cachorros, não constituem os únicos problemas que essa raça pode apresentar. Os pug são cachorros com muito apetite, o que faz com que seja necessário controlar aquilo que eles comem para evitar a obesidade e todas as consequências relacionadas com essa condição. Assim, não é recomendado que você ofereça demasiada comida para o seu pug. Estes cachorros têm um apetite muitas vezes insaciável, podendo se tornar em cachorros obesos em muito pouco tempo, o que provoca uma redução da esperança de vida deles. Se você tem dúvidas sobre se o seu cachorro está obeso, leia o nosso artigo Como saber se o meu cachorro está gordo.

Por outro lado, muitas das fêmeas grávidas precisam de ser submetidas a uma cesariana devido ao pequeno tamanho da sua anca e ao grande tamanho da cabeça dos filhotes. Logo, recomendamos que você reflita bastante antes de expor a cachorra a todo este processo.

Outra doença comum no cachorro pug que é de origem desconhecida é a meningoencefalite necrosante canina. Esta doença afeta diretamente o sistema nervoso do cachorro e também é observada em outras raças. Os sintomas são geralmente do foro neurológico.

Doenças comuns do pug - Outras doenças que um pug pode ter

Este artigo é meramente informativo, no PeritoAnimal.com.br não temos capacidade para receitar tratamentos veterinários nem realizar nenhum tipo de diagnóstico. Sugerimos-lhe que leve o seu animal de estimação ao veterinário no caso de apresentar qualquer tipo de condição ou mal-estar.

Se deseja ler mais artigos parecidos a Doenças comuns do pug, recomendamos-lhe que entre na nossa seção de Prevenção.

Escrever comentário sobre Doenças comuns do pug

Adicione uma imagen
Clique para adicionar uma foto relacionada com o comentário
O que lhe pareceu o artigo?

Doenças comuns do pug
1 de 4
Doenças comuns do pug

Voltar ao topo da página