Partilhar

Cachorro pode comer tomate?

 
Por Eduarda Piamore. 3 julho 2019
Cachorro pode comer tomate?

Ver fichas de  Cachorros

A salada de tomate é um clássico da culinária tradicional brasileira, que pode ser acompanhada por alface, cebola, cenoura e vários outros legumes e verduras. Além de proporcionar um toque fresco aos pratos, o tomate é uma fruta (apesar de poder ser confundido com um legume) que oferece muitos benefícios à saúde, principalmente pelo seu alto conteúdo de antioxidantes naturais.

Porém, quando se trata da nutrição dos pets, o tomate é um alimento que causa muita polêmica. De um lado, estão os que defendem que é seguro e saudável dar tomate para cachorro. Porém, do outro, é possível encontrar quem diga que o tomate é um veneno para os cães, podendo prejudicar gravemente à saúde canina. Mas quem tem a razão? Afinal, cachorro pode comer tomate ou não?

Essas informações aparentemente contraditórias fazem com que muitos tutores se perguntem se cachorro pode comer tomate cru, molho de tomate e outras receitas que contenham esse alimento. Para esclarecer essas dúvidas e oferecer mais informação de qualidade que te ajude a proporcionar uma nutrição saudável para o seu cachorro, nesse novo artigo do PeritoAnimal explicaremos se realmente tomate faz mal para cachorro ou se você pode incorporar esse alimento na dieta do seu cão tomando algumas precauções.

Também lhe pode interessar: Cachorro pode comer amendoim?

Cachorro pode comer tomate?

Como tudo nessa vida, é fundamental não reforçar mitos sobre a alimentação dos cães. Para isso, você deve aprender a reconhecer as informações de qualidade, e não em exageros generalizados. O tomate não fará mal ao seu cachorro desde que você saiba a forma correta de incorporá-lo na dieta do pet.

Tomate faz mal para cachorro?

O tomate maduro e sem sementes não é um veneno para cachorro. Muito pelo contrário, é um alimento altamente nutritivo, que traz vitaminas, minerais, fibras, antioxidantes naturais e uma boa quantidade de água a alimentação. Em consequência, ajuda a fortalecer o sistema imunológico dos cães, prevenindo vários problemas de saúde e mantendo o organismo do cachorro bem hidratado.

Porém, o tomate verde possui um composto químico chamado glicoalcaloide que é tóxico para os cães. Por isso, se você já se perguntou se cachorro pode comer tomate verde ou que não está completamente maduro, a resposta é não, pois, poderá apresentar problemas digestivos, como diarreia, gases e vômitos. Em casos mais graves, quando o cachorro ingere uma grande quantidade de tomate verde, poderão surgir sintomas de intoxicação.

O mesmo composto está presente também na maioria das partes verdes da planta que dá o tomate como fruta (Lycopersicon spp), como nas folhas e nos caules. Por isso, seu cão nunca deverá comer tomate verde ou as partes verdes da planta do tomate. Então, se você planta tomate no jardim ou em uma horta na sua casa, lembre-se de limitar o acesso do seu cachorro nesse espaço.

Tomate para cachorro: benefícios

Os tomates maduros contêm antioxidantes naturais, como a vitamina C e os lipo carotenos, que combatem a ação dos radicais livres no organismo do cachorro e os danos celulares que dela derivam. Esse efeito antioxidante é especialmente benéfico para os cachorros idosos, já que colaboram com a prevenção dos sintomas de velhice e ajudam a manter um metabolismo estável.

Também possuem vitaminas A e do complexo B, que ajudam a fortalecer o sistema imunológico e a prevenir a maioria das doenças comuns nos cachorros. A vitamina A (e principalmente os betacarotenos) são grandes aliados de uma boa visão e da saúde da pele dos cachorros, ajudando a prevenir problemas dermatológicos, como as dermatites caninas.

Além disso, o tomate maduro traz fibras à alimentação do cachorro, tendo um impacto positivo no processo digestivo ao favorecer o trânsito intestinal e evitar a prisão de ventre nos cães.

Por último, o tomate também oferece um bom contributo de água, colaborando na prevenção de quadros de desidratação que podem favorecer o desenvolvimento de afecções do trato urinário, como as infecções urinárias. Além disso, o consumo de alimentos ricos em líquidos possui um efeito diurético e depurativo no organismo dos cachorros, ajudando a eliminar toxinas e manter uma excelente atividade renal.

Pode dar tomate para cachorro?

Sim! Mas lembre-se de sempre oferecer o tomate maduro e sem sementes para o seu cachorro, nunca o tomate verde ou partes da planta do tomate. Seu cachorro pode comer tomate cereja, redondo e até outras variedades, desde que estejam completamente maduros. Além disso, lave bem as frutas e legumes antes de oferecê-las ao sue pet, para eliminar impurezas e micro organismos que podem se aderir a pele ou casca desses alimentos.

Lembre-se também que, embora as frutas e os legumes tenham vários nutrientes essenciais, não podem ser a base da dieta do seu cachorro. Os cães precisam consumir uma boa dose de proteínas e ácidos graxos (as chamadas “gorduras boas”) para fortalecer a musculatura e manter um metabolismo ativo. E, mesmo tendo se tornado onívoros, as carnes continuam sendo as fontes de proteínas com melhor digeribilidade e maior aproveitamento nutricional para os cachorros.

Por isso, não é recomendável oferecer uma dieta vegetariana ou vegana para seu animal, que se baseie somente em verduras, legumes, frutas e proteínas de origem vegetal, pois isso poderia provocar sérios déficits nutricionais e acabar levando a um quadro de anemia nos cães.

Cachorro pode comer molho de tomate?

Depende! Seu cachorro poderá comer um molho de tomate natural e caseiro, que é preparado sem adição de sal, conservantes e temperos que podem prejudicar à saúde. Porém, você não deve dar molho de tomate industrializado ou sintético ao seu melhor amigo, já que esses produtos contêm conservantes e aditivos artificiais que podem causar problemas digestivos.

Uma boa ideia para preparar um prato nutritivo para agradar o seu melhor amigo é fazer um molho de tomate caseiro com carne ou frango e servi-lo com macarrão ou arroz integral. Desta forma, são somadas as vitaminas e fibras do tomate com as proteínas das carnes e os carboidratos do macarrão.

Além disso, você pode usar pedaços de tomate maduro cru como reforço positivo na educação de seu cachorrinho. Cada vez que seu cachorro realizar uma conduta positiva ou reproduzir um comando de obediência canina, você pode oferecer um pedaço de tomate maduro sem sementes para premiá-lo e incentivar que tenha vontade de continuar aprendendo.

Confira nosso vídeo no YouTube sobre 8 frutas que cachorro pode comer, os benefícios e doses:

Se deseja ler mais artigos parecidos a Cachorro pode comer tomate?, recomendamos-lhe que entre na nossa seção de Dietas equilibradas.

Vídeos de Cachorro pode comer tomate?

1 de 3
Vídeos de Cachorro pode comer tomate?

Escrever comentário sobre Cachorro pode comer tomate?

Adicione uma imagen
Clique para adicionar uma foto relacionada com o comentário
O que lhe pareceu o artigo?

Cachorro pode comer tomate?
Cachorro pode comer tomate?

Voltar ao topo da página