menu
Partilhar

As 10 raças de cachorros mais saudáveis

 
Por Eduarda Piamore. 31 maio 2021
As 10 raças de cachorros mais saudáveis

Ver fichas de  Cachorros

Todos nós gostaríamos que nossos cachorros nunca ficassem doentes ou que tivessem que partir. No entanto, a lei da natureza determina que o ciclo da vida deve ser cumprido em todas as espécies. Para adotar um melhor amigo que o acompanhará por muitos anos, sugerimos que você conheça as raças de cachorros mais saudáveis do mundo. A seguir preparamos uma lista com os cachorros que apresentam uma boa expectativa de vida e uma baixa predisposição genética para desenvolver as principais patologias caninas.

Devemos destacar que não existe uma raça que não adoeça. Todos os cachorros precisam viver em um ambiente positivo e receber uma adequada medicina preventiva para permanecer saudáveis. Mas neste novo artigo do PeritoAnimal, apresentamos as raças de cachorros que combinam uma longevidade privilegiada, uma grande resistência física e mental, bem como poucos problemas de saúde. Descubra as 10 raças de cachorros mais saudáveis!

Também lhe pode interessar: As 10 raças de cachorros mais carinhosas

1. Shiba inu

O shiba inu é um exemplar do grupo dos spitz que está entre as raças de cachorros mais antigas do mundo. Tradicionalmente, é considerado de origem japonesa, embora algumas hipóteses apontem que poderiam ser originários da China ou Coreia. Os cães desta raça exibem um corpo compacto, robusto e muito resistente, com pelagem curta, mas abundante. Os shiba inu podem ser descritos como cachorros pequenos, robustos e saudáveis, capazes de resistir aos desafios da vida na natureza.

Para mencionar as doenças mais comuns do shiba inu, devemos destacar a displasia do quadril e o hipotireoidismo. As associações cinófilas não chegaram a uma concordância sobre a longevidade dos shiba inu. Enquanto alguns especialistas apontam uma esperança de vida de 15 anos, outros afirmam que esses cachorros podem viver até 18 anos. Devemos lembrar, nesta oportunidade, o peludo de nome Pusuke, um cachorro mestiço japonês, cruza de shiba-inu, que alcançou os 26 anos e 9 meses de vida, estando entre os caninos mais longevos conhecidos.

As 10 raças de cachorros mais saudáveis - 1. Shiba inu

2. Boiadeiro australiano

Também conhecido como australian cattle dog, o boiadeiro australiano é um cachorro de porte médio, forte, com musculatura bem desenvolvida e grande agilidade. Admite 2 variedades de pelagem: o red heeler (pelagem em tons avermelhados) e o blue heeler (pelagem em tons azulados).

Estes cães compartilham muitos aspectos de sua personalidade com os famosos border collie. São extremamente enérgicos, corajosos e muito inteligentes. Precisam receber a estimulação física e mental adequada para se manterem saudáveis e felizes. Quando submetidos ao sedentarismo, podem se mostrar constantemente inquietos e desenvolver sintomas associados ao estresse e ao tédio.

O cachorro mais velho que conhecemos pertencia a essa raça. O peludo australiano chamado Bluey se tornou uma verdadeira lenda depois de alcançar os 29 anos de vida. No entanto, devemos esclarecer que a expectativa de vida média do boiadeiro australiano é de 10 a 14 anos. Uma certa predisposição genética para sofrer de displasia de quadril são registradas, e também foram relatados diagnósticos de atrofia progressiva da retina e surdez (geralmente associada ao envelhecimento) nessa raça.

As 10 raças de cachorros mais saudáveis - 2. Boiadeiro australiano

3. Basenji

O basenji é único por muitos motivos. São considerados os cachorros mais antigos do mundo, o que costuma estar associado à sua notável resistência e força física. Lembremos que, nos tempos antigos, apenas os animais mais fortes e melhor adaptados às adversidades do seu ambiente conseguiam sobreviver.

Estima-se que este cachorro seja originário da África, onde teria sido utilizado na caça e rastreamento de presas terrestres. Conquistou certa fama internacional como "os cachorros que nunca latem", liderando o ranking das raças que latem pouco. Na verdade, estes cachorros emitem um peculiar som que se assemelha bastante a uma risada e não ao tradicional latido canino.

A expectativa de vida de um basenji fica entre 12 e 14 anos. Com uma alimentação equilibrada, exercícios físicos e uma adequada medicina preventiva, estes cães dificilmente adoecem. São muito higiênicos, soltam poucos pelos e se limpam com muita frequência. Entre as doenças frequentes desta raça, encontramos os problemas renais (principalmente a chamada Síndrome de Falconi), e a atrofia progressiva da retina.

As 10 raças de cachorros mais saudáveis - 3. Basenji

4. Border collie

Não temos dúvidas que o border collie é uma raça muito especial. Estes cachorros lideram o ranking dos cachorros mais inteligentes do mundo de acordo com a lista elaborada por Stanley Coren. São cachorros ativos, fiéis, com grande capacidade de aprendizagem e notável agilidade, que necessitam ser devidamente estimulados tanto física como mentalmente. Portanto, requerem um tutor dedicado e bem disposto, com boa disposição de tempo e espaço.

Demonstram uma longevidade privilegiada, com uma expectativa de vida média de 14 a 17 anos. Mas, como todos os cães, precisam receber uma adequada medicina preventiva para desfrutar de uma vida saudável e feliz. Os border collie revelam certa suscetibilidade para desenvolver displasia do quadril, epilepsia e anomalia do olho collie.

As 10 raças de cachorros mais saudáveis - 4. Border collie

5. Husky siberiano

O husky siberiano não se destaca exatamente por sua expectativa de vida (entre 10 e 13 anos), mas por sua excelente saúde e ótima resistência física. Comparado aos cachorros do seu tamanho e robustez, os "huskies" apresentam uma predisposição realmente baixa à maioria das doenças degenerativas.

Entre as poucas patologias frequentes nesta raça, podemos mencionar os problemas oftalmológicos, como catarata, atrofia progressiva da retina e distrofia de córnea. E alguns espécimes podem ser suscetíveis a diagnósticos de displasia do quadril e câncer em sua velhice.

As 10 raças de cachorros mais saudáveis - 5. Husky siberiano

6. Pastor belga malinois

O pastor belga malinois apresenta uma grande vantagem em comparação com a maioria dos cachorros pastores. Suas habilidades cognitivas foram historicamente mais valorizadas que suas qualidades físicas ou sua aparência. Por isso, apresenta uma predisposição realmente muito baixa a todo tipo de doença hereditária ou degenerativa. As únicas doenças com incidência moderada nessa raça são: displasia do quadril, atrofia progressiva da retina e distrofia da córnea.

No entanto, devemos ter em mente que esses peludos necessitarão de um alto nível de atividade física para permanecer sadios, fortes e saudáveis. Além disso, o adestramento e a socialização precoce serão essenciais.

As 10 raças de cachorros mais saudáveis - 6. Pastor belga malinois

7. Foxhound inglês

O foxhound inglês mostra muitas semelhanças físicas com o beagle. No entanto, são maiores e mais pesados que seus "compatriotas": um foxhound macho adulto pode atingir 60 cm de altura, com um peso corporal de 30 a 35kg. Sua pelagem é curta, dura e geralmente tricolor (branco, marrom e preto), embora também existam variedades bicolores (branco e marrom; branco e preto).

Estes cachorros são fortes, corpulentos, apresentam uma admirável resistência física e uma personalidade bem marcada. Sua expectativa de vida é calculada entre 10 e 14 anos, variando de acordo com o estilo de vida de cada um. Atualmente, não são registradas doenças hereditárias de grande incidência nessa raça. No entanto, alguns espécimes podem ser afetados por leucodistrofia, uma rara desordem genética que afeta as células nervosas e as glândulas adrenais.

As 10 raças de cachorros mais saudáveis - 7. Foxhound inglês

8. Affenpinscher

Esta raça originária da Alemanha não é muito popular fora do seu país natal, onde seu nome significa "cachorro macaco". No entanto, o affenpinscher é um excelente cachorro de companhia, que se mostra muito carinhoso e protetor em seu núcleo familiar. São cachorros de pequeno porte, com altura à cernelha de 24 a 28 cm, com peso corporal de 3 a 6 kg.

Sua aparência adorável, que remete claramente à família dos Terrier, e comportamento ativo e divertido, são realmente encantadores. Mas o que realmente impressiona nesses pequenos peludos é sua impressionante boa saúde. O affenpinscher não apresenta grande predisposição a nenhuma doença, embora alguns espécimes possam desenvolver displasia do quadril e catarata na terceira idade. Sua expectativa de vida costuma variar de 12 a 15 anos, de acordo com o estilo de vida de cada animal.

As 10 raças de cachorros mais saudáveis - 8. Affenpinscher

9. Bichon frisé

O bichon frisé pode parecer um cachorro de pelúcia, mas trata-se de uma raça resistente e muito saudável. Apresenta uma tendência moderada a desenvolver sobrepeso, luxação da patela (geralmente devido a atividade física excessiva) e catarata em idades avançadas. É claro, devemos ressaltar que essas patologias podem ser prevenidas facilmente com hábitos saudáveis, como uma alimentação equilibrada e a prática de exercícios regulares, mas moderados. Sua expectativa de vida fica entre 12 e 14 anos.

No entanto, essa raça requer muitos cuidados com sua belíssima pelagem para evitar a formação de nós, eliminar as impurezas e os pelos mortos. Além disso, precisam receber uma adequada medicina preventiva para permanecer saudáveis e desfrutar de uma longevidade privilegiada.

As 10 raças de cachorros mais saudáveis - 9. Bichon frisé

10. Spitz finlandês

O spitz finlandês é outra raça que não registra uma grande predisposição a desenvolver qualquer doença degenerativa. Alguns espécimes dessa raça foram diagnosticados com diabetes, mas devemos considerar que se trata de uma doença fácil de prevenir e controlar. Em raras oportunidades, foram diagnosticados com displasia do quadril e Síndrome de Shaker.

As 10 raças de cachorros mais saudáveis - 10. Spitz finlandês

Por que alguns cachorros são mais saudáveis que outros?

Você já se perguntou por que alguns cachorros são mais saudáveis que outros? Poderíamos passar horas explicando a história dos cachorros, mas resumiremos essa questão para que você compreenda facilmente. Nos séculos de domesticação, os cachorros foram submetidos a numerosos cruzamentos para ressaltar (ou exagerar) certas características físicas ou comportamentos instintivos.

Os padrões estéticos das raças, como os conhecemos hoje, são o resultado desses séculos de seleção genética e cruzamentos. Como consequência, muitas raças sofreram um notável aumento de sua predisposição genética a desenvolver uma série de doenças hereditárias.

No entanto, devemos lembrar que a longevidade e bom estado de saúde de todos os animais de estimação dependem principalmente da medicina preventiva, dos cuidados, da educação e do ambiente que lhes proporcionamos. Portanto, mesmo que seu peludo não apareça entre as raças de cachorros mais saudáveis e longevas, lembre-se que sua qualidade de vida depende principalmente de sua dedicação. Da mesma forma, se seu animal de estimação está entre os cachorros com mais problemas de saúde, lembre-se que a evolução da medicina veterinária permite prevenir o aparecimento de muitos sintomas negativos e melhorar sua expectativa de vida.

Para conservar a boa saúde do seu melhor amigo e permitir que ele desfrute de uma longevidade privilegiada, não se esqueça de realizar visitas ao veterinário a cada 6 meses, respeitar seu calendário de vacinação e desparasitação periódica desde suas primeiras semanas de vida. Além de oferecer uma alimentação equilibrada, exercícios físicos regulares e hábitos de higiene reforçados que permitam melhorar sua resistência física e mental. E para estimular sua capacidade cognitiva, emocional e social, invista em sua socialização precoce e em seu adequado adestramento.

É verdade que os cachorros vira-latas são mais saudáveis?

Os cachorros sem raça definida (SRD) não foram submetidos aos intensos cruzamentos seletivos que mencionamos anteriormente. Sua grande diversidade genética permite evitar a predisposição a sofrer a grande maioria das doenças hereditárias que afeta severamente muitas raças caninas. Portanto, os cachorros vira-latas tendem a viver mais ou adoecer com menos frequência que os cães de raça.

No entanto, devemos ter muito cuidado para não alimentar falsos mitos quando falamos sobre o bom estado de saúde dos cachorros vira-latas. Estes cães precisam receber os mesmos cuidados preventivos que qualquer cachorro de raça. Também devem contar com o afeto de seus tutores e um ambiente positivo para se desenvolver corretamente e permanecer fortes, saudáveis e felizes. Portanto, lembre-se que a longevidade do seu peludo vira-lata também depende do seu compromisso com o bem-estar dele.

E falando em cachorro sem raça definida, não perca a ficha completa do vira-lata caramelo, um dos cachorros mais populares do Brasil.

As 10 raças de cachorros mais saudáveis - É verdade que os cachorros vira-latas são mais saudáveis?

Se deseja ler mais artigos parecidos a As 10 raças de cachorros mais saudáveis, recomendamos-lhe que entre na nossa seção de Os mais....

Bibliografia
  • PETMD. 10 healthiest dog breeds. Disponível em: <https://www.petmd.com/dog/slideshows/breeds/10-healthiest-dog-breeds#slide-1>. Acesso em 31 de maio de 2021.
  • PDSA. Healthier pedigree pets. Disponível em: <https://www.pdsa.org.uk/taking-care-of-your-pet/looking-after-your-pet/all-pets/how-to-choose-a-healthier-pedigree-pet>. Acesso em 31 de maio de 2021.

Escrever comentário

Adicione uma imagen
Clique para adicionar uma foto relacionada com o comentário
O que lhe pareceu o artigo?

As 10 raças de cachorros mais saudáveis
1 de 12
As 10 raças de cachorros mais saudáveis

Voltar ao topo da página