Partilhar

Husky Siberiano

Atualizado: 11 outubro 2017
Husky Siberiano

Se está pensando em adotar um Husky Siberiano adulto ou filhote entrou no sítio certo, pois no PeritoAnimal vamos lhe explicar tudo sobre o Husky Siberiano incluindo curiosidades sobre o seu caráter, comportamento, relação social com outros animais e cuidados específicos. Em resumo, tudo o que precisa saber sobre este maravilhoso cão.

Antes de começar, deve saber que o Husky Siberiano nasceu graças à tribo "Chukchi" originária de Chukotka, Rússia. A tribo, que ainda habita em ambientes frios e despovoados, utilizava o Husky Siberiano como cachorro de companhia, pastor de veados, para puxar os trenós e inclusive para manter as crianças quentes nas noites gélidas. Posteriormente utilizou-se com propósitos idênticos no Alaska, EEUU.

Atualmente o Husky Siberiano é um excelente cão de companhia bastante popular pela sua cara bonita, corpo resistente e aparência idêntica à de um lobo. Continue lendo e descubra tudo sobre o Husky!

Origem
  • Ásia
  • Europa
  • Rússia
Classificação FCI
  • Grupo V
Características físicas
Altura
  • 15-35
  • 35-45
  • 45-55
  • 55-70
  • 70-80
  • Mais de 80
Peso adulto
  • 1-3
  • 3-10
  • 10-25
  • 25-45
  • 45-100
Esperança de vida
  • 8-10
  • 10-12
  • 12-14
  • 15-20
Atividade física recomendada
  • Baixa
  • Média
  • Alta
Recomendações
  • Arnês
Clima recomendado
Tipo de pelo

Aparência física

Os Huskys são cachorros fortes e musculados de tamanho grande, que se adaptam a diferentes climas modificando o seu próprio pelo dependendo do ambiente onde se encontram. É por esse motivo que deve saber que a troca de pelo do Husky Siberiano ocorre nos meses da primavera e outono. Será durante este período que devemos intensificar a escovação. O comprimento do seu pelo é médio.

O Husky Siberiano faz-nos lembrar claramente um lobo. Têm uma cara branca, marcada por uma coroa vermelha, marrom, loira, cinza ou preta. Dependendo do exemplo poderá ter uma ou outra cor. Em cima conta com duas orelhas pontiagudas e em forma triangular. Alguns exemplos podem ser completamente brancos.

Quanto aos olhos, costumam ser marrom avelã ou azul céu embora a espécie apresente por vezes heterocromia, a mutação que lhes oferece um olho de cada cor. No final do lombo encontramos uma cauda grossa que se enrola por cima da coluna e cai até abaixo quando se encontra relaxado.

Personalidade do Husky Siberiano

O Husky Siberiano não é apenas um dos cachorros mais populares pela sua aparência física, é a personalidade dele que torna esta raça de cachorro especial. No geral, tratam-se de cachorros carinhosos, brincalhões e afáveis que gostam de estar no meio do núcleo familiar. Por vezes pode se mostrar um pouco distante com os desconhecidos, algo muito diferente do tratamento que pode ter conosco, pessoas da sua confiança.

A história do Husky está ligada com a rotina diária de mulheres e crianças, por esse motivo, não se deve preocupar se o seu Husky e seu filho passarem várias horas brincando, desde que ambos sejam bem educados. Os pequenas da casa devem aprender a brincar com o cachorro tranquilamente, enquanto que o cachorro deve saber que limites tem que respeitar. Se não tem a certeza que a brincadeira pode correr bem (seja por culpa de um ou outro) esteja sempre presente e evite que possa acontecer uma situação não desejada.

É uma raça que gosta da companhia de outros cachorros tanto em casa como fora dela. Por esse motivo e para evitar problemas de comportamento em um futuro devemos socializar o nosso cachorro Husky. A socialização de um cachorro permite que seja capaz de comunicar com outros pets, pessoas e objetos sem medo nem agressividade. É muito importante dedicarmos tempo a desenvolver o conhecimento do exterior uma vez que nos fará desfrutar um cachorro social, sem medos e feliz.

Saúde

O Husky é um cachorro que costuma ter uma saúde excelente. Alguns problemas desta raça derivam dos exemplares que têm os olhos claros e que podem desenvolver cataratas, distrofia de córnea ou atrofia progressiva de retina. Além disso, pode aparecer câncer em exemplares de idade avançada. A displasia de cotovelo ou quadril são pouco comuns.

Cuidados do Husky

O Husky é um cachorro que no geral precisa de uma dose alta de exercício diário. Isso dependerá de cada exemplar em concreto, por isso não podemos determinar com exatidão quantas vezes deve passear o seu cachorro, isso dependerá de alguns fatores em concreto. O que devemos ter claro é que vai precisar de fazer passeios compridos e inclusive exercício se o observarmos um pouco nervoso. Descubra no PeritoAnimal exercícios para cachorros adultos.

Como qualquer outro cachorro, deve ter à sua disposição elementos básicos como uma cama, recipiente para a comida e bebida, brinquedos, mordedores ou prêmios. Tudo o que for preciso para que seja mais um membro da família.

A alimentação do Husky deve ser sempre de alta qualidade (como a de qualquer outro cachorro). Deve conferir a quantidade recomendável na embalagem consoante o seu peso e atividade diária. Um excesso poderia causar sobrepeso para o nosso adorado pet. Especialmente na época da muda de pelo ou quando notar que está mais fraco, deverá consultar o veterinário para saber se é indicado administrar-lhe vitaminas que o ajudem a melhorar a sua aparência. Oferecer ovo cozido ou umas gotas de azeite uma vez por semana irão ter impacto no seu pelo, deixando bonito e sedoso.

Deverá evitar as longas exposições ao sol no verão e deverá ter sempre à sua disposição um recipiente com água limpa.

Ao ter um tamanho de pelo médio e duas camadas de pelo diferentes, devemos ter em conta os cuidados do pelo do Husky Siberiano. Entre esses cuidados destacamos a importância de o escovar diariamente, prestar atenção durante a muda ou dar-lhe banho uma vez por mês ou a cada mês e meio (para não eliminar a camada de proteção natural da sua pele).

Husky siberiano filhote - Adestramento e educação

Muitas pessoas acreditam que educar ou adestrar um cachorro consiste em ensinar-lhe truques divertidos, a verdade é que vai muito além disso. Devemos educar o nosso Husky em ordens de adestramento que sejam verdadeiramente úteis para a sua segurança como ensinar-lhe a estar quieto ou ensiná-lo a vir aqui. No PeritoAnimal encontrará os comandos básicos que deve ensinar ao seu cachorro.

O Husky é uma raça dócil no adestramento embora dependa de cada exemplar em concreto. Nem todos os Husky são igualmente curiosos, cada um tem a sua própria personalidade. Ao estarem situados no número 45 da classificação de Stanley Coren devemos saber que vamos precisar de uns 10-15 minutos de estimulação mental diários para que se lembre de forma positiva e correta de todas as ordens que conhece. O Husky responde muito bem ao reforço positivo, com o qual conseguiremos muito bons resultados.

Atualmente o Husky é considerado um cachorro de companhia. No entanto, ainda são utilizados para determinados esportes devido à sua resistência e excelente forma física. Destacamos os exercícios como o Mushing ou o Skijoring.

Husky siberiano para dar

Se você está buscando um cachorro especificamente desta raça, saiba que de fato existem huskys siberianos para dar. Infelizmente, não são só cachorros vira-lata que são abandonados. Também cachorros de raças famosas como estas são abandonados todos os dias por tutores que foram atraídos pela beleza e características únicas desta raças mas que não refletiram antes sobre as condições e cuidados necessários da raça. Por isso, procure no centros de adoção de sua zona, quem sabe se não tem um husky siberiano lindo esperando uma nova casa!

Se procura comprar um husky siberiano, certifique que procura um bom criador certificado! Infelizmente, existem muitos criadores mais "baratos" mas que não sabem o que estão fazendo, selecionando doenças genéticas e por vezes têm os animais em terríveis condições. Procure um bom criador, que tenha todo o gosto em lhe mostrar os progenitores e as condições em que são criadas as ninhadas.

Curiosidades

  • Chegaram ao Alaska em 1905 e começaram a participar no All-Alaska Sweepstakes de 657 km.
  • Os chukchi a tribo que lhes deu vida, costumava matar as fêmeas que não mostrassem uma grande vitalidade e apenas viviam para a reprodução. Alguns machos, se não fossem aptos corriam o mesmo risco, pois eram muito rigorosas nas linhas de descendência. Os escolhidos, pelo contrário, eram trados de forma excepcional.
  • Em 1925 e a -30ºC um Husky chamado Balto junto aos seus companheiros, levou durante 5 dias um carregamento de soro para salvar uma multidão de uma epidemia de difteria.
  • É uma das raças de cachorros mais antigas do mundo.
  • Em algumas regiões o Husky Siberiano pode ser considerado como potencialmente perigoso, por isso deve se informar corretamente se tem um como pet, pois pode ser necessário ter um seguro de responsabilidade civil e ser necessário usar uma focinheira em espaços públicos.

Fotos de Husky Siberiano

Artigos relacionados

Suba a sua foto de Husky Siberiano

Suba a foto do seu Pet

Escrever comentário sobre Husky Siberiano

Adicione uma imagen
Clique para adicionar uma foto relacionada com o comentário
Como avalia esta raça?

Husky Siberiano
1 de 17
Husky Siberiano

Voltar ao topo da página