menu
Partilhar

Diferenças entre border collie macho e fêmea

 
Por Eduarda Piamore, Técnica em psicologia, educação e adestramento canino e felino. 2 fevereiro 2024
Diferenças entre border collie macho e fêmea

Ficha do animal: Border Collie

Você provavelmente já viu um border collie realizar movimentos e truques incríveis em algum vídeo da Internet ou programa de televisão. Estes cães de médio porte ganharam fama internacional devido à sua extraordinária capacidade de aprendizagem e caráter extremamente enérgico, além de notável beleza. Todas essas qualidades despertam o interesse dos amantes de cães, mas muitos se perguntam se existem diferenças entre border collies machos e fêmeas e o que devem levar em consideração antes de optar por um sexo ou outro.

Se você estiver interessado em saber mais sobre esta bela raça canina originária do Reino Unido, junte-se a nós neste artigo do PeritoAnimal onde explicamos as principais diferenças entre cães border collie machos e fêmeas.

Tamanho do border collie macho e fêmea

Uma das diferenças mais óbvias entre border collies machos e fêmeas está na constituição física de cada sexo. Border collies fêmeas são geralmente um pouco menores em tamanho e altura que os machos, embora seu corpo seja sempre bem proporcionado.

Em números, vemos isso da seguinte forma:

  • Border collie macho: De acordo com o padrão da raça publicado pela FCI, a altura média na cernelha de um border collie macho é de 53 centímetros.
  • Border collie fêmea: por outro lado, dificilmente ultrapassam os 50 centímetros de altura na idade adulta.

Por sua vez, o peso corporal deve estar entre 13 kg e 20 kg em indivíduos adultos, tanto homens quanto mulheres, sem excesso de peso. Em ambos os sexos veremos um corpo ligeiramente alongado (ou seja, o comprimento total do corpo ultrapassa ligeiramente a altura na cernelha) e com aparência atlética.

A variedade de cores do border collie não depende do sexo, mas sim da composição genética de cada indivíduo. Por este motivo, um border collie macho ou fêmea poderá apresentar em sua pelagem uma ampla gama de combinações entre diferentes tons de preto, cinza, castanho, vermelho, entre outros, sempre sobre a pelagem branca.

Diferenças entre border collie macho e fêmea - Tamanho do border collie macho e fêmea

Personalidade do border collie macho e fêmea

Hoje sabemos que a personalidade e o comportamento de um cão dependem menos de fatores genéticos, como raça e linhagem, do que de aspectos relacionados à sua criação, como o ambiente onde vive e a educação que recebe, principalmente nos primeiros meses de vida.

Na verdade, estudos mais recentes sugerem que menos de 10% das variações comportamentais observadas em cães podem ser atribuídas à genética. Portanto, as principais diferenças entre border collies machos e fêmeas, em termos comportamentais, decorrem das diferenças na criação de cada indivíduo, e não do fato de possuírem sexos diferentes.

Temperamento Geral do Border Collie

Em termos gerais, um border collie destaca-se pela sua grande inteligência e predisposição para o adestramento. Em seu famoso livro “A inteligência dos cães” (“A inteligência dos cães” em português), Stanley Coren colocou o border collie no topo do ranking das raças de cães mais inteligentes. Após realizar diversos testes de trabalho e obediência, o professor especialista em neuropsicologia confirmou que indivíduos desta raça são capazes de aprender um novo comando com apenas cinco repetições.

Esta incrível capacidade de aprendizagem vem acompanhada de uma energia quase inesgotável e de um instinto de pastoreio muito acentuado. Portanto, os tutores de um border collie macho ou fêmea não devem descuidar a sua estimulação física e mental, sendo altamente recomendável iniciar estes cães na prática de algum esporte canino, como o Agility, investir no seu enriquecimento ambiental e iniciar o seu treino em tenra idade. No PeritoAnimal ensinamos "Como estimular a inteligência do cachorro".

Além disso, será fundamental socializar o seu cachorro border collie desde as primeiras semanas de vida para promover o reconhecimento de “espécies amigáveis” e prevenir problemas comportamentais ou incidentes relacionados com o “hábito de pastoreio”. Da mesma forma, se você não teve a oportunidade de socializar seu cão no momento mais oportuno, ou se decidiu adotar um border collie adulto, aqui estão algumas dicas de "Como socializar um cachorro adulto”.

Diferenças entre border collie macho e fêmea - Personalidade do border collie macho e fêmea

Outras diferenças entre border collie macho e fêmea

Outra diferença importante entre o border collie macho e a fêmea está relacionada aos ciclos reprodutivos, que popularmente conhecemos como “cio” e que terá início quando o cão atingir a maturidade sexual. Por ser um cão de porte médio, podemos estimar que um border collie atingirá a maturidade sexual entre os 7 e os 12 meses de idade.

Porém, a idade exata do primeiro cio pode variar dependendo das características de cada indivíduo e os machos podem demorar um pouco mais que as fêmeas para se tornarem sexualmente ativos. Vamos ver as diferenças:

  • Machos: Os cães machos estarão dispostos a acasalar durante todo o ano e quase toda a vida.
  • Fêmeas: por sua vez, o cio nas cadelas é dividido em quatro fases (proestro, estro, diestro e anestro), e é somente durante o estro que as fêmeas são férteis e receptivas aos machos. Normalmente, uma cadela tem dois cios por ano, com duração de 15 a 21 dias, enquanto o estro geralmente dura no máximo 6 a 9 dias.

Também existem diferenças nos sintomas do cio em cães machos e fêmeas. Embora ambos os sexos tendam a apresentar um comportamento mais inquieto, marcado pela intensificação de comportamentos sexuais como marcação, montaria e escapismo, apenas as cadelas apresentarão o típico sangramento vaginal, acompanhado de enriquecimento e inflamação da vulva.

Se quiser se aprofundar neste tema, convidamos você a ler nosso artigo “Cachorro no cio: sintomas e duração”.

Diferenças entre border collie macho e fêmea - Outras diferenças entre border collie macho e fêmea

Qual escolher, border collie macho ou fêmea?

Não há uma resposta predefinida para esta pergunta. A escolha de um sexo ou de outro dependerá da sua personalidade, do seu estilo de vida e das suas preferências. Conhecer as diferenças entre border collie macho e fêmea pode orientar uma decisão mais consciente, mas o mais importante é que você conheça os cuidados essenciais com o border collie para avaliar se terá tempo, condição financeira e paciência necessária para dar ao seu melhor amigo uma ótima qualidade de vida.

  • Gravidez de fêmeas: obviamente, as fêmeas precisarão de alguns cuidados “extras” tanto nos períodos de cio, quanto durante a gestação. Lembremos que não passa de um mito acreditar que os cães precisam engravidar pelo menos uma vez na vida para se desenvolverem “plenamente”.
  • Castração ou esterilização: existem inúmeras evidências de que a castração precoce é extremamente eficiente na prevenção de doenças no aparelho reprodutor de machos e fêmeas, bem como de problemas que comumente surgem a partir da manifestação de comportamentos sexuais. Por exemplo, que cães ou cadelas no cio querem fugir de casa para acasalar, que marcam com urina por toda a casa ou que querem montar seus tutores, bichinhos de pelúcia ou outros recursos “estranhos”.

Muitos dizem que as fêmeas são mais afetuosas que os machos, mas a realidade é que o nível de carinho e afeto que seu cão demonstra por você dependerá da qualidade do vínculo que você pretende cultivar com ele.

Lembre-se que conquistar a confiança de um cachorro exige dedicação e muita consciência na hora de escolher os métodos que você aplica para educá-lo, já que as punições e o uso abusivo de broncas só contribuem para que seu amigo peludo tenha medo de você e se sinta muito estressado. Portanto, recomendamos que você opte pelo reforço positivo para recompensar seu amigo peludo pelo bom comportamento e motivá-lo a continuar aprendendo constantemente.

Por outro lado, tenha em mente que um border collie macho ou fêmea não será um “cachorrinho de colo”, mesmo que seja capaz de dedicar extrema lealdade aos seus tutores, nem se adaptará a um estilo de vida sedentário. Um estilo de vida sedentário, assim como a baixa estimulação mental e a falta de socialização, podem transformar um border collie em um cão destruidor, ansioso, hiperativo e latindo inveterado.

Para prevenir estes problemas, além de exercitar, treinar e socializar o seu border collie, recomendamos apresentá-lo regularmente a jogos de inteligência e enriquecer a sua rotina e ambiente com os melhores brinquedos para cães border collie.

Por último, mas não menos importante, se você ama esta raça de cachorro, convidamos você a continuar descobrindo “Tudo sobre Border Collie”.

Se deseja ler mais artigos parecidos a Diferenças entre border collie macho e fêmea, recomendamos-lhe que entre na nossa seção de Comparações.

Bibliografia
  • Estándar FCI Nº297. Border Collie. Disponible para consulta en: https://www.fci.be/es/nomenclature/BORDER-COLLIE-297.html
  • Kathleen Morrill et al. (2022). Ancestry-inclusive dog genomics challenges popular breed stereotypes. Disponible para consulta en: https://www.science.org/doi/10.1126/science.abk0639
  • Coren, S. (2006). The Intelligence of Dogs: A Guide to the Thoughts, Emotions, and Inner Lives of Our Canine Companions.
  • The Kennel Club – Breed Standards: Border Collie. Disponible para consulta en: https://www.thekennelclub.org.uk/breed-standards/pastoral/border-collie/

Escrever comentário

Adicione uma imagen
Clique para adicionar uma foto relacionada com o comentário
O que lhe pareceu o artigo?
Diferenças entre border collie macho e fêmea
1 de 4
Diferenças entre border collie macho e fêmea

Voltar ao topo da página