Partilhar

Porque os peixes de aquário morrem?

Por Vanessa Lopes, Redatora do PeritoAnimal. Atualizado: 11 agosto 2017
Porque os peixes de aquário morrem?

Se gosta de peixes de certeza que tem um aquário e se for assim, o mais provável é que já tenha passado por um mau momento ao ver morrer algum dos seus animais de estimação. Mas não se preocupe mais, porque no PeritoAnimal vamos ajudá-lo a entender porque os peixes de aquário morrem e o que deve fazer para reduzir ao máximo as chances disto voltar a acontecer.

Um aquário saudável, colorido e cheio de vida é tudo o que precisa em sua casa para relaxar e sentir alguma paz de vez em quando, por isso o melhor que pode fazer para agradecer aos seus pets por este benefício é cuidar deles como é devido. Cuidar bem dos seus peixes envolve muito mais que vigiar a sua alimentação, um ambiente limpo, o controle da água, temperatura, entradas de luz e outros aspetos básicos para a correta manutenção de um aquário.

Se quer saber em detalhe quais são as principais causas da morte dos peixes em aquários e o que deve fazer para melhorar a qualidade de vida dos seus nadadores preferidos, continue lendo e descubra porque os peixes de aquário morrem rápido.

Também lhe pode interessar: Doenças mais comuns em peixes Betta

Peixes estressados e doentes

Os peixes são animais muito sensíveis e uma das causas mais comuns de morte dentro dos aquários deve-se a doenças, produzidas entre outras coisas, pelo estresse que sofrem.

Peixes doentes

Quando for adquirir os seus pets a uma loja especializada, deve estar muito atento aos sintomas mais comuns que o avisam que um peixe está estressado ou doente.

As caraterísticas visíveis de doença que deve procurar são:

  • Pontos brancos na pele
  • Barbatanas picadas
  • Aquário sujo
  • Pouco movimento
  • Peixe nadando de lado
  • Peixes flutuando de cabeça

Se vir que algum dos peixes que quer comprar tem alguma destas caraterísticas, recomendamos não o fazer. Mesmo que nem todos os peixes demonstrem estes sintomas, se compartilharem o aquário com peixes doentes, o mais provável é que todos acabem infetados.

O choque entre peixes

Outro aspeto importante que deve ter em conta para que os seus peixes não se estressem e fiquem doentes, é ao trazê-los da loja para casa. Mais para a frente vamos falar do tema da água, mas quanto ao transporte recomendamos ir diretamente para casa depois de comprar os peixes e por conseguinte, evitar sacudir a bolsa com os animais lá dentro.

Outro motivo que gera muito estresse nos peixes é a conglomeração de indivíduos. Quando há muitos peixes concentrados em pequenas dimensões, pode-se dar o caso de se magoarem entre si, aumentando consideravelmente o seu nível de estresse.

Pode ser que o seu aquário seja grande o suficiente, mas saiba que deve ter cuidado na hora da limpeza e da mudança de água, porque é nesse momento que os peixes se costumam juntar em cubos ou o espaço do seu aquário ficar reduzido pela perda de água. Evite que esta situação se prolongue demasiado, uma vez que estes choques entre peixes e o estresse que isto envolve, pode favorecer o aparecimento de outras doenças.

Animais sensíveis

Bonitos mas muito delicados. Evite a todo o custo que os seus peixes sofram episódios de estresse, desta forma conseguirá prevenir o aparecimento de outras doenças e mais importante, a sua morte prematura.

Como já referimos, os peixes são animais muito sensíveis e assustadiços, por isso bater no vidro do aquário de forma constante não é nada bom para a sua saúde, lembre-se que quanto mais estresse sofrerem, mais chances têm de desenvolver doenças e morrer. Quanto aos flashes aplicamos a mesma regra, evite assustar os seus peixes. Enquanto a sua qualidade de vida for ótima, a sua esperança de sobrevivência aumentará.

Porque os peixes de aquário morrem? - Peixes estressados e doentes

A água: o mundo dos peixes

Outra das causas da morte dos peixes no aquário está diretamente relacionada com o seu meio de vida: a água. O tratamento incorreto da água, tanto em temperatura, limpeza e adaptação, pode ser mortal para os nossos pets, por isso revise bem este ponto sobre o que tem de fazer para manter a água do aquário em boas condições.

Controle de amoníaco e oxigênio

Dois fatores muito presentes na vida dos nossos peixes, o oxigênio é a vida, e se o amoníaco não é a morte, está muito perto de o ser. O envenenamento por amoníaco e o afogamento por falta de oxigênio são duas das causas mais comuns da morte de peixes em aquários.

Para evitar que os seus peixes se afoguem, tenha em conta que a quantidade de oxigênio que pode se dissolver na água de um aquário é limitada. Consulte bem a quantidade e o tamanho dos peixes que pode ter segundo o tamanho do seu aquário.

O excremento dos peixes, a decomposição da comida e mesmo morte de seres vivos dentro do aquário, desprendem amoníaco, por isso se não quer que os seus peixes morram antes do normal deve manter o aquário limpo.

Para tirar o excesso deste resídio tóxico será suficiente fazer mudanças parciais de água de forma regular e ter instalado um bom filtro para o seu aquário, que além de proporcionar oxigênio se encarregue de eliminar todo o amoníaco estancado.

Água limpa, mas não tanto

Manter a água de um aquário não é algo tão simples como parece. Além da ajuda que proporciona um filtro de qualidade, a água de um aquário precisa de ser renovada com uma determinada frequência e se nos lembrarmos que os peixes são animais muito sensíveis, este processo costuma ser traumático para eles.

Na hora de renovar a água de um aquário, além de ter em conta o que mencionamos sobre não juntar demasiados peixes em espaços reduzidos, deve conservar pelo menos 40% dessa água "velha" e completar com água nova. Caso contrário, os peixes não se adaptariam à mudança e acabariam por morrer. Esta água velha deve ter sido tratado para eliminar a maior quantidade de amoníaco possível para poder misturá-la com a nova e, assim renovar o meio líquido do seu aquário.

Por outro lado, a água nova para o aquário nunca deve ser água da torneira, o cloro e a cal concentradas na água, que para os humanos é inofensivo, poderia matar os seus peixes. Utilize sempre água potável e se possível, tente que não tenha nenhum tipo de aditivos.

Outro aspeto importante é o de utilizar materiais excessivamente limpos. Tente que os cubos onde colocará a água e os peixes, tenham um pouco dessa água velha ou pelo menos confirme que não tem restos de sabão ou produtos de limpeza. Em todo o caso, não se esqueça que nunca poderá usar os mesmos produtos para limpar a sua casa para limpar o aquário ou o material que estiver em contanto com os peixes.

Porque os peixes de aquário morrem? - A água: o mundo dos peixes

Vida longa do peixe

Apesar de dominar as artes do cuidado dos peixes, é possível que algum morra ocasionalmente ou que adoeça sem aviso. Não se preocupe, às vezes os peixes morrem sem causa aparente.

O mais importante é que tenha em conta os aspetos que referimos. Se sabe que os peixes são animais sensíveis e delicados, mas os trata de forma brusca, então tem a resposta à pergunta de porque os peixes de aquário morrem rápido.

As nossas últimas recomendações são:

  • Mexa neles de forma suave e delicada na hora de mudar a água do aquário.
  • Se adquirir peixes novos, não os coloque de forma violenta no aquário.
  • Se tiver visitas ou houver crianças pequenas em casa, evite que batam no vidro do aquário.
  • Não se exceda na quantidade de comida que aumentam o nível de amoníaco e o aparecimento de bactérias na água.
  • Não junte peixes incompatíveis dentro do mesmo aquário.
  • Consulte as especificações de água, temperatura, nível de luz e de oxigênio recomendadas para os tipos de peixes que tem.
  • Se for decorar o seu aquário, compre objetos de qualidade e verifique se são aptos pra aquários e não contêm agentes contaminantes.

Se você tem ou pretende adquirir peixes arco-íris, aprenda como cuidar deles.

Porque os peixes de aquário morrem? - Vida longa do peixe

Este artigo é meramente informativo, no PeritoAnimal.com.br não temos capacidade para receitar tratamentos veterinários nem realizar nenhum tipo de diagnóstico. Sugerimos-lhe que leve o seu animal de estimação ao veterinário no caso de apresentar qualquer tipo de condição ou mal-estar.

Se deseja ler mais artigos parecidos a Porque os peixes de aquário morrem?, recomendamos-lhe que entre na nossa seção de Outros problemas de saúde.

Escrever comentário sobre Porque os peixes de aquário morrem?

Adicione uma imagen
Clique para adicionar uma foto relacionada com o comentário
O que lhe pareceu o artigo?
7 comentários
A sua avaliação:
tamires lima
tenho um peixe tipo dourado que tipo de filtro é bom pra esse tipo de peixe e tipo de bomba de ar pra esse peixe
A sua avaliação:
Sofia
Um dia eu estava falando no meu quintal com meu peixinho e ficou anoite e esqueci ela lá no outro dia eu vi que ela MATOU O PERNILONGO E O PERNILONGO MATOU ELA!!!! Por que aconteceu isso?
Samuel
Hoje de manhã eu vi meu peixe e ele estava vivo depois quando fui almoçar eu fui dar mais uma olhada e ele estava morto por que ele morreu?
A sua avaliação:
Jessé
Minha água é de cacimba como devo tratar
A sua avaliação:
LAURA LAURINDO
TENHO UM AQUARIO COM 10 PEIXINHOS SENDO 2 BETA..... NAO SEI O QUE ACONTECE QUE ELES ETSAO MORRENDO.... TROCO SEMPRE QUE PRECISA A AGUA, COLOCO COMIDA E TEM A BOMBA DE AR... NAO ENTENDO O QUE HA COM ELES... POR FAVOR ME AJUDE
Cleiton
Opa, amigo peixes Betta não se dar bem com outros peixes, provavelmente ele está matando eles.... Dá umas pesquisas de quais peixes pode ficar juntos no aquario.
A sua avaliação:
Tita
Sao peixes muito doces, amigos!
Adoro animais.
ademir
existe algum procedimento que possa ser feito quando o peixe começa apresentar sinais de doente, para tratar dele?
Tita
Levar ao veterinario.
Mas, muitas vezes, pode ser fome ou falta de atencao.
Devemos estar sempre atentos. Eles sao animais que transmitem paz, sabedoria, amor. Uma boa terapia. Cumprimentos.
Tita Lousa

Porque os peixes de aquário morrem?
1 de 4
Porque os peixes de aquário morrem?

Voltar ao topo da página