Partilhar

Doenças mais comuns em peixes Betta

Por Vanessa Lopes, Redatora do PeritoAnimal. 12 setembro 2016
Doenças mais comuns em peixes Betta

Os Betta, conhecidos também como peixes de briga siamês, são pequenos peixes e com muita personalidade, que muitas pessoas querem ter, devido às suas bonitas e vibrantes cores.

Se o aquário onde se encontram se mantiver nas melhores condições, limpo e fresco, os Betta podem viver mais tempo e estar mais contentes. No entanto, se o espaço não for adequado para a vida saudável, os Betta costumam desenvolver doenças parasitárias, fúngicas ou bacterianas.

Se tem um lindo peixe Betta em casa e lhe interessa conhecer mais sobre esta espécie, continue lendo este artigo do PeritoAnimal em que lhe vamos mostrar as doenças mais comuns em peixes Betta.

Também lhe pode interessar: Doenças mais comuns nos coelhos

Conheça um pouco mais o seu peixe Betta

A maioria das doenças que os peixes Betta sofrem podem se prevenir apenas com um bom e limpo ambiente e tratar-se com antibióticos e sal de aquário. Tente começar a conhecer o seu peixe desde o primeiro dia que o levar para casa. Observe o seu comportamento quando estiver em ótimas condições, desta forma, se ficar doente e os sintomas físicos não aparecerem, poderá identificar se algo não está bem, pois de certeza que o seu comportamento mudará.

Um bom momento para o fazer é durante a limpeza do aquário e quando o estiver alimentando. Se o seu peixe estiver doente não irá querer comer tanto ou não quererá fazê-lo de todo.

Doenças mais comuns em peixes Betta - Conheça um pouco mais o seu peixe Betta

Fungos na boca

O fungo na boca é uma bactéria que, já por si só, cresce em aquários e lagos. É uma bactéria que pode ser tanto benéfica como prejudicial. Quando um Betta sofre desta doença, fisicamente, começa a apresentar manchas tipo "algodão ou gaze" nas brânquias, boca e nadadeiras por todo o corpo.

Este problema é causado quando as condições do habitat do animal não são as apropriadas ou estressantes (superlotação ou pouco espaço) e pouca circulação de água nova e limpa.

Hidropsia

Não é considerada uma doença como tal, mas sim uma manifestação do mau estado interno ou degenerativo do peixe, presente por outras condições como, por exemplo, o inchaço e acumulação de líquido no fígado e rim.

Pode ser causada por parasitas, vírus, má nutrição e bactérias. A hidropsia é grave e visível porque a zona abdominal está claramente inflamada e algumas partes do corpo ficando com escamas eriçadas.

Outros sintomas são pouco apetite e necessidade constante de subir à superfície para receber oxigênio. É uma doença que poderia ser contagiosa para outros membros do aquário, mas na maioria dos casos não é.

Barbatana Caudal Rasgada

Esta é, sem dúvida, uma das doenças mais comuns dos peixes Betta, havendo centenas de casos que relataram o seu aparecimento. Suas barbatanas longas são suscetíveis a uma má e pobre qualidade da água, embora pareça que o Betta morde a própria cauda por tédio ou estresse. Além da mudança drástica no estado da cauda, que se pode ver claramente rasgada o animal pode apresentar fraqueza, manchas brancas estranhas, bordas pretas e vermelhas ao longo da zona afetada.

Não se preocupe porque com um tratamento, baseado praticamente em mudar diariamente a água e conferir a fonte da mesma, a cauda do seu Betta voltará a crescer. Não deixe que os sintomas avancem, pois a podridão poderia comer outros tecidos da pele e passar de ser um problema tratável a uma doença mortal.

Doenças mais comuns em peixes Betta - Barbatana Caudal Rasgada

ICH ou doença do ponto branco

Bastante comum, causada pela presença de um parasita que precisa do corpo do Betta para se manter vivo. Os seus sintomas começam por mudar o comportamento do animal. O seu estará muito apagado, às vezes nervoso e esfrega o seu corpo às paredes do aquário. Depois é quando aparecem os pontos brancos por todo o corpo. Estes pontos são apenas cistos que envolvem os parasitas.

Se a doença não for tratada, o peixe pode morrer de asfixia, porque com tanta ansiedade, o ritmo cardíaco fica alterado. Banhos de água salgada, medicamentos e até termoterapia são alguns dos tratamentos utilizados.

Septicemia

A septicemia é uma doença não contagiosa causada por bactérias e derivada do estresse causado por fatores como superlotação, mudanças bruscas na temperatura da água, chegada de novos peixes ao aquário, mau estado da comida ou por feridas de qualquer tipo. Diagnostica-se pela presença de marcas vermelhas como sangue por todo o corpo do Betta.

Os tratamentos mais típicos para esta doença é a colocação de antibióticos na água, que depois são absorvidos pelo peixe. Os antibióticos devem ser usados com moderação. O melhor será perguntar para o veterinário antes de os aplicar, para que possa recomendar a dose mais apropriada.

Doenças mais comuns em peixes Betta - Septicemia

Este artigo é meramente informativo, no PeritoAnimal.com.br não temos capacidade para receitar tratamentos veterinários nem realizar nenhum tipo de diagnóstico. Sugerimos-lhe que leve o seu animal de estimação ao veterinário no caso de apresentar qualquer tipo de condição ou mal-estar.

Se deseja ler mais artigos parecidos a Doenças mais comuns em peixes Betta, recomendamos-lhe que entre na nossa seção de Outros problemas de saúde.

Escrever comentário sobre Doenças mais comuns em peixes Betta

Adicione uma imagen
Clique para adicionar uma foto relacionada com o comentário
O que lhe pareceu o artigo?
2 comentários
Júlia Fries
Meu Beta está com uma mancha branca na nadadeira traseira .
Oq pode ser?
Qual o tratamento?
ANDREZZA ODONE SANTIAGO
POR FAVOR ME AJUDEM. TENHO UM PEIXINHO BETTA E SOU MUITO APEGADO NELE. TENHO MUITO MEDO QUE ELE MORRA. E UM DIA, COM MUITO MEDO QUE ELE PEGASSE ALGUMA DOENÇA E MORRESSE, EU RESOLVI TROCAR UM POUCO DA ÁGUA DO AQUAÁRIO, NO MEIO DA SEMANA, SEM TROCAR ELA COMPLETAMENTE. E DEIXEI O PEIXINHO DENTRO DO ÁQUÁRIO ENQUANTO EU FAZIA O PROCESSO. DESDE ENTÃO, ELE ESTÁ SEMPRE COM MEDO, NERVOSO, EM PÂNICO, COM A RESPIRAÇÃO OFEGANTE. O QUE EU FAÇO?? TENHO MEDO QUE ELE MORRA DE STRESS NERVOSO. EU ADORO ELE. APARENTEMENTE ELE NÃO ESTÁ DOENTE, ESTÁ NERVOSO E COM RESPIRAÇÃO OFEGANTE. ELE ERAMUITO ATENCIOSO CARINHOSO CALMO. O QUE EU FAÇO?????? POR FAVOR ME AJUDA???
Isa
Provavelmente o problema era o PH da água que não estava adequado. O ideal seria o PH neutro, entre 7.0 a 7.2

Doenças mais comuns em peixes Betta
1 de 4
Doenças mais comuns em peixes Betta

Voltar ao topo da página