menu
Partilhar

Por que não se deve usar tinta para pelo de cachorro?

 
Por Marta Sarasúa, Etóloga e auxiliar veterinária. Atualizado: 28 fevereiro 2022
Por que não se deve usar tinta para pelo de cachorro?

Ver fichas de  Cachorros

A prática de tingir o pelo dos cães com cores vistosas tem se tornado cada vez mais popular. As redes sociais são uma das principais vias de propagação desta moda recente e há centenas de pet shops que promovem suas extravagantes tosas com tinta para cachorro, especialmente quando certas festividades, como o carnaval, se aproximam. A pergunta é se fazer isso é benéfico ou prejudicial tingir o pelo do cachorro.

Apesar de existirem produtos especialmente criado para cães, isso não significa que o processo seja seguro para o animal. Se estiver pensando em mudar o look do pet ou tiver interesse pela prática, neste artigo do PeritoAnimal te explicamos por que não se deve usar tinta para pelo de cachorro, analisando os riscos físicos, psicológicos e sociais que pode representar para o peludo. Continue lendo!

1. Riscos de saúde

Existe, no mercado, uma grande variedade de tintas para pelo de cachorro que, infelizmente, são facilmente acessíveis. Estes produtos, pensados originalmente para humanos, são modificados para adaptar ao pH da pele do cão e para evitar graves intoxicações graves em caso de ingestão, mas não garantem que o animal não vá sofrer nenhum tipo de reação alérgica após a aplicação. Muitos corantes provocam coceira, irritação e vermelhidão na pele dos cães, ainda que teoricamente sejam inofensivos para estes animais. Em casos mais graves, cães com predisposição para patologias dermatológicas, filhotes ou aqueles com maior sensibilidade, como os albinos, podem chegar a apresentar reações cutâneas muito fortes que requerem assistência veterinária urgente.

Por outro lado, é importante dizer que tinturas para humanos jamais devem ser aplicadas em animais, pois são altamente tóxicas a eles e sua ingestão através da lambida é muito fácil. Além disso, podem provocar graves queimaduras em sua pele e danos orgânicos que resultam em morte em diversos casos.

Por que não se deve usar tinta para pelo de cachorro? - 1. Riscos de saúde
Imagem: lavanguardia.com

2. É um procedimento estressante

O nível de estresse que utilizar tinta para pelo de cachorro pode alcançar vai depender de uma série de fatores, entre os quais estão incluídas o nível de sua habituação à manipulação e sua tolerância à água ou, se colocados nas mãos de esteticistas profissionais, a presença invasiva de pessoas estranhas. Devemos levar em conta que estamos submetendo o animal a uma situação que ele não compreende e que requer múltiplas horas em muitas ocasiões.

Normalmente, os cães experimentam um pico de estresse (negativo) quando são expostos a este tipo de manipulação, especialmente se estiverem em local desconhecido ou com pessoas que não são de sua confiança. O cheiro das tinturas, o banho e o barulho do secador, por exemplo, são estímulos frente aos quais o animal pode sentir tensão, medo ou rejeição. Seu ritmo cardíaco se acelerar, bem como sua frequência respiratória, sua capacidade de raciocínio é inibida e a impossibilidade de fugir pode desencadear comportamentos reativos ou defensivos, entre os quais está incluída uma possível agressão devido ao medo.

Em suma, é completamente desnecessário fazer um cão passar por um momento tão estressante, colocando em risco sua saúde emocional, apenas para obter um resultado estético, já que a tinta para cachorro não trará nenhum benefício para o animal.

3. Camufla o cheiro do cachorro e causa problemas de comunicação

O olfato é o sentido mais importante para um cachorro e nesta espécie encontra-se superdesenvolvido. Através do olfato, os cães são capazes de obter muitíssima informação, tanto dos seus arredores como de outros indivíduos, o que os permite adaptar seu comportamento diante de diferentes contextos.

Um dos principais problemas em utilizar tinta para pelo de cachorro é que ela modifica seriamente o odor natural do cão e, ainda que nós não consigamos perceber, outros animais desta espécie percebem. Isto é perturbador para o próprio animal, que se incomoda com o próprio cheiro e pode chegar a se automutilar tentando eliminar a tinta de seu corpo. Tingir um cão também prejudica sua capacidade de se comunicar com outros, pois devemos levar em conta que os cães se cumprimentam através do olfato. O cheiro artificial que um cachorro tingido exala pode fazer com que outros cães o rejeitem, ou pior, que o agridam.

Além disso, em muitas ocasiões, as tintas acompanham ostentosas tosas, especialmente em raças como o poodle, chow chow, lulu da pomerania, bichón frisé e semelhantes. Alguns destes cortes incluem um barbeado no focinho do animal, o que causa a perda de suas vibrissas (bigodes), uma parte fundamental do seu sistema perceptivo sensorial. Cortar as vibrissas de um cachorro pode provocar confusão e problemas de orientação importantes. Falamos sobre o assunto com mais profundidade neste outro artigo: para que serve o bigode do cachorro?

Por que não se deve usar tinta para pelo de cachorro? - 3. Camufla o cheiro do cachorro e causa problemas de comunicação

4. Fomenta a objetificação dos animais

Por último, utilizar tinta para pelo de cachorro também causa um problema ético, pois, tentando transformar os animais em bichos de pelúcia e os tratando como telas sobre as quais podemos pintar, estamos ignorando seu direito a dignidade e estimulando que sejam vistos mais como objetos do que como seres sencientes dotados de inteligência e capacidade de experimentar e comunicar emoções.

Um cachorro não precisa destes tipos de retoques estéticos, e ainda que o façamos com boa intenção e procuremos produtos que não sejam nocivos, deveríamos pensar nas implicações e riscos mencionados anteriormente para avaliar se realmente vale a pena tingir o pelo do nosso cão, já que não há nenhum benefício a ser obtido deste tipo de procedimento, apenas prejuízos.

E agora que você já sabe por que não se deve usar tinta para pelo de cachorro, te encorajamos a consultar as 5 liberdades do bem-estar animal para comprovar se você cumpre todas elas no caso de compartilhar sua vida com um cão ou outro animal.

Além disso, já que falamos sobre o olfato canino, no vídeo a seguir apresentamos 8 cheiros que os cachorros odeiam:

Se deseja ler mais artigos parecidos a Por que não se deve usar tinta para pelo de cachorro?, recomendamos-lhe que entre na nossa seção de Cuidado do pelo.

Bibliografia
  • One Green Planet. Why You Shouldn’t Dye Your Dog’s Fur for Fun. Disponível em: <https://www.onegreenplanet.org/animalsandnature/why-you-shouldnt-dye-your-dogs-fur-for-fun/>. Acesso em 21 de fevereiro de 2022.
  • People for the ethical treatment of animals. Here’s Why You Should Never Dye Your Dog’s Fur. Disponível em: <https://www.peta.org/blog/dog-hair-dye-dangers-pooch-perfect-problems/>. Acesso em 24 de fevereiro de 2022.
  • IG. Veterinária diz se pintar o pelo do cachorro é seguro ou não. Disponível em: <https://canaldopet.ig.com.br/cuidados/saude/2019-08-11/pintar-o-pelo-do-cachorro-nao-e-seguro.html>. Acesso em 24 de fevereiro de 2022.
  • Folha de Goiás. Posso tingir o pelo do meu cachorro? Saiba agora. Disponível em: <https://folhago.com.br/blogs-colunas/pets/posso-tingir-o-pelo-do-meu-cachorro-saiba-agora/31429/>. Acesso em 24 de fevereiro de 2022.
  • Metro UK. https://metro.co.uk/2017/09/12/no-its-actually-not-okay-to-dye-your-dog-even-for-a-good-cause-6921285/. Disponível em: <https://metro.co.uk/2017/09/12/no-its-actually-not-okay-to-dye-your-dog-even-for-a-good-cause-6921285/>. Acesso em 24 de fevereiro de 2022.

Escrever comentário

Adicione uma imagen
Clique para adicionar uma foto relacionada com o comentário
O que lhe pareceu o artigo?
Por que não se deve usar tinta para pelo de cachorro?
Imagem: lavanguardia.com
1 de 3
Por que não se deve usar tinta para pelo de cachorro?

Voltar ao topo da página