Partilhar

Doenças mais comuns no Bulldog Inglês

Por Vanessa Lopes, Redatora do PeritoAnimal. Atualizado: 20 março 2019
Doenças mais comuns no Bulldog Inglês

Ficha do animal: Pug

Sabia que o Bulldog Inglês foi utilizado inicialmente como cachorro de lutas? Estamos falando do século XVII e entre essa etapa e a contemporânea foram realizados inúmeros cruzamentos até conseguir o Bulldog Inglês que conhecemos nos dias de hoje.

Da sua aparência destaca-se o seu focinho achatado e os seus redondos e expressivos olhos, as suas orelhas são curtas e a sua cabeça conta com diversas dobras que lhe dão uma aparência adorável. Trata-se de um cachorro muito seguro, corajoso, sociável, tranquilo e ideal para a vida familiar, especialmente quando há crianças em casa.

Acolher um Bulldog Inglês é uma excelente decisão, mas que também vem com uma grande responsabilidade, o cuidado da saúde do nosso pet. Quer conhecer quais são as doenças mais comuns no Bulldog Inglês? Neste artigo do PeritoAnimal explicamos tudo para você.

Também lhe pode interessar: Doenças mais comuns nos hamsters

Problemas oculares

Os olhos do Bulldog Inglês são especialmente delicados e, como consequência esta raça canina apresenta um risco especial de sofrer das seguintes doenças oculares:

  • Ectrópio: O ectrópio em cães é uma doença na qual a pálpebra se move para fora, comprometendo a saúde da parte interna da pálpebra que agora ficou em contato com o meio externo. Trata-se de uma doença com um bom prognóstico mas cujo tratamento veterinário é imprescindível.
  • Entrópio: O entrópio em cães é a situação contrária à anterior. Neste caso, a borda da pálpebra fica dobrada para dentro. Esta situação carateriza-se pelo contato dos cílios com o globo ocular, o que causa principalmente irritação, dor e dificuldade em manter os olhos abertos. O entrópio trata-se graças a uma intervenção cirúrgica.
  • Ceratoconjuntivite: Esta doença pode causar lesões graves no globo ocular se não for tratada a tempo. A ceratoconjuntivite causa inflamação nas glândulas lacrimais, na conjuntiva e na córnea. Esta doença causa secreção mucosa, vermelhidão e inclusive úlceras na córnea. O tratamento consiste na aplicação de colírios umectantes e antibióticos, embora em alguns casos, também se possa recorrer à cirurgia.
Doenças mais comuns no Bulldog Inglês - Problemas oculares

Problemas respiratórios

O focinho achatado do Bulldog Inglês junto com a sua cabeça grande provoca um fenômeno conhecido como síndrome braquicéfalo, este síndrome causa uma respiração barulhenta, que é normal devido à distribuição e tamanho das estruturas respiratórias, no entanto também causa problemas que devem ser tratados e que se manifestam através dos seguintes sintomas:

  • Respiração forte, aumento dos roncos ou vômitos.
  • Dificuldade respiratória, mucosas azuis.
  • Respiração nasal contínua, que também se realiza com a boca aberta.

Perante estes sintomas deve consultar de imediato o veterinário, uma vez que a irrigação de oxigênios aos tecidos pode ser comprometida. O tratamento farmacológico costuma se realizar através de princípios ativos anti-inflamatórios e broncodilatadores, no entanto, em alguns casos pode ser necessária a cirurgia.

Doenças mais comuns no Bulldog Inglês - Problemas respiratórios

Displasia de quadril e cotovelo

Apesar do Bulldog Inglês não ser uma raça especialmente grande, infelizmente sofre de uma maior predisposição a sofrer de displasia de quadril.

A displasia de quadril é uma doença óssea e degenerativa que afeta a articulação coxofemoral, que é a que une o quadril com o fêmur. Esta articulação deforma-se, o que faz o cachorro coxear e ter dor, observando-se estes sintomas sobretudo durante o exercício. O tratamento geralmente é farmacológico e destina-se a aliviar os sintomas, no entanto, em alguns casos o veterinário pode recomendar a cirurgia.

A displasia de cotovelo é uma doença que ocorre na etapa de crescimento e que afeta esta articulação causando inflamação e degeneração progressiva do tecido ósseo e articular. Os principais sintomas são coxear, a dor e a intolerância ao exercício físico. A primeira opção de tratamento é a ortopedia, no entanto, em casos graves pode ser necessária uma intervenção cirúrgica.

Doenças mais comuns no Bulldog Inglês - Displasia de quadril e cotovelo

Problemas de pele

O sistema imunológico do Bulldog Inglês é especialmente sensível, por este motivo esta raça é especialmente predisposta a alergias, que são aquelas reações exageradas das células de defesa perante um determinado alérgeno. As alergias que afetam em maior grau o Bulldog Inglês são as cutâneas.

As alergias cutâneas que podemos observar no Bulldog Inglês são causadas principalmente pela inalação de alérgenos, como por exemplo o pólen ou mofo. Um Bulldog Inglês com alergia irá manifestar uma coceira constante, com inflamação e vermelhidão da pele, erupções, lesões e inclusive feridas provocadas por um coçar excessivo.

Neste caso deve se consultar o veterinário para que este descubra o alérgeno causador e defina um tratamento a seguir, que se pode realizar à base de anti-histamínicos, de anti-inflamatórios e analgésicos tópicos ou nos casos mais graves com medicamentos corticoides para suprimir a resposta do sistema imunológico.

Doenças mais comuns no Bulldog Inglês - Problemas de pele

Conselhos para manter a saúde do Bulldog Inglês

O fato do Bulldog Inglês ser uma raça com predisposição a sofrer de diversas doenças não significa que não possamos fazer nada para prevenir o aparecimento destas condições, preste atenção aos seguintes conselhos muito importantes para manter o seu cachorro em bom estado:

  • O Bulldog Inglês não gosta de exercício, isto não significa que não precise dele, mas que deve ser um exercício suave e adaptado às necessidades que este cachorro apresenta.
  • É fundamental seguir adequadamente o calendário de vacinas definido pelo veterinário.
  • Para prevenir o sobrepeso neste cachorro é importante dar-lhe uma boa alimentação, adaptada às necessidades nutricionais de cada etapa da sua vida.
  • Para reduzir as alergias do Bulldog Inglês, o seu ambiente deve se manter limpo e desinfetado, mas para isso não se devem utilizar químicos agressivos.
Doenças mais comuns no Bulldog Inglês - Conselhos para manter a saúde do Bulldog Inglês

Este artigo é meramente informativo, no PeritoAnimal.com.br não temos capacidade para receitar tratamentos veterinários nem realizar nenhum tipo de diagnóstico. Sugerimos-lhe que leve o seu animal de estimação ao veterinário no caso de apresentar qualquer tipo de condição ou mal-estar.

Se deseja ler mais artigos parecidos a Doenças mais comuns no Bulldog Inglês, recomendamos-lhe que entre na nossa seção de Prevenção.

Escrever comentário sobre Doenças mais comuns no Bulldog Inglês

Adicione uma imagen
Clique para adicionar uma foto relacionada com o comentário
O que lhe pareceu o artigo?
1 comentário
ADRIANA MARCHIOTO DE BARROS
Adotei um bulldog ingles, deve ter por volta de 4 anos. Esta apresentando vermelhidão e prurido nos olhos....

Doenças mais comuns no Bulldog Inglês
1 de 6
Doenças mais comuns no Bulldog Inglês

Voltar ao topo da página