menu
Partilhar

Como deve ser uma sessão de adestramento canino?

 
Por Equipe editorial do PeritoAnimal. 23 outubro 2021
Como deve ser uma sessão de adestramento canino?

Ver fichas de  Cachorros

O adestramento básico de cães é imprescindível para se ter uma vida harmoniosa com eles, e por este motivo, realizar as sessões adequadamente é fundamental: precisamos ensinar nosso cachorro da maneira correta, caso contrário, ele não vai aprender como deveria.

Tanto no que diz respeito ao adestramento canino básico quanto ao avançado, neste artigo do PeritoAnimal traremos os pontos-chave para realizar uma sessão de adestramento canino adequada, tendo em mente o lugar, os sinais, o tempo e muitos outros conselhos.

Descubra todo o potencial que o seu companheiro peludo tem dentro de si seguindo os conselhos que te daremos a seguir. Boa leitura.

Também lhe pode interessar: Adestramento do Rottweiler

Como preparar uma sessão de adestramento básico de cães

Uma sessão de adestramento canino é o tempo que você gasta oficialmente treinando seu cão, sem interrupções. Embora a maioria dos livros de adestramento de cães fale sobre a sessão de adestramento, eles geralmente dedicam um pequeno trecho a esta questão e não a abordam em detalhes. É por isso que muitos adestradores caninos iniciantes ficam confusos ao decidir como trabalhar em cada sessão. Alguns fazem sessões longas demais, outros escolhem o lugar errado, outros tentam praticar muitos exercícios em uma única sessão, etc.

Aqui você vai aprender tudo relacionado às sessões de adestramento canino, desde qual é o melhor lugar para treinar seu cão até que tom de voz você deve usar para dar os comandos.

Antes de iniciar uma sessão de adestramento canino, você deve definir onde irá realizá-la, quais critérios pretende treinar nessa sessão, de que equipamentos irá precisar e quais reforços irá usar. Em outras palavras, você deve planejar bem a sessão de adestramento antes de iniciá-la.

Para planejar adequadamente uma sessão, você deve saber a diferença entre uma sessão e um período de adestramento canino. Você também deve compreender a importância do tempo, da taxa de reforço e dos critérios de treinamento do cão.

Aqui no PeritoAnimal, você vai aprender a planejar e realizar sessões de adestramento canino. Além disso, aprenderá também algumas estratégias para treinar novos comportamentos e eliminar os maus hábitos do seu cão, além de conhecer as categorias dos diferentes comandos básicos de obediência.

Como deve ser uma sessão de adestramento canino? - Como preparar uma sessão de adestramento básico de cães

O lugar do adestramento canino

O local das sessões de adestramento é muito importante para conseguir uma boa atenção do cão e resultados apropriados. Esse local pode variar ao longo do aprendizado.

Quando queremos ensinar um novo comando básico de adestramento, é muito importante começar a praticar em um local tranquilo e que não ofereça outros estímulos ao cachorro. Pode ser a sua casa, o jardim ou uma sala fechada, por exemplo. Contudo, é importante considerar também alguns fatores, como o cão já ter urinado, estar fisicamente saudável para realizar o comando ou não ter comido recentemente para que seja possível trabalhar com petiscos.

No entanto, uma vez que o cachorro compreenda perfeitamente um comando, você pode começar a trabalhar em lugares mais agitados onde ele pode se distrair. Esse processo deve ser feito de forma gradual. Ser capaz de captar a atenção do cão mesmo quando há estímulos muito fortes no ambiente é algo muito interessante, pois garante que o cão responderá da mesma forma onde quer que esteja.

Como deve ser uma sessão de adestramento canino? - O lugar do adestramento canino

Períodos e sessões de adestramento

O ideal seria trabalhar com o cão diariamente para obter bons resultados, mas se você não tiver tempo suficiente para isso, pode dedicar entre 2 a 3 sessões por semana. Isso também vai depender dos resultados que você deseja obter, do nível de bem-estar e da capacidade mental que o cão possui.

Por outro lado, é necessário saber que os treinos não devem ser excessivamente longos, pois isso pode sobrecarregar o cão e causar um mal-estar desnecessário. O ideal é dedicar entre 5 e 10 minutos por dia. As sessões devem consistir em uma primeira parte, na qual vocês praticarão os comandos já aprendidos, e uma segunda parte na qual novos comandos serão trabalhados.

Neste outro artigo mostramos como ensinar um cachorro a deitar.

Como deve ser uma sessão de adestramento canino? - Períodos e sessões de adestramento

Os comandos básicos ou sinais

A comunicação adequada com o nosso cão é muito importante para garantir que as sessões de adestramentos tragam bons resultados. Em nosso post sobre como falar com seu cachorro, você encontrará todos os comandos básicos de adestramento em diversos idiomas.

É importante escolher uma palavra que não será confundida com outras palavras comumente utilizadas com o seu cão. Por exemplo, se o nome do cachorro se parecer com alguma palavra dos comandos básicos, é melhor trocar a palavra de comando para outra em outro idioma, por exemplo.

Por outro lado, o ideal seria também combinar o comando com um sinal físico acompanhando o som. Este processo será de grande ajuda e permitirá que o cão tenha um entendimento mais fácil, além de ser útil caso o cachorro venha a sofrer de surdez no futuro.

Como deve ser uma sessão de adestramento canino? - Os comandos básicos ou sinais

Outros conselhos para o adestramento básico de cães

No adestramento, devemos possibilitar que o cão desenvolva de forma natural o comando ou comportamento que queremos ensinar a ele. Por esta razão, recomendamos rejeitar procedimentos excessivamente complexos de adestramento, e em vez disso, procurar técnicas simples e fáceis de aprender.

Eliminar os castigos físicos é outro ponto muito importante a se considerar. Cães que são submetidos ao uso de enforcadores ou coleiras elétricas tendem a desenvolver problemas comportamentais graves, bem como problemas físicos significativos. Um cão estressado ou obviamente sofrendo com desconfortos físicos não será capaz de aprender como um cão em estado normal. Por esta razão, aqui no PeritoAnimal incentivamos sempre a utilização do reforço positivo.

Agora que você já aprendeu como deve ser uma sessão de adestramento canino, não perca os seguintes artigos em que mostramos como ensinar comandos básicos aos cachorros:

Não perca ainda o seguinte vídeo sobre como ensinar truques para cachorros adultos e filhotes:

Se deseja ler mais artigos parecidos a Como deve ser uma sessão de adestramento canino?, recomendamos-lhe que entre na nossa seção de Educação básica.

Bibliografia
  • LIMA, Dorvalina Helena Soares. Socialização, treinamento e correção comportamental de cães. 2014. Disponível em: <http://repositorio.ufc.br/handle/riufc/35331>. Acesso em 18 de outubro de 2021.

Escrever comentário

Adicione uma imagen
Clique para adicionar uma foto relacionada com o comentário
O que lhe pareceu o artigo?

Como deve ser uma sessão de adestramento canino?
1 de 5
Como deve ser uma sessão de adestramento canino?

Voltar ao topo da página