menu
Partilhar

Cachorro vomitando sangue: causas e tratamentos

 
Por Maria Besteiros. 3 maio 2021
Cachorro vomitando sangue: causas e tratamentos

Ver fichas de  Cachorros

O aparecimento de sangue em qualquer secreção do nosso cachorro é sempre motivo de preocupação e, em geral, de busca por assistência veterinária. Para explicar por que nosso cachorro está vomitando sangue, é necessário primeiro identificar onde está ocorrendo o sangramento e como ele é, uma vez que o sangue fresco não é igual ao digerido. Quanto às causas, elas podem ser muitas.

Neste artigo do PeritoAnimal, vamos revisar as mais comuns, insistindo que qualquer sangramento importante deve ser tratado por um veterinário. Descubra então, a seguir, as causas e tratamentos para um cachorro vomitando sangue.

Também lhe pode interessar: Gato vomitando sangue: causas e tratamento

O vômito com sangue

Antes de continuar a explicar as possíveis razões que nos fazem estarmos diante de um cachorro vomitando sangue, você precisa saber que o sangue pode ter várias origens, desde a boca até o estômago. Assim que detectar o vômito, você pode examinar seu cachorro para tentar encontrar alguma lesão na cavidade oral que possa explicar o sangramento. Às vezes, um ferimento na gengiva ou na língua, feito por um osso, um pedaço de pau ou uma pedra, pode causar sangramento que é confundido com vômito.

Além disso, esse sangramento pode se tornar muito abundante, embora a priori seja menos grave do que aqueles de origem interna. Se neste exame você constatar alguma anomalia como um nódulo, um dente quebrado ou corpo estranho, será necessário consultar o veterinário.

O vômito com sangue propriamente dito, ou seja, aquele que tem origem no aparelho digestivo, é conhecido pelo nome de hematêmese. O sangramento também pode vir do sistema respiratório. O sangue pode ser fresco, na forma de estrias ou coágulos, e também digerido, caso em que a cor ficará mais escura. Além disso, seu cachorro pode vomitar sangue com espuma, com mucosidade ou mais líquido.

Às vezes, o cachorro vomita sangue e faz fezes com sangue. Essas fezes, conhecidas pelo nome de melena, apresentam uma coloração muito escura, pois contêm sangue digerido. Por último, você precisa observar se ocorre um episódio agudo de vômito ou se, em vez disso, ocorrem vários vômitos ao longo de vários dias. Leve em consideração todos esses dados, além de quaisquer outros sintomas como dor, diarreia ou fraqueza, para poder fornecer ao veterinário todas as informações possíveis para o diagnóstico.

Cachorro vomitando sangue: causas e tratamentos - O vômito com sangue

Doenças inflamatórias do sistema digestivo

As doenças inflamatórias do distema digestivo podem nos levar a ter um cachorro vomitando sangue. Nestes casos, é normal que ele, além de do vômito com sangue, tenha diarreia, também sanguinolenta, mas nem sempre essas secreções vão conter sangue. Além disso, veremos frequentemente que o cachorro vomita sangue e não quer comer nem beber. É necessário procurar atenção veterinária, uma vez que, sempre que há um sangramento, as condições são propícias ao desenvolvimento de uma infecção.

Além disso, a perda de fluidos sem que sejam substituídos pela alimentação pode causar desidratação, agravando o quadro clínico. As causas desta inflamação podem ser várias e um caso sério é produzido pelo parvovírus ou parvovirose, enterite infecciosa aguda, que infecta principalmente os filhotes, com uma alta taxa de mortalidade. Por se tratar de um vírus, não há tratamento melhor do que a prevenção, vacinando os filhotes de 6 a 8 semanas de vida. Em todo caso, deve ser o veterinário quem determina por que estamos com um cachorro vomitando sangue e prescreve o tratamento adequado.

Presença de corpos estranhos

É relativamente comum os cachorros comerem todos os tipos de objetos, principalmente quando são filhotes ou muito gulosos. Esses objetos podem ser pedras, paus, ossos, brinquedos, ganchos, cordas, etc. Alguns deles têm extremidades cortantes e, por isso, quando ingeridos, podem causar danos consideráveis ​​em diferentes partes do sistema digestivo, chegando inclusive a causar perfuração.

Se você suspeitar que a razão pela qual tem um cachorro vomitando sangue é a ingestão de um objeto, deve ir ao veterinário sem perder tempo. Fazendo uma radiografia, às vezes é possível distinguir o objeto engolido e sua localização. Outras vezes, porém, é necessário recorrer à endoscopia, com a qual às vezes também é possível extrair o corpo estranho. Caso isso não seja possível, o tratamento passará por cirurgia abdominal. Para evitar essas situações, a prevenção é fundamental, evitando que seu cachorro tenha acesso a materiais potencialmente perigosos e oferecendo a ele apenas brinquedos seguros.

Cachorro vomitando sangue: causas e tratamentos - Presença de corpos estranhos

Intoxicações

Sejam propositais ou acidentais, as intoxicações ou envenenamentos em cachorros também podem explicar por que temos um cachorro vomitando sangue. Algumas substâncias, como os rodenticidas, agem como anticoagulantes e causam sangramento espontâneo. Os sintomas, além de vômitos, podem incluir sangramento nasal e sangramento retal ou hematomas. É necessária atenção veterinária imediata e o prognóstico dependerá da substância ingerida e sua quantidade em relação ao peso do animal.

Se você souber o que o cachorro comeu, deve avisar o veterinário. Além disso, é importante manter um ambiente seguro para o seu companheiro, evitando que ele tenha acesso a produtos tóxicos, como podem ser os produtos de limpeza. Quando sair para passear, ou se tiver acesso ao exterior, também é importante manter os cuidados, tendo em conta que ele pode encontrar lixo ou plantas nocivas. Medidas de segurança e intervenção rápida serão a chave para evitar riscos ou minimizar danos caso ocorra intoxicação. É tratada com vitamina K, e transfusões podem ser necessárias.

Insuficiência renal

Às vezes, por trás do sangue no vômito, está uma doença sistêmica como a insuficiência renal. Nesse caso, o motivo pelo qual nosso cachorro vomita sangue é a falência dos rins, que ficam incapazes de eliminar os resíduos. O acúmulo dessas toxinas é o que provoca os sintomas.

Embora os rins que começam a falhar consigam compensar por muito tempo, quando finalmente descobrimos a doença, eles geralmente já estão muito afetados. A falência pode aparecer de forma aguda ou crônica. Além de vomitar sangue devido ao sangramento gastrointestinal, podemos observar que nosso cachorro bebe mais água e urina mais, parece apático, fica mais mais magro, com o pelo mais seco e um hálito com cheiro de amônia. Às vezes, podem ser observadas também úlceras na boca e diarreia.

Através de um exame de sangue e urina, é possível confirmar o problema. O prognóstico vai depender do grau de afetação, e o tratamento, nos casos crônicos, geralmente consiste em uma dieta específica para cachorros com insuficiência renal, além de medicação. A insuficiência renal aguda requer cuidados veterinários intensivos com fluidoterapia e medicação intravenosa.

Cachorro vomitando sangue: causas e tratamentos - Insuficiência renal

Úlceras gástricas

As úlceras consistem em lesões na mucosa do sistema digestivo que podem ser superficiais ou profundas, únicas ou múltiplas, e de tamanhos variados. Essa pode ser a razão por encontrarmos um cachorro vomitando sangue. Elas geralmente ocorrem no estômago. Dentre as causas dessas lesões, destaca-se o consumo de anti-inflamatórios. As úlceras causam principalmente vômitos, embora também possa haver anemia e seja possível notar que o cachorro está perdendo peso.

Você poderá notar nesses vômitos sangue fresco digerido ou coágulos. É uma situação séria, pois uma hemorragia considerável pode ocorrer rapidamente, fazendo com que o cachorro entre em choque. As fezes também podem parecer escurecidas pela presença de sangue. Além disso, a úlcera pode terminar em uma perfuração que pode causar peritonite. É necessária assistência veterinária e o prognóstico é reservado.

Outras causas de vômito com sangue

Como dissemos no início, existem vários fatores que podem explicar por que estamos diante de cachorro vomitando sangue. Por fim, devemos destacar também que, além das causas já mencionadas, podemos nos encontrar diante de outras, tais como as seguintes:

  • Tumores, mais frequentes em cachorros de idade avançada.
  • Doenças hepáticas ou pancreáticas.
  • Traumatismos provocados por acidentes como quedas ou atropelamentos.
  • Distúrbios de coagulação.

Tanto para essas causas quanto para as mencionadas anteriormente, é normal que o veterinário faça exames diagnósticos e analíticos (sangue, urina, fezes), radiografias, ultrassom, endoscopias ou mesmo laparotomia exploratória.

Sempre que aparecer sangramento, você deve consultar o veterinário, pois às vezes isso pode ser resultado de condições muito graves que comprometem a vida do cachorro. Como vimos, tanto o tratamento quanto o prognóstico dependerão da origem do vômito com sangue.

Cachorro vomitando sangue: causas e tratamentos - Outras causas de vômito com sangue

Este artigo é meramente informativo, no PeritoAnimal.com.br não temos capacidade para receitar tratamentos veterinários nem realizar nenhum tipo de diagnóstico. Sugerimos-lhe que leve o seu animal de estimação ao veterinário no caso de apresentar qualquer tipo de condição ou mal-estar.

Se deseja ler mais artigos parecidos a Cachorro vomitando sangue: causas e tratamentos, recomendamos-lhe que entre na nossa seção de Outros problemas de saúde.

Bibliografia
  • VIEIRA, Joana Mariano, et al. Parvovírus canino: capacidade preditiva do exame físico no desfecho clínico dos pacientes. 2020. Tesis Doctoral. Universidade de Lisboa, Faculdade de Medicina Veterinária. Disponível em: <https://www.repository.utl.pt/handle/10400.5/21163>. Acesso em 30 de abril de 2021.

Escrever comentário

Adicione uma imagen
Clique para adicionar uma foto relacionada com o comentário
O que lhe pareceu o artigo?

Cachorro vomitando sangue: causas e tratamentos
1 de 5
Cachorro vomitando sangue: causas e tratamentos

Voltar ao topo da página