Partilhar

5 sintomas de estresse em gatos

5 sintomas de estresse em gatos

Ver fichas de  Gatos

O estresse é um mecanismo de defesa que não está presente apenas nos seres humanos, mas também nos animais, de fato, trata-se de uma resposta adaptativa ao ambiente que permite a sobrevivência perante situações de perigo.

O principal problema é que o estresse pode ser patológico quando ele ocorre com frequência e em situações que não incomuns. Por isso, os gatos são muito suscetíveis ao estresse, uma vez que precisam de ter o seu ambiente sob controle e podem desencadear uma intensa resposta de adaptação perante a mais mínima mudança.

Alguns gatos gerem muito bem o estresse, em contrapartida para outros é um problema de saúde que deve ser tratado. Para detetar este transtorno o quanto antes, neste artigo do PeritoAnimal vamos lhe mostrar os 5 sintomas de estresse em gatos.

Também lhe pode interessar: A ratazana como animal de estimação

1. Aparecimento frequente de doenças infecciosas

O estresse envolve a liberação de múltiplas hormonas, as quais interferem no adequado funcionamento dos glóbulos brancos ou células de defesa, por isso, o sistema imunológico do gato deixa de responder adequadamente.

Se o gato contrai de forma repetida doenças infecciosas e autoimunes deve suspeitar de imediato de um estado de estresse crônico, o qual também se pode manifestar com outros transtornos como a alopecia ou a asma brônquica.

2. Aumento da agressividade

O seu gato passou de ser um animal dócil e manso a ser um pet agressivo? Então pode estar sofrendo de estresse. Nem todos os gatos manifestam a agressividade da mesma forma, no entanto, um gato agressivo pode apresentar os seguintes comportamentos em maior ou menor grau:

  • Não quer se relacionar com as pessoas nem com outros pets.
  • Morde e arranha.
  • Mantém as pupilar dilatadas e o olhar fixo.
  • O gato sibila.
  • Eriça o pelo do lombo.

3. Aumento da ansiedade

O estresse também causa ansiedade nos gatos. A ansiedade é um grande indicador de estresse, um gato com ansiedade é um gato que mostra um constante medo e fobias que talvez antes não eram evidentes. Um dos componentes mais graves da ansiedade felina são os comportamentos compulsivos como as estereotipias.

Um gato com ansiedade é propenso à autoagressão, podemos observar nele um lambido excessivo e a ingestão de objetos não comestíveis, como por exemplo tecido.

4. Transtornos alimentares

Os transtornos alimentares também podem afetar os gatos, embora por motivos muito diferentes aos que se observam nos humanos. Os transtornos alimentos em gatos ocorrem principalmente por estresse, uma vez que o estresse afeta diretamente os hábitos alimentares.

Um gato com estresse pode perder por completo o apetite e inclusive chegar a apresentar má nutrição, outro comportamento que podemos ver em um gato estressado é o de comer de forma compulsiva e não tolerar bem a comida, vomitando no final.

5. Marcação de território

Um gato estressado sente que perdeu por completo o controle do seu meio e fará tudo o que for possível para o recuperar.

Um sinal evidente de estresse em gatos é a marcação de paredes e móveis grandes (incluindo o sofá), mais ainda quando este comportamento não tinha ocorrido antes. A marcação de território por estresse ocorre em forma de arranhões de cima para baixo, verticais.

O que fazer se o meu gato está estressado?

Se o seu gato está estressado tem à sua disposição múltiplos recursos que lhe irão permitir gerir melhor o estresse e melhorar a sua qualidade de vida, como por exemplo o uso de tranquilizantes naturais para gatos.

No entanto, é recomendável que em primeiro lugar consulte o veterinário para fazer uma avaliação do estado de saúde do seu gato, uma vez que como vimos o estresse pode ter repercussões muito importantes sobre o organismo do seu pet.

Este artigo é meramente informativo, no PeritoAnimal.com.br não temos capacidade para receitar tratamentos veterinários nem realizar nenhum tipo de diagnóstico. Sugerimos-lhe que leve o seu animal de estimação ao veterinário no caso de apresentar qualquer tipo de condição ou mal-estar.

Se deseja ler mais artigos parecidos a 5 sintomas de estresse em gatos, recomendamos-lhe que entre na nossa seção de Problemas mentais.

Comentários (3)

Escrever comentário sobre 5 sintomas de estresse em gatos

Adicione uma imagen
Clique para adicionar uma foto relacionada com o comentário
O que lhe pareceu o artigo?
3 comentários
A sua avaliação:
Flávia
Adotei um gato adulto há 3 meses. Percebi que o comportamento dele se compara aos descritos nessa matéria , sintomas de estresse. Já levei a dois veterinários, já fiz exames. A imunidade dele está baixa. Está tomando complexo vitamínico, mas não sei mais o que faço. Por favor, me diga o que fazer.
MARCIA
QUERO PARABENIZAR PELOS ARTIGOS BASTANTE ESCLARECEDORES. OBRIGADA PELA VALIOSA AJUDA!
ESTOU COM UMA GATINHA QUE A MÃE APARECEU AQUI AMAMENTANDO E DEPOIS FOI EMBORA DEIXANDO-A. ELA TEM DEMOSTRADO BASTANTE DIFICULDADES DE CHEGAR PERTO DE MIM E DOS MEUS FAMILIARES. MAS NO MOMENTO ELA ESTA BRINCANDO MAIS E ATE ENTRA NOS CÔMODOS DA CASA. MAS AINDA NÃO DEIXA SER TOCADA.
Mariana Castanheira (Editor/a de PeritoAnimal)
Oi Marcia! Aconselho a leitura deste nosso artigo, muito útil para que aprenda algumas dicas para socializar a sua nova gatinha: https://www.peritoanimal.com.br/socializar-um-gato-filhote-21622.html
BEATRIZ FERNANDA RUI
Alimento uma gata de rua. Na última ninhada, dispensou as duas fêmeas e ficou amamentando o filhote macho que foi dispensado quando entrou na época do cio. Acolhi o filhote mas em termos: alimento-o, ofereço carinho e atenção, brinco um pouco mas não tenho como trazer para minha casa onde há outra gata muito brava. Esse filhote não para de miar quando estou por perto. Chega a ser insuportável. Já dei vermífugo pensando em dores abdominais mas continua o mesmo. O que fazer?
Mariana Castanheira (Editor/a de PeritoAnimal)
Oi Beatriz! Existem muitas possíveis razões para o gato miar quando a vê. Leia este nosso artigo: https://www.peritoanimal.com.br/por-que-meu-gato-mia-tanto-20210.html

5 sintomas de estresse em gatos
1 de 7
5 sintomas de estresse em gatos