menu
Partilhar

Sintomas de um coelho estressado

 
Sintomas de um coelho estressado

Ver fichas de  Coelhos

Os coelhos são animais de estimação cada vez mais populares, pois geralmente são muito dóceis e podemos cuidar deles tranquilamente em um apartamento e, ao contrário dos cachorros, por exemplo, não demandam que os levemos para passear.

Além disso, os coelhos são muito fáceis de cuidar, embora, se não o fizermos corretamente, eles possam apresentar mudanças de comportamento. É por isso que neste artigo do PeritoAnimal vamos nos concentrar nos principais sintomas de um coelho estressado para que você possa detectá-los e tratá-los a tempo. Boa leitura.

Também lhe pode interessar: Como reduzir o estresse em gatos

O comportamento dos coelhos

Os coelhos, em geral, são animais que se estressam relativamente com certa facilidade. Não devemos esquecer que, em seu habitat natural, os coelhos são uma presa fácil para muitos predadores, como cães, raposas, lobos, homens... Por esta razão, tendem a se sentir estressados em muitas situações que podem parecer ameaçadoras para eles.

A presença de outros animais de estimação, ruídos ou a tentativa de pegá-los de surpresa pode ser considerada como uma ameaça por esses ternos animais. Por causa disso, é necessário nunca se aproximar do coelho de forma brusca, não gritar e, se acabamos de recebê-lo em nossa casa, conquistá-lo pouco a pouco.

Isto pode ser conseguido com contatos graduais, aproximando-se suavemente, oferecendo-lhes alimentos ou petiscos sem puni-los. Uma boa maneira de pegá-los no colo é utilizando uma mão debaixo do peito colocando a outra mão debaixo das costas do coelho para segurar seu peso. Os coelhos nunca devem ser segurados pelos ouvidos, em nenhuma hipótese.

Além disso, e embora as espécies de coelhos tenham sido domesticadas por muitos anos, em seu habitat natural vivem em tocas que abandonam para se movimentarem livremente pelo campo. Portanto, gaiolas excessivamente pequenas, sem enriquecimento ambiental (sem brinquedos ou materiais para roer), podem causar desconforto em um coelho de estimação.

Por outro lado, também é necessário levar em conta a limpeza da gaiola, já que os coelhos apreciam a higiene. Além de mantê-lo limpo e utilizar um substrato apropriado, como lascas de madeira ou celulose, é aconselhável reservar um canto para que eles possam fazer suas necessidades. A falta de higiene na gaiola também pode causar estresse em nosso animal de estimação.

E não devemos esquecer a temperatura, pois se ela não for adequada também pode causar estresse para o coelho. Recomenda-se mantê-lo afastado do sol direto e das correntes de ar.

A dor é também uma experiência estressante, com o agravante de que em muitas ocasiões é difícil detectar os sinais de dor nestes animais.

Uma boa maneira de entender os coelhos para saber se estão estressados ou com dor é aprender a reconhecer os sons dos coelhos e seus significados.

Sintomas de um coelho estressado - O comportamento dos coelhos

Sintomas de um coelho estressado

Neste artigo vamos considerar como situações estressantes aquelas que provocam medo no coelho, dor e também aquelas características do ambiente em que vive que podem fazer com que se sinta desconfortável. Neste outro artigo, por exemplo, já abordamos os motivos que explicam por que temos um coelho triste. A seguir explicamos os sintomas mais comuns de estresse nos coelhos e o que é possível ser feito para contornar a situação:

Sintomas de um coelho estressado - Sintomas de um coelho estressado

1. Grunhir, ranger os dentes ou chutar o chão

Grunhir, ranger os dentes ou chutar o chão são sinais de raiva e também de domínio se houver outros coelhos na jaula. Além disso, são sintomas claros de que o coelho está estressado e que você deve fazer algo para mudar essa situação. Se observar este comportamento, é bom prestar atenção para descobrir qual seria o motivo de seu incômodo para afastar essas possíveis "ameaças" ao coelho.

Neste outro artigo falamos sobre a convivência de gatos e coelhos que talvez seja útil para você. Neste outro, detalhamos os motivos que fazem com que um coelho te morda.

Sintomas de um coelho estressado - 1. Grunhir, ranger os dentes ou chutar o chão

2. Lamber excessivamente

Comportamentos como lambidas e auto-higiente muito constantes, roendo incessantemente os materiais na gaiola, podem ser um sinal de estresse ambiental. Estes comportamentos excessivos e repetitivos são conhecidos como estereotipias e são sinais de que o ambiente em que o coelho vive não é confortável para ele ou não permite que ele se sinta realizado. Se este for o caso de seu coelho, é aconselhável verificar se a gaiola tem o tamanho adequado, fornecer-lhe brinquedos e materiais para roer, assim como brincar com ele com mais frequência e prestar mais atenção nele para acabar com este sintoma de estresse no coelho.

Não perca este outro artigo em que mostramos como fazer brinquedos para coelhos.

3. Colocar as orelhas para trás

Jogar as orelhas para trás até ficarem bem próximas ao pescoço, assim como ficar parado ou encolher formando uma bola são sinais de medo e, portanto, um dos sintomas de um coelho estressado. O que ele está tentando fazer é encolher-se para passar despercebido pelos predadores.

Nesta situação, uma boa ideia é investigar se temos outros animais de estimação que ele teme, como cachorros ou gatos, se há cheiros ameaçadores no prédio ou na casa e se ele teme seu tutor. Se ele nos teme, devemos acostumá-lo com nossa presença, aproximando-nos dele cuidadosamente, sem gritar ou movimentos bruscos, sem que nada de ruim aconteça e sem puni-lo ou tentar pegá-lo no colo.

Sintomas de um coelho estressado - 3. Colocar as orelhas para trás

4. Gritar

Embora não seja nada frequente, os coelhos também podem gritar, pronunciando chiados agudos, o que indica medo e/ou angústia. É claro que qualquer tutor que ouve isto sabe que há algo de errado com seu coelho, mas isso não deve ser confundido com os rosnados intimidadores de que falamos e que denotam agressão.

5. Automutilação

Um sinal de dor extrema e, assim, um sintoma de estresse em coelhos bastante claro é a auto-mutilação. Muitas vezes, quando sentem dor, reagem de maneira semelhante a quando têm medo, ficam quietos e escondem seu desconforto para não parecerem vulneráveis e para não se tornarem presas fáceis. Mas, se a dor for muito intensa ou duradoura, especialmente se estiverem sentido em alguma extremidade do corpo, eles podem até mesmo cortar a parte que está doendo.

Assim, numa situação dessas você deve levá-lo ao veterinário urgentemente.

Agora que você já sabe como identificar um coelho estressado a partir de seus sintomas, não perca o vídeo a seguir em que falamos sobre como saber se o seu coelho te ama:

Se deseja ler mais artigos parecidos a Sintomas de um coelho estressado, recomendamos-lhe que entre na nossa seção de Problemas de comportamento.

Bibliografia
  • PDSA. Rabbit body language. Disponível em: <https://www.pdsa.org.uk/taking-care-of-your-pet/looking-after-your-pet/rabbits/rabbit-body-language>. Acesso em 10 de junho de 2021.
  • BBC. Rabbit stress. Disponível em: <https://www.bbc.co.uk/programmes/articles/2HrDKhCP3h95xsN4Cd0wNmv/rabbit-stress>. Acesso em 10 de junho de 2021.
  • RSPCA. Is may rabbit suffering from stress? Disponível em: <https://www.rspca.org.uk/adviceandwelfare/pets/rabbits/behaviour>. Acesso em 10 de junho de 2021.

Escrever comentário

Adicione uma imagen
Clique para adicionar uma foto relacionada com o comentário
O que lhe pareceu o artigo?

Sintomas de um coelho estressado
1 de 5
Sintomas de um coelho estressado

Voltar ao topo da página