menu
Partilhar

Posso usar água oxigenada no meu gato?

 
Por Laura García Ortiz, Veterinária especializada em medicina felina. 2 agosto 2022
Posso usar água oxigenada no meu gato?

Ver fichas de  Gatos

Você acha que é uma boa ideia desinfetar a ferida de um gato com água oxigenada? A água oxigenada é um composto que foi utilizado muito tempo devido ao seu efeito oxidante, sua capacidade antisséptica e antimicrobiana e por suas propriedades alvejantes na indústria. No entanto, a pele dos nossos gatos é muito sensível a este produto já que seu uso pode levar a abrasão, assim, se puder evitar ou diluir a mesma, melhor.

Existem outras opções antissépticas muito efetivas em gatos, especialmente a clorexidina, sendo altamente segura e efetiva, assim como o iodo povidona diluído. Se quer saber mais sobre a água oxigenada e seu uso na espécie felina, continue lendo este artigo do PeritoAnimal onde te contamos se a água oxigenada pode ser utilizada em gatos.

Também lhe pode interessar: Feridas em cachorros - Primeiros socorros

A água oxigenada é tóxica para os gatos?

A água oxigenada, também conhecida como peróxido de hidrogênio (H2O2), dioxógeno, peróxido de dihidrogênio ou dioxidano se trata de uma substância química que tem um aspecto líquido, mas um pouco mais viscoso que a água (H2O) e com um odor penetrante e certamente desagradável.

Trata-se de um composto muito instável que rapidamente se decompõe em água e oxigênio, liberando quantidades elevadas de calor. É utilizada:

  • Em concentrações de menos de 10%: para usos terapêuticos e clareadores de roupas e cabelo.
  • Em concentrações elevadas: para branquear pasta de papel e tecidos.
  • Em concentrações de 90%: como combustível de foguetes, bem como para fazer produtos químicos orgânicos e espuma de borracha.

O uso mais conhecido da água oxigenada entre a população em geral é por sua capacidade antimicrobiana, antibacteriana e antisséptica pelo seu efeito oxidante em concentrações não superiores a 6%. Este efeito oxidante produz OH- ou hidroxila, assim como radicais livres que atacam as proteínas e lipídios das membranas celulares dos micro-organismos. Mesmo que nos últimos anos seu uso foi reduzido pela popularidade de outros produtos com propriedades semelhantes e menos irritantes.

Cabe destacar que mesmo que a água oxigenada não produza uma intoxicação nos gatos, é verdade que pode chegar a ser abrasiva, assim nesta espécie é preferível o uso de outros produtos antissépticos como a clorexidina ou o iodo povidine para a desinfecção das feridas cirúrgicas ou não cirúrgicas.

Em caso de urgência e que somente se disponha de água oxigenada, esta deve ser misturada com água deionizada, como a que se utiliza para o ferro de passar roupa, para criar uma dissolução desinfetante menos irritante para a pele do seu gatinho.

O que acontece se um gato lamber água oxigenada?

Se utilizamos água oxigenada em uma ferida do gato é importante evitar que ele lamba o local e ingira este composto. Além do sabor ruim, esta substância pode induzir a náuseas e vômitos.

Além disso, a água oxigenada pode ser utilizada para induzir o vômito nos cachorros, mas tem que ter cuidado com os gatos, pois este produto pode chegar a ser mortal para esta espécie. Se o gato ingerir um pouco de água oxigenada após lamber provavelmente não lhe acontecerá nada além de sentir um sabor desagradável e um pouco de mal estar, mas não será nada grave ou chamativo.

Você deve evitar que seu gato ingira água oxigenada em produtos químicos como os de limpeza, mesmo que seja incomum, um gato curioso pode ingerir um pouco destes líquidos e ser realmente fatal.

Meu gato está vomitando, o que fazer? Não deixe de visitar este artigo do PeritoAnimal para descobrir a resposta.

Posso usar água oxigenada no meu gato? - O que acontece se um gato lamber água oxigenada?

Como desinfetar uma ferida de um gato?

É importante que todo tutor de gato conheça como se desinfecta uma ferida, especialmente as feridas superficiais de pouca gravidade, pois diante das feridas abertas profundas deve-se procurar um centro veterinário pois requer também realizar um correto desbridamento ou retirada de tecidos mortos da ferida com sedação.

Convêm saber que os passos a seguir no momento de cuidar adequadamente de uma ferida de um gato:

  • Limpeza da ferida: deve ser limpa com gaze estéril e soro fisiológico após aparar os pelos ao redor da ferida que podem estar predispondo a infecções e irritações.
  • Desinfecção da ferida: os melhores antissépticos para este passo nos gatos são, em primeiro lugar, clorexidina e, em segundo lugar, o iodo povidine (Betadine) diluída com água (1 parte de povidona por 10 de água) que deve ser aplicado na ferida com uma gaze estéril até cobrir a mesma com o produto.
  • Curativo da ferida com pomadas e outros tratamentos tópicos: podem ser utilizadas outras pomadas com componentes cicatrizantes para acelerar o processo sempre mediante prescrição do veterinário que tenha avaliado a ferida do seu gato e devem ser aplicados diretamente com luvas para não contaminar a ferida.
  • Proteção da ferida com colar elizabetano: o colar elizabetano é um objeto de proteção que impede que o gato chegue a lamber a ferida ao dificultar os movimentos do pescoço. Evitar que se lamba a ferida é fundamental para a boa cicatrização da mesma pois a língua do gato arrasta o novo tecido que dará lugar a recuperação da pele, retardando a cicatrização e predispondo à infecções.
  • Uso de antibióticos: em casos de feridas infectadas.

Agora que você já sabe que é bom evitar usar água oxigenada no gato, você pode se interessar por este artigo sobre primeiros socorros para feridas em gatos.

Este artigo é meramente informativo, no PeritoAnimal.com.br não temos capacidade para receitar tratamentos veterinários nem realizar nenhum tipo de diagnóstico. Sugerimos-lhe que leve o seu animal de estimação ao veterinário no caso de apresentar qualquer tipo de condição ou mal-estar.

Se deseja ler mais artigos parecidos a Posso usar água oxigenada no meu gato?, recomendamos-lhe que entre na nossa seção de Primeiros socorros.

Bibliografia
  • G. Pérez. (2018). Primeros auxilios para gatos. Arcopress S.L.

Escrever comentário

Adicione uma imagen
Clique para adicionar uma foto relacionada com o comentário
O que lhe pareceu o artigo?
Posso usar água oxigenada no meu gato?
1 de 2
Posso usar água oxigenada no meu gato?

Voltar ao topo da página