menu
Partilhar

Por que meu gato só come quando estou perto?

Por Eduarda Piamore, Técnica em psicologia, educação e adestramento canino e felino. 30 julho 2022
Por que meu gato só come quando estou perto?

Ver fichas de  Gatos

Para muitos tutores é curioso constatar que seus gatinhos não querem comer durante sua ausência ou "exigem" que estejam perto enquanto desfrutam seus alimentos. Geralmente, este comportamento deriva de um hábito adquirido durante a infância do felino. No entanto, também é importante averiguar se o gatinho se sente seguro e cômodo em casa ou se está muito tímido, medroso ou passa grande parte do tempo escondido.

Você se identifica com esta situação? Por que seu gato só come quando você está perto? Neste artigo do PeritoAnimal explicaremos os motivos deste comportamento felino e também oferecemos algumas dicas para fazer com que o gatinho possa comer sozinho. Boa leitura.

Também lhe pode interessar: Por que meu gato come moscas?

Os gatos são animais de hábitos

Os gatos ganharam uma "má fama" de serem exigentes e um pouco caprichosos em relação ao seu paladar e aos seus hábitos alimentícios. No entanto, devemos considerar que muitos destes supostos "caprichos", na realidade, são criados ou favorecidos por alguns costumes que nós mesmos incluímos na rotina de nossos gatinhos. Se o gato só como quando você está perto ou fica observando ele enquanto se alimenta, é muito provável que este hábito tenha sido implementado durante sua infância e educação inicial. Mas por que isso acontece? Te explicaremos.

Primeiro, é importante entender que os felinos se apegam a uma rotina como uma forma de preservar sua saúde e bem-estar, assim como para evitar situações perigosas ou desfavoráveis. Embora os hábitos compreendem grande parte da rotina dos gatos, ela também inclui sua alimentação, seus horários, suas brincadeiras, os estímulos e objetos do seu ambiente, e até os demais indivíduos que compõem seu entorno.

Quando adotamos um gatinho, é natural que desejemos garantir que nosso novo companheiro receba os melhores cuidados e receba uma alimentação adequada para fortalecer seu organismo e se desenvolver com boa saúde. Por isso, muitos tutores podem observar e acompanhar seus gatos (especialmente os filhotes) enquanto se alimentam.

Mesmo que esta atitude não seja errada nem "má" (já que realmente é essencial garantir que nossos gatinhos comam regularmente), pode ser a explicação do porquê seu gato quer que você o acompanhe enquanto come. Os gatinhos se acostumam a contar com a presença do seu tutor durante sua alimentação e mantém esse hábito na fase adulta. Logo, podem se negar a comer se estiverem sozinhos em casa.

Neste outro artigo respondemos a esta pergunta: por que meu gato é tão carente?

Por que meu gato só come quando estou perto? - Os gatos são animais de hábitos

Todos os animais necessitam de um ambiente seguro para se alimentar

Na vida silvestre, o momento de se alimentar é extremamente delicado para os felinos, já que se tornam mais vulneráveis a diversos perigos, como ao ataque de predadores. Para ingerir seu alimento, o animal deve se expor e seus sentidos podem não estar focados no seu entorno (comer também requer uma dose de concentração e dedicação). Neste momento, qualquer "ataque surpresa" poderia ser letal, já que o animal está um pouco distraído com sua comida e pode ficar mais lento que o normal, não tendo tempo para escapar ou se defender.

Mesmo que nosso lar não se pareça quase nada a um habitat selvagem, nossos gatinhos também se sentirão mais vulneráveis no momento de se alimentar. Por isso, devem contar com um ambiente tranquilo e positivo, onde se sintam seguros para comer seus alimentos e desfrutar de uma nutrição adequada. Para muitos gatos, a presença do seu tutor é essencial para gerar essa sensação de segurança que necessitam para desfrutar a sua comida.

Sabemos que é muito gratificante sentir que nossos felinos nos querem bem e que nossa presença lhes provoca bons sentimentos, como segurança, confiança e paz. Mas é importante nos questionarmos o por que um gato não consegue se sentir seguro quando está sozinho em casa.

Se você recém adotou um gatinho, é possível que seu filhote ainda não tenha se adaptado ao seu novo lar, por isso pode não se sentir cômodo ou seguro para se alimentar quando está sozinho.

Talvez você possa se interessar por este artigo em que falamos por que seu gato te segue em todos os lugares.

O que devo fazer se meu gato só comer quando eu estiver perto?

Mesmo que muitos tutores "normalizem" o fato de que seus gatos não comam enquanto estão sozinhos, é importante ter cuidado ao reforçar esse comportamento. No dia a dia, pode parecer que este hábito não impacta negativamente na nutrição do gatinho. No entanto, o problema pode aparecer quando os tutores querem sair de férias ou quando passam várias horas fora de casa.

Se você se ausenta por muito tempo e teu gato não quer comer sozinho, isso significa que seu organismo irá passar por um jejum prolongado. Ao ficar muitas horas sem comer, os animais acumulam fluídos digestivos no seu estômago. Isso provoca uma intensa irritação e inflamação das mucosas estomacais, e pode fazer com que o gato tenha vômitos com bile. Se os jejuns prolongados são frequentes, esta inflamação pode gerar também úlceras no trato intestinal, prejudicando a saúde do gatinho.

Então, o que devemos fazer se o gato não quiser comer sozinho? Antes de tudo, necessitaremos ter muita paciência, pois mudar hábitos nunca é algo fácil. Para eliminar este hábito do gatinho, começaremos por mudar sua tigela de comida de lugar dentro de casa. Por exemplo: se a tigela do gato estiver na sala, a mudaremos para a cozinha ou outro local. É importante escolher um ambiente limpo, seguro e bem acondicionado, onde o gato possa se sentir seguro para entrar e se alimentar. Também deve estar longe da caixa de areia ou da água.

No começo, faremos este movimento da tigela de comida enquanto estamos em casa, mas não devemos permanecer no mesmo cômodo onde colocamos a tigela. O objetivo é fazer com que seu gatinho aprenda, aos poucos, a comer em um local onde você não esteja. Quando observar que seu gatinho começou a se sentir confortável comendo sozinho em outro cômodo, poderá passar para o "próximo nível" de adaptação. Agora, deixará seu alimento favorito na sua tigela (no mesmo local elegido durante a primeira etapa), mas você deverá sair de casa.

Para estimular seu apetite e curiosidade, podemos oferecer algum patê ou uma saborosa comida úmida caseira, que tenha os aromas, sabores e texturas favoritos dele. Os felinos, na vida silvestre, comem a carne das suas presas enquanto ainda estão com a temperatura corporal alta (entre 36,5ºC e 38ºC). Por isso, podemos aquecer suavemente o alimento antes de servir ao gatinho, o que será muito bom para despertar seu interesse pela comida.

Se este processo não for eficaz, o melhor será buscar a orientação profissional de um especialista em etologia felina. Como sempre mencionamos, cada felino é um indivíduo singular, que tem uma personalidade única. Por isso, é importante contar com a ajuda de um profissional para compreender melhor o comportamento do seu gatinho e estabelecer um processo de adaptação adequado à suas necessidades específicas.

Por que meu gato só come quando estou perto? - O que devo fazer se meu gato só comer quando eu estiver perto?

Enriquecer o ambiente do seu gatinho também ajudará

Ao contar com um ambiente enriquecido, onde encontre jogos, arranhadores, complementos e estímulos sensoriais que lhe permita exercitar seu corpo e sua mente, seu gato gastará mais energia e, lógico, deverá sentir a necessidade de comer para saciar sua fome e repor os nutrientes essenciais para seu organismo. Além disso, uma boa estimulação física e mental é essencial para preservar sua saúde e prevenir os problemas de comportamento associados ao estresse e aborrecimento.

Neste outro artigo te mostramos 10 brincadeiras para gatos.

Meu gato não quer comer e tem outros sintomas, o que fazer?

Se você observa que seu gato não quer comer ou apresenta algum sintoma como vômitos, diarreia, letargia ou mudanças de comportamento, não deixe de consultar um veterinário de confiança. Algumas enfermidades podem alterar o apetite do seu gatinho e afetar seu trato digestivo. Além disso, a acumulação de bolas de pelos em seu trato intestinal também pode fazer com que seu gato deixe de comer repentinamente. Em ambos os casos, é fundamental contar com a experiência do veterinário para estabelecer um tratamento adequado.

Também é importante dar atenção na qualidade da comida que proporcionamos aos nossos gatinhos. Se você oferece uma ração de baixa qualidade ao gato, é possível que ele rejeite. Por isso, lembre-se de preferir rações de alta qualidade (linha Premium) como base da dieta do seu gatinho. Além disso, pode considerar iniciar uma dieta natural, que oferece vários benefícios para sua saúde, como facilitar o processo digestivo, evitar a formação de tártaro e fortalecer seu sistema imunológico.

Agora que você já sabe por que o gato só come quando está perto de você, não perca o vídeo a seguir no qual explicamos por que um gato filhote não quer comer:

Se deseja ler mais artigos parecidos a Por que meu gato só come quando estou perto?, recomendamos-lhe que entre na nossa seção de Curiosidades do mundo animal.

Escrever comentário

Adicione uma imagen
Clique para adicionar uma foto relacionada com o comentário
O que lhe pareceu o artigo?
1 comentário
A sua avaliação:
Silvia
Olá. Sempre recebia e-mails de vocês. Meu interesse é por gatinhos; Não sei pq pararam de mandar
Agradeceria se voltasse a receber
Abraços
Equipe editorial do PeritoAnimal (Editor/a de PeritoAnimal)
Olá, Silvia. Tudo bem? Sim, retiramos nosso envio de e-mails, mas você pode continuar nos acompanhando aqui no site, no Facebook e também no instagram @peritoanimal.
Um abraço da equipe do PeritoAnimal!
Por que meu gato só come quando estou perto?
1 de 3
Por que meu gato só come quando estou perto?

Voltar ao topo da página