menu
Partilhar

Por que meu cachorro não me deixa tocar nele?

 
Por Mercè Garcia, Adestradora canina especializada em mudança de comportamento. 17 agosto 2021
Por que meu cachorro não me deixa tocar nele?

Ver fichas de  Cachorros

O manuseio do cachorro deve ser trabalhado desde sua fase filhote, caso contrário, podem surgir problemas de comportamento ao acariciá-lo, quando estranhos se aproximam, no veterinário e até mesmo entre membros da própria família. No entanto, devemos diferenciar aqueles casos em que um cachorro nunca deixa ser tocado por aqueles nos quais observamos uma mudança de comportamento.

Neste artigo do PeritoAnimal explicaremos por que ocorre e o que fazer quando um cachorro não te deixa tocar nele. Siga nossas dicas e não esqueça de ir a um etólogo ou educador canino se este problema for muito grave para tentar solucionar por si mesmo, não se esqueça.

Também lhe pode interessar: Meu cachorro não me obedece, o que fazer?

Por que meu cachorro não me deixa tocar nele?

Se um cachorro não gosta de ser tocado, saiba que a manipulação do cachorro deve começar quando ele é ainda filhote, em sua etapa de socialização, para que se acostume corretamente ao contato social e a receber carícias de sua família humana. Caso contrário, em sua fase adulta, o cachorro pode interpretar a manipulação, ou seja, o fato de ser tocado ou segurado no colo, como uma invasão do seu espaço pessoal, reagindo de duas formas: fugindo ou atacando.

Outros fatores que podem provocar essa situação são o desmame prematuro do filhote, sofrer de uma doença dolorosa (que pode ou não ter sido curada) e até devido ao aprendizado. Se não manipulamos um cachorro corretamente (machucando-o, por exemplo) ou de uma maneira que ele considera desagradável, pode começar a rejeitar o contato social, algo que ele mesmo reforça quando foge ou tenta nos agredir.

A causa mais comum deste problema é ter sofrido uma experiência traumática, seja com o veterinário, crianças e até com os próprios membros da família, que fizeram sem perceber.

O cachorro não deixa ser tocado em determinadas partes do corpo

Pode acontecer também que um cachorro tente evitar que toquemos determinadas partes do corpo, como as patas, cabeça, orelhas ou a cauda. Há casos, inclusive, de cachorros que choram ao serem tocados. Nestes casos, devemos ter certeza de que nosso cachorro não sofre de um problema de saúde que esteja ocasionando a rejeição.

Ir ao veterinário antes de começar um tratamento será fundamental para garantir que sua mudança de comportamento não se deve a uma possível doença. A displasia de quadril, os ácaros nas orelhas do cachorro ou a amputação da cauda (uma prática que nunca deve ser realizada) são as causas mais comuns que podem causar dor.

Lembremos também que se a doença foi uma experiência traumática para o cachorro, ele pode continuar reagindo negativamente mesmo quando não sente mais dor, simplesmente por causa da lembrança. Se ele reagir de forma agressiva quando você tentar tocá-lo ou segurá-lo, recomendamos que você acostume seu cachorro à focinheira para poder ir ao centro veterinário. Este exercício deve ser trabalhado algumas semanas antes de ir, para que o cão não perceba de maneira negativa.

Por que meu cachorro não me deixa tocar nele? - Por que meu cachorro não me deixa tocar nele?

O que fazer quando um cachorro não deixa ser tocado?

Começaremos identificando os sinais de calma do cachorro, ou seja, interpretando a linguagem corporal do nosso melhor amigo. Em geral, evitaremos o contato com ele quando ele virar a cabeça, virar de costas ou se lambe nervosamente, não o acariciaremos se parecer paralisado, adquirir postura de medo (orelhas para trás, cauda entre as pernas e atitude defensiva). Devemos entender que ele fala conosco durante todo o tempo, portanto, temos que aprender a interpretá-lo e respeitá-lo. Devemos evitar também nos jogar sobre o cachorro (nos inclinar sobre ele), encurralá-lo ou olhá-lo fixamente e desafiadoramente.

Pelo contrário, devemos tentar que o cachorro se aproxime de nós, sempre sem obrigá-lo, por meio de prêmios, brinquedos e usando uma voz aguda e muito doce. Então, premiaremos a aproximação com guloseimas saborosas (por exemplo, com pedacinhos de salsichas sem sal) ou com o que mais gosta. A ideia desse processo é tentar que, aos poucos, ele se abra conosco e procure por si mesmo o contato físico.

Este é um processo que pode levar algumas semanas, até meses, mas existirão casos específicos nos quais um cachorro demorará muito mais tempo para demonstrar algum tipo de aproximação. Devemos ser pacientes e continuar reforçando e facilitando cada passo que nosso cachorro dá para nós. Não esqueça que se mais tarde você o castigar por qualquer motivo e de forma inadequada, principalmente quando estiver perto, seu cachorro pode voltar a ter medo e não servirá de nada o processo que fez até agora. Você deve tentar criar um vínculo forte com seu cachorro que não se quebre, sob nenhuma circunstância.

Uma vez que seu cachorro comece a se aproximar ou a se deixar tocar em algumas partes do corpo, não se assuste ou seja invasivo, você deve tentar realizar um processo progressivo e que o cachorro possa "esperar", por exemplo, você pode começar tocando suas bochechas ou o corpo e ir avançando até o final do corpo, sempre aos poucos.

Ao longo desse processo devemos nos certificar que nosso cachorro não sofra nenhuma experiência que possa atrapalhar o processo, como por exemplo, uma criança puxando seu rabo ou que um desconhecido tente acariciar onde não deve. Devemos ser mais rápidos e evitar rapidamente essas situações com um "não chegue perto por favor, meu cachorro morde", mesmo que não seja verdade.

Por que meu cachorro não me deixa tocar nele? - O que fazer quando um cachorro não deixa ser tocado?

Bem-estar e enriquecimento ambiental

Ao mesmo tempo que encorajamos a aproximação do cachorro e a manipulação, devemos proporcionar ao nosso melhor amigo peludo alguns cuidados extras que nos ajudarão a avançar nesse processo. Se tratam de dicas básicas, mas às vezes podem ser esquecidas:

  • Elabore uma rotina definida de passeios e comidas, sempre à mesma hora. Isso ajuda o cachorro a ganhar previsibilidade e a ter mais confiança em nós.
  • Ofereça passeios de qualidade, permitindo que cheire todo o tipo de plantas e urine (não se preocupe, se tiver seguido o calendário de vacinação não tem por que adoecer), bem como permitir que interaja com outros cachorros se possível.
  • Pratique exercícios com seu cachorro, por exemplo fazendo um pequeno circuito de Agility improvisado no parque ou indo com ele à praia ou à montanha para queimar energia.
  • Crie uma área segura para seu cachorro, ou seja, um "ninho" onde ele possa se refugiar quando quiser. Deve ficar longe de qualquer área de passeio e pode ser uma simples caixa de papelão. Nesse local, seu cachorro nunca deve ser incomodado.
  • Ensine exercícios ao seu cachorro, mesmo que sejam de obediência básica. Aprender diferentes comandos por meio do reforço positivo será muito bom para melhorar o vínculo de vocês.
  • Estimule-o mentalmente através de brinquedos, como o kong ou brinquedos interativos que reforçam o comportamento exploratório do cachorro.
  • Ofereça a ele muito carinho e cuide dele, mesmo que não possa tocá-lo, ele vai te entender.
Por que meu cachorro não me deixa tocar nele? - Bem-estar e enriquecimento ambiental

Meu cachorro ainda não me deixa tocar nele

Se, apesar de seguir as dicas que lhe demos anteriormente, seu cachorro continua sem se deixar que você toque nele, será o momento de ir a um especialista: educador canino, etólogo ou adestrador, que trabalhe sempre com reforço positivo.

O especialista escolhido nos ajudará a trabalhar sessões de modificação de comportamento controladas para que nosso cachorro aprenda a relacionar de maneira positiva as pessoas e o contato físico.

Agora que você sabe o que fazer quando um cachorro tem medo de ser tocado ou simplesmente não gosta disso, recomendamos a leitura do artigo como fazer o cachorro parar de latir quando toca a campainha.

Por que meu cachorro não me deixa tocar nele? - Meu cachorro ainda não me deixa tocar nele

Se deseja ler mais artigos parecidos a Por que meu cachorro não me deixa tocar nele?, recomendamos-lhe que entre na nossa seção de Problemas de comportamento.

Escrever comentário

Adicione uma imagen
Clique para adicionar uma foto relacionada com o comentário
O que lhe pareceu o artigo?

Por que meu cachorro não me deixa tocar nele?
1 de 5
Por que meu cachorro não me deixa tocar nele?

Voltar ao topo da página