menu
Partilhar

10 erros comuns ao passear com o cachorro

 
Por Mercè Garcia, Adestradora canina especializada em mudança de comportamento. 17 abril 2023
10 erros comuns ao passear com o cachorro

Ver fichas de  Cachorros

Passear com o cachorro corretamente é uma rotina fundamental para os cães, pois dependem disso para poderem fazer suas necessidades. No entanto, o passeio oferece muitos outros benefícios, como a possibilidade de socializar, receber estímulos ambientais ou realizar exercício. Geralmente, por desconhecimento, muitos tutores cometem certos erros durante o passeio que repercutem diretamente no bem-estar de seus cães.

Você quer aprender a evitá-los? Neste artigo do PeritoAnimal, explicaremos 10 erros comuns ao passear com o cachorro que você deve evitar, mas também explicaremos por que e algumas alternativas a serem consideradas. Continue lendo para descobrir alguns pontos importantes sobre o passeio dos cães!

Também lhe pode interessar: 5 erros comuns ao repreender um cachorro

1. Não deixar seu cachorro cheirar o ambiente

É normal sentir uma ligeira sensação de nojo ao observar o seu cão cheirando xixi e sujeira do chão. No entanto, você deve entender que faz parte da natureza dos cães. Quando eles fazem isso, duas coisas muito importantes acontecem:

  • Eles relaxam: cães estressados ou muito inquietos se beneficiam de cheirar sem serem pressionados. Isso permite que eles relaxem e canalizem seu nervosismo;
  • Eles recebem informações do ambiente: a urina dos outros cachorros informa seu cão sobre quem convive na mesma área, isto é, se são machos, fêmeas ou filhotes. Tudo isso ajuda ele a se orientar e entender melhor onde vive e quem transita pela sua região.

Se o seu cão está adequadamente vacinado, você não precisa se preocupar, ele não vai pegar nenhuma doença. No entanto, você pode escolher passear com o cachorro por lugares mais arborizados para evitar a sujeira excessiva que é comum em ambientes urbanos.

Mas... o que acontece quando um cão não cheira nada? Se o seu cão parece não mostrar nenhum interesse em cheirar outros xixis, flores ou cantos, pode ser um problema de estresse. Você o percebe nervoso? Agitado? Ensine-o a farejar usando a seguinte técnica:

  1. Posicione-se em um local arborizado ou minimamente limpo;
  2. Procure um terreno irregular para isso;
  3. Espalhe ração no chão;
  4. Espere até que o cão, cheirando, encontre a comida;
  5. Se o seu cão não encontrar, ajude-o e guie-o.
10 erros comuns ao passear com o cachorro - 1. Não deixar seu cachorro cheirar o ambiente

2. Puxar a coleira quando o cachorro também está puxando

Vamos ser sinceros com você: você não vai conseguir nada puxando a coleira. No PeritoAnimal estamos cansados de ver maus conselhos circulando na internet. Embora você possa não acreditar, puxar a coleira do seu cachorro causa estresse e possíveis complicações de saúde, como pressão intraocular ou problemas de garganta. Pare imediatamente.

Para evitar que o cachorro puxe a coleira, você deve ensiná-lo a caminhar ao seu lado, mas se isso não for possível ou se o seu cão for muito grande e precisar ser controlado em certas situações, é melhor comprar um arnês anti-puxão como o que você vê na imagem. Também é recomendado modificar os hábitos de caminhada, conforme mostrado em nosso artigo sobre como ensinar o cachorro a usar a coleira e guia.

10 erros comuns ao passear com o cachorro - 2. Puxar a coleira quando o cachorro também está puxando

3. Gritar ou bater nele quando ele fica com raiva de outro cachorro

Esta atitude é totalmente reprovável: nunca se deve bater num cão. Se observar que ele late ou tenta atacar outros cães, deve procurar um profissional, sair rapidamente do local ou, pelo menos, informar-se sobre as diretrizes que deve seguir, sempre utilizando o reforço positivo. Ao castigar um cão na presença de outros, está associando outros cães a coisas negativas, o que pode aumentar a agressividade.

Assim como faria com um filho, você deve procurar fazê-lo sentir-se bem e ajudá-lo a superar seus problemas ou medos de maneira adequada. Procure um etólogo se necessário. Usar a agressividade só fará com que o seu cão passe por um momento ruim e a sua relação com outros cães não se desenvolva para melhor.

A melhor forma de educar um cão é ensinando-lhe a se comportar. Se durante o passeio você estiver nervoso, tenso e agressivo, o próprio animal transmitirá isso e seguirá o exemplo. É melhor passear com o cachorro de forma tranquila e relaxada, evitando situações que possam desencadear uma reação negativa.

10 erros comuns ao passear com o cachorro - 3. Gritar ou bater nele quando ele fica com raiva de outro cachorro

4. Não permitir que ele se relacione com outros cães ou pessoas

Outro dos erros mais comuns ao passear com o cachorro é este: com exceção dos cães que apresentam comportamento agressivo com outros, é muito importante permitir que nosso cão se relacione com outros. É fundamental que os animais possam se relacionar entre si, além de fazer isso com a gente.

Você pode ir a uma praça, parque de cachorros ou simplesmente encontrar um cão da mesma área para passear. Às vezes, podem surgir conflitos, mas isso não deve fazer você perder a vontade de socializá-lo, já que é muito importante para garantir que continue sendo um cão social e afetuoso.

10 erros comuns ao passear com o cachorro - 4. Não permitir que ele se relacione com outros cães ou pessoas

5. Fazer uma caminhada muito curta ou muito longa

Você precisa entender que cada cão é único e tem necessidades específicas em relação aos hábitos de passeio: cães mais nervosos precisarão de mais tempo, cães idosos precisam de tranquilidade e aqueles com dificuldade respiratória devem ser menos expostos ao calor intenso (como é o caso dos pugs).

Você deve analisar as necessidades do seu cão de forma específica e exercitá-lo conforme o necessário com diferentes atividades físicas, sempre adaptadas a ele e ao seu ritmo.

Em geral, para passear com o cachorro corretamente, o tempo de duração deverá ser de algo entre 20 e 30 minutos e ser repetido duas a três vezes ao dia. Esforce-se para oferecer um passeio adequado ao seu cão e você notará um comportamento melhor, uma atitude mais positiva e felicidade em seus olhos.

10 erros comuns ao passear com o cachorro - 5. Fazer uma caminhada muito curta ou muito longa

6. Deixá-lo roer a coleira

Embora este comportamento possa indicar excitação e alegria pelo passeio, também está mostrando que o cão está alterado e um pouco estressado. Além disso, as coleiras geralmente têm elementos metálicos, algo que pode danificar os dentes do nosso melhor amigo. Por isso, se o seu cão estiver roendo a coleira, a melhor coisa que você pode fazer é levar um mordedor ou outro tipo de brinquedo para distraí-lo.

10 erros comuns ao passear com o cachorro - 6. Deixá-lo roer a coleira

7. Não colocar um identificador nele

Muita atenção neste erro bastante comum ao passear com o cachorro, pois este ponto é especialmente importante em cães que têm medo de carros, de pessoas ou têm medo generalizado, pois eles podem escapar acidentalmente em situações estressantes. No entanto, também é importante em cães estáveis ou treinados. Você pode colocar uma identificação em sua coleira com o nome dele e seu número, por exemplo.

10 erros comuns ao passear com o cachorro - 7. Não colocar um identificador nele

8. Não variar a rota da caminhada

É muito importante variar a rota dos passeios com os cachorros de vez em quando, para que nosso cão se sinta estimulado por novos ambientes, cães e objetos que nossa cidade oferece. Sempre é desejável ir a áreas arborizadas e cheias de vegetação ou praias, mas se não for possível, basta mudar de ruas e optar por uma nova rota ou um novo "parcão".

10 erros comuns ao passear com o cachorro - 8. Não variar a rota da caminhada

9. Não deixá-los por 5 minutos sem coleira

Muitos etólogos e treinadores de cães concordam que dar cinco minutos diários de liberdade sem coleira oferece ao nosso cão um estímulo extra e bem-estar, permitindo-lhe explorar por conta própria um ambiente, algo muito positivo para ele. Se o nosso cão não responde bem ao treinamento, é sempre recomendável ir a uma área cercada.

10 erros comuns ao passear com o cachorro - 9. Não deixá-los por 5 minutos sem coleira

10. Não estar atento ao cão

Para finalizar esta lista dos 10 erros mais comuns ao passear com o cachorro, gostaríamos de lembrar a importância de estar atento ao nosso companheiro durante todo o passeio. É imprescindível para evitar que ele possa comer algo do chão ou, simplesmente, para detectar sua comunicação corporal e conhecer melhor o que ele gosta e o que não gosta.

Ainda assim, lembre-se de que o passeio é o momento do cachorro, então dedicar todo o seu esforço para fazê-lo feliz e animado durante este momento do dia é sua obrigação. Faça de cada passeio um período maravilhoso para ele!

10 erros comuns ao passear com o cachorro - 10. Não estar atento ao cão

Se deseja ler mais artigos parecidos a 10 erros comuns ao passear com o cachorro, recomendamos-lhe que entre na nossa seção de Educação básica.

Escrever comentário

Adicione uma imagen
Clique para adicionar uma foto relacionada com o comentário
O que lhe pareceu o artigo?
10 erros comuns ao passear com o cachorro
1 de 11
10 erros comuns ao passear com o cachorro

Voltar ao topo da página