Partilhar

Por que meu cachorro late para o nada?

 
Por Jungla Luque, Etóloga e adestradora canina. 18 agosto 2020
Por que meu cachorro late para o nada?

Ver fichas de  Cachorros

Sem sombra de dúvida, há poucas coisas mais características dos cachorros do que seus latidos. Essa vocalização particular que os cachorros emitem ocorre em todos os tipos de situações cotidianas e não chama muito a nossa atenção, desde que não sejam latidos excessivos. Mas às vezes, e para surpresa de muitos donos, há casos em que o cachorro late sem um motivo aparente.

Esse fato gera dúvidas e superstições em muitas pessoas. Será que os cachorros têm um sexto sentido e latem para fenômenos paranormais? Ou existe uma explicação mais razoável por trás desse comportamento repentino? Se você está curioso e se perguntando por que o cachorro late para o nada, te convidamos a ler este artigo do PeritoAnimal no qual tentaremos responder a essas perguntas.

Também lhe pode interessar: Por que meu Yorkshire late muito?

Por que os cachorros latem?

O latido é uma das vocalizações mais comuns dos cachorros, pois todos os cães latem em maior ou menor medida. Cada cachorro também tem sua forma peculiar de latir, já que algumas raças, como o Husky Siberiano, emitem latidos muito semelhantes aos uivos e esses, por sua vez, nada têm a ver com o latido de um chihuahua.

Este som peculiar é característico apenas dos cachorros porque, para a surpresa de algumas pessoas, os lobos adultos e outros canídeos selvagens, como o coiote, não conseguem latir.

O que isso significa? Que todos os canídeos adultos que vivem na natureza não latem, mas os cachorros sim, porque é o grito que eles emitem como uma chamada de emergência quando estão com medo, desconforto ou quando estão com fome.

Isso significa que durante o processo de domesticação do antepassado dos cachorros (que também é o antepassado dos lobos atuais), foram selecionados e reproduzidos os cães que conservavam as características próprias dos cachorros, processo conhecido como neotenização.

No entanto, nem todos os latidos que os cachorros vocalizam têm o mesmo significado, já que a intenção com que eles emitem latidos rápidos e curtos é muito diferente daquela dos latidos lentos e intercalados com rosnados, por exemplo.

Seja como for, todos os latidos têm uma intenção comum, a de comunicar, ou seja, de expressar seu estado de espírito e intenções. O latido de um cachorro é produzido principalmente com as seguintes finalidades:

  • Chamar a atenção, seja do tutor, de cachorros ou de outros animais.
  • Alertar quando percebem alguém desconhecido em seu território.
  • Alertar quando percebem um objeto ameaçador para eles (como um carro).
  • Avisar que estão preparados para se defender e atacar, se for necessário.
  • Indicar que algo o está incomodando, ou que se sente estressado.
  • Quando está alegre, seja brincando ou te recebendo quando chega em casa.
  • Quando se sente sozinho e quer companhia.

Por que o cachorro late para o nada?

Os cachorros são animais que possuem alguns sentidos mais desenvolvidos que os nossos, como o olfato ou a audição. No entanto, não existe qualquer evidência de que eles possuam uma estrutura cerebral que os dota de um “sexto sentido” que nós não temos, ou seja, os canídeos têm os mesmos sentidos que nós, no que diz respeito à percepção de estímulos externos: visão, audição, olfato, paladar e tato, bem como a capacidade de perceber estímulos internos: o sentido de equilíbrio, fome, dor, etc.

Existem outras explicações mais realistas de por que um cachorro pode latir, aparentemente sem motivo, que não estão relacionadas a algum tipo de percepção "extrassensorial". Em vez disso, as causas mais comuns de um cachorro latindo para o nada são:

Sentidos mais desenvolvidos

Como já discutimos, os cachorros possuem alguns sentidos mais desenvolvidos do que nós. Portanto, é crível que se um cachorro late para o nada de vez em quando, é porque ele cheirou algo ou ouviu algum ruído que você não foi capaz de perceber, como o som de uma sirene ao longe ou um cheiro estranho no ambiente que o deixou preocupado.

Quer chamar sua atenção

Essa causa é bastante comum e muitas vezes os donos nem percebem. Alguns cachorros que se sentem entediados e frustrados ou que precisam muito da atenção de seus companheiros para se sentirem protegidos (por exemplo, caso sofram de ansiedade de separação), percebem que latindo eles conseguem que seu tutor humano lhes dê atenção. E é por meio dessa associação de ações que o peludo aprende a ideia de que, toda vez que latir, receberá a atenção da qual precisa.

É por esta razão que algumas pessoas podem acreditar que seu cachorro está latindo sem motivo, quando na verdade, ele está latindo porque sabe que assim conseguirá a atenção de seu dono.

Você também pode se interessar por como evitar que meu cachorro lata quando está sozinho.

Não está bem

O cachorro latindo para o nada, em muitas ocasiões, também é uma indicação clara de que o bem estar do cachorro não está totalmente coberto. Pode ser que se sinta estressado ou ansioso porque não sai para passear o suficiente e, portanto, tem excesso de energia. Também pode ser porque ele se sente inseguro quando não está com seu dono, o que desencadeia ansiedade por separação.

Por outro lado, você nunca pode descartar a possibilidade de que ele esteja latindo ou uivando porque está doente ou com dores físicas.

Ele percebe seu estado de ânimo

Os cachorros também têm a capacidade de perceber as emoções de seus amigos humanos. Isso implica que ele é capaz de perceber sua alegria, tristeza, raiva...

É por isso que, se por algum motivo você está nervoso ou estressado, pode ser que, sem perceber, esteja transmitindo o seu humor direta ou indiretamente para seu cachorro. Isso o afeta e ele manifesta através dos latidos.

Estereotipia

Comportamentos estereotipados ou compulsivos são realmente alarmantes, uma vez que esse tipo de comportamento tem um desenvolvimento insidioso, difícil de detectar e praticamente sem solução.

Mas o que queremos dizer com estereotipia? Esse tipo de comportamento são ações que o cachorro realiza de forma contínua e repetitiva porque se autorreforçam, ou seja, o próprio cérebro recompensa a ação criando um loop de feedback, no qual o cachorro late e "desfruta" o ato de fazê-lo. O latido compulsivo é caracterizado por ser repetitivo, monótono, e pelo fato de o cachorro poder latir constantemente por um longo tempo, sem motivação aparente.

Esses casos ocorrem quando o cachorro vive em um ambiente muito precário ou com falta de estímulos. A falta de estímulo, frustração e desconforto geral é tanta, que a única forma de entretenimento que o cachorro possui é latir, entre outros comportamentos compulsivos, como perseguir o rabo ou até mesmo se ferir. Um exemplo dessas situações são os cachorros que vivem em pátios sem sair nunca, ou ficam amarrados o dia todo, situações de evidente abuso.

Velhice e deterioramento cognitivo

Por último, os cachorros de idade avançada também sofrem de demência, uma vez que passam por um deterioramento da capacidade cognitiva. Então, se o seu cachorro for mais velho, não é surpreendente que ele comece a apresentar comportamentos incomuns, como latir para o nada.

Te explicamos aqui mais sobre a demência senil em cachorros - Sintomas e tratamento.

Por que meu cachorro late para o nada? - Por que o cachorro late para o nada?

Cachorro latindo para o nada, o que fazer?

Como você viu, o fato de seu cachorro latir sem motivo não é sinal de alarme. No entanto, se o latido for excessivo e você não conseguir localizar o elemento específico para o qual ele está latindo, ocorre em grande parte porque seu bem estar aparentemente não está coberto. Por isso, para detectar e corrigir este problema, aconselhamos seguir essas orientações:

  • Leve-o ao veterinário: é importante levar o seu cachorro ao veterinário para que ele possa descartar quaisquer problemas de origem orgânica, especialmente se tiver ocorrido uma mudança repentina no comportamento habitual do cachorro que possa originar estes latidos, bem como outros comportamentos estranhos que você pode ter detectado.
  • Estresse e frustração: os cachorros são animais sociais que precisam de interação com outros seres vivos, além de um bom estímulo físico e mental. Isso significa que você, como dono, deve garantir que seu bem estar seja coberto, realizando rotinas de passeios, permitindo que ele interaja com outros cachorros e com seu ambiente, brinque, etc. Caso contrário, um cachorro que vive em um ambiente pouco estimulado, que não se exercita o suficiente, não se socializa com outros cachorros ou não recebe atenção suficiente, desenvolverá problemas comportamentais em decorrência desse desconforto, entre os quais o latido. Portanto, você terá que se certificar de que oferece ao seu cachorro os cuidados de que ele necessita. Além disso, é recomendável que você forneça um bom enriquecimento ambiental para garantir que não fique entediado em casa.
  • Reeducação: muitos donos reforçam os latidos de seus cachorros sem perceberem. Um exemplo claro disso é quando o tutor só presta atenção em seu cachorro, fala com ele, dá guloseimas, acaricia e brinca com ele quando late. Assim, o cachorro entende que precisa latir para receber atenção. É por isso que, para redirecionar esse comportamento de forma positiva, é necessário fazer o contrário. Seu cachorro jamais deve perceber que latindo pode conseguir o que deseja, e você deve ignorá-lo para não recompensar os latidos. Da mesma forma, certifique-se de prestar atenção suficiente ao seu cachorro para que ele aprenda a manter a calma e não precise exigir sua atenção.
  • Seja positivo e evite os castigos: Se você está nervoso, estressado ou frustrado porque seu cachorro não está se comportando da maneira que você gostaria, ele pode ficar chateado e latir. Sempre que você passar um tempo com seu cachorro, tente ter uma atitude calma e agradável para ele. Dessa forma, vocês poderão ter bons momentos juntos, e ele irá associá-los a você. Do contrário, tentar educar seu cachorro por meio de gritos, intimidação ou punição física só vai gerar uma experiência negativa para ele, que ele vai associar a estar com você, gerando desconfiança, medo e, por fim, prejudicando o vínculo que vocês têm.
  • Procure ajuda: Se você já experimentou todos os pontos anteriores e o seu cachorro continua latindo sem motivo e excessivamente, o melhor é procurar um especialista em etologia canina, que poderá te aconselhar de forma personalizada e te orientar para solucionar esse problema.

Você também pode se interessar por esta outra lista conselhos para evitar que meu cachorro lata.

Se deseja ler mais artigos parecidos a Por que meu cachorro late para o nada?, recomendamos-lhe que entre na nossa seção de Problemas de comportamento.

Bibliografia
  • Camps i Rabadá, J. (2000). Neotenización: Los perros proceden de lobos por la elección humana de sus atributos juveniles. Animalia: revista profesional de los animales de compañía, 124 págs. 44-48. ISSN 0214-3151.

Escrever comentário sobre Por que meu cachorro late para o nada?

Adicione uma imagen
Clique para adicionar uma foto relacionada com o comentário
O que lhe pareceu o artigo?

Por que meu cachorro late para o nada?
1 de 2
Por que meu cachorro late para o nada?

Voltar ao topo da página