menu
Partilhar

Membrana nictitante ou terceira pálpebra em cachorros

Membrana nictitante ou terceira pálpebra em cachorros

Ver fichas de  Cachorros

A terceira pálpebra ou membrana nictitante protege os olhos dos nossos cachorros, assim como nos gatos, mas não existe nos olhos humanos. A principal função é proteger o olhos contra agressões externas ou corpos estranhos que tentem entrar nele. Nós humanos, ao contrário de outros animais, temos dedo para limpar qualquer partícula que entre nos nossos olhos e por isso não precisamos desta estrutura anatômica.

No PeritoAnimal não vamos apenas te explicar a existência desta estrutura, mas também quais as doenças ou problemas mais comuns da membrana nictitante ou terceira pálpebra em cachorros. Revisaremos quais os sintomas e soluções para cada caso.

Terceira pálpebra em cachorro - o que é?

Tal como referimos na introdução, encontramos a terceira pálpebra nos olhos dos cachorros e dos gatos. Tal como acontece nas outras pálpebras, possui uma glândula lacrimal que a hidrata, também conhecida como glândula de Harder. Esta pode sofrer uma patologia muito comum em certas raças, também conhecida como "olho de cereja". Este prolapso da terceira pálpebra ou cherry eye é mais frequente em raças como o chihuahua, bulldog inglês, boxer, cocker spanish. A terceira pálpebra em shihtzu também é uma das doenças mais comuns nessa raça. Porém, pode acontecer em qualquer raça, sendo comum em cachorros mais jovens.

Estruturalmente falando, a membrana é um tecido conectivo hidratado pela glândula mencionada. Normalmente não se vê, mas pode aparecer quando o olho está em perigo. Existem raças que podem apresentar uma pequena pigmentação na terceira pálpebra, algo que é completamente normal. Porém, não tem pelos nem pele que a cubram. Não possui músculos e encontra-se no ângulo medial (perto do nariz e debaixo da pálpebra inferior) e aparece apenas quando é estritamente necessário como se fosse um limpa-para-brisas de um carro. Como tal, a função desta estrutura começa quando o olho se sente agredido como um ato reflexo e ao desaparecer o perigo, volta à sua posição normal, debaixo da pálpebra inferior.

Membrana nictitante ou terceira pálpebra em cachorros - Terceira pálpebra em cachorro - o que é?

Vantagens da terceira pálpebra em cachorros

As principais vantagens da existência desta membrana são a proteção, eliminando os corpos estranhos que podem lesionar o olho, evitando as consequências como a dor, úlceras, feridas e outras lesões no globo ocular. Também confere hidratação ao olho graças à sua glândula que contribui cerca de 30% para a formação das lágrimas e os folículos linfáticos ajudam a combater processos infecciosos, já que fica exposto quando o olho está machucado e até que fique curado por completo.

Por isso, quando vemos uma película branca ou rosada que cobre um ou ambos os olhos do cachorro, não nos devemos alarmar, pode ser simplesmente a terceira pálpebra a tentar eliminar algum agressor ocular. Devemos sempre ter presente que ela volta ao seu lugar em menos de 6 horas, pelo que devemos consultar um especialista caso isso não aconteça.

Prolapso da terceira pálpebra em cachorros

Embora já tenhamos mencionado brevemente esta patologia no primeiro apartado, assim como as raças mais propensas a desenvolvê-la, é importante voltarmos a referir e aprofundar. É importante referir que embora não seja uma urgência, esta situação precisa de atenção veterinária.

Como já referimos, o prolapso é produzido quando a membrana fica visível, sem voltar ao seu lugar habitual. As causas podem ser genéticas ou debilidade dos tecidos pelos quais é composta. Este é um dos problemas mais comuns em oftalmologia veterinária, que não provoca dor no cachorro mas que pode causar outros problemas como efeitos secundários, como a conjuntivite o olhos secos.

Não existe um tratamento para a membrana nictitante em cachorros à base de fármacos. A solução é cirúrgica com uma pequena sutura da glândula para que volte ao seu lugar. Geralmente, não está recomendada a remoção da glândula, já que perderíamos uma grande parte da fonte de hidratação do olho do animal.

Membrana nictitante ou terceira pálpebra em cachorros - Prolapso da terceira pálpebra em cachorros

Este artigo é meramente informativo, no PeritoAnimal.com.br não temos capacidade para receitar tratamentos veterinários nem realizar nenhum tipo de diagnóstico. Sugerimos-lhe que leve o seu animal de estimação ao veterinário no caso de apresentar qualquer tipo de condição ou mal-estar.

Se deseja ler mais artigos parecidos a Membrana nictitante ou terceira pálpebra em cachorros, recomendamos-lhe que entre na nossa seção de Problemas oculares.

Escrever comentário

Adicione uma imagen
Clique para adicionar uma foto relacionada com o comentário
O que lhe pareceu o artigo?
2 comentários
A sua avaliação:
maria fernanda ippolito caldasso
A terceira pálpebra apareceu em um dos olhos, junto com bastante inchaço, vermelhidão e remela amarela. Pingamos soro fisiológico 3 vezes por dia. O inchaço, a vermelhidão e a remela amarela sumiram, mas a terceira pálpebra não voltou ao seu lugar. Tem alguma dica?
Administrador PeritoAnimal
Oi! Apenas um veterinário pode fazer um exame físico do seu pet para chegar a um diagnóstico e recomendar o tratamento adequado para o caso. Recomendamos que você consulte um profissional o quanto antes.
A equipe do PeritoAnimal deseja rápidas melhoras!
Lenier cenaide weiss
Meu gatinho de sete meses tem uma bola na perna traseira, pro lado de dentro da perna, e fica vasando pus. O que será que pode ser, será grave??

Membrana nictitante ou terceira pálpebra em cachorros
1 de 3
Membrana nictitante ou terceira pálpebra em cachorros

Voltar ao topo da página