Partilhar

O que o sapo come?

 
Por Giselly Corrêa. Atualizado: 27 agosto 2019
O que o sapo come?

Os sapos são anfíbios que pertencem à ordem Anura. Fisicamente, são diferentes das rãs por sua pele áspera e seca, ao contrário da textura lisa e úmida do corpo das rãs. São especialistas em camuflagem mas, ao mesmo tempo, são fáceis de reconhecer pelo seu inconfundível coaxar. Os sapos são encontrados em quase todo o mundo e é comum vê-los em jardins durante os dias chuvosos. Quanto você sabe sobre seus hábitos?

Se você quer saber mais sobre as características desta espécie, como onde vivem e o que sapos come, você não pode perder este artigo PeritoAnimal com tudo sobre a alimentação dos sapos. Continue lendo!

Também lhe pode interessar: O que as galinhas comem

Características dos sapos

Os sapos são anfíbios que se caracterizam por ter um corpo pequeno e olhos grandes. Embora os tons possam variar, as cores mais comuns são verde oliva, marrom e cinza. Além disso, eles têm olhos amarelos com pupilas horizontais. Como muitas outras espécies, apresentam dimorfismo sexual, sendo que as fêmeas são maiores que os machos, alcançando os 14 cm de comprimento, enquanto os machos medem apenas entre 9 e 10 cm.

O corpo dos sapos é arredondado, com patas largas, sendo presentes quatro dedos na anterior e cinco dedos na posterior. Sua cabeça é curta, mas larga, e inclui um grande focinho que lhes permite pegar sua comida com muita facilidade.

Algumas espécies de sapos têm um sistema de defesa peculiar, sendo capazes de secretar veneno através de glândulas presentes em toda sua pele.

Outra característica dos sapos é sua reprodução ovípara, ou seja, por ovos. Os ovos são incubados na água, e nascem deles pequenos girinos, que passam por um ciclo similar ao das rãs.

Os sapos têm dentes?

Os sapos não têm dentes, em vez disso, eles têm uma longa língua pegajosa com a qual pegam suas presas e as introduzem na cavidade oral para engoli-las inteiramente.

Como já dissemos, a maioria das espécies espera por uma presa escondida na vegetação e depois a pega com sua língua pegajosa. Uma vez na boca, o sapo engole a presa inteira, forçando a cabeça para que a presa passe pela garganta sem mastigar e engolindo-a rapidamente. Quando chega ao estômago, a presa começa a passar pelo processo de desidratação graças aos ácidos estomacais.

Algumas espécies de sapos não têm essa língua pegajosa. Nestes casos, eles pegam a presa de surpresa e a seguram utilizando a força de sua mandíbula.

Onde os sapos vivem?

Antes de falar sobre o que os sapos comuns comem, você precisa saber onde vivem os sapos. Eles podem ser encontrados em todos os continentes, onde preferem habitar lugares úmidos e próximos a fontes de água. São capazes de sobreviver em praticamente qualquer ecossistema, desde florestas a pastos e áreas urbanizadas, no entanto, não vivem na Antártica e nem nos desertos.

Quando nascem, os sapos são aquáticos, mas conforme vão se desenvolvendo, passam a viver tanto na terra como na água. Em terra é comum encontrá-los escondidos atrás de pedras, troncos e arbustos, com o objetivo de manter a umidade corporal e se proteger de predadores. Esta tarefa também é facilitada pela pigmentação da sua pele, ideal para se camuflar facilmente.

Eles são animais poiquilotérmicos, o que significa que a temperatura interna de seu corpo se adapta àquela percebida no ambiente. Isso ocorre porque os sapos não possuem mecanismos de regulação do corpo semelhantes aos de outras espécies, por isso, eles tentam se proteger contra climas extremos permanecendo em espaços úmidos. Também é comum encontrá-los a qualquer hora do dia, especialmente se o tempo estiver chuvoso.

Agora que você conhece o habitat desses animais, vamos ver o que os sapos comem nesses ambientes.

O que o sapo come? - Onde os sapos vivem?

O que o sapo come?

Os sapos são animais carnívoros oportunistas, eles não caçam sua presa como os outros animais, mas permanecem imóveis esperando que ela se aproxime o suficiente para jogar sua enorme língua pegajosa, momento em que engolem a vítima facilmente.

A alimentação do sapo varia de acordo com sua espécie, então, o que os sapos comuns comem? As espécies menores se alimentam de todos os tipos de insetos, vermes, aranhas e caracóis, enquanto outras podem comer peixes. Por outro lado, espécies maiores ingerem pequenas cobras, lagartos e roedores. Desta forma, se você se pergunta o que os sapos pequenos comem, pode verificar que a resposta é pequenos animais que são fáceis de capturar com sua língua.

Uma característica dos sapos é a sua capacidade de adaptação em relação aos hábitos alimentares. Embora cada espécie tenha uma dieta específica, eles conseguem variar essa dieta se as condições ambientais assim exigirem, no caso, por exemplo, de certas presas se tornarem escassas ou desaparecerem.

O que comem os sapos terrestres?

Como já comentamos, os sapos podem permanecer tanto na água como na terra. São animais que respiram pela pele, sendo que a respiração é branquial quando são girinos e pulmonar quando atingem a idade adulta. Então, em seu estágio adulto, eles têm mais dificuldade para respirar debaixo d'água, por isso vivem principalmente fora dela. Por esta razão, todos os sapos são considerados terrestres e, desta forma, comem os seres que mencionamos acima.

O que o sapo come? - O que o sapo come?

O que os girinos comem?

Os sapos de bebê, chamados de girinos de sapos, se alimentam de plantas e algas encontradas na água. Como já dissemos que os sapos são animais que sofrem uma metamorfose, à medida que crescem, seus hábitos alimentares vão se modificando e, desta forma, tornam-se carnívoros quando atingem a idade adulta.

Antes de se tornarem adultos, os sapos passam por um estágio de girino semelhante ao das rãs. Nesse período eles não têm pernas, têm caudas e brânquias, e vivem na água. Em princípio, estes sapos bebês se alimentam do saco vitelino durante os primeiros dias. Depois, consomem plantas e algas marinhas. Além disso, eles consomem detritos de qualquer tipo, larvas e mosquitos.

Saiba mais sobre a alimentação dos girinos nesse artigo do PeritoAnimal.

Ameaças e perigos para os sapos

Como em muitas outras espécies, existem certas ameaças que põem em perigo a existência de sapos. Estas são algumas:

  • Herbicidas ou pesticidas: as substâncias tóxicas lançadas no meio ambiente, como herbicidas e pesticidas, são altamente tóxicas para o organismo dos sapos.
  • Destruição do hábitat: a contaminação de rios e lagos, bem como o desmatamento, são atividades que colocam em risco a vida desses animais, já que isso significa a perda dos refúgios que os protegem de seus predadores. Além disso, a destruição do habitat implica em uma falta de alimento por tornar as presas escassas, razão pela qual os sapos são forçados a se deslocar.
  • Perigo nas rodovias: o atropelamento é uma ameaça frequente para esses animais, já que eles geralmente atravessam as estradas construídas por humanos, especialmente em dias chuvosos.
  • Secas prolongadas: as estações de seca não representam um grande problema para os sapos; no entanto, se forem muito grandes, resultarão em escassez de fontes de água e altas temperaturas.

O que comem os sapos domésticos?

Assim como as rãs, é possível adotar algumas espécies de sapo como animal de estimação. Nesses casos, é essencial oferecer alimentação adequada para cada estágio de sua vida, além de oferecer uma dieta que forneça os mesmos nutrientes que esses animais obteriam em liberdade. Nesse sentido, sapos bebês podem ser alimentados com escamas de peixes trituradas, que podem ser encontradas em qualquer pet shop. Além disso, é aconselhável adicionar algas no tanque onde estão os girinos para complementar sua dieta com larvas vermelhas moídas.

No que diz respeito aos sapos domésticos adultos, sua dieta deve ser carnívora. Esta é uma das principais razões porque desaconselhamos a adoção de um sapo como animal de estimação, já que a tarefa de oferecer uma dieta adequada é complicada. Se você já tem um em casa, precisa dar pequenos peixes, larvas e vermes vivos e, às vezes, escamas de peixe. Em algumas lojas também é possível adquirir grilos e outros insetos vivos, além de formigas. Com relação às quantidades, você deve prestar atenção à velocidade com que seu sapo consome a comida que você fornece, assim saberá quantos insetos, peixes, etc., você precisa fornecer por dia.

O que a rã come?

A alimentação das rãs difere ligeiramente da alimentação dos sapos. Às vezes, as rãs podem comer alimentos vegetais, enquanto os sapos são estritamente carnívoros. No entanto, as rãs também tendem a comer insetos de todos os tipos, caracóis, vermes, etc.

Se deseja ler mais artigos parecidos a O que o sapo come?, recomendamos-lhe que entre na nossa seção de Dietas equilibradas.

Vídeos de O que o sapo come?

1 de 3
Vídeos de O que o sapo come?

Escrever comentário sobre O que o sapo come?

Adicione uma imagen
Clique para adicionar uma foto relacionada com o comentário
O que lhe pareceu o artigo?

O que o sapo come?
1 de 3
O que o sapo come?

Voltar ao topo da página