Partilhar

Gato atropelado - primeiros socorros

Por Vanessa Lopes, Redatora do PeritoAnimal. Atualizado: 8 novembro 2018
Gato atropelado - primeiros socorros

Ver fichas de  Gatos

Infelizmente são muitos os gatos que são atropelados. Tanto animais de rua como domésticos morrem todos os anos nas estradas. Muitas vezes o que acontece é que ficam cegos pelos faróis dos carros e são incapazes de fugir.

Também é normal os gatos refugiarem-se debaixo dos carros para evitar o sol e fazer um cochilo. Seja como for, as lesões causadas por estes acidentes podem ser muito graves e na maioria dos casos requerem atenção veterinária.

Neste artigo do PeritoAnimal vamos lhe falar sobre as lesões mais frequentes causadas quando um gato é atropelado e como agir perante esta situação. Confira os primeiros socorros para um gato atropelado de seguida.

Também lhe pode interessar: Feridas em gatos - Primeiros socorros

Como agir no caso de atropelamento

Se encontrar um gato atropelado é importante agir com calma. Se estiver estendido no solo, verifique se respira e se tem pulso. Nos pontos seguintes vamos lhe explicar como deve agir perante diferentes lesões no gato.

Se o golpe não foi muito forte é provável que o gato se refugie debaixo de carros próximos. Estará muito assustado e mesmo que seja um gato doméstico, procurará estar sozinho.

Dê-lhe espaço e vá se aproximando pouco a pouco. Quando o alcançar trate-o com muito cuidado. Pode utilizar uma manta ou toalha para o envolver. Assim evitará arranhões e poderá pegar nele sem exercer demasiada pressão. Se tiver uma caixa de transporte para gatos, utilize-a para o transportar.

É fundamental levá-lo o quanto antes ao veterinário. Embora, como vamos ver de seguida, lhe possa administrar os primeiros socorros, é essencial que o gato seja atendido por um especialista.

Mesmo que não observe lesões externas, lembre-se que pode sofrer de danos internos que precisam de atenção veterinária. Não lhe dê água nem comida pois é provável que o veterinário o medique.

Gato atropelado - primeiros socorros - Como agir no caso de atropelamento

Estado de choque

Depois de uma contusão ou traumatismo, o gato pode entrar em estado de choque. Este estado carateriza-se pelos seguintes sintomas:

  • Palidez na pele
  • Respiração agitada
  • Aumento da frequência cardíaca
  • Perda de consciência

Em casos extremos pode causar a morte. Devemos agir o quanto antes e com muita delicadeza. Acaricie-o enquanto o envolve em uma manta para o levar ao veterinário.

Gato atropelado - primeiros socorros - Estado de choque

Inconsciência

Quando o gato está inconsciente devemos prestar atenção à sua respiração. Se é irregular e respira com dificuldade deve posicionar o gato de lado com a cabeça ligeiramente inclinada para cima. Assim facilitará a sua respiração. Se não pode ouvir a sua respiração, tome-lhe o pulso. O melhor lugar para tomar o pulso a um gato é na sua virilha, onde as patas posteriores se unem ao quadril.

Como o gato não tem consciência, não sabemos quando tem dor. Por este motivo é melhor colocá-lo sobre uma superfície plana para o mover. Pode utilizar um papelão e colocar por cima uma manta ou toalha. Mexa-o o menos possível e chame de imediato o veterinário.

Gato atropelado - primeiros socorros - Inconsciência

Feridas superficiais

Se as feridas não forem profundas e não sangrarem em excesso pode curá-las, ou pelo menos desinfetá-las e limpá-las antes de receber o tratamento veterinário. Utilize sempre materiais apropriados.

Limpe a ferida com soro fisiológico para eliminar a sujidade. Pode cortar com muito cuidado o pelo ao redor para não entrar na ferida, especialmente se for um gato de pelo comprido. Uma vez limpa, utilize uma gaze e desinfetante de iodo diluído (iodo, betadine,...) para tratar a ferida.

Pode utilizar o que utiliza para si, mas sempre diluído em uma proporção de 1:10. 1 parte de iodo e 9 partes de água.

Uma vez atendido pelo veterinário, é provável que este lhe recomende utilizar uma pomada cicatrizante que acelerará o tempo de curação.

Gato atropelado - primeiros socorros - Feridas superficiais

Hemorragias

Se a ferida não for profunda pode limpá-la como explicamos no ponto anterior. Se o gato apresentar uma hemorragia, com sangue em abundância, deve pressionar a ferida com uma gaze ou toalha e ir de imediato ao veterinário.

O ideal é cobrir a ferida com uma compressa esterilizada e elástica. Não é aconselhável usar um torniquete, pois param a circulação e podem ser perigosos. Se a hemorragia for em uma pata pode fazê-lo, mas não deve pressionar demasiado e nunca o deve manter por mais de 10 ou 15 minutos.

Hemorragias internas

Nos atropelamentos é frequente os gatos sofrerem de lesões internas. Se vir que o gato sangra pelo nariz ou pela boca significa que tem lesões internas. São lesões muito graves que precisam de atenção médica urgente.

Não tape o nariz nem a boca do gato, envolva-o com muito cuidado na mante e leve-o de imediato ao veterinário.

Gato atropelado - primeiros socorros - Hemorragias

Luxações e fraturas

Quando ocorrem luxações ou fraturas em alguma das extremidades pode ser difícil pegar no gato. Elas são muito dolorosas e causam-lhe muito estresse, pelo que estará na defensiva. Fale para ele com calma até se conseguir aproximar. Mexe nem com cuidado para não o magoar e nunca tente curar uma fratura em casa, pois precisa de atenção médica.

Em muitos casos ocorrem fraturas nas costelas, podendo chegar a perfurar um pulmão. É difícil determinar isso a olho nu. Se suspeita que a fratura está na pata esquerda por exemplo, deite-o sobre o lado direito para o levar, sempre com muito cuidado.

Gato atropelado - primeiros socorros - Luxações e fraturas

Este artigo é meramente informativo, no PeritoAnimal.com.br não temos capacidade para receitar tratamentos veterinários nem realizar nenhum tipo de diagnóstico. Sugerimos-lhe que leve o seu animal de estimação ao veterinário no caso de apresentar qualquer tipo de condição ou mal-estar.

Se deseja ler mais artigos parecidos a Gato atropelado - primeiros socorros, recomendamos-lhe que entre na nossa seção de Primeiros socorros.

Escrever comentário sobre Gato atropelado - primeiros socorros

Adicione uma imagen
Clique para adicionar uma foto relacionada com o comentário
O que lhe pareceu o artigo?
28 comentários
A sua avaliação:
Célia molina jeronymo
Minha gatinha acabou de ser atropelada.está sangrando nariz e boca.Olha elas está ofegante. Está tarde, não tem veterinário por perto.o que eu faço? Pelo amor de Deus?
A sua avaliação:
karoweynne oliveira
Meu gato foi atropelado há 2 dias, ele esta em um consultório veterinário desde então, ele possui uma fratura na região da bacia, como informado pela veterinária ele não sofreu trauma e nenhum órgão, assim sendo medicado e esta em observação para possíveis averiguações, porém hoje liguei na clinica e me informaram que ele não esta se alimentando sozinho , o que posso fazer? ele ainda possui risco de morte?
A sua avaliação:
Elisa
Minha gatinha morreu atropelada, e gostaria de saber se eu poderia ter feito alguma coisa. Houve sangramento pela boca e pelo nariz.
Elizi
Como está sua gatinha ? Ela está bem ?
A a Paula
Meu gato já faz 3 dias que foi atropelado ele está andando ,pois não faz xixi e nem cocô .oque posso dar a ele?
Luísa Savala (Editor/a de PeritoAnimal)
Oi Paula! O seu gato foi visto por um médico veterinário? É importante que ele seja acompanhado por um profissional para garantir o estado. Além disso, a equipe do PeritoAnimal não recomenda que você medique o seu pet sem supervisão veterinária.
Desejamos rápidas melhoras!
Bruno
A minha gata, chegou em casa e deitou duas ou 3 pingas de sangue pela boca, mais tarde vi que orinou um bocado de sangue oque que posso fazer, não tenho dinheiro para levar ao veterinário.
Luísa Savala (Editor/a de PeritoAnimal)
Oi Bruno! Sem ver a sua gata não conseguimos passar nenhum diagnóstico, no entanto, ela precisa ser vista por um veterinário. Uma boa dica é buscar ajuda de ONGs ou Associações que possam prestar atendimento profissional sem custos.
A equipe do PeritoAnimal deseja rápidas melhoras!
Vicencia
Bom dia rencontre o meu gato entalado entre a janela ele nao caminha da trazeiraque devo fazer
A sua avaliação:
Max
Meu gato foi atropelado por uma moto e veio correndo pra dentro de casa, eu não vi isso, foi o que me disseram. Só vi ele quando chegou e ficou deitado no chão de casa tentando miar e/ou respirar, não percebi direito porque eu estava sem saber o que fazer, peguei o celular pra pesquisar algo sobre mas quando vi denovo já estava morto.
Ele não tinha nenhum ferimento aparente, acho que foi hemorragia interna, do tempo que ele chegou e morreu foram poucos minutos (coisa de menos de 10 min), depois de morto vi sangue saindo por um dos lados do nariz dele. Não consigo imaginar a dor que ele estava sentindo, ele sempre estava miando pedindo comida o tempo pra mim, vê-lo daquele jeito me deixou muito triste e eu fico com raiva de mim mesmo porque nao pude fazer nada, nem mesmo pude ficar com ele até o último suspiro.
Eu queria perguntar se eu realmente poderia ter feito alguma coisa pra salvar ele, talvez no fundo eu já saiba que não, mas queria saber de alguém especialista no assunto para amenizar minha dor, estou com saudades!
Julia
Acho que não, foi um tempo muito curto. Gatos tem uma residência maior a dor e provavelmente foi melhor ter morrido em casa onde se sentia seguro, sinto muito pelo gato ,-,
Hellen
Minha gata foi atropelada e está com a respiração normal só que perdeu os movimentos das pernas traseiras e as pernas está tremendo o músculo
Luísa Savala (Editor/a de PeritoAnimal)
Oi Hellen! Você deve levar a sua gatinha ao médico veterinário o quanto antes.
A equipe do PeritoAnimal deseja rápidas melhoras!
A sua avaliação:
Oracilia
O cachorro mordeu a cabeça do gato e saltou o olho pra fora,logo que vi peguei um pano e coloquei o olho pra dentro,fiz o procedimento correto?Quero saber se ele irá ficar cego ?
Estou usando colirio e antibiotico para cães e gatos.
Luísa Savala (Editor/a de PeritoAnimal)
Oi Oracilia! Você precisa levar o seu gato para o veterinário o mais rápido possível pois a situação é muito grave. Se a ferida não for bem cuidada, com a medicação e higiene correta, corre sérios riscos de infeccionar e causar maiores complicações.
A equipe do PeritoAnimal deseja rápidas melhoras!
A sua avaliação:
Rebeca
Meu gato saiu para a rua e voltou sem appetite, com dor no quadril nao me deixando pega-lo no colo, ficava o tempo Todo deitado e emagrecendo, muitas vezes eu achei que ele estava morto, respiração demorada e corpo duro, e fora as diarreias que ele tinha.
Ele morreu mas queria saber oque aconteceu

Gato atropelado - primeiros socorros
1 de 7
Gato atropelado - primeiros socorros

Voltar ao topo da página