Partilhar

Doença do carrapato em cães - Sintomas e tratamento

Por Vanessa Lopes, Redatora do PeritoAnimal. Atualizado: 29 janeiro 2019
Doença do carrapato em cães - Sintomas e tratamento

Ver fichas de  Cachorros

É dono de um cachorro? Tem o hábito de o levar a passear ao campo e costuma acabar o passeio com carrapatos? Tenha cuidado e proteja o seu pet contra eles, pois é muito melhor que o seu cachorro não os tenha ao invés de chegar a casa e ter de os tirar, uma vez que os carrapatos transmitem muitas doenças.

Uma das doenças recentemente descobertas nos cães que os carrapatos transmitem é a doença de Lyme. Leia atentamente este artigo do PeritoAnimal para saber tudo sobre a doença do carrapato em cães, os seus sintomas e respetivo tratamento.

O que é a doença do carrapato?

Esta doença, conhecida também como doença de Lyme, é provocada por uma bactéria, mais concretamente uma chamada de Borrelia burgdorferi, que é transmitida pelos carrapatos do gênero Ixodes. Nos cachorros esta doença é conhecida desde 1984 e no Brasil foi diagnosticada pela primeira vez em 1992.

A doença de Lyme provoca vários problemas de saúde, mas se for diagnosticada cedo e se forem administrados os antibióticos adequados pode-se superar a doença. O quadro clínico que apresenta inclui, como já referimos vários problemas de saúde, mas associa-se principalmente com artrite, deformação das articulações, nefrite, febre e cardite.

Doença do carrapato em cães - Sintomas e tratamento - O que é a doença do carrapato?

Sintomas da doença do carrapato em cães

Os sintomas podem demorar a aparecer umas semanas ou inclusive meses. Nesta doença os sintomas são muitos e podem existir cachorros que os apresentem todos. Pode ser que se manifeste apenas algum sintoma isolado, como manqueira que é o sintoma mais comum, vários deles ou a maioria. Os sintomas que podem aparecer são os seguintes:

  • Manqueira recorrente devido à inflamação das articulações. Muitas vezes dura apenas alguns dias mas ao fim de umas semanas volta e permanece contínua. A manqueira pode ser sempre da mesma pata ou ir mudando de pata cada vez que ocorrer e pode inclusive ocorrer em mais de uma pata ao mesmo tempo.
  • Artrite e deformação das articulações.
  • Febre, falta de apetite e depressão, que costumam levar a uma inflamação das articulações.
  • Sensibilidade ao tato, dor muscular e articular junto com adinamia (fraqueza muscular com fadiga generalizada que pode originar ausência de movimento ou reação).
  • Andar arqueando as costas e de forma rígido.
  • Na zona onde ocorreu a picada do carrapato pode surgir uma inflamação e/ou irritação acompanhada de uma inflamação dos gânglios linfáticos superficiais que se encontram ao redor dessa zona.
  • Problemas renais que se não forem tratados a tempo podem levar a uma nefrite ou uma glomerulonefrite e acabar em uma insuficiência renal que causa sintomas mais comuns como vômitos, diarreias, perda de peso, falta de apetite, aumento de sede e de urina e acumulação de líquido no abdômen e nos tecidos, especialmente sob a pele e nas patas.
  • Cardite ou inflamação do coração, embora com pouca frequência e apenas em casos graves.
  • Complicações no sistema nervoso central, embora seja menos frequente e em casos graves.
Doença do carrapato em cães - Sintomas e tratamento - Sintomas da doença do carrapato em cães

Diagnóstico da doença de Lyme em cães

Quando for ao veterinário devido a algum ou vários dos sintomas descritos anteriormente se manifestarem no seu cachorro, deverá explicar com o máximo detalhe o que viu que se estava passando com o seu pet, que atividades realizou recentemente e se são ou não um hábito, possíveis problemas de saúde anteriores (sobretudo no caso de não ser o seu veterinário habitual), responder a qualquer coisa que lhe pergunte da forma mais clara e sincera, uma vez que qualquer detalhe trás muita informação ao veterinário especialista.

Além disso, junto com toda a informação, o veterinário vai precisar de realizar exames no cachorro para descartar ou confirmar possíveis causas dos sintomas. Deverá realizar análises de sangue e de urina o mais completos possível.

Se o veterinário considerar necessário poderá realizar outros exames para determinar o diagnóstico, pode ser que por exemplo seja necessário extrair líquido das articulações inflamadas para o analisar, fazer ecografias e radiografias, entre muitos outros exames úteis para o especialista e que, se quiser ajudar o seu amigo de quatro patas deverá dar a permissão para os realizar.

O prognóstico desta doença é bom se se diagnosticar e se atuar com rapidez, é reservado se se tratar de casos crônicos e é mau se a doença chegar a afetar o coração, o sistema nervoso central ou os rins, sempre que não se tratar a tempo no caso dos rins.

Se você quiser saber quanto tempo vive um carrapato veja este artigo do PeritoAnimal

Doença do carrapato em cães - Sintomas e tratamento - Diagnóstico da doença de Lyme em cães

Tratamento para doença do carrapato em cachorros

O tratamento para a doença de Lyme irá depender dos órgãos e partes do corpo afetadas e do quão avançada se encontrar a doença. Primeiro devem ser administrados antibióticos, além disso em casa deve tentar que o seu cão realize poucos esforços e que esteja sempre quente e seco.

À partida o antibiótico ou antibióticos que o seu veterinário recomendar, irá acompanhado de algum medicamento para a dor, mas nunca deve administrar por sua conta um medicamento analgésico ao seu cão, deve ser sempre prescrito pelo veterinário especialista tanto o tipo, como a dose e o tempo de administração. O veterinário deverá procurar evitar a administração e a prescrição de corticosteroides, pois neste caso existe risco de propagação da doença de Lyme.

Por norma, com os antibióticos, já se observa uma melhoria da inflamação aguda das articulações em poucos dias. Ainda assim, o tratamento geral deve durar pelo menos um mês. Embora tudo dependa da gravidade da doença.

Doença do carrapato em cães - Sintomas e tratamento - Tratamento para doença do carrapato em cachorros

Prevenir a doença do carrapato em cães

A única prevenção da doença de Lyme em cachorros é a prevenção dos carrapatos. Por isso, é fundamental aplicar os antiparasitários adequados ao seu cachorro com a frequência indicada pelo seu veterinário e na forma que for mais conveniente para o seu fiel amigo, sejam pipetas, coleiras, etc.

É muito importante que, apesar de termos em dia a proteção antiparasitária, cada vez que sairmos para zonas como o campo, os jardins, os parques, etc, onde possam existir carrapatos, ao terminar o passeio é importante revisar todo o corpo do cachorro para se certificar de que não tem carrapatos ou outros possíveis parasitas na pele.

No caso de encontrar alguma, deve extrai-la com o máximo cuidado e tentar que não fique parte do carrapato agarrado à pele do nosso cão. Para isso, deve se informar o melhor possível de como o deve fazer com os riscos mínimos. É fundamental que tire os carrapatos no mesmo dia, pois quanto mais tempo estiverem no nosso pet mais chances há de se contagiar.

Conheça remédios caseiros para carrapatos em cachorros neste artigo do PeritoAnimal.

Doença do carrapato em cães - Sintomas e tratamento - Prevenir a doença do carrapato em cães

Este artigo é meramente informativo, no PeritoAnimal.com.br não temos capacidade para receitar tratamentos veterinários nem realizar nenhum tipo de diagnóstico. Sugerimos-lhe que leve o seu animal de estimação ao veterinário no caso de apresentar qualquer tipo de condição ou mal-estar.

Se deseja ler mais artigos parecidos a Doença do carrapato em cães - Sintomas e tratamento, recomendamos-lhe que entre na nossa seção de Doenças bacterianas.

Escrever comentário sobre Doença do carrapato em cães - Sintomas e tratamento

Adicione uma imagen
Clique para adicionar uma foto relacionada com o comentário
O que lhe pareceu o artigo?
23 comentários
Thiago
Boa noite ! Notei que meu cachorro estava evacuando sangue ( grande quantidade e de aspecto amarronzado e as vezes vermelho vivo ) , associado a isso estava apático e cansado... Levei ao veterinário que atraves de um exame de sangue diagnosticou a " doença do carrapato "... Ja inicei o tratamento com ATB. Essa doença faz com que o cão evacue sangue ?
Karine
Estou pensando em adotar um cãozinho e a mulher do local de adoção fez um exame de sangue e deu plaquetas baixas. A Veterinária disse que pode ser por conta da doença do carrapato. No exame as plaquetas de 121 a referência é 148 a 484.
De acordo com o exame esta doença está no início ou não?
denisptu1@hotmail.com
Minha cachorra está com a doença de carrapatos ela tá tomando os medicamentos mais ainda ta tendo dificuldade para comer oque eu devo fazer para ela comer,oque da ela para comer...
Alessandra
Meu cachoorinho da raca pug esta com doenca do carrapato ja estou fazendo tratamento com antibiótico ...o q fazer mais pra ajuda?
Luísa Savala (Editor/a de PeritoAnimal)
Oi Alessandra! O tratamento para doença do carrapato é feito com antibiótico que o seu veterinário recomendar, irá acompanhado de algum medicamento para a dor, mas você nunca deve administrar por sua conta um medicamento analgésico ao seu cão, deve ser sempre prescrito pelo veterinário especialista tanto o tipo, como a dose e o tempo de administração. Além disso em casa deve tentar que o seu cachorro realize poucos esforços e que esteja sempre quente e seco.
Por norma, com os antibióticos, já se observa uma melhoria da inflamação aguda das articulações em poucos dias. Ainda assim, o tratamento geral deve durar pelo menos um mês, embora tudo dependa da gravidade da doença.
A equipe do PeritoAnimal deseja rápidas melhoras!
A sua avaliação:
Cesar
Tenho uma shih-tzu de 2 anos e 3 meses super brincalhona e hiperativa e notei que de uns dias pra cá, ela vem ficando pelos cantos. Hoje ela mal conseguia ficar em pé, levei ela as pressas ao veterinário e pra minha surpresa ela foi diagnosticada com essa doença, já que raramente encontramos 1 ou dois carrapatos nela. Por tano, quando notarem algum comportamento diferente do habitual de seu animal, não exitem em procurar ajuda do veterinário. O medico falou que pelo jeito, a minha já estava doente mais agora que ela se manifestou com aparições de mancha na pele dela, fraqueza e desorientação motora.
Valéria
a sua cachorra conseguiu se recuperar? tive esse mesmo problema com minha cachorra o ano passado

Marli
Muito obrigado pelo artigo meu Shitzu de 10 meses foi diagnosticado com a doença do carrapato. Ele nunca saiu pra rua fiquei bem assustada. Vamos começar o tratamento hoje mesmo tomare que melhore logo.
RUBENS SERGIO SAMPAIO DE ARAUJOL SERGIO
boa tarde,amigos tenho um lhasa apso e ele esta com um dos olhos remelando muito,o que pode ser e como trata-lo
Daniele
Quando descobri que a minha cachorrinha estava com a doença do carrapato, a primeira coisa que fiz foi pesquisar sobre a doença, encontrei muitos depoimentos e espero ajudar de alguma forma com o meu.
Nunca encontrei nenhum carrapato nela ou em casa, então nem me preocupava com essa doença e foi um susto receber a noticia.
Os sintomas dela: apática, anorexia, manqueira e uma vez fez fezes com sangue.
Fizemos o teste de sorologia para doença do carrapato e deu positivo (1:80).
Ela ficou internada 3 dias, desidratada e com anemia, quase precisou de transfusão de sangue. Graças a Deus ela foi reagindo bem ao tratamento, recebeu alta e continuamos em casa. Foram 28 dias de tratamento, o início foi bem difícil pois ela tem sensibilidade gástrica e o remédio é forte, mas depois foi tranquilo, é necessário dedicação.
Shih Tzu, 4 anos, Peso: 6,500kg
Ela concluiu o tratamento e está ótima!!!
A cada semana realizava um
hemograma, para acompanhamento. Espero ter ajudado.
Fernanda
Graças a Deus que a sua melhorou, a minha veio a óbito por causa dessa maldita doença 😭 mesmo com o tratamento
Alexandre (Dicas Boas pra Cachorro)
Parabéns pelo artigo. Realmente a doença do carrapato é muito mais comum do que se pensa e mata muitos cães todos os anos no Brasil. Também luto para que mais pessoas saibam sobre essas doenças e como preveni-las! Tenho também alguns artigos no meu blog.
Lislaine Gorete Bassetti
Boa noite minha cachorrinha de vez em quando começa escorrer pelo nariz uma gosma meio avermelhada oque pode ser

Doença do carrapato em cães - Sintomas e tratamento
1 de 6
Doença do carrapato em cães - Sintomas e tratamento

Voltar ao topo da página