Partilhar

Cachorro com diarreia: tipos, sintomas e tratamento

 
Por Maria Besteiros. 8 outubro 2019
Cachorro com diarreia: tipos, sintomas e tratamento

Ver fichas de  Cachorros

Você tem uma situação de cachorro com diarreia? Neste artigo do PeritoAnimal, explicaremos quais são os tipos de diarreia em cachorro e sintomas que você pode identificar de maneira mais habitual. É necessário observar como é e como ocorre a diarreia para informar ao veterinário, se necessário, porque esses dados podem ajudá-lo a chegar ao diagnóstico. A diarreia, em princípio, é um transtorno leve, mas veremos casos em que o quadro pode se complicar.

Diarreia em cachorros: causas

A diarreia em cães é um distúrbio relativamente comum. Consiste na eliminação de fezes sem forma definida e líquidas. Uma evacuação pontual com essas características não é preocupante, mas se o cachorro defecar repetidamente ou se seus excrementos forem sempre diarreicos, é importante procurar a causa disso. Os dois motivos mais comuns de um cachorro com diarreia são os parasitas intestinais e as alterações nos alimentos ou ingestão de substâncias inadequadas. Por trás de um cachorro com diarreias agudas, geralmente são encontradas doenças infecciosas. Além disso, alguns medicamentos podem ter a diarreia entre seus efeitos colaterais.

Meu cachorro está com diarreia, o que fazer?

Embora a diarreia em cachorro possa ser um distúrbio pontual e sem importância, quando ela piora, não passa ou se você notar outros sintomas, é necessário entrar em contato com o veterinário. Além disso, é conveniente fazer uma consulta sempre que a diarreia ocorrer em cachorros mais velhos, doentes ou filhotes. Esses animais são mais vulneráveis e podem desidratar rapidamente se perderem líquidos em excesso.

Dependendo da sua duração, pode ser o caso de uma diarreia aguda ou diarreia crônica em cachorros. A primeiro aparece de repente e desaparece brevemente. Por outro lado, a diarreia crônica pode ocorrer mais gradualmente e dura mais de três semanas, e pode seguir um padrão episódico. A seguir, veremos diferentes tipos de diarreia em cães Lembre-se de que a coloração pode estar relacionada à comida que você está fornecendo ao cachorro, sem maiores repercussões.

Cachorro com diarreia amarela

Vamos começar a revisão dos tipos de diarreia em cachorros com aquele que se manifesta por uma coloração amarela nas fezes. Às vezes, essa cor se deve apenas à dieta do cachorro, sem indicar, portanto, nenhuma doença específica.

Por outro lado, a diarreia amarela em cachorros também pode ser devida à presença de bile, que é uma secreção produzida pela vesícula biliar e que, entre suas funções, auxilia na digestão. A bile também pode estar localizada no estômago vazio, algo que é fácil de acontecer quando o cachorro apresenta distúrbios gastrointestinais manifestados em vômitos e diarreia grave.

Os problemas hepáticos incluem entre seus sintomas a coloração amarelada, que voce poderá observar facilmente nas mucosas, gengivas, olhos e pele. Os sintomas da insuficiência hepática começam sendo inespecíficos e incluem aqueles que envolvem o sistema digestivo, como vômitos e diarreia. À medida que a doença progride, voce pode encontrar sinais característicos como hemorragias, ascite, edema, encefalopatias, além de icterícia, que é a coloração amarelada.

A diarreia laranja em cachorros pode ser causada por hemólise, um processo que ocorre quando há intensa destruição dos glóbulos vermelhos. Na babesia, essa anemia hemolítica é comum. Se você suspeitar de alguma doença sistêmica, consulte um veterinário imediatamente.

Como você pode ver, se seu cachorro está com diarreia amarela ou laranja, é necessário visitar o veterinário, porque existem várias causas possíveis para isso.

Cachorro com diarreia verde

Entre os tipos de diarreia em cachorros, também podemos apreciar, em algumas ocasiões, um tom esverdeado. Às vezes, isso se deve a uma ingestão considerável de grama. Não é de se estranhar que os cachorros comam grama, embora não ainda esteja claro qual é o motivo disso. Nestes casos, é provável que, entre o líquido eliminado, você consiga notar perfeitamente a grama, porque o cachorro não consegue digeri-la. Nesse caso, é necessário observar o comportamento do cachorro para descobrir a causa.

Cachorro com diarreia com sangue

Em casos de cachorro com diarreia com sangue, podemos diferenciar duas situações, dependendo de o sangue parecer fresco (hematoquezia) ou digerido (melena). Em qualquer caso, cachorro com diarreia escura, com pontos negros, ou vermelha, é geralmente um sintoma de hemorragia interna. Quando o sangue está fresco, é possível observar sangue vermelho e/ou coágulos. Por outro lado, com o sangue digerido, as fezes serão mais escuras.

Uma causa muito comum desse sangramento é a presença de uma úlcera, ou seja, uma lesão na mucosa do trato gastrointestinal. Embora existam várias causas de ulceração, uma muito comum é o tratamento de longo prazo com anti-inflamatórios, uma vez que as úlceras são um efeito colateral desses medicamentos. Portanto, é frequente especialmente em cachorros mais velhos com problemas de artrose, que consomem esse tipo de medicamento.

Outra causa muito conhecida do sangue em fezes de cachorros é o parvovírus, uma doença viral que deve ser tratada pelo veterinário. Pode causar diarreia em cachorro filhote, especialmente aqueles que não foram vacinados, uma vez que a vacinação, que pode ser iniciada às 6-8 semanas de idade, oferece uma proteção muito boa contra ele. Os cachorros com essa doença têm vômitos graves e diarreia com sangue, o que leva à uma desidratação que pode ser fatal.

Além disso, no caso de cachorro com diarreia com sangue, envenenamentos com produtos anticoagulantes também causam hemorragias, bem como doenças como a hemofilia ou qualquer outra que dificulte a coagulação do sangue ou diminua o número de plaquetas. Entre os tipos de diarreia em cães, esse é um dos mais preocupantes, pois um sangramento interno intenso pode levar o cachorro ao choque e a morte. No entanto, um coágulo ou uma pequena quantidade de sangue pode ser devido à ruptura de um capilar na área, danos causados por parasitas intestinais, etc. Quando você se deparar com uma diarreia grave em cachorros, acompanhada de sangue, é que você precisará consultar um especialista imediatamente.

Cachorro com diarreia: tipos, sintomas e tratamento - Cachorro com diarreia com sangue

Cachorro com diarreia branca

Já no caso de cachorro com diarreia branca, é necessário diferenciar se a cor branca está sendo causada por corpos estranhos contidos nas fezes, como ossos ou vermes. Estes últimos podem ser vistos como grãos de arroz ou espaguete. A suspeita de parasitas é motivo de consulta veterinária, pois só esse profissional poderá prescrever o tratamento mais adequado. O fato de você não notar parasitas nas fezes não exclui a possibilidade de que o cachorro os tenha, pois alguns não são visíveis e podem causar diarreia recorrente.

A diarreia branca em cachorros também pode ser devida à ingestão de produtos inadequados. Isso acontece em cachorros com Síndrome de Pica (alotriofagia), que podem comer gesso, pedras, etc. Se este for um problema comportamental, você deve entrar em contato com um especialista em comportamento canino ou etólogo para resolvê-lo. Além disso, uma diarreia canina com tonalidade acinzentada pode indicar um problema de absorção ou indigestão.

Cachorro com diarreia com muco

Este tipo de diarreia em cachorros apresenta um aspecto gelatinoso. Em infestações de parasitas como coccídios, por exemplo, você poderá notar esse muco. Por serem parasitas que não são visíveis e para os quais não fazemos uma desparasitação periódica, o cachorro pode estar infectado sem o seu conhecimento, sendo este tipo de diarreia, que pode ser crônica, o único sintoma.

Tratamento para diarreia em cachorros

Se o cachorro com diarreia não estiver em um grupo de risco, não apresentar mais sintomas e se não estiver desidratado, você pode tentar resolver a diarreia em casa, desde que o episódio não dure mais de 24 horas. Para isso, mantenha água à sua disposição, mas retire os alimentos. Obviamente, entre os tipos de diarreia em cachorros que já analisamos, se você detectar que o animal evacuou sangue, deve entrar em contato com o veterinário. Além disso, se nas fezes do cachorro você encontrar parasitas, é importante ir à clínica, pois eles precisam ser identificados e o antiparasitário adequado deve ser administrado. Qualquer coloração estranha nas fezes também é um motivo de consulta.

Após o episódio de diarreia, você pode reintroduzir a alimentação usando uma dieta de fácil digestão e com pouca gordura. Por exemplo, pode oferecer frango sem pele ou carne picada e cozida com arroz, também cozido e sem sal. Você deve oferecer a comida em pequenas doses, várias vezes ao dia. Pouco a pouco, volte para a dieta habitual. Para mais detalhes, consulte o artigo sobre como tratar a diarreia canina.

Cachorro com diarreia: tipos, sintomas e tratamento - Tratamento para diarreia em cachorros

Meu cachorro está com diarreia, posso dar Floratil?

Uma vez examinados os tipos de diarreia em cachorros, pode ser que você pense que, nos casos mais leves, não há problemas em utilizar produtos como o Floraril ou fortasec. No entanto, isso seria um erro. Você nunca deve administrar nada a um cachorro sem a recomendação do veterinário.. Além disso, neste caso, a única coisa que você conseguiria seria reduzir a diarreia, mas não identificar sua causa, que é o que realmente vai ajudar a manter seu cachorro saudável.

Diarreia em cachorros mais velhos

Finalmente, os tipos de diarreia em cachorros que detalhamos são os mesmos que os cachorros mais velhos poderão sofrer. Se os estamos destacando nesta seção, é porque neles é mais comum a diarreia com sangue decorrente de úlceras causadas pelo consumo prolongado de anti-inflamatórios. Também devemos levar em consideração que esses animais têm maior probabilidade de ficarem desidratados. Isso implica que diarreias graves sempre exigirão tratamento veterinário, para evitar que o quadro clínico piore.

Cachorro com diarreia: tipos, sintomas e tratamento - Diarreia em cachorros mais velhos

Diarreia em cachorro filhotes

Assim como acontece com o grupo anterior, os cachorrinhos são altamente suscetíveis e, desta forma, a presença de diarreia em cachorro filhote deve ser motivo de consulta veterinária. Se o seu cachorro filhote está com diarreia, isso pode estar acontecendo devido ao desenvolvimento de uma doença grave, como o parvovírus, caso em que é acompanhada de sangue, devido a uma infestação de parasitas ou mesmo por algo tão simples quanto uma mudança na alimentação. No entanto, para ter certeza absoluta, é aconselhável visitar o especialista em caso de diarreia em cachorro filhote.

Falando nisso, temos um vídeo no canal do PeritoAnimal que desvenda aquele mito de que cachorros comem grama quando estão com dor de barriga. Entenda:

Este artigo é meramente informativo, no PeritoAnimal.com.br não temos capacidade para receitar tratamentos veterinários nem realizar nenhum tipo de diagnóstico. Sugerimos-lhe que leve o seu animal de estimação ao veterinário no caso de apresentar qualquer tipo de condição ou mal-estar.

Se deseja ler mais artigos parecidos a Cachorro com diarreia: tipos, sintomas e tratamento, recomendamos-lhe que entre na nossa seção de Problemas intestinais.

Vídeos de Cachorro com diarreia: tipos, sintomas e tratamento

1 de 3
Vídeos de Cachorro com diarreia: tipos, sintomas e tratamento

Escrever comentário sobre Cachorro com diarreia: tipos, sintomas e tratamento

Adicione uma imagen
Clique para adicionar uma foto relacionada com o comentário
O que lhe pareceu o artigo?

Cachorro com diarreia: tipos, sintomas e tratamento
1 de 4
Cachorro com diarreia: tipos, sintomas e tratamento

Voltar ao topo da página