menu
Partilhar

Espirro reverso em gatos - Causas, sintomas e tratamento

 
Por Laura García Ortiz, Veterinária especializada em medicina felina. 10 novembro 2021
Espirro reverso em gatos - Causas, sintomas e tratamento

Ver fichas de  Gatos

O espirro reverso em gatos é algo muito marcante. É produzido por um esforço respiratório ruidoso e paroxístico para expulsar o excesso de muco, substâncias estranhas ou irritantes da nasofaringe através da tosse ou do trato digestivo.

Não é mais do que um reflexo da inspiração, mas pode esconder doenças respiratórias e não respiratórias de importância. Continue lendo este artigo do PeritoAnimal para descobrir o que é o espirro reverso em gatos, como ele ocorre, causas, quais são os sintomas associados e como tratá-lo.

Também lhe pode interessar: Gato espirrando, o que pode ser?

O que é o espirro reverso em gatos

Enquanto um espirro normal é um reflexo da cavidade nasal para eliminar matéria estranha pela expulsão de ar sob pressão, um espirro reverso é o reflexo inspiratório de enviar esse ar de volta para a via aérea para eliminar detritos que irritam a área superior da parte de trás da cavidade nasal (nasofaringe) nos gatos.

Quando este espirro reverso ocorre continuamente por várias vezes, dá a impressão de que o gato está engasgado, tendo um ataque de asma ou mesmo tentando vomitar. Isto se deve à postura adotada, ou seja, dobrar as costas, dobrar os cotovelos e esticar o pescoço e também ao som agudo e ruidoso do ar sendo impelido para dentro.

Para que o espirro reverso ocorra, as extremidades intra e subepitelial do mielina do nervo trigêmeo localizado na nasofaringe lateral como o ponto mais sensível devem agir. O também chamado espirro invertido está relacionado, ainda, como uma sobreposição de ambos os reflexos das vias aéreas superiores.

O espirro reverso é produzido por uma forte contração dos músculos envolvidos na respiração juntamente com a adução das cartilagens laríngeas, o que gera uma pressão traqueal e pleural negativa que abre subitamente a glote, causando um rápido e forte fluxo de ar inspiratório que reduz o muco e as partículas irritantes, facilitando sua passagem para o oro e nasofaringe mais caudal, para serem purificadas pelo transporte mucociliar e eliminadas através do trato digestivo ou pela tosse.

Espirro reverso em gatos - Causas, sintomas e tratamento - O que é o espirro reverso em gatos

Causas do espirro reverso em gatos

A estimulação da nasofaringe para a produção de espirros invertidos pode ser desencadeada pelas seguintes causas:

  • Alérgenos: pó, pólen, ácaros.
  • Sustâncias químicas: produtos de limpeza, ambientadores, perfumes.
  • Estresse.
  • Coleira apertada.
  • Asma.
  • Excitação.
  • Intolerância a exercício.
  • Mudanças bruscas de temperatura.
  • Infecção respiratória ou síndrome respiratória felina.
  • Tumores nasais ou pólipos nasofaríngeos.
  • Doença odontológica.
  • Aumento da secreção nasal.
  • Pneumonia.
  • Palato fendido.
  • Infecções do trato respiratório inferior, tais como bronquite.
  • Movimento involuntário dos cílios respiratórios (discinesia ciliar).

O espirro reverso é mais comum em cães do que em gatos e mais comum em gatos e em cães asmáticos.

Sintomas do espirro reverso em gatos

Gatos com espirros reversos ficam angustiados. O grande esforço inspiratório faz com que seus cotovelos se retraiam, o pescoço se estenda e as costas se curvem, o que é chamado de postura ortopneica. Normalmente também há um movimento para trás da cabeça com a boca fechada, resultando em amordaçamento e o gato engolindo ou tossindo a secreção. Durante o espirro reverso, os gatos também emitem um alto som inspiratório e expandem o peito.

Geralmente se recuperam totalmente após cada episódio, que pode durar de alguns segundos a dois minutos, e não perdem o tom ou a consciência durante o episódio. Se o espirro reverso for causado por uma doença ou infecção do trato respiratório, o gato exibirá sintomas como os seguintes:

  • Febre.
  • Mal-estar general.
  • Indisposição.
  • Anorexia.
  • Sinais respiratórios como secreção nasal, tosse e sons.
  • Em tumores nasais, em alguns casos, a massa pode ser vista a olho nu devido a um inchaço da área.
Espirro reverso em gatos - Causas, sintomas e tratamento - Sintomas do espirro reverso em gatos

Tratamento para espirros reversos em gatos

Se o espirro reverso for causado por uma doença, deve ser diagnosticado e tratado o mais rápido possível para evitar este tipo de espirro. Portanto, um veterinário deve ser consultado. Geralmente, quando o excesso de secreção ou matéria estranha na cavidade nasal é eliminado, o espirro reverso cessa, assim como quando o processo asmático, distúrbios dentários ou tumores são controlados. Um anti-histamínico e descongestionante também pode ser necessário em casos de alergia. Além disso:

  • Se o espirro for resultado de algum produto que cause irritação, eles devem ser removidos ou mantidos afastados do gato sempre que tiverem que ser utilizados.
  • Devemos manter a casa limpa e livre de pó, pois, além de atrair ácaros, o excesso de pó é um dos gatilhos do espirro reverso em filhotes de felinos.
  • Se o gato tiver uma coleira, certifique-se de que ela não esteja muito apertada para não irritar a região.
  • Massagear a garganta do gato também pode parar ou reduzir os espasmos.
  • Tapar as narinas do gato para que ele engula o espirro costuma ter o mesmo efeito.

Agora que você já sabe o que é e como tratar o Espirro reverso em gatos, recomendamos a leitura deste outro artigo do PeritoAnimal em que contamos o que fazer em caso de um gato espirrando sangue.

Espirro reverso em gatos - Causas, sintomas e tratamento - Tratamento para espirros reversos em gatos

Este artigo é meramente informativo, no PeritoAnimal.com.br não temos capacidade para receitar tratamentos veterinários nem realizar nenhum tipo de diagnóstico. Sugerimos-lhe que leve o seu animal de estimação ao veterinário no caso de apresentar qualquer tipo de condição ou mal-estar.

Se deseja ler mais artigos parecidos a Espirro reverso em gatos - Causas, sintomas e tratamento, recomendamos-lhe que entre na nossa seção de Doenças respiratórias.

Bibliografia
  • Cartagena, J. C. (2021). Las 105 consultas más frecuentes en la clínica veterinaria. Grupo Asís Biomedia, S. L.
  • Morgan, R. V., Bright, R. M. y Swartout, M. S. (2004). Clínica de Pequeños Animales. Elsevier.

Escrever comentário

Adicione uma imagen
Clique para adicionar uma foto relacionada com o comentário
O que lhe pareceu o artigo?

Espirro reverso em gatos - Causas, sintomas e tratamento
1 de 4
Espirro reverso em gatos - Causas, sintomas e tratamento

Voltar ao topo da página