Partilhar

Doenças de cavalos - quais as mais comuns?

Por Lucas Andrade, Biólogo. 23 julho 2018
Doenças de cavalos - quais as mais comuns?

Ver fichas de  Cavalos

Cavalos são animais conhecidos por serem criados em ambientes rurais, auxiliando a população com transporte de materiais na agropecuária, ou como meio de transporte para o ser humano. Além disso, a equoterapia, que são exercícios em que cavalos participam interagindo com pessoas, é uma das formas de terapia reconhecidas pelo Conselho Federal de Medicina para tratar pacientes com diversos quadros clínicos, como paralisia cerebral, autismo, e síndrome de Down.

Para garantir a saúde e bem-estar de nossos amigos equinos, devemos nos atentar em relação aos cuidados básicos desde seu nascimento, realizar visitas periódicas ao seu médico veterinário, observar se há mudança de comportamento ou no corpo no cavalo, entre outras medidas de cuidado. Para te auxiliar com informações sobre doenças em cavalos, nós do Perito Animal trazemos esse artigo com alguns exemplos de doenças equinas.

Também lhe pode interessar: Doenças mais comuns nos gatos

Influenza equina

Também conhecida como gripe ou tosse cavalar, essa doença é causada por vírus, e é transmitida pelo contato direto entre cavalos doentes e saudáveis. Seus sintomas são parecidos com os que acontecem com a gripe humana, podendo apresentar:

  • Febre
  • Calafrio
  • Respiração Rápida
  • Perda de Apetite
  • Corrimento Nasal
  • Inflamação na gargante
  • Tosse

A influenza equina é uma doença muito contagiosa, ocorre principalmente em locais em que os animais estão aglomerados, e em cavalos com menos de 5 anos de idade.

Durante o tratamento, o animal deve permanecer em repouso absoluto, evitando o contato com correntes de ar frio, com alimentação nutritiva e higienização em seu local de descanso.

Anemia Infecciosa em equinos

Também conhecida como febre dos pântanos, a anemia infecciosa em equinos acontece por transmissão de vírus, realizada por mosquitos, mutucas e varejeiras. Esses pequenos insetos ao se alimentarem de sangue de cavalos doentes, carregam o vírus da anemia infecciosa, e ao atacarem animais sadis, a doença é transmitida.

Essa doença pode atacar cavalos de qualquer raça, sexo e idade, e acontece principalmente em ambientes úmidos, em regiões florestais ou em terrenos mal drenados.

Seus principais sintomas são:

  • Febre
  • Respiração rápida
  • Cabeça baixa
  • Perda de peso
  • Dificuldade de locomoção
Doenças de cavalos - quais as mais comuns? - Anemia Infecciosa em equinos

Encefalite equina

Também conhecida como doença de Aujesky, falsa raiva, peste-de-cegar, a encefalite equina ocorre por transmissão de vírus, por morcegos, carrapatos, entre outros animais que podem se alimentar do sangue dos cavalos. Além disso, o contágio é realizado quando a transmissão ocorre nas nossas nasais e vias digestivas.

O vírus dessa doença infecta o sistema nervoso central dos cavalos, o que pode causar diversas perturbações como:

  • Dificuldade de locomoção
  • Febre
  • Sonolência
  • Quedas frequentes
  • Emagrecimento rápido
  • Dificuldade de visão
  • Pálpebras caídas
  • Hipersensibilidade ao tato
  • Hipersensibilidade ao ruído

Os cavalos doentes possuem o vírus no sangue, vísceras e medula óssea. Para garantir melhor eficiência no tratamento de encefalite equina, os cavalos doentes devem ser retirados de suas atividades de rotina, e colocados em lugares escuros, sob condições higiênicas e garantindo um ambiente tranquilo

 

Cólica equina

As cólicas equinas são resultado de doenças que pode ocorrem em diversos órgãos do cavalo, e são classificadas em cólicas equinas verdadeiras e cólicas equinas falsas, de acordo com os sintomas.

As cólicas equinas verdadeiras são causadas por doenças no estômago e intestino. Essas doenças resultam em defecações anormais e são dolorosas aos animais. As cólicas equinas falsas são doenças que afetam outros órgãos internos, baço, rins, entre outros.

Para o tratamento da cólica equina, o cavalo doente deve ser mantido em um ambiente sem fornecimento de alimento.

Doenças de cavalos - quais as mais comuns? - Cólica equina

Gurma equina

A gurma é uma doença equina causada por bactérias, e afeta a respiração dos animais. O contágio é realizado pelo contato direto entre os cavalos saudáveis e os doentes, por meio de secreções, camas, forragens, ambiente, ou outros itens compartilhados.

Essa doença atinge cavalos de todas as raças, sexos e idades, e tem como principais sintomas:

  • Emagrecimento
  • Secreções nasais
  • Febre
  • Inflamação na gargante

Doenças de pele em cavalos

Os cavalos são animais que estão propensos a adquirir diversas doenças de pele, que podem ocorrer por muitos motivos, como infecção de bactérias, fungos, alergia de produtos químicos, inseticidas, picadas de insetos, entre outros. O reconhecimento das doenças de pele de seu animal poderá facilitar e auxiliar no tratamento da mesma.

Para te auxiliar à identificar se o seu cavalo está com alguma doença de pele, iremos destacar aqui alguns exemplos de doenças de pele em cavalos:

  • Astenia dérmica regional hereditária (HERDA): É uma anomalia genética que afeta cavalos de raça, como o Quarto de Milha, devido sua pele frágil e sensível. Seus principais sintomas são: Coceira e ferimentos no dorso, membros e pescoço;
  • Dermatofilose: É uma doença causada por bactérias, e tem como sintomas erupções crostosas e escamosas em diversas partes do corpo do animal.
  • Inchaços não cancerosos: São resultados de infecções, e má cicatrização de ferimentos.
  • Parasitas ou picadas de insetos: A presença ou ação desse animais podem resultar em coceiras e irritações na pele do cavalo, que por consequência originam feridas.
  • Lesões cancerosas: Ocorre principalmente em cavalos com pelagem clara, o que não garante proteção à exposição solar. Assim como demais casos de câncer, essas lesões pode se espalhar pelo corpo do animal.
  • Dermatite nos membros inferiores: É uma doença causada por fungos e bactérias, pode resultar na diminuição de pelos na região infectada, e resultar em feridas.
Doenças de cavalos - quais as mais comuns? - Doenças de pele em cavalos

Consulte um Médico Veterinário

O reconhecimento dos sintomas no seu cavalo poderá facilitar o diagnóstico das doenças equinas, o que contribui para um tratamento mais rápido, garantindo a saúde e bem-estar do seu animal. Porém, mesmo com essas informações, o seu equino precisa ser acompanhado por um médico veterinário, para que assim, o diagnóstico e tratamento sejam realizados com maior precisão e de forma efetiva.

Este artigo é meramente informativo, no PeritoAnimal.com.br não temos capacidade para receitar tratamentos veterinários nem realizar nenhum tipo de diagnóstico. Sugerimos-lhe que leve o seu animal de estimação ao veterinário no caso de apresentar qualquer tipo de condição ou mal-estar.

Se deseja ler mais artigos parecidos a Doenças de cavalos - quais as mais comuns?, recomendamos-lhe que entre na nossa seção de Outros problemas de saúde.

Escrever comentário sobre Doenças de cavalos - quais as mais comuns?

Adicione uma imagen
Clique para adicionar uma foto relacionada com o comentário
O que lhe pareceu o artigo?
1 comentário
A sua avaliação:
Matheus Vieira
Cade as fotos de doença de cavalo?

Doenças de cavalos - quais as mais comuns?
1 de 4
Doenças de cavalos - quais as mais comuns?

Voltar ao topo da página