Partilhar

Calazar canina (Leishmaniose Visceral) : Sintomas, causas e tratamento

Por Mariana Castanheira, Médica Veterinária. Atualizado: 22 outubro 2018
Calazar canina (Leishmaniose Visceral) : Sintomas, causas e tratamento
Imagem: researchgate.com

Ver fichas de  Cachorros

A leishmaniose visceral, também conhecida como Calazar, é uma doença preocupante no Brasil. Esta doença é causada por um protozoário e pode afetar tanto cachorros, como pessoas ou outros animais. Por se tratar de uma zoonose, ou seja, pode ser transmitida de animais para pessoas, é uma doença muito preocupante.

Esta doença está distribuída por quase todo o mundo. Só na America Latina já foi identificada em mais de 14 países e 90% dos casos ocorrem no Brasil.

Por ser uma doença epidemiológica muito preocupante no Brasil, o PeritoAnimal preparou este artigo para que você saiba tudo sobre a Calazar ou Leishmaniose Visceral: Sintomas, causas e tratamento. Continue lendo!

Calazar em cachorro

A leishmaniose é uma doença causada por um protozoário do gênero Leishmania. A transmissão deste protozoário ocorre através da picada por um insecto vector, ou seja, um insecto que transporta esse protozoário com ele e ao picar o cachorro, o Homem ou outro animal, deposita esse protozoário e infecta com a doença. Esses insectos são chamados de flebotomíneos e existem mais de 30 espécies diferentes deles.

Os animais ou pessoas que são picados por esses insectos tornam-se os chamados reservatórios da doença. Um animal ou pessoa pode ser picado e ser portador da doença mesmo sem apresentar sinais clínicos. Porém, sempre que um insecto dos que referimos pica um cachorro ou outro animal, ele fica um potencial transmissor da doença.

Nos centros urbanos, o principal reservatório da doença são os cachorros. Já em ambiente silvestre, os reservatórios principais são as raposas e os marsupiais.

No cachorro, o principal mosquito transmissor desta doença pertence ao gênero Lutzomyia longipalpis, também é chamado de mosquito palha.

O que é calazar?

Calazar canino ou leishmaniose visceral é uma das duas formas de leishmaniose no cachorro. Para além desta forma, existe o leishmaniose tegumentar ou muco-cutânea. Esta doença pode afectar qualquer cachorro, independentemente da idade, raça ou sexo.

Sintomas de calazar em cachorro

Cerca de 50% dos cachorros portadores da leishmaniose visceral não apresentam sinais clínicos e é possível que vivam toda a vida deles sem apresentar sinais, sendo apenas portadores da doença.

Os sinais clínicos podem ser apenas dermatológicos, mas considera-se como visceral porque os parasitas se disseminam por todo o organismo, mesmo antes de surgirem os primeiros sinais dermatológicos. Tudo começa pela picada do insecto e forma-se um nódulo chamado de leishmanioma. Este nódulo quase sempre passa despercebido por ser muito pequeno. Depois, todo o processo se expande pelo organismo do cachorro e começam a surgir os processos de ulceração da pele e inclusive necrose.

Primeiros sintomas de calazar em cachorro:

Resumindo, os primeiros sintomas de calazar em cachorro são:

  • Alopecia (regiões sem pelo)
  • Despigmentação dos pelos (perdem a cor)
  • Descamação da pele principalmente do nariz
  • Úlceras na pele (orelhas, cauda, focinho)

Sintomas avançados da leishmaniose visceral canina:

Fases mais avançadas da doença, o cachorro pode apresentar outros sintomas de calazar como:

  • Dermatites
  • Problemas no baço
  • Conjuntivites e outros problemas oculares
  • Apatia
  • Diarreia
  • Hemorragias intestinais
  • Vômitos

Sintomas na fase final da doença calazar em cachorro:

Na fase final, quando o cachorro está no último estado da leishmaniose visceral canina, pode apresentar sintomas como:

  • Caquexia
  • Paresia das patas posteriores
  • Inanição
  • Morte
Calazar canina (Leishmaniose Visceral) : Sintomas, causas e tratamento - Sintomas de calazar em cachorro
Imagem: merckvetmanual.com

Calazar em cachorro passa para humanos?

Sim, infelizmente esta doença pode ser transmitida a seres humanos, tal como já referimos. Não é transmitida diretamente do cachorro para os humanos, mas sim através de um insecto que pica um cachorro infectado e depois pica o ser humano e transmite assim a doença. Esta doença pode ser letal, principalmente em crianças desnutridas ou em indivíduos imunodeprimidos, como os portadores do vírus do HIV.

Como já referimos, qualquer cachorro ou outro animal pode ser portador desta doença e não se saber, pois não apresenta sintomas. O importante é que o seu cachorro esteja protegido das picadas de insectos, como vamos lhe explicar mais á frente.

Alguns estudos afirmam que não só os insetos flebotomíneos podem transmitir a doença, como também outros parasitas como as pulgas e os carrapatos. Existe também a possibilidade de ser transmitido via placenta de mãe para filho e via venérea.

Diagnóstico de Calazar em cachorro

Para diagnosticar a doença Calazar em cachorro ou leishmaniose visceral canina, o médico veterinário se baseia nos sinais clínicos e faz o diagnóstico definitivo através de provas específicas.

O exame pode ser parasitológico ou sorológico, tal como em medicina humana. O exame parasitológico consiste na recolha de material biológico através da punção de um linfonodo do cachorro, da medula óssea, do baço ou diretamente da pele. Embora sejam métodos simples e eficazes, são invasivos, o que traz mais riscos para o animal.

Outra possibilidade são os testes sorológicos, como a imunofluorescência indireta ou o teste Elisa. Estes testes são especialmente úteis em grupos grandes de cachorros, como em canis e são os recomendados pelo Ministério da Saúde.

Calazar em cachorro tem cura?

Embora não possamos dizer que existe efetivamente uma cura, porque o protozoário continua no organismo do animal, podemos dizer que existe uma cura clínica. Ou seja, o protozoário fica num estado de latência, como se estivesse dormindo e não se pode multiplicar. Para além disso, a carga parasitária baixa tanto com o tratamento que o animal deixa de ser um potencial transmissor para outros animais.

Calazar em cachorro - tratamento

Recentemente, foi lançado no brasil o Milteforan, o que foi um grande avanço no Brasil! Finalmente existe um tratamento legalizado para a leishmaniose visceral canina. Até este momento não existia um tratamento para esta doença no brasil e milhares de animais eram eutanasiados.

Até então, o tratamento de calazar em cachorro era um assunto polêmico e altamente discutido em medicina veterinária no Brasil. Felizmente, com os avanços da medicina veterinária e por finalmente existir esta opção legal de tratamento dos animais no Brasil, o prognóstico melhorou significativamente.

Vacina calazar cachorro

Existe uma vacina para a prevenção da doença calazar em cachorro. Esta vacina foi desenvolvida pela empresa Fort Dodge e chama-se leish-tec ®.

Aconselhe-se junto do seu médico veterinário sobre a possibilidade de vacinar o seu cachorro e os custos da vacina.

Este artigo é meramente informativo, no PeritoAnimal.com.br não temos capacidade para receitar tratamentos veterinários nem realizar nenhum tipo de diagnóstico. Sugerimos-lhe que leve o seu animal de estimação ao veterinário no caso de apresentar qualquer tipo de condição ou mal-estar.

Se deseja ler mais artigos parecidos a Calazar canina (Leishmaniose Visceral) : Sintomas, causas e tratamento, recomendamos-lhe que entre na nossa seção de Doenças infecciosas.

Escrever comentário sobre Calazar canina (Leishmaniose Visceral) : Sintomas, causas e tratamento

Adicione uma imagen
Clique para adicionar uma foto relacionada com o comentário
O que lhe pareceu o artigo?
22 comentários
Cassiana Sufia da Silva
Eu queria saber se tem algum tipo de remédio caseiro para o calazar ?

Luísa Savala (Editor/a de PeritoAnimal)
Oi Cassiana! Essa é uma doença muito séria e como mencionamos no artigo: recentemente foi lançado no brasil o Milteforan, o que foi um grande avanço no Brasil. Finalmente existe um tratamento legalizado para a leishmaniose visceral canina. Até este momento não existia um tratamento para esta doença no brasil e milhares de animais eram eutanasiados.
Até então, o tratamento de calazar em cachorro era um assunto polêmico e altamente discutido em medicina veterinária no Brasil. Felizmente, com os avanços da medicina veterinária e por finalmente existir esta opção legal de tratamento dos animais no Brasil, o prognóstico melhorou significativamente.
Por essa razão, é extremamente importante que você busque ajuda de um médico veterinário de confiança o quanto antes para que ele passe o tratamento mais adequado de acordo com as necessidades do seu cachorro.
A equipe do PeritoAnimal deseja rápidas melhoras!
A sua avaliação:
Elizabeth Mendonça Viegas
Amei as Informações! Digam-me, e os gatos, tbm não correm esse risco??
Luísa Savala (Editor/a de PeritoAnimal)
Oi Elisabeth! Obrigada pelo seu comentário. Você pode ver informações sobre leishmaniose em gatos nesse artigo: https://www.peritoanimal.com.br/leishmaniose-em-gatos-sintomas-e-tratamento-20925.html
maria sylvia
Onde encontrar essa vacina aqui no Brasil? Aqui no Pará e está tento um surto de cães com a lescheimaniose e não consigo encontrar essa vacina leisch tec
Odilon Teixeira de Melo
Muito bom, gostei dos esclarecimentos.
Obrigado.
Luísa Savala (Editor/a de PeritoAnimal)
Oi Odilon! Obrigada pelo seu comentário, continue nos acompanhando 🐶
A sua avaliação:
Doris
Alguma atualização sobre a vacina para calazar ?
A sua avaliação:
Willian Pereira
boa tarde, sou estudante de veterinária e estou estudando sobre leishmaniose para uma semana cientifica, consta em seu trabalho q a vacina é a leishmune, mas a leishmune teve sua fabricação suspensa pelo MAPA, e a unica vacina em circilação e aprovada é a leish-tec
Luísa Savala (Editor/a de PeritoAnimal)
Oi Wilian! Obrigada pelo comentário, já atualizamos o artigo!
ANA
boa tarde eu acho que meu cachorro esta com calazar oq devo fazer
Luísa Savala (Editor/a de PeritoAnimal)
Oi Ana! Se você esta com essa suspeita o mais indicado é procurar um médico veterinário de confiança urgente.
monica
procura a equipe de zoonoses da sua cidade.
MARIA LUCIA HOLANDA
BOA NOITE. ESTOU COM MINHA CACHORRA ME PREOCUPANDO, TEM DIA QUE A MESMA MAU CONSEGUE SE LEVANTAR VEJO QUE E COMO SE DOE-SE AS PATAS, POIS A MESMA NÃO NOS DEIXA ENCOSTAR , E ESTA COM EM ALGUMA PARTE DO CORPO COMO SE FOSSE SARNAS, QUERIA SABER SE PODE SER CALAZAR?
A sua avaliação:
Lucas Bastos
Muito bom o site, explica tudo perfeitamente!
Gardênia
O cachorro sente dor, com o calazar ???

Calazar canina (Leishmaniose Visceral) : Sintomas, causas e tratamento
Imagem: researchgate.com
Imagem: merckvetmanual.com
1 de 2
Calazar canina (Leishmaniose Visceral) : Sintomas, causas e tratamento

Voltar ao topo da página