Partilhar

Cachorro pode comer cebola?

 
Por Equipe editorial do PeritoAnimal. 18 fevereiro 2021
Cachorro pode comer cebola?

Ver fichas de  Cachorros

Decidir compartilhar o nosso lar com um cachorro representa para nós a responsabilidade de garantir a ele um completo estado de bem-estar, o que inclui uma série de cuidados. Alguns dos mais importantes são garantir uma socialização adequada, suficiente companhia e afeto e uma alimentação ideal.

A alimentação do cachorro é de grande importância, pois interfere diretamente em sua saúde. De fato, uma nutrição inadequada atua como um gatilho para diversas doenças. Muitos tutores decidem dar também comida caseira ao seu animal de estimação como um complemento à ração e, por isso, se informam sobre quais alimentos podem ser tóxicos, mas também é necessário saber interpretar essas informações.

Neste artigo do PeritoAnimal, falaremos sobre uma dúvida muito comum entre os tutores. Cachorro pode comer cebola? E cachorro pode comer alho? Vamos destacar ainda os sintomas de uma possível intoxicação por cebola e alho em cachorros. Boa leitura.

Também lhe pode interessar: Meu cachorro se engasga comendo

Cachorro pode comer cebola?

Cachorro pode comer cebola? É melhor evitar. Este alimento não deve ser oferecido ao seu amigo peludo porque, se ingerido por ele, há um grande risco de intoxicação e, como consequência, o desencadeamento de outros problemas de saúde que vemos ainda neste artigo.

Mas calma. É preciso destacar que o excesso de cebola é que é o grande problema. Se o pet comer uma porção de arroz que foi preparada com cebola e alho, por exemplo, ele não será afetado. Exemplo prático: se vamos dar a um Yorkshire Terrier um prato de comida caseira preparada com cebola, vamos usar uma cebola inteira numa preparação exclusiva para nosso cachorro? Provavelmente não, e essa é a chave.

Para que um cachorro possa se intoxicar com cebola, ele teria que consumir 0,5% do seu peso corporal em cebolas, uma quantidade excessiva que não cabe em uma dieta balanceada para cães. Para você ter uma ideia, esse percentual significa 50g de cebola para um cachorro de pequeno porte de 10kg.

Oferecer comida caseira preparada com cebola uma vez ou outra certamente não causará problemas. Por isso quando perguntam se cachorro pode comer cebola, a melhor resposta é não.

Cachorro pode comer alho?

Este é outro alimento que, se consumido em excesso, pode causar problemas nos cachorros. Por isso, se você se pergunta se cachorro pode comer alho, a resposta é que sim, mas com precaução.

Se ele for oferecido em pequenas quantidades, e de forma não constante, o alho não é prejudicial para cachorros, sendo, inclusive, uma boa opção natural para desparasitá-lo. Mas lembre: nada de excessos. Comer mais de um dente de alho por dia poderá causar transtornos ao peludo.

A toxicidade da cebola para cachorros

A cebola é uma grande inimiga à saúde dos cachorros porque possui um princípio tóxico chamado dissulfeto de N-propila, que é um composto capaz de inibir as enzimas do metabolismo, responsável por causar a transformação de hemoglobina em metemoglobina.

Esse componente, também encontrado no alho, em altas concentrações, pode causar danos e destruir os glóbulos vermelhos e causar um tipo de anemia chamada anemia hemolítica. E não importa se a cebola está cozida ou crua, tal componente segue ativo da mesma forma.

Cachorro pode comer cebola? - A toxicidade da cebola para cachorros

Sintomas de intoxicação por cebola e alho em cachorros

Você já viu que cachorro não pode comer cebola e deve ter cuidado com a oferta do alho. Agora, se o seu cachorro consumiu alho e cebola em quantidades inadequadas durante vários dias ou em quantidade excessiva em um período mais curto, você deve saber que os sintomas da intoxicação não se manifestarão imediatamente, mas em cerca de 5 a 6 dias.

Os sintomas desta intoxicação em cachorros irão aparecendo de forma progressiva, e incluem os seguintes:

  • Vômito
  • Diarreia
  • Urina avermelhada
  • Dificuldade respiratória
  • Letargia
  • Aumento do ritmo cardíaco
  • Mucosas hipocoradas
  • Apatia
  • Cianose

Se esses sintomas aparecerem, é importante procurar o veterinário o mais rápido possível.

Cachorro pode comer cebola? - Sintomas de intoxicação por cebola e alho em cachorros

Meu cachorro comeu cebola, o que faço?

Se o cachorro que vive com você comeu cebola ou alho em excesso, é necessário tomar algumas medidas. Como já mencionamos, entre em contato com um veterinário imediatamente, pois ele poderá ajudar na descontaminação. Se a ingestão for recente (menos de uma hora), o profissional poderá inclusive induzir o vômito no cachorro.

Por outro lado, se a quantidade de cebola ingerida for muito grande, o veterinário escolherá o tratamento adequado a partir de análises de sangue. Ele poderá utilizar o carvão ativado ou aplicar soro no animal, por exemplo.

Outros alimentos proibidos para cães

Como você viu, cachorro não pode comer cebola e recomendamos muita moderação ao oferecer alho para cachorro. Além desses dois, há alguns alimentos proibidos para cães que você deve conhecer para evitar incluir na dieta do seu companheiro de quatro patas. Aqui estão alguns deles:

  • Café
  • Chocolate
  • Leite e queijos
  • Levedura ou fermento
  • Frutos secos
  • Sal
  • Álcool
  • Ovos crus
  • Frutas cítricas devem ser evitadas
  • Abacate
  • Uva
  • Batata crua

Neste outro artigo do PeritoAnimal você terá mais detalhes sobre esses alimentos proibidos para os cachorros, ou ainda no vídeo a seguir:

Este artigo é meramente informativo, no PeritoAnimal.com.br não temos capacidade para receitar tratamentos veterinários nem realizar nenhum tipo de diagnóstico. Sugerimos-lhe que leve o seu animal de estimação ao veterinário no caso de apresentar qualquer tipo de condição ou mal-estar.

Se deseja ler mais artigos parecidos a Cachorro pode comer cebola?, recomendamos-lhe que entre na nossa seção de Problemas intestinais.

Bibliografia
  • DE ALMEIDA MARTINS, Ana Julia; FRANCO, Eliz Oliveira; DE FREITAS, Vantuil Moreira. Por que a cebola pode intoxicar seu cãozinho?. Em Anais Colóquio Estadual de Pesquisa Multidisciplinar (ISSN-2527-2500) & Congresso Nacional de Pesquisa Multidisciplinar. 2019. Disponível em: <file:///C:/Users/aerto/Downloads/754-Texto%20do%20artigo-2070-1-10-20190819.pdf>. Acesso em 16 de fevereiro de 2021.
  • DONADÃO, Fabíola; MOTTA, Jacquelyne. Alimentação Natural: Um Guia para Cães e Gatos. Disponível em: <https://www.academia.edu/download/62454731/apostila_de_alimentacao_natural20200323-80295-133gy8k.pdf>. Acesso em 16 de fevereiro de 2021.
  • ÉPOCA. Alimentos que seu cão nunca deve comer. Disponível em: <https://epoca.globo.com/colunas-e-blogs/fernanda-fragata/noticia/2015/11/alimentos-que-seu-cao-nunca-deve-comer.html>. Acesso em 16 de fevereiro de 2021.

Escrever comentário

Adicione uma imagen
Clique para adicionar uma foto relacionada com o comentário
O que lhe pareceu o artigo?

Cachorro pode comer cebola?
1 de 4
Cachorro pode comer cebola?

Voltar ao topo da página