Partilhar

Labrador Retriever

Labrador Retriever

O Labrador Retriever é uma das raças mais populares do mundo pela quantidade de exemplares registrados. Trata-se de uma raça originária de Terra Nova, o atual Canadá. É um cachorro nobre, bonito e muito inteligente, apropriado para todo o tipo de famílias.

Se está pensando em adotar um cachorro Labrador Retriever, é muito importante que antes preste atenção às caraterísticas e caráter deste animal para levar a cabo a sua educação, o adestramento e os cuidados que precisa.

Embora no geral falemos de um cachorro amável, dócil e muito paciente, devemos saber que também é um amigo incansável que vai precisar de muitas horas de exercício e brincadeiras para se manter em forma e evitar o sobrepeso, um problema comum nesta raça, Continue lendo e descubra tudo sobre o Labrador Retriever.

Origem
  • América
  • Canadá
Classificação FCI
  • Grupo VIII
Características físicas
Altura
  • 15-35
  • 35-45
  • 45-55
  • 55-70
  • 70-80
  • Mais de 80
Peso adulto
  • 1-3
  • 3-10
  • 10-25
  • 25-45
  • 45-100
Esperança de vida
  • 8-10
  • 10-12
  • 12-14
  • 15-20
Atividade física recomendada
  • Baixa
  • Média
  • Alta
Recomendações
  • Arnês
Clima recomendado

Origem do Labrador Retriever

Apesar do seu nome, que faz alusão à província canadiense de Newfoundland e Labrador, a Federação Cinológica Internacional (FCI) reconhece a origem do Labrador Retriever na Grão Bretanha. No entanto, a história desta raça popular está sim relacionada com a ilha de Newfoundland e, mais exatamente com a cidade canadiense de São João (Saint John).

É provável que o cachorro de São João (Saint John's dog), ancestral direto do Labrador Retriver, tenha sido descendente de cachorros de água britânicos. Estes cães de água teriam sido levados para a ilha de Newfoundland por pescadores ingleses. Na ilha, desenvolveu-se o cachorro de São João, que era utilizado pelos pescadores para ajudar nas atividades de pesca, arrastando até à costa linhas de redes de pesca.

Estes cachorros, deveriam ser portanto resistentes, trabalhadores e bons nadadores. Além disso, precisavam de ter um pelo denso que os protegesse das águas gélidas do norte e caudas grossas que serviam como leme. A variedade mais pequena dos cachorros de São João teria dado origem a diferentes raças de cachorros retrievers, entre as quais se entra o cachorro Labrador Retriever.

A meados do século XIX, alguns cachorros de São João foram exportados para a Inglaterra, onde foram utilizados por alguns criados para obter o cachorro retriever perfeito. Foi assim que, após várias gerações e uma seleção minuciosa, nasceu na Inglaterra o cachorro Labrador Retriever. Nas primeiras décadas do século XX estabeleceram-se as bases morfológicas da raça, tal como a conhecemos hoje em dia. Nesta época já existiam na Inglaterra vários retrievers registrados no Kennel Club.

Os labradores foram importados nos Estados Unidos durante a primeira guerra mundial. A segunda guerra mundial teve consequências desastrosas para esta raça, tal como para todas as outras raças, e a criação de raças foi colocada em segundo plano.

Depois da segunda guerra mundial, o Labrador começou a ganhar popularidade. Pouco a pouco foi demonstrando as suas grandes qualidades como cachorro de caça, mas o lhe deu a maior popularidade foi o seu bom caráter adicionado à sua aparência agradável.

Hoje em dia, o cachorro Labrador Retriever é usado para muitas atividades. É um dos cachorros preferidos dos grupos de resgate e salvamento, como guia para cegos, cachorro de assistência, cachorro de terapia e o pet canino mais popular em todo o mundo.

Cão labrador - características

O Labrador Retriver é um cachorro de tamanho médio, com corpo musculado, forte e compacto. O seu peito é largo e profundo e, as costas são retas. Este cachorro é ligeiramente mais comprido que alto. A cabeça do Labrador Retriever é larga e apresenta um focinho comprido e largo. A raça apresenta uma mordida em tesoura e as mandíbulas são fortes.

As orelhas do cachorro Labrador são médias e ficam penduradas nos lados da cabeça. Os olhos têm uma expressão vivaz e inteligente e são de cor café ou marrom. A cauda, caraterística desta raça, é grossa na base e termina em ponta. Tem um pelo abundante que lhe confere uma aparência redonda. Nunca está curvada sobre o lombo.

O pelo do cachorro Labrador é curto, denso e sem ondulações. Esta raça tem uma pelagem dupla. A pelagem interior é suave e impermeável. A pelagem externa é mais dura e ajuda a manter a impermeabilidade. As cores aceites para o Labrador são o preto, chocolate e creme.

Para os machos, a altura da cruz encontra-se entre os 56 e os 57 centímetros. Para as fêmeas, a altura da cruz encontra-se entre os 54 e os 56 centímetros. O peso dos machos deve estar entre os 27 e os 34 quilos. O peso das fêmeas deve estar entre os 25 e os 32 quilos.

Personalidade do Labrador Retriever

Uma das caraterísticas mais notáveis do Labrador Retriever é o seu caráter. Devido à sua aparência amigável e o seu caráter excepcionalmente sociável, esta raça canina foi a mais popular do mundo por mais de uma década. Além disso, a estabilidade de caráter destes cachorros converteu-os em grandes parceiros da humanidade, colaborando como cachorros de resgaste, cachorros de terapia, cachorros de assistência e muito mais.

O Labrador Retriever é sociável, amigável, leal, inteligente e amante da diversão. Esta raça é fácil de treinar, pelo que se torna uma boa companhia se tiver tempo e o espaço suficiente. O cachorro Labrador costuma ser muito amigável com pessoas e com cachorros, mas deve ser socializado corretamento quando ainda é filhote. Um Labrador Retriever corretamente socializado costuma ser uma excelente companhia para as crianças.

Esta raça tem muita energia e precisa de muito exercício. Por isso, embora se possa adequar a viver em um apartamento, é necessário proporcionar-lhe passeios e também momentos de brincadeira com outros cães. O gosto que o Labrador Retriever tem pela água é uma das suas caraterísticas comportamentais. A raça também apresenta uma notável predisposição para recolher, por isso é fácil ensinar-lhe a trazer coisas.

Apesar das suas grandes qualidades, o Labrador Retriever costuma pedir atenção com frequência. É importante o labrador retriever bebê para evitar problemas de procura excessiva de atenção e de ansiedade por separação. Além disso, os Labradores costumam ter uma adolescência prolongada pelo que não os melhores pets para pessoas que preferem seguir uma vida sedentária. Mas são uma boa opção para quem desfruta de atividades físicas no exterior.

Muitos Labradores costumam se aproximar sem problemas de outros cães e, isto pode causar conflitos com cachorros desconhecidos. No entanto, o Labrador Retriever não é fã de brigas e, por norma evita-as, embora se possa meter em problemas pelo seu impulso e energia.

Cuidados do Labrador Retriever

O Labrador Retriever pode habituar-se a viver em um apartamento pequenos se lhe proporcionar os passeios e o exercício suficiente. O ideal seria oferecer-lhe uns três passeios diários, bem repartidos durante o dia. Esta rotina deverá ser combinada com algum exercício ativo para cachorros adultos pois trata-se de uma raça conhecida pelo seu apetite insaciável que pode levá-lo a sofrer de obesidade se o permitir. Além disso, o exercício irá ajudá-lo a canalizar o seu temperamento ativo e inquieto, muito habitual nesta raça.

Os brinquedos são muito importantes para o Labrador Retriever e irão ajudar-nos a encontrar novas formas de canalizar toda a energia que este cachorro tem. Alguns cachorros Labradores costumam adquirir o hábito de morder tudo quando são filhotes. Os clássicos mordedores para cachorros poderão ajudar a resolver este problema.

Por fim, lembramos da importância de lhe dar banho a cada mês ou mês e meio assim como escová-lo. Isto ajudará a prevenir o aparecimento de parasitas e a que o nosso cachorro tenha um pelo sedoso, brilhante e limpo.

Treinar o Labrador Retriever

O Labrador Retriever é um cachorro relativamente fácil de educar e adestrar pelo seu caráter sociável e a sua predisposição ao afeto e aos prêmios. O ideal será começar a trabalhar desde a sua etapa de filhote a socialização do cachorro, processo que deverá continuar a trabalhar até à sua etapa adulta. O ideal é relacioná-lo com todo o tipo de pessoas, animais e objetos, evitando assim o desenvolvimento de fobias e medos na sua etapa adulta.

Por outro lado, também será muito importante a sua aprendizagem dos comandos de obediência básicos, tais como se sentar, ficar quieto, responder cada vez que o chamar. Todos estes comandos não só nos ajudarão na segurança do cachorro, como também farão com que a nossa relação com ele seja boa e o estimulemos mentalmente. Uma vez que o cachorro Labrador Retriever possui excelentes qualidades, não será de mais estimulá-lo com jogos e atividades de todo o tipo. Uma forma de o manter ágil e feliz visto que adora os jogos e a diversão.

Saúde do Labrador Retriever

O Labrador Retriever é um cachorro relativamente saudável e com uma grande expectativa de vida, que se destaca pela sua boa forma física e o seu excelente estado de saúde. No entanto, a excessiva endogamia à qual se submeteu esta raça pode provocar doenças genéticas que, infelizmente, costumam aparecer quando o cachorro envelhece. Um exemplo muito habitual é a displasia de anca.

Quando o cão é um filhote devemos proporcionar-lhe as suas primeiras vacinas e devemos continuar com o seu calendário de vacinação durante toda a vida. Isto evitará que sofra algumas das doenças mais perigosas para os cachorros.

Para que o nosso cachorro desfrute de um ótimo estado de saúde, o ideal será consultar o veterinário a cada 6 meses para uma revisão básica que nos indicará se está tudo bem. Da mesma forma, nós podemos prevenir o aparecimento de algumas doenças proporcionando-lhe bons cuidados ao nosso cachorro Labrador Retriever.

Por fim, é importante referir que o Labrador é propenso a sofrer de obesidade, se comerem muitas guloseimas e se o seu exercício diário não for o suficiente começam a desenvolver este problema de saúde (que além disso causa o aparecimento de problemas musculares e articulares). Descubra no PeritoAnimal como prevenir a obesidade em cachorros.

Curiosidades

  • Endal, um labrador retriever da Grã-Bretanha, foi premiado como Cachorro do Milênio por sua devoção ao deve. A sua inteligência e iniciativa salvaram a vida a um home inconsciente. O cachorro colocou o homem na posição lateral de segurança, salvando assim a sua vida. Além disso, recuperou o seu celular, encontrou uma manta, cobriu o homem e alertou as casas mais próximas em busca de ajuda. Quando não recebeu atenção, o cachorro correu até um hotel próximo onde finalmente conseguiu alertar alguém para o estado do homem inconsciente.

Fotos de Labrador Retriever

Artigos relacionados

Suba a sua foto de Labrador Retriever

Suba a foto do seu Pet

Escrever comentário sobre Labrador Retriever

Adicione uma imagen
Clique para adicionar uma foto relacionada com o comentário
Como avalia esta raça?
5 comentários
Juliana
Apareceu na minha casa gostaria de saber se é labrador?
A sua avaliação:
Sandra Colaço Silva
Boa tarde pessoal, estou aqui para dizer que tem uma vizinha de uma amiga minha que ela e sua família estão de mudança para a Itália e não poderá levar o seu lindo labrador de nome Ford. Quem tiver interesse em adota-lo, por favor me contate pelo whatsapp que passarei o contato da pessoa que está com ele temporariamente. (34) 992239114.
Regis Vasconcelos
Bom dia,
Já criei um Labrador, mas foi há uns 10 anos. Pretendo criar novamente e estou reformando a casinha onde ele ficará quando tiver que ficar preso. Estou com uma dúvida na largura da grade (distância entre as barras) que posso utilizar. Lembro que o cão adulto tem uma cabeça larga, mas alguém poderia informar a medida? Gostaria de fazer uma grade "clean" com distância entre as barras de 12cm, mas será que é muito largo? Sei que a largura do peito é maior, mas não pode passar a cabeça, se não o cachorro poderá se machucar.
Agradeço quem puder informar.
Beto
Ambiente fechado.
Para cães de médio a grande porte: 2,5m x 2,5m
Para cães pequenos: 1m x 1m.
A altura da parede deve ter 2m e o portal (0,5m de largura).

Grade: as grades de ferro ou alambrados podem ser colocadas nos canis das fêmeas, pois machos, urinam na cerca, e a mesma acaba enferrujando. Por isso para canil onde o cão é macho, é preferível erguer um muro.
Simone Gonçalves
Amei as dicas, tudo proveitoso, aprendi coisas que não sabia sobre meu per.
Regina da Silva de Almeida
Gostei e agradeço pelas dicas especialmente quanto a tendencia a obesidade o nome do meu bbzão é Draco e tem 2 anos e 3 meses. Abraços!
Nelson Ferreira (Editor/a de PeritoAnimal)
Oi Regina, muito obrigado pelo seu comentário. O seu amiguinho é muito lindo! :)

Labrador Retriever
Foto postada por Simone Gonçalves:Minha Nega linda!
1 de 9
Labrador Retriever

Voltar ao topo da página