Partilhar

É normal que a minha cadela sangre após o parto?

 
Por Aline Nunes. 13 setembro 2018
É normal que a minha cadela sangre após o parto?

Ver fichas de  Cachorros

Durante o processo de gestação, parto e criação são inúmeras as mudanças que o corpo da cadela enfrenta para dar à luz os seus filhotes. É, portanto, um estágio que exige cuidados especiais para garantir a manutenção da saúde da mãe e, também, dos bebês. É, por isso, que neste artigo do PeritoAnimal vamos discutir se é normal que a nossa cadela sangre após o nascimento ou não, já que constitui uma das dúvidas habituais dos cuidadores.

Também lhe pode interessar: Problemas no parto de cadelas

Mudanças no corpo da cadela durante a gravidez

Antes de explicar se é normal uma cadela sangrar após o parto, devemos saber o que acontece com o corpo dela durante esse período. O útero da cadela é em forma de Y com um chifre uterino de cada lado onde os filhotes serão alojados. Portanto, a primeira mudança considerável será um aumento no tamanho do útero, que expandirá gradualmente à medida que os filhotes crescem. Além disso, o útero irá concentrar uma quantidade maior de sangue para manter os fetos nutridos e garantir o seu bem-estar. Às vezes o parto natural não é possível e estamos diante de uma cesárea ou uma concepção indesejada. Por esse motivo uma cirurgia uterina, como uma ovariohisterectomia, pode ter o sangramento como uma das complicações a serem consideradas. Outra mudança importante ocorre nas mamas, que escurecem e aumentam em preparação para a amamentação. Todas essas modificações são induzidas por hormônios.

É normal que a minha cadela sangre após o parto? - Mudanças no corpo da cadela durante a gravidez

É normal que a cadela sangre logo após o parto?

Durante o parto, que ocorre por volta dos 63 dias de gestação, o útero se contrai para expulsar os filhotes ao exterior. Cada um deles é envolto em uma bolsa cheia de líquido amniótico e preso à placenta pelo cordão umbilical. Para nascer, a placenta deve ser separada do útero. Às vezes, a bolsa se rompe antes de sair o filhote, mas é comum que ele nasça com a bolsa intacta e será a mãe quem a romperá com os dentes. Ela também morderá o cordão umbilical e, normalmente, come os restos mortais. A separação das placentas do útero produz uma ferida, que é o que explica por que é normal a cadela sangrar após o nascimento. Então, se a sua cadela deu à luz e sangra, você deve saber que é uma situação normal.

Quanto tempo a cadela sangra após o parto?

Como vimos, o sangramento pós-parto na cadela é normal. Esses sangramentos são chamados de lóquios e podem durar várias semanas, apesar de notarmos que ele diminui em quantidade e a cor muda, variando do vermelho do sangue fresco até tons mais rosados e marrons, correspondendo ao sangue já seco. Além disso, o útero diminui progressivamente até atingir o tamanho anterior a gravidez. Este processo de involução dura cerca de 4 a 6 semanas, por isso, é normal que a cadela continue a sangrar após um mês de nascimento.

Na próxima secção, veremos quando esses lóquios podem ser preocupantes. Recomendamos mudar o leito da cadela após o parto para evitar infecções. Podemos usar absorventes que são bem fáceis de remover e renovar e possuem uma parte impermeável que ajuda a manter o seu ninho seco e quente.

É normal que a minha cadela sangre após o parto? - Quanto tempo a cadela sangra após o parto?

Minha cadela está sangrando dois meses após parir, é normal?

Como já foi dito, é normal que uma cadela sangre após o parto, contudo, devemos observar que esse sangramento ocorre como explicamos, pois, do contrário, pode indicar sérios problemas que devem ser tratados por um veterinário. Entre esses problemas, destacam-se os seguintes:

  • Subinvolução dos locais placentários: se observamos que os lóquios se estendem por um longo período poderíamos estar diante dessa condição, que ocorre porque o útero não pode concluir o processo de involução. A hemorragia, mesmo que não seja muito abundante, pode fazer com que o nosso cão tenha anemia. Pode ser diagnosticado por palpação ou ecografia.
  • Metrite: é uma infecção uterina que pode ser causada por um aumento de bactérias quando o colo do útero está aberto, por retenção placentária ou mumificação de um feto. Os lóquios terão bastante mau cheiro e o cão estará sem ânimo, terá febre, não comerá ou cuidará dos cachorrinhos, além disso, vômitos e diarreia podem ocorrer. É diagnosticado por palpação ou ultrassom e requer assistência veterinária imediata.

Desta forma, se você observa que a cadela continua sangrando dois meses após o parto, será necessário procurar o veterinário para examiná-la e verificar quais dos problemas encontramos, dentre os acima mencionados, porque geralmente não é uma situação normal. Além disso, recomendamos consultar o seguinte artigo para oferecer à nova mãe e seus filhotes os melhores cuidados: "Cuidados para cachorros recém-nascidos".

Este artigo é meramente informativo, no PeritoAnimal.com.br não temos capacidade para receitar tratamentos veterinários nem realizar nenhum tipo de diagnóstico. Sugerimos-lhe que leve o seu animal de estimação ao veterinário no caso de apresentar qualquer tipo de condição ou mal-estar.

Se deseja ler mais artigos parecidos a É normal que a minha cadela sangre após o parto?, recomendamos-lhe que entre na nossa seção de Problemas de gestação.

Escrever comentário sobre É normal que a minha cadela sangre após o parto?

Adicione uma imagen
Clique para adicionar uma foto relacionada com o comentário
O que lhe pareceu o artigo?

É normal que a minha cadela sangre após o parto?
1 de 3
É normal que a minha cadela sangre após o parto?

Voltar ao topo da página