Partilhar

Shichon

Atualizado: 20 outubro 2020
Shichon

O Shichon surgiu do cruzamento entre cachorros da raça Bichon Frisé e Shih-tzu. Portanto, é um cachorro mestiço que tem se tornado cada vez mais popular pela sua beleza e personalidade. Esse cachorro se destaca por ser ativo, enérgico, carinhoso e divertido. Além disso, possui outras qualidades que o tornam um excelente cachorro de companhia para pessoas alérgicas a cachorros, já que é considerado hipoalergênico.

Se você quer conhecer todas as características do Shichon, seus cuidados básicos e possíveis problemas de saúde, fique aqui neste post do PeritoAnimal e confira isso e muito mais!

Origem
  • América
  • Estados Unidos
Características físicas
Altura
  • 15-35
  • 35-45
  • 45-55
  • 55-70
  • 70-80
  • Mais de 80
Peso adulto
  • 1-3
  • 3-10
  • 10-25
  • 25-45
  • 45-100
Esperança de vida
  • 8-10
  • 10-12
  • 12-14
  • 15-20
Atividade física recomendada
  • Baixa
  • Média
  • Alta
Clima recomendado
Tipo de pelo

Origem do Shichon

O Shichon recebe muitos nomes diferentes, como zuchon, tzu -frisé ou até mesmo teddy bear. Seja qual for o nome, o Shichon é um cachorro que surge do cruzamento de duas raças icônicas, o Bichon Frisé e o Shih-tzu. Assim, o Shichon é um cachorro híbrido, que surgiu de forma controlada nas últimas décadas do século XX, sendo uma raça de aparecimento recente.

O local e a data específicos em que nasceram os primeiros filhotes de Shichon são desconhecidos, mas acredita-se que tenham sido o resultado de cruzamentos feitos com muito cuidado por um especialista na criação de ambas as raças progenitoras, e com aconselhamento veterinário. Por ser uma raça híbrida, não possui o reconhecimento oficial da maioria das organizações cinológicas, mas possui um padrão oficial estabelecido por outras, como o American Hybrid Club (AHC).

Características do Shichon

Um Shichon é um cachorro pequeno, medindo entre 22 e 30 centímetros de altura até cernelha. O peso médio de um Shichon varia entre 4 e 10 quilos, com os machos sendo geralmente um pouco mais robustos que as fêmeas. Sua expectativa média de vida é de aproximadamente 16 anos.

O Shichon tem um corpo proporcional, de forma que nenhuma das partes que o compõem se destaca. Sua cauda é de comprimento médio e é coberta por uma pelagem macia. Os olhos, bem redondos e marrons ou castanhos escuros, são incrivelmente expressivos. Por outro lado, as orelhas estão localizadas a meia altura em relação ao rosto, que é relativamente largo. Elas têm pontas arredondadas e pendem ligeiramente inclinadas para a frente.

O pelo do Shichon é de comprimento médio para curto, com ligeiras ondulações, e ele apresenta a particularidade de quase não perder pelos, o que o torna um cachorro classificado como hipoalergênico.

Cores do Shichon

O manto do Shichon é muito variado, portanto, apresenta diferentes variedades de cor. Os tons mais frequentes desta raça híbrida são: cinza, preto, castanho, creme, branco, marrom e as possíveis combinações dos anteriores.

Filhotes de Shichon

Os filhotes de Shichon tendem a ser muito pequenos em tamanho, embora isso possa variar dependendo da raça do progenitor cuja carga genética predomina nos descendentes.

Seja qual for o seu tamanho, são cachorros muito ativos e brincalhões, que passam horas e horas à procura de coisas novas e fascinantes para se divertirem sem parar. É claro que também precisam de um bom descanso para que seu crescimento aconteça de maneira correta e possam se desenvolver sem problemas.

Personalidade do Shichon

Estes cachorrinhos têm uma personalidade muito acentuada, o que pode até ser contraditório devido ao seu pequeno tamanho. A grande personalidade de um Shichon pode ser surpreendente, embora a surpresa não seja tão grande se você já lidou com espécimes de Shih-tzu ou Bichon Frisé, já que estes também tendem a ter uma personalidade bastante acentuada.

Eles são cachorros ativos, que guardam grandes quantidades de energia, por isso são bastante inquietos e brincalhões. Assim, é importante que eles pratiquem atividades físicas e possam brincar diariamente. Em geral são cachorros inteligentes, atenciosos e obedientes, embora este último também dependa de como foram treinados.

Além disso, são extremamente afetuosos, por isso tendem a ser muito dedicados à família. Adaptam-se muito bem à vida tanto em lares com crianças pequenas como com idosos, sendo sempre preferível que vivam em ambientes internos, uma vez que não estão preparados para suportar os rigores da vida ao ar livre.

Cuidados do Shichon

O Shichon não é uma das raças mais exigentes quanto aos cuidados de que necessita. O que geralmente cabe destacar é sua necessidade de receber atenção e afeto, uma vez que não lidam bem com a solidão e a falta de carinho e companhia os faz sofrer altos níveis de ansiedade.

Quanto à atividade física necessária, destaca-se o quanto os Shichons são enérgicos, por isso precisam se exercitar diariamente para canalizar toda essa energia de forma construtiva. Porém, essa atividade não precisa ser vigorosa pois, devido ao seu pequeno porte, passeios diários e brincadeiras serão suficientes. Além disso, é aconselhável jogar jogos de inteligência ou lógica que os mantenham também ativos e estimulados a nível mental.

Por outro lado, dentro dos cuidados do Shichon encontramos também aqueles referentes à pelagem. Sua pelagem requer alguns cuidados, como a escovação frequente, que deve ser realizada pelo menos duas vezes por semana, embora o ideal seja fazê-la todos os dias. Somente assim o Shichon pode mostrar sua pelagem lustrosa e macia em bom estado, livre de sujeira e quaisquer emaranhados.

A alimentação do Shichon deve ser ajustada ao seu pequeno tamanho, já que comer em excesso fará com que o animal ganhe peso, chegando a ficar com sobrepeso ou mesmo obeso, e sofra as consequências negativas que isso acarreta ao nível da saúde, como problemas cardiovasculares ou articulares.

Educação do Shichon

Como já mencionamos, o Shichon tem uma personalidade um tanto forte, por isso é necessário realizar um treinamento adaptado a essa personalidade. O mais aconselhável é começar a treinar o Shichon ainda quando filhote, pois desta forma ele aprende muito mais rápido e o treino parece ser mais eficaz se for continuado quando adulto.

O melhor é, assim como no caso de qualquer outra raça ou cachorro mestiço, realizar um treino respeitoso e adaptado a cada espécime. Em termos gerais, foi demonstrado que as técnicas que apresentam mais e melhores resultados são aquelas baseadas em treinamento positivo. Algumas recomendações específicas para o caso do Shichon são:

  • A duração mínima das sessões de treino é de cerca de 10-15 minutos, sendo aconselhável que cada sessão dure entre 30 e 45 minutos no máximo.
  • É melhor começar ensinando a eles os comandos básicos, e aumentar gradualmente a dificuldade.
  • Dado o seu nível de energia, as brincadeiras também podem ser uma boa forma de treinar o Shichon sem que ele perca o interesse.

Saúde do Shichon

Por ser uma raça híbrida, o Shichon tem uma saúde muito mais robusta do que a de qualquer um de seus progenitores de raça pura, pois as combinações genéticas resultantes do cruzamento geram uma raça mais resistente às doenças. No entanto, algumas das doenças mais comuns no Shichon são aquelas relacionadas ao sistema circulatório e, especificamente, ao coração. Eles podem sofrer de alta pressão intracardíaca e também uma alteração da válvula mitral, que leva a uma insuficiência cardíaca.

Além disso, suas articulações podem ser afetadas por vários problemas, como a luxação patelar ou displasia de rótula. Nesse caso, a patela sai de seu lugar habitual, causando muita dor e desconforto no animal. Em casos graves, a cirurgia de trauma é necessária.

Outra doença que pode ocorrer no Shichon é a atrofia progressiva da retina, bastante frequente principalmente em animais de idade avançada. A atrofia da retina é um problema de saúde ocular que pode levar à cegueira quando está muito avançada.

Em todo caso, o melhor é ir ao veterinário e fazer um plano adequado de medicina preventiva, pois assim será possível detectar a tempo quaisquer sintomas ou anomalias.

Onde adotar um Shichon?

Adotar um Shichon pode ser uma tarefa realmente complexa, especialmente se você estiver fora dos Estados Unidos, onde sua popularidade o tornou uma raça híbrida bastante comum e relativamente fácil de encontrar. Contudo, isso não significa que seja impossível, na verdade muitos exemplares são adotados em canis, abrigos e associações. Por isso, o mais aconselhável é ir a locais onde há animais que procuram um lar, dando a eles a possibilidade de desfrutarem de uma vida em família, alegre e acolhedora.

Antes de adotar um Shichon, devem ser levadas em consideração suas necessidades específicas, como companhia e dedicação, além de garantir que você possa levá-lo para uma caminhada diária e que possa enfrentar uma despesa veterinária em caso de emergência.

Fotos de Shichon

Artigos relacionados

Suba a sua foto de Shichon

Suba a foto do seu Pet

Escrever comentário

Adicione uma imagen
Clique para adicionar uma foto relacionada com o comentário
Como avalia esta raça?

Shichon
1 de 3
Shichon

Voltar ao topo da página