menu
Partilhar

Poochon

Atualizado: 14 junho 2021
Poochon

O cachorro poochon é uma raça híbrida entre um poodle e um bichon frisé originário da Austrália. É um cachorro enérgico, sociável, carinhoso, brincalhão, muito leal e dependente de seus cuidadores, tanto que pode sofrer de ansiedade por separação. A educação, no entanto, não costuma dar muitos problemas, sendo o reforço positivo o melhor modo de adestramento.

No que diz respeito aos cuidados, devemos levar em consideração especialmente que devem ser oferecidos longos passeios diários, bem como manter a pelagem higienizada para que não se formem nós. Em relação à sua saúde, embora geralmente sejam muito saudáveis, têm um risco mais elevado de sofrer doenças endócrinas, oculares, ósseas ou sanguíneas, pois seus pais têm uma maior predisposição a sofrê-las. Continue lendo essa ficha do PeritoAnimal para conhecer mais sobre o cachorro poochon, sua origem, personalidade, características, cuidados, educação, saúde e onde adotar.

Origem
  • Oceania
  • Austrália
Características físicas
Altura
  • 15-35
  • 35-45
  • 45-55
  • 55-70
  • 70-80
  • Mais de 80
Peso adulto
  • 1-3
  • 3-10
  • 10-25
  • 25-45
  • 45-100
Esperança de vida
  • 8-10
  • 10-12
  • 12-14
  • 15-20
Atividade física recomendada
  • Baixa
  • Média
  • Alta
Clima recomendado
Tipo de pelo

Origem do cachorro poochon

O cachorro poochon consiste em um híbrido entre o poodle de pequeno porte e o bichon frisé, não sendo, portanto, uma raça pura. O poochon também é chamado por nomes como bichon poodle, bishapoo, bichon poo, bichpoo ou bich-poo.

Esta raça híbrida teve origem na Austrália no final dos anos 1990, sendo criada para satisfazer o desejo de famílias que buscavam um cachorro ativo, sociável com as crianças e hipoalergênico. Rapidamente este híbrido causou interesse no Reino Unido e nos Estados Unidos, onde também começaram a desenvolvê-lo. Hoje em dia está muito difundido.

É um cachorro reconhecido pela International Designer Canine Registry e Designer Dogs Kennel Club, entidades internacionais de renome sobre raças de cachorros.

Características físicas do cachorro poochon

São cachorros pequenos, mas robustos e com uma pelagem abundante e lanoso. A aparência física variará de acordo com a semelhança entre um ou outro dos pais, especialmente do tamanho do poodle, que pode ser muito diferente. Além disso, destacam essas outras características do poochon:

  • O peso médio está entre os 4 e os 10kg, e a altura entre 20 e 30 cm.
  • Sua cabeça é proporcional, com olhos redondos de cor muito escura.
  • O focinho é plano e o nariz é escuro, de cor marrom ou preto.
  • O dorso tem uma curva que o torna estético e chamativo.
  • O corpo é proporcional e robusto.

Cores do poochon

A pelagem dos poochon é fofa, lanuda, ondulada ou encaracolada, densa e muito macia. A cor desta pelagem pode ser muito variada, incluindo as seguintes cores:

  • Branco.
  • Bronzeado.
  • Damasco.
  • Marrom.
  • Cinza.
  • Preto.
  • Tricolor.

Personalidade do cachorro poochon

Os cachorros da raça poochon são enérgicos, vitais, brincalhões, inteligentes, simpáticos e carinhosos com suas famílias, incluindo crianças. Também se dão bem com outros cachorros, especialmente se forem educados desde filhotes.

Por serem tão brincalhões e enérgicos, exigem muita atenção e saídas frequentes. No entanto, tendem a ladrar quando deixados sozinhos durante muito tempo, pois são muito dependentes da companhia de seus cuidadores, bem como sofrem de ansiedade por separação, manifestada com destruição de objetos da casa.

Educação do cachorro poochon

O poochon herdou do poodle sua grande inteligência e facilidade de aprendizagem, por isso não é uma raça muito difícil de educar, mesmo em idades muito jovens. Tendem a aprender bem com poucas repetições. Além disso, o forte laço com seus cuidadores torna a tarefa muito mais fácil.

Como no restante dos cachorros, o melhor tipo de adestramento é o realizado com o reforço positivo, que consiste em uma forma de condicionamento em que as condutas ou bons comportamentos são recompensados, sem punir os maus. O reforço positivo tem as vantagens de não ser traumático e ser mais rápido e eficaz que outras formas de aprendizagem.

Cuidados do cachorro poochon

Os principais cuidados do cachorro poochon são detalhados a seguir:

  • Longos passeios e exercícios para liberar sua grande energia, ao menos uma hora por dia.
  • Brincar em casa como uma combinação do exercício fora de casa.
  • Limpeza dos ouvidos para prevenir otite pelo menos uma vez por semana.
  • Limpeza diária dos dentes para prevenir o tártaro e doença periodontal.
  • Escovação frequente, a cada dois dias, para prevenir a formação de nós.
  • Banho a cada poucas semanas ou uma vez por mês no petshop para aparar o pelo, se for necessário.
  • Corte de unhas regular e sempre que tenham unhas compridas.
  • Vacinação e desparasitação de rotina.
  • Controles veterinários frequentes, pelo menos uma vez por ano.
  • Alimentação de acordo com o momento fisiológico, idade, atividade e condições climáticas com uma ração completa e de boa qualidade para a espécie canina. A quantidade diária deve ser controlada para não exagerar, pois eles têm tendência ao sobrepeso por serem muito comilões.

Saúde do cachorro poochon

A expectativa de vida dos poochons é estimada entre os 12 e 15 anos. Por ser um híbrido de primeira geração, as doenças hereditárias tendem a aparecer com menor frequência, no entanto, existem várias doenças comuns no bichon e no poodle e devem ser levadas em consideração quando temos um poochon, sendo especialmente controladas com check-ups veterinários. Essas patologias são:

  • Hipoadrenocorticismo (doença de Addison): doença endócrina na qual há produção deficiente de mineralocorticoides (aldosterona) e de glicocorticoides por parte das glândulas suprarrenais. Os principais sintomas são anorexia, perda de peso, fraqueza, vômitos intermitentes, tremores musculares, desidratação, letargia e hipotermia.
  • Hiperadrenocorticismo (doença de Cushing): doença endócrina na qual há um aumento do cortisol, o hormônio do estresse. Os sintomas mais frequentes são poliúria-polidipsia, obesidade, distensão do abdómen, alopecia bilateral simétrica, aumento do tamanho do fígado, adelgaçamento da pele, aumento do apetite, intolerância ao exercício, atrofia muscular, anestro em fêmeas e atrofia testicular nos machos.
  • Atrofia progressiva de retina: doença na qual os fotorreceptores da retina (bastonetes e cones) degeneram progressivamente. A retina é a parte do olho que foca as imagens detectadas pelo cristalino e as converte em sinais elétricos que envia ao cérebro por meio do nervo óptico para permitir a visão. Se essa estrutura se degenera, a visão é perdida progressivamente até poder causar cegueira total ou parcial no cachorro poochon.
  • Doença de Legg-Calve-Perthes: consiste em uma necrose avascular da cabeça do fêmur, o osso da coxa que se junta ao quadril. Ocorre quando o sangue para de atingir a área, causando isquemia, desgaste e necrose dessa parte do osso. Os sintomas principais são dor no quadril, sensibilidade à palpação, estalidos, claudicação e atrofia muscular.
  • Luxação da patela: a patela é um pequeno osso que fica alojado na tróclea, que é uma parte do fêmur que participa da articulação do joelho. Às vezes, essa patela pode se deslocar, causando a luxação. Neste caso, o cachorro apresentará sinais clínicos como claudicação, desconforto e incômodo.
  • Anemia hemolítica imunomediada: patologia na qual ocorre uma destruição por parte do sistema imune dos glóbulos vermelhos do cachorro, causando uma diminuição no hematócrito (% de glóbulos vermelhos totais), com consequentes sinais de anemia, como taquicardia e taquipneia, palidez ou coloração amarelada das mucosas, fraqueza e letargia.

Onde adotar um cachorro poochon

Os poochons podem ser um pouco difíceis de encontrar por não ser uma raça muito popular. Antes de adotá-lo, além disso, devemos parar para pensar se realmente temos o tempo que esses cachorros necessitam, pois se trabalhamos muitas horas fora de casa e quando estamos em casa não temos tempo para dedicar às brincadeiras e longos passeios, é melhor não adotar essa raça.

Se, por outro lado, somos aptos para oferecer tudo o que esses cachorros precisam, a adoção é a melhor forma de obter um. Você pode perguntar em abrigos e protetoras próximas a disponibilidade de algum exemplar. Se não tiverem, às vezes podem informar sobre outras que os tenham ou alguma maneira de poder adotá-los. Outra maneira é procurar na Internet alguma associação de resgate desses cachorros ou de suas raças progenitoras, caso não haja descendência híbrida.

Fotos de Poochon

Artigos relacionados

Suba a sua foto de Poochon

Suba a foto do seu Pet

Escrever comentário

Adicione uma imagen
Clique para adicionar uma foto relacionada com o comentário
Como avalia esta raça?

Poochon
1 de 4
Poochon

Voltar ao topo da página