Curiosidades do mundo animal

Quanto tempo vive um golfinho?

 
Nick A. Romero H.
Por Nick A. Romero H., Biólogo e educador ambiental. 5 julho 2024
Quanto tempo vive um golfinho?

Os golfinhos são um grupo de mamíferos de hábitos exclusivamente aquáticos que se agrupam dentro dos cetáceos e odontocetos, estes últimos pela presença de dentes. Os golfinhos sempre chamaram nossa atenção por seus comportamentos altamente sociais, inteligência e habilidade para nadar e saltar fora d'água. Sua distribuição é global, e embora a maioria habite em águas marinhas, alguns poucos vivem em rios ou estuários.

Infelizmente, algumas espécies desses mamíferos tão peculiares encontram-se na lista vermelha da União Internacional para a Conservação da Natureza (UICN) devido às ações humanas. Entretanto, quanto tempo vive um golfinho na natureza? E em cativeiro? A verdade é que a esperança de vida dos golfinhos depende da espécie, pois, por exemplo, o golfinho-comum vive cerca de 20 anos na natureza, enquanto o boto-cor-de-rosa pode chegar a 30. Quer saber mais? No PeritoAnimal explicamos tudo sobre quanto tempo vive um golfinho. Continue lendo!

Também lhe pode interessar: Quanto tempo vive um camaleão?
Índice
  1. Ciclo de vida do golfinho
  2. Quanto tempo vive um golfinho na natureza?
  3. Quanto tempo vive um golfinho em cativeiro?
  4. Quanto tempo vive um golfinho fora d'água?

Ciclo de vida do golfinho

O ciclo de vida dos golfinhos vai desde o nascimento desses mamíferos até a fase de maturidade, quando é comum que se reproduzam. Existem diversos tipos de golfinhos, embora os mais conhecidos se agrupem na família Delphinidae. Além disso, existem quatro famílias adicionais nas quais estão diversas espécies de cetáceos conhecidos como golfinhos. Embora possam existir algumas diferenças entre as espécies, há características ou aspectos comuns no ciclo de vida desses animais:

  1. Gestação: o ciclo de vida de um golfinho começa com a gestação, que geralmente dura entre 10 e 12 meses. Esses são animais vivíparos, então o embrião se desenvolve dentro da mãe e, após seu desenvolvimento, nasce um filhote. As fêmeas têm apenas uma temporada reprodutiva por ano e, embora possa haver variações, o intervalo entre partos costuma ser de cerca de três anos;
  2. Nascimento: quando um golfinho nasce, ele já pode nadar e se movimentar por conta própria, ou seja, é independente nesse sentido, mas ainda depende da mãe para se alimentar e aprender comportamentos próprios do grupo, como caça e fuga de predadores;
  3. Período de amamentação: as fêmeas amamentam os filhotes pode ser de cerca de 18 meses, mas também há variações dependendo da espécie. O cuidado parental é feito apenas pela mãe, e o pai não costuma participar desse processo;
  4. Juventude: os golfinhos jovens permanecem com suas mães e outros membros do grupo, pois são animais muito sociáveis e é comum que as fêmeas auxiliem no cuidado dos filhotes. A maturidade sexual pode variar entre as espécies e até entre os sexos. Por exemplo, em alguns casos, as fêmeas podem estar prontas reprodutivamente a partir dos 5 anos, enquanto os machos da mesma espécie o estão a partir dos 8 anos;
  5. Fase adulta: uma vez adultos, os golfinhos se integram completamente ao grupo, que pode ter subdivisões para filhotes, jovens e machos adultos. Esses são animais têm um comportamento complexo e são altamente sociais, então se unem para brincar, caçar de forma cooperativa e também possuem um sistema de comunicação diverso, do qual falamos neste artigo sobre a comunicação dos golfinhos.
Quanto tempo vive um golfinho? - Ciclo de vida do golfinho

Quanto tempo vive um golfinho na natureza?

Os golfinhos, por serem animais selvagens, enfrentam diferentes desafios e ameaças em seu habitat, como predadores, acidentes ou possíveis doenças. No entanto, o maior desafio que os golfinhos enfrentam e que afeta sua longevidade é o impacto humano. Assim, a captura, a contaminação, o emaranhamento em redes de pesca e a caça direta são os principais fatores que prejudicam a expectativa de vida dos golfinhos.

Se as condições forem favoráveis e um golfinho conseguir evitar esses perigos, ele pode ter uma longevidade que varia entre as espécies. Veja alguns exemplos específicos da expectativa de vida dos golfinhos na natureza:

  • Golfinho-de-risso (Grampus griseus): 30 anos;
  • Golfinho-comum (Delphinus delphis): 20 anos;
  • Golfinho-roaz (Tursiops truncatus): 25 anos;
  • Golfinho-do-sul (Lagenorhynchus australis): 13 anos;
  • Golfinho-australiano (Orcaella heinsohni): 20 anos;
  • Golfinho-de-dentes-rugosos (Steno bredanensis): 32 anos;
  • Boto-cor-de-rosa (Inia geoffrensis): 30 anos;
  • Baiji (Lipotes vexillifer): 24 anos;
  • Golfinho-de-rio-do-sul-da-ásia (Platanista gangetica): 28 anos;
  • Toninha (Pontoporia blainvillei): 16 anos.

Quanto tempo vive um golfinho em cativeiro?

Devido ao comportamento dos golfinhos, esses animais têm sido objeto de captura ao longo do tempo com o fim de treiná-los e exibi-los em apresentações em parques aquáticos e zoológicos. A expectativa de vida de um golfinho em cativeiro costuma ser maior do que quando esses mamíferos vivem na natureza, embora possam ser observadas algumas diferenças.

Por exemplo, o golfinho-roaz pode viver cerca de 45 anos em cativeiro, quase o dobro que na natureza, mas não ocorre o mesmo com o golfinho-de-dentes-rugosos, que em cativeiro vive apenas cerca de 12 anos.

Os golfinhos são animais que devem viver em liberdade e só devem ser mantidos em cativeiro para fins estritamente de conservação ou quando são resgatados e precisam de cuidados especiais. Sempre devem estar em condições adequadas que proporcionem bem-estar.

Entretanto, por estarem confinados em espaços tão pequenos como piscinas ou tanques nos quais são geralmente mantidos, submetem-se a estresse, o que afeta sua qualidade de vida. Logo, embora sua longevidade possa ser maior, não são animais felizes. Ficou fascinado? Confira então nosso artigo com 10 curiosidades sobre os golfinhos.

Quanto tempo vive um golfinho fora d'água?

Os golfinhos são mamíferos aquáticos adaptados para viver na água. Fora d'água só podem sobreviver por poucas horas, contanto que estejam molhados e em condições minimamente adequadas. Um golfinho não pode viver muito tempo fora d'água, pois esta permite que ele regule sua temperatura e controle sua hidratação, fundamentais para um animal aquático.

Além disso, fora d'água, o deslocamento do golfinho fica totalmente incapacitado e, embora respire aspirando ar diretamente, fora d'água não pode usar o espiráculo, essencial para a respiração, como podemos ver neste artigo sobre características dos golfinhos. Em suma, um golfinho não está adaptado para viver fora d'água.

Agora que você sabe quanto vive um golfinho e o seu ciclo de vida, continue descobrindo dados interessantes sobre esses fascinantes animais: "Golfinhos têm pelo?".

Se deseja ler mais artigos parecidos a Quanto tempo vive um golfinho?, recomendamos-lhe que entre na nossa seção de Curiosidades do mundo animal.

Bibliografia
  • Myers, P., R. Espinosa, C. S. Parr, T. Jones, G. S. Hammond, and T. A. Dewey. (2024). The Animal Diversity Web. Disponible en: https://animaldiversity.org.
  • Poor, A. (2005). Cetacea . Animal Diversity Web. Disponible en: https://animaldiversity.org/accounts/Cetacea/
  • Smith, C. (2023). Delphinidae. Animal Diversity Web. Disponible en: https://animaldiversity.org/accounts/Delphinidae/
Escrever comentário
Adicione uma imagen
Clique para adicionar uma foto relacionada com o comentário
O que lhe pareceu o artigo?
1 de 2
Quanto tempo vive um golfinho?