Partilhar

Por que os gatos bebem água da torneira?

 
Por Laura García Ortiz, Veterinária especializada em medicina felina. 9 fevereiro 2021
Por que os gatos bebem água da torneira?

Ver fichas de  Gatos

Você se pergunta por que seu gato bebe água da torneira? Não se preocupe, é normal que o gato prefira beber água corrente, isso faz parte da genética desses animais, seja água da torneira, de copos recém-colocados na mesa, jarras recém-enchidas ou similares. Isso ocorre porque os gatos são animais muito inteligentes e limpos, por isso presumem que a água que sai da torneira é mais fresca do que a do bebedouro, que pode estar parada há várias horas e conter bactérias ou organismos possivelmente nocivos.

Neste artigo do PeritoAnimal, te contaremos mais sobre por que os gatos bebem água da torneira para que você entenda melhor o companheiro felino. Boa leitura.

Também lhe pode interessar: Por que os gatos odeiam água?

Por que meu gato bebe água da torneira?

Os gatos preferem beber água corrente.Mas por quê? Por que não querem beber a água de seus bebedouros? É muito importante conhecer as respostas dessas perguntas, uma vez que nossos pequenos felinos precisam beber diariamente entre 50-80 ml de água para cada quilo de peso, mas em muitos casos, não atingem essa quantidade, o que pode ser perigoso para sua saúde. Os principais motivos que explicam por que seu gato bebe água da torneira são:

  • Água parada no bebedouro: muitas vezes, a água estagnada de seus bebedouros, especialmente em casas onde não é trocada com frequência, costuma produzir aversão aos gatos, que só a bebem se for estritamente necessário. Às vezes os gatos chegam a dar golpes no recipiente antes de beber, para assim movimentar um pouco a água.
  • Genes: os felinos selvagens só bebem água corrente, como forma de evitar doenças que podem ser provocadas pelos patógenos presentes em uma água parada. A mesma coisa acontece com nossos gatos domésticos.
  • A água da torneira é mais fresca: de maneira geral, a água costuma sair mais fresca da torneira. Isso é especialmente atrativo nos meses mais quentes do ano, nos quais a água dos bebedouros costuma esquentar com facilidade.
  • Localização do bebedouro: você deixou o comedouro muito perto do bebedouro ou da caixa de areia? Isso também pode fazer com que os gatos não bebam a água do bebedouro com a frequência desejada. Na natureza, os felinos levam suas presas para longe do local onde bebem, e nossos gatos domésticos também carregam esse traço em seus genes.

No vídeo a seguir detalhamos os motivos que explicam por que um gato bebe água da torneira?

Por que meu gato começou a beber água da torneira se não fazia isso antes?

Normalmente, quando um gato começa a beber água da torneira de repente e não fazia isso antes, podem ocorrer duas coisas: ou ele beberá porque tem mais sede que antes ou que muito menos. Se seu gato bebe mais de 100 ml de água por dia, pode-se considerar que ele tem polidipsia, ou seja, que bebe mais que o normal.

Como geralmente é difícil determinar a quantidade exata que seu gato bebe, especialmente se ele bebe da torneira ou de diversos recipientes, você pode suspeitar que ele está bebendo mais se o bebedouro estiver mais vazio do que o normal, se beber com mais frequência ou pela primeira vez de torneiras, copos ou recipientes e inclusive se miar pedindo isso. Outra forma de saber se seu gato está bebendo mais água é olhar sua caixa de areia e verificar se há mais urina do que antes, pois esse distúrbio costuma estar associado à poliúria (urinar mais do que o normal).

Meu gato está bebendo mais do que o normal - Causas não patológicas

A polidipsia pode ocorrer por condições não patológicas, como as seguintes:

  • Lactação: as fêmeas durante o período de lactação precisam beber mais, pois os requerimentos de água aumentam para possibilitar a produção de leite.
  • Temperatura ambiente elevada: nos meses mais quentes do ano, os mecanismos reguladores do corpo são ativados, e mais água é necessária para manter a temperatura do meio interno. Em outras palavras, seu gato sente calor e quer se refrescar.
  • Alimentos muito secos: alimentar o gato com ração seca aumenta muito sua necessidade de beber água, já que a ração está desidratada e, portanto, seu teor de umidade é mínimo. A solução e a melhor opção para alimentar os gatos é alternar a ração com a comida úmida, que contém mais de 50% de umidade.
  • Medicamentos: os corticoides, diuréticos ou o fenobarbital podem causar um aumento da sede e da frequência urinária.
  • Autolimpeza: se esse comportamento aumentar, também aumentará a perda de água através da saliva que é depositada sobre o animal.
  • Sai mais ao exterior: se seu gato está saindo mais para a rua, explorando, caçando ou marcando território, ele ficará mais ativo e precisará de mais água do que um gato que não sai de casa.

Se nenhuma dessas causas explica a polidipsia do seu felino, talvez seja a hora de considerar que ele pode ter uma doença que produz a síndrome de poliúria ou polidipsia.

Meu gato está bebendo mais do que antes - Causas patológicas

Algumas das possíveis doenças que podem fazer seu gato beber mais água do que o normal são:

  • Insuficiência renal crônica: também chamada de perda progressiva da função renal, que é produzida quando há um dano prolongado e irreversível nos rins, que impede a função de filtrar e eliminar os resíduos do sangue corretamente. Ocorre com mais frequência a partir dos seis anos de idade, e a polidipsia varia de acordo com a gravidade da insuficiência renal.
  • Diabetes mellitus: nessa doença, é característica a polidipsia juntamente com a polifagia (comer mais que o normal) e a hiperglicemia (maior nível de açúcar no sangue), pois na maioria dos casos o diabetes em gatos é produzido por uma resistência à ação da insulina, que é o hormônio que é responsável por mover o açúcar do sangue para os tecidos onde é usado como energia. É a doença endócrina mais comum em gatos com mais de 6 anos.
  • Hipertiroidismo: ou aumento do metabolismo devido ao aumento dos hormônios da tireoide. É uma doença comum em gatos mais velhos, e se caracteriza principalmente por polifagia, mas outros sintomas são a perda de peso, hiperatividade, pelagem com mal aspecto, vômitos e poliúria/polidipsia.
  • Polidipsia compensadora: por diarreia e/ou vômitos, que aumentarão a necessidade de beber água devido ao risco de desidratação associado à maior perda de líquidos derivada desses processos.
  • Doença hepática: se o fígado não funciona bem, não ocorre a degradação do cortisol, que aumenta e traz como consequência a poliúria e polidipsia. O outro motivo é que sem fígado não há síntese adequada de ureia e, portanto, os rins não funcionam bem. Isso afeta a osmolaridade e mais água passa a ser perdida na urina, de modo que o gato bebe mais água. Esses sintomas geralmente aparecem na insuficiência hepática felina, juntamente com perda de peso, vômitos e/ou diarreia, icterícia ou acúmulo de líquido livre na cavidade abdominal (ascite).
  • Diabetes insipidus: seja de origem central ou renal, devido à falta de hormônio antidiurético ou incapacidade de responder a ele, respectivamente. O diabetes insipidus causa poliúria e polidipsia porque esse hormônio intervém impedindo os rins de reter água na urina, gerando incontinência urinária, entre outras coisas.
  • Piometra em gatas: também conhecida como infecção uterina. Ocorre em gatas mais jovens ou não castradas que foram submetidas a tratamentos para interromper o cio ou a terapias de estrogênio e progesterona.
  • Pielonefrite: ou infecção renal. Sua causa costuma ser bacteriana (E.coli, Staphylococcus spp. e Proteus spp.).
  • Alterações eletrolíticas: uma deficiência de potássio ou sódio, ou um excesso de cálcio pode originar a poliúria/polidipsia.
Por que os gatos bebem água da torneira? - Por que meu gato começou a beber água da torneira se não fazia isso antes?

Gato bebendo menos água do que antes

Agora que vimos as causas pelas quais os gatos bebem mais água, vamos ver o que os leva a beber menos água (sendo que o pouco que bebem é da torneira).

Meu gato está bebendo menos água do que antes - Causas e consequências

Se o seu gato parou de repente de beber água do bebedouro e agora está interessado na água da torneira, recomendamos que você leia a primeira seção sobre "por que meu gato bebe água da torneira?". Se você não detectar qual é a causa, recomendamos levá-lo ao veterinário.

Por outro lado, deve-se observar que a maior parte da água que os felinos ingerem na natureza provém da carne de suas presas, devido ao seu alto teor de umidade (até 75%). Os gatos domésticos mantêm essa característica de seus ancestrais, os gatos do deserto, o que faz com que nossos gatos estejam preparados para subsistir com pouca água, e por isso são capazes de assimilar o máximo da água contida em sua alimentação.

É possível perceber isso nas fezes, que costumam ser bastante secas, assim como na urina, que é muito concentrada e em pequena quantidade. No entanto, quando o gato é alimentado principalmente com ração seca e quase não bebe do bebedouro porque só quer água da torneira, podem surgir problemas de saúde derivados do baixo consumo de água, como os seguintes:

  • Desidratação: seu gato pode resistir à falta de água por vários dias, mas se ele não beber água ou a retirar de sua dieta, ele ficará desidratado. Isso representa um grande risco para sua saúde, já que seu gato precisa manter seu corpo em equilíbrio de fluidos para a circulação, o correto funcionamento dos sistemas orgânicos, a regulação da temperatura e eliminação de resíduos.
  • Prisão de ventre: a falta de água faz com que as fezes endureçam mais do que o normal, o que torna mais difícul a evacuação.
  • Insuficiência renal: se seu felino beber menos água, haverá o risco de desidratação, o que fará com que os rins recebam menos sangue para filtrar e percam a funcionalidade. Assim, substâncias nocivas como a ureia e a creatinina permanecerão no sangue, agindo como toxinas que danificam o tecidos e reduzem a capacidade de funcionamento dos órgãos. A creatinina é produzida quando a creatina é quebrada para produzir energia para os músculos, e a ureia é produzida no fígado, sendo o resíduo resultante do final do metabolismo das proteínas.
  • Doença do trato urinário inferior: trata-se de uma doença em que os gatos apresentam dificuldade e dor ao urinar, poliúria, polidipsia, sangue na urina ou obstrução do trato urinário. As causas variam de cistite idiopática, pedras no rim ou cálculos urinários, tampões na uretra, infecções, problemas de comportamento, defeitos anatômicos ou tumores.
Por que os gatos bebem água da torneira? - Gato bebendo menos água do que antes

Como evitar que meu gato beba água da torneira?

De acordo com tudo que já comentamos, muitos gatos bebem água da torneira devido à sua natureza, sem que isso resulte em um problema de saúde. É diferente se ele nunca o fez e começa a beber agora, juntamente com um claro aumento em sua sede, sem corresponder a alguma das justificativas que já mencionamos.

Nesses casos, o melhor é levá-lo ao veterinário, onde serão feitos exames para detectar qualquer alteração orgânica e para fornecer uma solução precoce. Você não deve proibir seu gato de beber água da torneira, mas se isso for um problema para você, há algumas soluções possíveis:

  • Fonte de água para gatos: você pode instalar uma fonte de água com filtro e que mantém a água em constante movimento, de modo que sairá fresca, limpa e em fluxo constante, pode ser uma solução eficaz para evitar que seu gato beba água da torneira.
  • Limpar e trocar a água: o ideal é fazer isso frequentemente no bebedouro habitual, e movê-lo na frente do gato pode ajudá-lo a beber água dali.
  • Comida úmida para gatos: oferecer comida úmida frequentemente ajuda o gato a obter água com a alimentação, e assim, ele precisará beber menos.
  • Leite para gatos adultos: o leite para gatos adultos é outra boa fonte de hidratação, mas é importante lembrar que é um alimento complementar à dieta úmida, pois não tem os nutrientes que seu felino precisa ingerir diariamente.
Por que os gatos bebem água da torneira? - Como evitar que meu gato beba água da torneira?

Se deseja ler mais artigos parecidos a Por que os gatos bebem água da torneira?, recomendamos-lhe que entre na nossa seção de Curiosidades do mundo animal.

Bibliografia
  • Aybar, V., Casamián, D., Cerón, J. J., Clemente, F., Fatjó, J., Lloret, A., Luján, A., Novellas, R., Pérez, D.,Silva, S., Smith, K., Tegles, F., Vega, J., Zanna, G. (2018). Manual Clínico de Medicina Felina. Ed.SM Publishing LTD. Sheffield, UK.
  • GEMFE, AVEPA. Insuficiencia renal crónica en gatos. iCatCare, High Street, Tisbury, Wiltshire, SP3 6LD, UK.
  • Harvey, A., Tasker, S. (Eds). (2014). Manual de Medicina Felina. Ed. Sastre Molina, S.L. L ́Hospitalet de Llobregat, Barcelona, España.

Escrever comentário

Adicione uma imagen
Clique para adicionar uma foto relacionada com o comentário
O que lhe pareceu o artigo?

Por que os gatos bebem água da torneira?
1 de 4
Por que os gatos bebem água da torneira?

Voltar ao topo da página