menu
Partilhar

Insetos aquáticos - Tipos, características e exemplos

 
Por Nick A. Romero H., Biólogo e educador ambiental. 14 julho 2022
Insetos aquáticos - Tipos, características e exemplos

Os insetos são os animais mais diversificados dentro do planeta, dos quais se identificaram mais de um milhão de espécies, e estima-se que ainda faltam entre seis a dez vezes esse número de espécies para se conhecer. Neste sentido, sem nenhuma dúvida, estes animais conquistaram todos os meios ou habitats do planeta, incluindo a água.

Será que existem insetos no mar? Como são os insetos que vivem na água? Te convidamos a continuar lendo este artigo do PeritoAnimal, para que conheça sobre os tipos de insetos aquáticos, suas características e exemplos.

Quais são os insetos aquáticos?

Os insetos aquáticos correspondem a todas as espécies que fazem parte dos animais invertebrados e vivem na água. No entanto, existem certas espécies de insetos que desenvolvem as primeiras fases da vida neste meio, enquanto que na forma adulta são completamente terrestres. Além disso, podemos mencionar que, mesmo que a maioria dos insetos aquáticos habitem meios de água doce, algumas poucas espécies o fazem em água salgada.

Como os insetos aquáticos respiram?

Todos os animais precisam respirar. Para isso inalam oxigênio, que depois se distribui para o corpo. No entanto. este processo varia de um grupo para outro devido as diversas adaptações que os animais tiveram para este fim.

No caso geral dos insetos, não contam com pulmões, mas estes possuem uns orifícios em algumas zonas do corpo que se conhecem como espiráculos, através dos quais entra o oxigênio, e que após isso, passa em umas estruturas ramificadas chamadas traqueias que espalham o mesmo para todos os tecidos.

No caso dos insetos aquáticos, desenvolveram uma série de adaptações ou particularidades para poder respirar embaixo da água, já que o sistema traqueal nestes animais pode ser do tipo aberto ou fechado e, segundo o tipo, a forma de respirar embaixo da água pode variar.

  • No sistema aberto: as estruturas respiratórias necessariamente têm que entrar em contato com o ar para inalar o oxigênio.
  • No sistema fechado: os espiráculos do inseto não requerem entrar em contato com o ar, porque o animal pode retirar o oxigênio da água.

Assim, no sistema traqueal aberto, os insetos aquáticos podem respirar de alguma das seguintes maneiras:

  • Através de uma estrutura chamada sifão: o animal sai da água para tomar ar, enquanto que o restante do corpo está submerso.
  • Usando vilosidades do abdômen: entram em contato com o ar da superfície e difundem o oxigênio até os espiráculos.
  • Algumas espécies, respiram rompendo partes de plantas submersas: assim retiram o oxigênio acumulado diretamente do tecido vegetal.
  • Outras espécies, sobem na superfície e capturam uma bolha de ar: esta bolha envolve o inseto e ele vai respirando enquanto nada e se mantém dentro da mesma; quando a bolha está para acabar ou se rompe, o animal repete o processo.

No caso do sistema traqueal fechado, os insetos aquáticos respiram:

  • Por meio de sua pele: devido ao oxigênio presente na água entrar no corpo do animal através de difusão para chegar a todos os tecidos.
  • Também existem algumas espécies que desenvolveram prolongações do tecido externo que se conhece como brâquias: nas quais se permite obter o oxigênio de forma muito eficiente.

Você pode conhecer mais sobre a Respiração traqueal dos animais neste artigo do PeritoAnimal que te recomendamos.

Insetos aquáticos - Tipos, características e exemplos - Como os insetos aquáticos respiram?

Características dos insetos aquáticos

Os insetos aquáticos possuem uma série de características para levar uma vida inteira ou compartilhada entre a água e superfície. Dentre estas podemos mencionar:

  • Algumas espécies têm corpos hidrodinâmicos: por isso são bons mergulhadores.
  • Em certos casos contam com patas traseiras modificadas em forma de remo: além de pelos para natação.
  • Existem insetos aquáticos mergulhadores: ou seja, precisam subir para a superfície para respirar. Outros são nadadores, de forma que se mantém constantemente submersos e outros são conhecidos como apanhadores, porque se fixam fortemente à algum substrato rochoso ou vegetal dentro da água.
  • Podem ser animais herbívoros, detritívoros ou carnívoros:segundo a fonte de alimentação.
  • Como ocorre em geral com os demais insetos, se reproduzem por meio de ovos: dos quais emerge uma larva, que realiza metamorfose e atravessa vários estágios para finalmente formar um adulto.
  • Do ponto de vista ecológico são importantes para as cadeias tróficas dentro dos ecossistemas aquáticos.
  • Contam com uma cutícula cerosa no caso de corpos de água doce: os protege para evitar a entrada de água em excesso no corpo. No entanto, na respiração submersa, este excedente de água é regulado por uma excreção constante e diluída de líquidos.
  • Alguns insetos semiaquáticos têm a capacidade de caminhar sobre a água: porque não rompem a tensão superficial da mesma. Você pode conhecer outros Animais que andam sobre a água aqui.

Exemplos de insetos aquáticos

Como mencionamos no início, os insetos são um grupo muito diversificado dentro do mundo animal. Recordamos que algumas espécies de insetos aquáticos vivem toda a sua vida dentro da água, enquanto que outras, têm um curto período em sua forma adulta fora desta, mas podem ser considerados também como aquáticos, porque seu maior desenvolvimento ocorre submerso.

Alguns exemplos de insetos aquáticos são:

  • Barata-d'água (Belostomatidae).
  • Besouro-d'água (Hydrophilus piceus).
  • Besouro-mergulhador (Dytiscidae).
  • Microcaddisflies (Hydroptilidae).
  • Mosca-alcalina (Ephydra hians).
  • Pequenos striders de água (Veliidae).
  • Coleópteros aquáticos (Gyrinidae).
  • Noterídeos (Noteridae).
  • Higrobídeos (Hygrobiidae).
  • Haliplídeos (Haliplidae).
  • Elmids (Elmidae).
  • Coríxidos ou barqueiros (Corixidae).
  • Guérridos ou patinadores aquáticos (Gerridae).
  • Nadadores de costas (Notonectidae).
Insetos aquáticos - Tipos, características e exemplos - Exemplos de insetos aquáticos
Insetos aquáticos - Tipos, características e exemplos -

Se deseja ler mais artigos parecidos a Insetos aquáticos - Tipos, características e exemplos, recomendamos-lhe que entre na nossa seção de Curiosidades do mundo animal.

Bibliografia
  • Hanson, P., Springer, M. y Ramírez, A. (2010). Capítulo 1: Introducción a los grupos de macroinvertebrados acuáticos. Revista de Biología Tropical, 58 (Supl. 4), 3-37. Disponível em: <http://www.scielo.sa.cr/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0034-77442010000800001&lng=en&tlng=es>. Acesso em 15 de julho de 2022.
  • Reynoso, D. Novelo, R. (2022). Respirar bajo el agua: insectos. Revista Eco-lógico. Disponível em: <https://www.inecol.mx/inecol/index.php/es/2013-06-05-10-34-10/17-ciencia-hoy/1157-respirar-bajo-el-agua-insectos>. Acesso em 15 de julho de 2022.

Escrever comentário

Adicione uma imagen
Clique para adicionar uma foto relacionada com o comentário
O que lhe pareceu o artigo?
Insetos aquáticos - Tipos, características e exemplos
1 de 4
Insetos aquáticos - Tipos, características e exemplos

Voltar ao topo da página