menu
Partilhar

Gato elfo

Atualizado: 8 março 2022
Gato elfo

Uma mistura entre o gato sphynx e o gato curl americano, o gato elfo é um felino sem pelo como o primeiro, mas com as orelhas peculiares do segundo, ou seja, curvadas para trás. Ainda que estas duas características do gato elfo exijam cuidados mais exaustivos para prevenir patologias, trata-se de um gato de porte médio com personalidade excepcional, sendo um maravilhoso companheiro de vida, afetuoso, simpático, ativo, inteligente e muito sociável, que se adapta facilmente a novas situações e se dá bem com todo tipo de pessoa.

Continue lendo este artigo do PeritoAnimal para saber tudo sobre o gato elfo, sua origem, características, temperamento, cuidados, possíveis problemas de saúde e onde adotá-lo.

Origem
  • América
  • Estados Unidos
Características físicas
Peso médio
  • 3-5
  • 5-6
  • 6-8
  • 8-10
  • 10-14
Esperança de vida
  • 8-10
  • 10-15
  • 15-18
  • 18-20
Tipo de pelo

Origem do gato elfo

O gato elfo é um felino originário dos Estados Unidos. Por ser uma criação recente e não ser numeroso ao redor do mundo, é bastante raro, o primeiro da raça tendo nascido no ano de 2007, quando duas entusiastas criadoras felinas de origem estado-unidense, Kristen Leedom e Karen Nelson, se uniram para cruzar gatos sphynx com gatos curl americanos, resultando num gatinho com os atributos físicos desejados, ou seja, ausência de pelos e orelhas curvadas para trás, além dos melhores traços de personalidade de ambas as raças. O gato elfo é o cruzamento perfeito entre estas duas maravilhosas raças felinas.

Atualmente estes gatos estão sendo introduzidos nos salões da Associação Internacional Felina (TICA), mas ainda não foram reconhecidos como raça pela World Cat Federation (WCF).

Características do gato elfo

O gato elfo é um felino de porte médio, cujo peso oscila entre 3,5 e 7 kg e a altura na cernelha em torno de 30 cm. O aspecto mais característico de seu aspecto físico é, sem dúvida, sua ausência de pelo e suas grandes orelhas curvadas para trás.

O copo do gato elfo se assemelha muito ao do sphynx, sendo semilinear e bem constituído, compacto, com porte atlético, musculoso e com patas finas e longas, mas bem desenvolvidas. A cauda é longa e fina, sendo mais larga na base e fina na ponta.

A cabeça do gato elfo é alongada, triangular e com maçãs do rosto proeminentes. Os bigodes podem ser muito curtos e encaracolados ou ausentes, os olhos são grandes e rasgados e podem ser de qualquer tonalidade.

Cores do gato elfo

O gato felino não possui pelo, motivo pelo qual a coloração do animal será a que sua pele herda naturalmente, podendo ser de qualquer cor e padrão: branca, preta, creme, bicolor, tricolor, etc. Além disso, a pele é constituída por numerosas rugas por todo o corpo (especialmente pela cabeça), e apesar de não ter pelo, têm uma finíssima camada de pelo curto imperceptível para a vista. É admitido que tenha um pouco de pelo no nariz, cauda e patas.

Personalidade do gato elfo

O gato elfo é um felino que se adapta muito bem a diferentes ambientes, situações, pessoas e animais. Diferentemente de outras raças, tolera melhor as mudanças que para outros gatos desencadeiam episódios de estresse. É um gato muito sociável e carinhoso que adora atenção e ser mimado por toda a família, não deixando de pedir as coisas a todo momento e sempre estando disposto a brincar.

O gato elfo tem muita energia, e é muito inteligente, travesso e curioso. Por causa disso, não costuma gostar de ficar descansando por longos períodos de tempo como outras raças e não tolera muito bem a solidão, adorando a companhia humana.

Cuidados com o gato elfo

Por não ter pelo, é de suma importância que os tutores de gatos elfos sejam muito conscientes dos cuidados e da proteção da pele sensível do animal. A pele está mais exposta às altas e baixas temperaturas, aos danos causados pelos raios UV do sol e aos problemas de pele mais habituais em gatos. Por este motivo, é importante que estes gatos não saiam nas horas de pico solar e sempre deve-se aplicar protetor solar para evitar queimaduras e outros danos causados pelos raios solares, como o carcinoma de células escamosas. No inverno, é importante manter a casa estar com a temperatura equilibrada para protegê-los do frio, além de colocar roupinhas para gatos e cobri-los com mantas quando estiverem descansando.

Não é preciso escovar estes gatos, obviamente, mas é recomendável dar-lhes banho desde que não seja um processo traumático para eles e nem sintam frio, para que se possa remover a gordura e a sujeita que a pele produz naturalmente. Se não tolerarem o banho ou as temperaturas forem muito frias, você pode utilizar panos ou lenços umedecidos para gatos com a finalidade de eliminar a sujeita. É importante também manter uma higiene auricular adequada para evitar que essas pregas na orelha acumulem cera e detritos em excesso, que podem predispor a otite, bem como higienizar os olhos e os dentes para prevenir infecções e inflamações destas estruturas.

Como são gatos muito ativos, dependentes, energéticos e brincalhões, é importante que os tutores sejam conscientes e dediquem tempo diário suficiente para atender, brincar e interagir com eles. É importante também que, para os momentos em que o animal estiver sozinho no lar, tenham medidas de enriquecimento ambiental suficientes para evitar o aborrecimento e a frustração com lugares altos, além de oferecer brinquedos interativos, rasgadores, etc.

Por conta da ausência de pelo e grande nível de atividade, as necessidades energéticas destes gatos são mais elevadas que as de outras raças felinas de porte médio, devendo ofertar maior qualidade de alimento. Sua alimentação pode ser completa e equilibrada, específica para felinos. Deve-se deixar água sempre à disposição do animal e, para incentivar o consumo, você pode adquirir uma fonte para gatos.

Saúde do gato elfo

O gato elfo é um felino forte e saudável com expectativa de vida de até 15 anos e sem doenças genéticas ou hereditárias. Cabe destacar que são sensíveis às otites ou inflamações do canal auditivo devido à morfologia de suas orelhas, sendo a higiene e seu controle extremamente importantes para a prevenção destas patologias. Também estão suscetíveis a problemas cutâneos como a dermatite devido à exposição direta da sua pele frente a qualquer agente ou temperatura ambiental.

Para manter um bom estado de saúde, os gatos elfos requerem uma série de check-ups veterinários para poder diagnosticar e tratar qualquer enfermidade que possa acometê-los, bem como recorrer a uma medicina preventiva adequada por meio de vacinações, desparasitações e esterilização.

Onde adotar um gato elfo?

O gato elfo não é um gato comum, então sua adoção se torna muito complicada. Seria difícil encontrá-lo também em associações de resgate de gatos sphynx ou curl americano devido à sua raridade. Você sempre pode, no entanto, ir a refúgios ou abrigos próximos, pois qualquer outro gato que ali habite necessita e merece uma adoção responsável. Lembre-se que um gato é um ser vivo que precisa de cuidados, carinho e manutenção diária, não é um brinquedo ou algo que você adquire e devolve. Antes de adotar um gato, pare e pense se você é um bom candidato e se dispõe de tempo e interesse real em compartilhar sua vida com um felino.

Fotos de Gato elfo

Artigos relacionados

Suba a sua foto de Gato elfo

Suba a foto do seu Pet

Escrever comentário

Adicione uma imagen
Clique para adicionar uma foto relacionada com o comentário
Como avalia esta raça?
Gato elfo
1 de 5
Gato elfo

Voltar ao topo da página