Partilhar

Gato em apartamento é feliz?

Por Katja Polisseni. Atualizado: 6 novembro 2018
Gato em apartamento é feliz?

Ver fichas de  Gatos

Apesar dos anos com que vêm sendo domesticados, os gatos mantém instintos natos que compartem com outros felinos selvagens. Por essa razão, muitos proprietários de gatos se pergunta se realmente ter um bichano em casa é uma coisa positiva. Além disso, se alguma vez você deixou o seu felino sair de casa, terá observado como ele se diverte subindo em árvores ou perseguindo pequenos animais com os quais se depara... E que termina trazendo de presente!

No entanto, todos aqueles que não têm a oportunidade de deixar o gato sair por algum motivo, se perguntam se um gato é feliz em um apartamento. Neste artigo de PeritoAnimal , você encontrará as respostas que procura, e lhe explicará qual seria a situação ideal e como fazer que um gato seja feliz, caso não seja possível proporcioná-la. Continue lendo e descubra tudo sobre os gatos de interior!

Também lhe pode interessar: Cachorros para ter em apartamento pequeno

Gatos em apartamentos são felizes?

Quando seu gato está em casa dormindo tranquilamente, comendo ou brincando com você, a última coisa que pensas é que ele pode estar triste ou que você não o está oferecendo tudo que ele necessita. Por um lado é assim, o bem-estar do gato está garantido se lhe proporciona atenção e os cuidados que necessita para viver de forma digna.

Por outro lado, afirmar que todos os gatos são felizes ou infelizes ao ficarem sempre em casa é um erro, já que cada gato tem uma personalidade própria e necessidades concretas . Você sabia que existem 5 personalidades felinas? Segundo Lauren Finka, há diferentes personalidades nas quais podemos englobar o conjunto da população felina. Por exemplo, no caso do gato-humano, não observaríamos graves problemas ao deixá-lo todo o dia em casa. Ao contrário, o gato-caçador poderia experimentar frustração e estresse por estar preso e não poder desenvolver seu comportamento inato, que tanto deseja vivenciar.

Se o seu gato é muito ativo e inclusive hiperativo, provavelmente se distancia muito da típica imagem de "gato doméstico" que não faz muito mais que dormir e aproveitar de uma vida tranquila em casa. O que devemos fazer então? Devemos deixá-lo sair ou apostar na melhoria de sua qualidade de vida?

Vantagens e desvantagens de ter um gato em apartamento

Ao adotar um gato, devemos proporcionar-lhe as cinco liberdades do bem-estar animal, o que nos assegurará que seu estado emocional é positivo. Justamente por esse motivo, com o objetivo de evitar qualquer tragédia, muita gente decide evitar que o gato saia de casa, mesmo quando dispõem de um jardim. Isso seria o adequado? Vejamos as vantagens e os inconvenientes:

Não deixar um gato sair de casa

  • Pode assegurar que o gato tem em todo o momento o que necessita: comida, uma cama, água...
  • Em gatos muito ativos, não poder sair, pode gerar frustração e estresse.
  • As horas de diversão, o desenvolvimento e a estimulação dependem do dono.
  • Podemos simular de forma mais ou menos realista o espaço exterior com troncos ou outros objetos.

    Deixar o gato sair de casa

    • O gato realiza a atividade física que necessita.
    • Pode experimentar toda hora com os estímulos que encontra.
    • Pode desenvolver o instinto de caça sem limites, que é inata no felino.
    • Poderia implicar em uma gestação não desejada.
    • Há o risco de que se perca, que seja envenenado ou atropelado.

    Um gato que não está feliz em casa ou que não recebe os cuidados que necessita o demostrará deixando de se alimentar, comendo em excesso, desenvolvendo obesidade, urinando fora de sua caixa de areia ou mostrando diferentes problemas de comportamiento. Nos casos mais graves deve-se consultar um veterinário u etólogo para conocer las causas que están provocando realmente este comportamiento y adoptar las medidas necesarias.

    Em contrapartida, se você se pergunta "Como saber se o meu gato é feliz comigo?, deverá aprender mais sobre a linguagem felina e analisar alguns dos sinais que demostram que um gato é feliz para se assegurar de que está suprindo corretamente as necessidades de seu gato e de que a falta de acesso ao exterior não seja um problema para ele.

    Gato em apartamento é feliz? - Vantagens e desvantagens de ter um gato em apartamento

    Como fazer um gato feliz em apartamento?

    Então, um gato pode viver em um apartamento? Lógico! Mas como podemos prevenir o sofrimento e o estresse que podem experimentar alguns felinos domésticos? A chave estar no enriquecimento do ambiente , que nos ajudará a proporcionar-lhe suficiente estimulação física e mental para evitar que apareçam problemas de comportamento, frustração ou ansiedade.

    Os gatos são animais curiosos, que melhoram notavelmente sua qualidade de vida e seu entretenimento com objetos que você nem suspeita, como uma simples caixa de papelão. ¿Quer saber mais? Em seguida lhe damos alguns conselhos para que saibas como fazer feliz um gato de interior:

    • Deixe brinquedos interativos para que o gato se divirta durante sua ausência, como brinquedos com som, jogos metais ou dispensadores de comida. Há uma grande variedade de brinquedos no mercado!
    • Você sabia que arranhar e afiar as unhas é uma das atividades favoritas dos gatos? Este comportamento não serve apenas para lixar as garras afiadas, é também uma forma de marcação e comunicação. Disponibilize diferentes tipos de arranhadores para que possa experimentar.
    • Se dispõe de espaço nas paredes, aposte na instalação de pontes, passarelas e outras estruturas para o seu gato. Os felinos amam as alturas e desfrutarão muito deste novo espaço personalizado.
    • Já provou alguma vez a erva-dos-gatos ou catnip? Essa planta em um efeito potente sobre o gato, já que ajuda a estimulá-lo. Você pode esfregá-la em seus brinquedos ou espalhá-la sobre o chão. Se o seu gato nunca experimentou catnip, você deveria tentar.
    • Em casa, você deve dedicar tempo para brincar com o seu gato, evitando utilizar os mesmos brinquedos que você deixa ao seu alcance quando está sozinho. Pegue uma vara de pesca e aproveite enquanto o seu gado persegue as penas.
    • Para que o seu melhor amigo continue interessado por seus brinquedos, deixe todos em uma caixa e faça um revezamento de forma que a cada dia disponha de um diferente.
    • Quanto tempo um gato pode ficar sozinho em casa? Embora se trate de animais independentes, lembre-se de que necessitam de nossa companhia para serem felizes e receberem a dose de socialização diária que merecem. Nunca deixe um gato sozinho por mais de 24 horas.

    Agora você já conhece alguns truques que podem melhorar a casa do seu felino e que também ajudam seu gato a manter-se mentalmente ativo e fisicamente em forma. Você se atreve a experimentá-los?

    Ter um gato em apartamento e fazer ele feliz

    Os gatos são animais de hábito, por isso, pode proporcionar-lhes um estado emocional positivo mesmo que não saia para o exterior se cumprir alguns dos cuidados necessários e seguir as mesmas rotinas. Lembre-se que uma mudança que para você pareça insignificante, poderá desestabilizá-lo enormemente.

    Quando estiver em casa, se assegura de que seu gato se sente querido e de que receba a atenção que merece. E, embora nem todos os gatos sejam carinhosos, isso não significa que não lhe necessitem ou que não sintam amor por você. Cada um demonstra seu afeto de forma diferente, dependendo de diferentes fatores.

    Nem sempre podemos garantir que um gato de interior seja feliz, no entanto, podemos nos esforçar para assegurar as melhores condições, proporcionar-lhe o ambiente necessário e oferecer-lhe, na medida do possível, as experiencias que deseja vivenciar.

    Por exemplo, pode tentar ensinar o seu gato a passar com coleira e satisfazer assim uma parte de sua curiosidade sem que comprometa sua segurança. Além disso, você também pode permitir que acesse a varanda ou terraço, instalando previamente uma rede de segurança que evite uma possível queda.

    Gato em apartamento é feliz? - Ter um gato em apartamento e fazer ele feliz

    Se deseja ler mais artigos parecidos a Gato em apartamento é feliz?, recomendamos-lhe que entre na nossa seção de O que precisa saber.

    Escrever comentário sobre Gato em apartamento é feliz?

    Adicione uma imagen
    Clique para adicionar uma foto relacionada com o comentário
    O que lhe pareceu o artigo?
    1 comentário
    A sua avaliação:
    Denise Souza
    Tenho um gato de 7 meses, castrado, em apartamento telado que não tem acesso à rua.
    Ele é bem ativo e muitas vezes, faz bastante bagunça dentro de casa, tentando pegar coisas no alto, mexendo em vasos em cima de mesas, enfeites em armários, correndo e derrubando coisas...
    Fico preocupada com a saúde dele e com minhas coisas também. Procuro deixar vários brinquedos à disposição.
    Ele até brinca. Os brinquedos preferidos são canudos. kkkkkk
    Ele tem contato com a irmã felina, que fica no apartamento da vizinha e todos os dias levo ele lá ou ela vem brincar com ele.
    Costumo dizer que depois que foram castrados, parece que trocaram as pilhas deles. Ficaram mais arteiros ainda.
    Será que estou agindo certo? O que mais posso fazer para melhorar as atividades dele?
    Aguardo.
    Obrigada.
    Mariana Castanheira (Editor/a de PeritoAnimal)
    Oi Denise! Reveja os 10 passos deste artigo: https://www.peritoanimal.com.br/como-fazer-um-gato-feliz-10-passos-imprescindiveis-22396.html. Caso esteja cumprindo tudo, não tem motivos para se preocupar! Que fotografia linda. Bonitão o seu gato!

    Gato em apartamento é feliz?
    1 de 3
    Gato em apartamento é feliz?

    Voltar ao topo da página