Partilhar
Partilhar em:

Devo ter um ou dois gatos em casa?

Devo ter um ou dois gatos em casa?

Ver fichas de  Gatos

O comportamento dos gatos não tem nada a ver com o comportamento dos cachorros, e fruto desta diferença, foram difundidos inúmeros mitos muito longe da realidade, como por exemplo que os gatos são ariscos, que não precisam de cuidados nem de afeto ou que trazem má sorte quando são de cor preta.

No entanto, quando falamos de gatos é importante conhecê-los bem, entender que não são tão sociais como os cães que se estressam muito facilmente quando ocorrem mudanças no seu ambiente, uma vez que eles vivem em harmonia quando consideram que podem ter tudo sob controle.

Se vive com um felino de certeza que já considerou a hipótese de ter um segundo e, nesta altura questionou se deve ter um ou dois gatos em casa. Esta pergunta não tem uma resposta única, por isso vamos abordá-la neste artigo do PeritoAnimal.

Também lhe pode interessar: Quantos gatos posso ter em casa?

Se quer ter dois gatos, o melhor é ser desde o início

Se decidiu adotar um gato e trazê-lo para sua casa, mas depois de um tempo decidiu aumentar a família felina, deve saber que isto é possível e existem muitas formas de conseguir que os dois gatos se deem bem, no entanto, esta situação também acarreta alguns riscos.

É possível que o gato que está em sua casa desde o início não se adapte de forma adequada a esta mudança, mostrando sinais de estresse que podem acabar derivando em comportamentos agressivos, que deve saber que também têm solução. No entanto, é possível que tenha de desempenhar uma boa estratégia de separação de gatos e aproximação progressiva.

Para ser mais fácil, o ideal é adotar dois filhotes de gato, de preferência da mesma família, pois ao contrário dos cachorros, os gatos são mais suscetíveis aos laços familiares tendo uma melhor relação entre irmãos.

Desta forma, ambos os gatos irão se habituar à presença um do outro desde o início e não terão que ter uma resposta de adaptação quando outro felino entra em casa.

Tem os recursos suficientes?

Dois gatos com o mesmo espaço delimitado pela sua família humana, com o mesmo comedouro, bebedouro e caixa de areia, muito dificilmente se irão dar bem, pois cada um deve ter o seu próprio espaço e sentir que pode exercer um total controle sobre o mesmo, caso contrário, o estresse pode aparecer.

É importante que a casa conte com as dimensões adequadas para permitir que cada gato organize o seu território, e coloque os acessórios de um felino a uma distância suficiente do outro gato.

Também é adequado um cômodo grande com uma saída para o exterior, uma vez que desta forma a organização do território ocorre de forma mais natural.

Dois gatos são uma boa opção

Se as condições lhe permitirem, ter dois felinos em sua casa também tem várias vantagens como as seguintes:

  • Os dois gatos vão sentir-se mais acompanhados e menos aborrecidos.
  • Cada gato ajudará o outro a manter-se em forma, pois vão brincar juntos.
  • Quando dois gatos brincam juntos canaliza-se adequadamente o seu instinto de predadores, e isto diminuirá este comportamento felino com a família humana.

Claro que, antes de tomar esta decisão é importante pensar bem, entendendo que dois gatos requerem o dobro dos cuidados, os quais compreendem tempo, vacinação, comida a consultas veterinárias.

Se deseja ler mais artigos parecidos a Devo ter um ou dois gatos em casa?, recomendamos-lhe que entre na nossa seção de O que precisa saber.

Comentários (0)

Escrever comentário sobre Devo ter um ou dois gatos em casa?

O que lhe pareceu o artigo?

Devo ter um ou dois gatos em casa?
1 de 4
Devo ter um ou dois gatos em casa?