menu
Partilhar

Vitamina C para cachorro - Doses e para que serve

Vitamina C para cachorro - Doses e para que serve

Ver fichas de  Cachorros

A vitamina C é um micronutriente que cumpre funções importantes e bastante diversas que mantém em perfeito estado o organismo do cachorro. Normalmente não há deficiência dessa vitamina, que em parte é capaz de ser sintetizada pelo próprio cão, portanto, se acharmos que ele precisa de uma suplementação, devemos sempre ir ao veterinário primeiro.

Neste artigo do PeritoAnimal, vamos explicar como funciona a vitamina C para cachorro - doses e para que serve. Vamos detalhar em quais casos pode ser útil e o que acontece se excedermos sua dosagem.

O que é a vitamina C?

As vitaminas são micronutrientes que são essenciais em pequenas quantidades para que o organismo do cachorro possa desenvolver suas funções vitais com sucesso. São essenciais porque o cão não pode fabricá-las por conta própria a partir de outros nutrientes. Isso significa que é essencial que seu cachorro ingira a vitamina C em sua alimentação.

A vitamina C é encontrada em duas formas: como ácido ascórbico, que é o mais conhecido, ou como ácido desidroascórbico. O ascórbico é gerado pelos cachorros a partir da glicose. Em geral, a quantidade que produz pode bastar para cobrir suas necessidades, mas dependerá de muitos fatores.

As vitaminas são divididas em dois grupos de acordo com a substância na qual são diluídas. Assim, falamos de vitaminas lipossolúveis, que serão dissolvidas em gorduras, e de vitaminas hidrossolúveis, como é o caso da vitamina C, com a qual estamos lidando. Como seu nome sugere, dissolvem em água. Por este motivo, o organismo poderá armazená-las por muito tempo, o que implica que, se houver uma carência, os efeitos serão notados imediatamente. Da mesma forma, essas vitaminas são eliminadas pela urina.

A vitamina C para cachorro participará de diferentes processos no organismo. Basicamente, está envolvida na formação dos músculos, dos vasos sanguíneos, dos ossos e dos dentes. Além disso, ajuda a absorver corretamente o ferro e participa nos processos de cicatrização.

Para que serve a vitamina C para cachorro?

Geralmente associamos a vitamina C com um efeito antioxidante, combatendo os radicais livres e reduzindo danos oxidativos, mas seu consumo oferece outras vantagens importantes. Estes são os efeitos benéficos mais notáveis da vitamina C no organismo dos cachorros:

  • Previne o aparecimento de pedras nos rins.
  • Favorece a saúde do trato urinário.
  • Reduz os sinais da displasia de quadril.
  • Participa na formação dos ossos, já que é necessária para o colágeno, que é um dos componentes dos tecidos ósseo e conjuntivo e da dentina.
  • Incentiva a produção de colágeno, que também é fundamental para a manutenção da pele e dos ligamentos. Por isso, a vitamina C é benéfica para cachorros com alergias e dermatites.
  • Junto com outras vitaminas, como a E, e minerais como o selênio, pode retardar o avanço da artrite. Como antioxidante, retarda a degeneração da cartilagem.
  • Contribui para a redução do estresse oxidativo que produzem diferentes doenças, por exemplo, as relacionadas com o fígado. Nestes casos, a vitamina C costuma ser combinada com outros antioxidantes.
  • Também é recomendada para cães em convalescença ou que mostram quadro de estresse.
  • Por último, ajuda nos casos de hemorragias causadas por fragilidade capilar.

Você também pode se interessar por este outro artigo que explica os benefícios do complexo B para cachorro.

Dosagem de vitamina C para cães

A dose adequada de vitamina C para cachorro pode ser fornecida através da alimentação ou de suplementação. Neste caso, somente o veterinário pode prescrever seu uso e a dosagem mais adequada às características de nosso cachorro. Em geral, dependerá da vitamina C que for escolhida.

Os suplementos de vitamina C para cães podem ser comercializados em formato líquido. Os mililitros a serem administrados dependerão do peso do cachorro e da marca que o veterinário receitar. A vitamina C também pode ser encontrada em forma de comprimidos. A quantidade necessária será estabelecida como na forma líquida. Em ambos os casos, pode ser dada uma ou mais vezes ao dia. Também é comercializada como solução injetável.

Por fim, a vitamina C não é um ingrediente de declaração obrigatória nas rações, portanto, pode não ser encontrada na lista de componentes. Se estivermos interessados em conhecer os dados exatos, teremos que entrar em contato diretamente com o fabricante.

Como dar vitamina C para cachorro

Em geral, ao optarmos por uma alimentação de qualidade adequada às circunstâncias vitais de cada momento, estamos fornecendo toda a vitamina C para cães que ele necessita. As dietas comercializadas geralmente cobrem todas as necessidades nutricionais sem ter que adicionar nenhum suplemento. Além disso, existem alimentos com vitamina C para cachorro que podem ser integrados à dieta. Destacam-se os seguintes:

  • Vísceras, como o fígado.
  • Diversas frutas, tais como o mamão. É típico citar o limão, a laranja ou o morango como frutas com vitamina C para cães, porém, nem todos os cães gostam deles devido ao seu sabor e aroma, que faz parte dos cheiros que eles mais odeiam.
  • Verduras como brócolis.
  • Salsinha.

Descubra neste vídeo quais são as melhores frutas para cães, algumas delas com uma elevada quantidade de vitamina C:

Efeitos colaterais da vitamina C para cachorro

Como já mencionamos, a vitamina C, ao ser hidrossolúvel, é eliminada com facilidade através da urina, para que não se acumule no organismo. Atinge um limiar de saturação e, nesse momento, é eliminada sem alterações através dos rins. Portanto, seu consumo, mesmo que em algum momento a dose recomendada seja excedida, não terá consequências negativas para o cão.

Em conclusão, a vitamina C apresenta uma toxicidade muito baixa e é considerada praticamente inofensiva. O principal problema que poderia ser gerado é que a eliminação do excedente acidificará a urina. Por outro lado, em doses muito altas, poderiam desencadear diarreias, que cessará assim que o excesso dessa vitamina for removido.

Posso dar vitamina C humana para cachorro

É importante que você saiba que todos os tipos de medicamento e suplementações que nós tomamos foram testados inúmeras vezes para que possam ser ingeridos proporcionando benefícios à nossa saúde. Oferecer tais medicamentos a outras espécies, como cachorros, pode ser algo muito perigoso.

No entanto, se você, assim como milhares de pessoas, se pergunta: afinal, posso dar vitamina C humana para cachorro? Sim. Saiba que é possível, mas é recomendável conversar com um veterinário antes. Isso só deve ser feito em situações específicas e após avaliação profissional.

Se deseja ler mais artigos parecidos a Vitamina C para cachorro - Doses e para que serve, recomendamos-lhe que entre na nossa seção de Dietas equilibradas.

Bibliografia
  • Nuviala, Javier. (2015). Qué ingredientes incorporan los alimentos comerciales. Revista Ateuves nº 1. pp. 16-23.
  • Olóndriz, Ibone. (2017). Manejo nutricional de los pacientes con enfermedad hepática. Revista Ateuves nº 37. pp. 12-15.
  • Sagarra, Natalia. (2018). Dieta para perros con problemas articulares. Revista Ateuves nº 69. pp. 14-17.
  • Villagrasa, María. (2018). Cóctel de vitaminas. Revista Ateuves nº 46. pp. 14-19.

Escrever comentário

Adicione uma imagen
Clique para adicionar uma foto relacionada com o comentário
O que lhe pareceu o artigo?
1 comentário
A sua avaliação:
edizania
fala sobre a raça samoiedo
Equipe editorial do PeritoAnimal (Editor/a de PeritoAnimal)
Olá, Edizania. Tudo bem? Neste artigo sobre tipos de husky você encontrará informações sobre o Samoiedo: https://www.peritoanimal.com.br/tipos-de-husky-realmente-existem-23050.html. Dentro do artigo há um vídeo do nosso canal no YouTube com tudo sobre o Samoiedo.
Esperamos que goste!

Vitamina C para cachorro - Doses e para que serve
Vitamina C para cachorro - Doses e para que serve

Voltar ao topo da página