menu
Partilhar

Cairn terrier

Atualizado: 30 agosto 2021
Cairn terrier

O cairn terrier é um cachorro muito gracioso, divertido e cheio de vida. Originário da Escócia, conquistou o carinho de fãs em todo o mundo por sua grande personalidade e enorme autoconfiança.

Nesta ficha de animais do PeritoAnimal você verá todas as informações sobre o cairn terrier, suas características, personalidade, saúde e muito mais. Boa leitura.

Origem
  • Europa
  • Reino Unido
Classificação FCI
  • Grupo III
Características físicas
Altura
  • 15-35
  • 35-45
  • 45-55
  • 55-70
  • 70-80
  • Mais de 80
Peso adulto
  • 1-3
  • 3-10
  • 10-25
  • 25-45
  • 45-100
Esperança de vida
  • 8-10
  • 10-12
  • 12-14
  • 15-20
Atividade física recomendada
  • Baixa
  • Média
  • Alta
Ideal para
Clima recomendado
Tipo de pelo

Origem do cairn terrier

Já no século XV, existia um tipo de cão de caça de pernas curtas na Ilha Escocesa de Skye. Esses cães eram usados ​​para caçar raposas, texugos e lontras. Eles também tinham a peculiaridade de afastar as lontras dos montes de pedra que eram usados ​​como pontos de referência ou memoriais. Esses montes são conhecidos em inglês como "cairn", e é daí que vem o nome desta raça.

Esses cães possuíam uma grande diversidade de cores e pelagens, sendo genericamente chamados de scottish terriers. Em 1873, eles foram classificados em dois grupos, o dandie dinmont terrier e o skye terrier, e os cairns atuais foram colocados no segundo grupo. Em 1881, o último grupo foi novamente dividido em terriers de pelo duro e terriers skye. E, finalmente, as raças de terrier de pelo duro foram divididas em três grupos, fazendo assim com que o terrier cairn se tornasse uma raça independente.

A raça se tornou especialmente popular na América porque um terrier cairn interpretou o papel de Totó no filme O Mágico de Oz. Hoje é uma raça popular não apenas nos Estados Unidos, mas e em muitos outros países, e é principalmente uma raça de companhia.

Características físicas do cairn terrier

O corpo deste cachorro é visivelmente mais longo do que alto, mas ainda assim, forte e compacto. A altura na cernelha varia de 28 a 31 centímetros, tanto para os machos quanto para fêmeas O peso ideal varia de 6 a 7,5 kg. O peito profundo e as costas retas e fortes dão ao cão uma aparência sólida, mas não pesada. As pernas são fortes.

A cabeça do cairn terrier é mais curta e larga do que a de outros cães do grupo, mas bem proporcional ao corpo. Isso confere a estes cães muita força nas mandíbulas. O nariz é preto e os olhos, ligeiramente encovados, são castanhos escuros, médios e com sobrancelhas abundantes. As orelhas são eretas, pequenas e pontudas, e conferem ao rosto uma aparência que muitas pessoas acham semelhante à de uma raposa.

A cauda não deve ter inserção alta nem baixa, e o cão a leva alegremente, mas nunca curvada para trás. Possui uma pelagem abundante, mas que não forma franjas.

A pelagem do cairn terrier é muito resistente ao clima e apresenta-se em duas camadas. A camada externa é muito espessa e dura, mas não áspera, enquanto a subcamada é curta, lisa e densa. O cairn terrier pode ser creme, amarelo, vermelho, cinza ou quase preto, e é muito comum a presença de manchas escuras nas orelhas e no focinho. O padrão tigrado também é aceito em qualquer uma das cores indicadas.

Temperamento do cairn terrier

De modo geral, os cairn terriers são cães muito confiantes e seguros de si, atraindo a atenção por sua audácia. Pelo padrão da raça, eles não devem ser agressivos, mas em última análise isso vai depender da socialização que recebem.

Na realidade, esses cães tendem a ser agressivos tanto com pessoas como com cães e outros animais, quando não são socializados adequadamente. No entanto, com a socialização adequada, eles podem ser amigáveis ​​com as pessoas e aceitar outros cães e até mesmo alguns animais diferentes. De toda forma, lembre-se de que eles tendem a brigar com cães do mesmo sexo, mesmo quando são bem socializados. No entanto, se bem socializados, tendem também a ser muito amigáveis ​​com as crianças, com as quais podem partilhar muitas brincadeiras.

Alguns dos problemas comportamentais que esses cães podem apresentar são latidos excessivos e comportamento destrutivo. Nem todos os indivíduos desta raça são propensos a latir sem motivo, mas praticamente todos eles tendem a cavar. No entanto, esses problemas podem ser evitados garantindo aos cães suficiente prática exercícios físicos e mentais.

Embora sejam cães de temperamento forte, os cairn terriers podem ser excelentes animais de estimação se forem criados da maneira certa e mantidos em boas condições. Lembre-se de que esses cães exigem muita companhia e não podem ficar sozinhos por muito tempo.

Cuidados do cairn terrier

A pelagem do cairn terrier é fácil de cuidar, mas a escovação pode tomar algum tempo. É importante escovar estes cães uma ou duas vezes por semana para manter sua pelagem em boas condições e evitar que a subcamada de pelo forme nós, o que é uma ocorrência frequente nesta raça. Também é importante cortar os pelos das sobrancelhas e orelhas de vez em quando para que não danifiquem esses órgãos. Para isso, deve-se utilizar uma tesoura sem ponta e colocar sempre a mão entre o pelo e o cão para evitar machucá-lo. Não é bom dar banho nesses cães com frequência, mas apenas quando estiverem sujos.

Assim como a maioria das raças de cães, esta requer uma boa dose diária de exercícios. No entanto, suas necessidades não são tão altas quanto as de terriers de médio e grande porte, por isso uma caminhada diária e algum tempo brincando com uma bola podem ser suficientes.

Por outro lado, cairn terriers precisam de muita companhia e para manter sua saúde emocional é melhor que passem a maior parte do tempo com pessoas próximas. Se você tem um jardim, eles podem aproveitá-lo para praticar exercícios e brincar, mas é melhor que vivam dentro de casa, juntamente com o resto da família. E é claro, eles podem se adaptar muito bem à vida em apartamentos.

Educação do cairn terrier

No que diz respeito ao adestramento canino, assim como a maioria dos terriers, os cairn aprendem rapidamente, mas também se entediam com facilidade. Por isso, é importante que as sessões de adestramento sejam divertidas e dinâmicas. É importante levar em conta que esses cães são extremamente sensíveis aos maus tratos e não suportam bem os métodos tradicionais de adestramento. É melhor praticar o adestramento com clicker ou outra variedade de adestramento positivo.

Saúde do cairn terrier

A raça é muito saudável e não é particularmente afetada por doenças hereditárias. No entanto, apresenta uma certa tendência a sofrer com a obesidade e a alergia às pulgas. Além disso, algumas doenças importantes como cataratas, doença de von Willebrand, doença de Legg-Calve-Perthes e luxação patelar foram observadas ocasionalmente.

Quanto tempo vive um cairn terrier?

Um cairn terrier vive, em média, entre 12 e 15 anos se forem oferecidos a ele os exercícios necessários, aliados à uma alimentação balanceada, estímulos mentais e, claro, muito carinho.

Fotos de Cairn terrier

Artigos relacionados

Suba a sua foto de Cairn terrier

Suba a foto do seu Pet

Escrever comentário

Adicione uma imagen
Clique para adicionar uma foto relacionada com o comentário
Como avalia esta raça?

Cairn terrier
1 de 10
Cairn terrier

Voltar ao topo da página