menu
Partilhar

Bulldog francês fluffy

Atualizado: 25 janeiro 2024
Bulldog francês fluffy

O bulldog francês é uma raça canina que se destaca há décadas entre as mais populares, graças ao seu pequeno porte e, principalmente, à sua personalidade sociável, além de ser um cão brincalhão e afetuoso. Essas características têm superado os problemas associados à sua criação, uma vez que são propensos a diferentes problemas de saúde.

No entanto, neste artigo do PeritoAnimal, não vamos falar do bulldog francês mais comum, mas sim de uma variedade da raça conhecida como bulldog francês fluffy, devido à aparência do seu pelo - este não é mais curto, como no bulldog francês padrão, mas sim longo ou "fofo". A seguir, explicaremos a razão dessa peculiaridade e quais são as características mais importantes dessa variedade menos conhecida, embora sua popularidade esteja em ascensão. Confira!

Origem
  • Europa
  • França
Características físicas
Altura
  • 15-35
  • 35-45
  • 45-55
  • 55-70
  • 70-80
  • Mais de 80
Peso adulto
  • 1-3
  • 3-10
  • 10-25
  • 25-45
  • 45-100
Esperança de vida
  • 8-10
  • 10-12
  • 12-14
  • 15-20
Atividade física recomendada
  • Baixa
  • Média
  • Alta
Ideal para
Clima recomendado
Tipo de pelo
Nível de adestramento

Origem do bulldog francês fluffy

A pelagem típica do bulldog francês fluffy aparenta ter origem em uma mutação genética, ou seja, uma "falha" que leva os exemplares com este gene a apresentarem pelo longo, em vez do pelo curto considerado padrão para a raça. Por esse motivo, também são conhecidos como bulldogs franceses de pelo longo.

Essa alteração genética não está associada a nenhuma doença. Trata-se de um gene recessivo, o que significa que ambos os progenitores precisam portá-lo para que se manifeste na prole. Além disso, por ser uma variedade da raça bulldog francês, compartilha origens e história com a raça em si. Até o momento, não é considerada uma raça em si, mas, como mencionado, uma variedade, e, portanto, não é reconhecida pela Federação Cinológica Internacional (FCI).

Características do bulldog francês fluffy

O bulldog francês fluffy é um cão pequeno, mas robusto e firme, podendo ultrapassar os 10 kg. Compartilha as características físicas básicas do bulldog francês de pelo curto, destacando-se:

  • Cabeça: é forte, larga, quadrada, com pele que forma diferentes dobras e rugas. O stop é pronunciado, e as mandíbulas são potentes. O que se destaca nesta variedade é a face redonda, com olhos grandes e escuros e nariz achatado. O focinho também é largo e curto. As orelhas são eretas, bem grandes, de base larga e pontas arredondadas, abrindo-se para a frente. O pescoço é curto e forte;
  • Corpo: o corpo também é curto, bem musculoso, compacto e de constituição mais robusta do que se poderia esperar pelo seu tamanho. O dorso é largo e bem musculoso. O peito tem forma de barril;
  • Patas: são também curtas, sólidas e fortes. As traseiras são um pouco mais longas. As mãos e os pés são redondos, compactos e pequenos, conhecidos como "pés de gato". As unhas são curtas, grossas e de cor negra;
  • Cauda: é naturalmente curta, mas deve ser comprida o suficiente para cobrir o ânus. É reta e grossa, afinando-se na ponta;
  • Pelagem: neste caso, o que chama a atenção no bulldog francês fluffy é a pelagem, que é mais longa do que o esperado para a raça. O pelo também é um pouco mais grosso.

Cores do bulldog francês fluffy

A variedade fluffy do bulldog francês pode apresentar as mesmas cores que os bulldogs franceses de pelo curto. Assim, podem ser pardos, tigrados ou não, com manchas brancas que podem ter maior ou menor extensão, podendo até cobrir todo o corpo. O "pardo" compreende diferentes tonalidades, que vão do vermelho até o marrom-claro.

Personalidade do bulldog francês fluffy

Em geral, os cães da raça bulldog francês fluffy têm uma personalidade amigável e carinhosa. Essas características, aliadas ao seu pequeno tamanho, tornam-nos companheiros muito adequados. Além disso, são ativos e inteligentes, podendo se adaptar bem à vida em famílias com crianças, podendo brincar juntos. É um equívoco pensar que, por serem cães pequenos, podem ficar confinados em casa o dia todo ou limitar-se a passeios curtos de cinco minutos. Assim como todos os cães, precisam de atividade física adaptada às suas características e tempo para brincadeiras e interação social.

Por outro lado, eles apreciam bastante a companhia de sua família. Isso é positivo, mas pode causar desconforto se precisarem ficar muito tempo sozinhos. Pode surgir ansiedade de separação e outros problemas de comportamento, como destrutividade. Portanto, não seria uma raça recomendada para pessoas que passam pouco tempo em casa. Costumam conviver sem problemas com outros animais.

Cuidados com o bulldog francês fluffy

O bulldog francês fluffy não é um cão difícil de cuidar, mas é importante considerar alguns aspectos básicos para garantir seu bem-estar. Destacamos os seguintes:

  • Alimentação: devemos oferecer uma alimentação baseada em proteínas de origem animal, provenientes de carne ou peixe. É importante respeitar as quantidades recomendadas e evitar excessos de petiscos, pois esses cães têm propensão a ganhar peso;
  • Exercício: como mencionado, esses bulldogs são ativos, então é recomendável levá-los para passear várias vezes ao dia. Não é necessário que realizem atividade física intensa, o que poderia ser contraproducente, mas devem sair pelo menos três vezes ao dia para passeios de, no mínimo, meia hora. Também é bom brincar com eles diariamente, permitindo que corram e interajam com outros cães;
  • Higiene: a higiene é simples e não difere muito do bulldog francês de pelo curto. A diferença está na necessidade de escovações mais frequentes. Além disso, é importante monitorar a higiene da boca, olhos, ouvidos, unhas e nas dobras e rugas da pele, onde patógenos podem proliferar e sujeira pode se acumular. Essas áreas devem ser lavadas e completamente secas sempre que o animal tomar banho.

Educação do bulldog francês fluffy

Não é incomum que os tutores de cães pequenos negligenciem sua educação, mas esta é tão importante quanto nos cães de grande porte. Especificamente, esta raça de bulldog pode ser um pouco teimosa e possessiva, portanto, a educação, desde o primeiro momento, será um pilar fundamental para uma convivência saudável.

Essa educação deve sempre se basear no reforço positivo, ou seja, recompensar as ações que desejamos que o cão repita e ignorar aquelas que queremos que desapareçam, sem a necessidade de repreender ou castigar. É fundamental ser paciente e firme, além de estabelecer regras que todos os moradores do lar devem respeitar.

Você pode se interessar pelo nosso post "Socializar um filhote de cachorro corretamente". Confira!

Saúde do bulldog francês fluffy

Como mencionamos, a alteração genética relacionada ao surgimento do pelo longo não está associada a nenhuma doença, ou seja, o bulldog francês fluffy terá predisposição às mesmas doenças que o bulldog francês de pelo curto, sem a adição de outras como resultado de sua diferença genética.

Assim, devido à sua conformação anatômica particular, ele pode sofrer da síndrome braquicefálica, capaz de causar complicações significativas no sistema respiratório. Por esse motivo, também é mais propenso a sofrer com o temido golpe de calor se exposto a temperaturas elevadas, pois tem dificuldades para regular a temperatura corporal. Sua digestão também pode ser delicada, e não é incomum que apresente lesões nas vértebras ou problemas dermatológicos, como dermatite nas dobras. Além disso, como mencionamos, é fácil que ganhe peso se permitirmos excessos na alimentação.

Para prevenir esses e outros distúrbios, é importante fornecer uma alimentação adequada, atividade física e cuidados veterinários. Isso deve incluir desparasitações internas e externas, vacinações, exames regulares e, em muitos casos, a castração. Se bem cuidado, um bulldog francês fluffy pode atingir e ultrapassar os 10 anos de vida.

Confira nosso artigo sobre o "Plano de desparasitação para cachorros" e aproveite para consultar nossa apresentação sobre quais são os problemas da raça bulldog francês.

Onde adotar um bulldog francês fluffy?

Por ser uma variedade pouco conhecida, não é fácil encontrar um bulldog francês de pelo longo para adoção. Pode-se tentar entrar em contato com associações protetoras especializadas na raça ou até mesmo com criadores que possam ter conhecimento de exemplares desse tipo. De qualquer forma, além da aparência física, é importante adotar um cão que se encaixe em se estilo de vida para garantir uma convivência harmoniosa.

Em qualquer ONG ou associação protetora de animais é possível encontrar centenas de cães que precisam de um lar e que, mesmo não sendo de raça pura, podem compartilhar muitas características físicas ou de comportamento com o bulldog francês fluffy. Se, por outro lado, você já possui um bulldog francês fluffy ou outro cachorro em casa, não deixe de comprar uma placa personalizável para poder gravar o nome dele. Você também pode adicionar o endereço e o número de telefone de contato caso ele se perca.

Fotos de Bulldog francês fluffy

Artigos relacionados

Suba a sua foto de Bulldog francês fluffy

Suba a foto do seu Pet

Escrever comentário

Adicione uma imagen
Clique para adicionar uma foto relacionada com o comentário
Como avalia esta raça?
Bulldog francês fluffy
1 de 4
Bulldog francês fluffy

Voltar ao topo da página