menu
Partilhar

Por que meu gato dorme entre as minhas pernas?

 
Por Laura García Ortiz, Veterinária especializada em medicina felina. 20 maio 2022
Por que meu gato dorme entre as minhas pernas?

Ver fichas de  Gatos

Você se pergunta por que o gato dorme entre as suas pernas? Os pequenos felinos têm a reputação de serem independentes e menos afetuosos do que outros animais de estimação, como os cães. Entretanto, isto não é inteiramente verdade, pois existem alguns espécimes muito dependentes e carinhosos. É verdade que a natureza de um gato é diferente da de um cachorro, pois eles são, afinal, espécies totalmente diferentes, mas isso não significa que os gatos não possam demonstrar seu afeto.

Neste sentido, uma das maneiras que eles nos mostram que fazemos parte de seu grupo social é dormir entre nossas pernas ou sobre elas, nos pés ou simplesmente quando os gatos dormem em cima da gente. Isto pode significar muitas coisas, desde afeto ou confiança até mesmo que ele se sente seguro, protegido e confortável.

O seu gato tem esse comportamento? Se você quer saber exatamente por que um gato dorme entre as pernas de seus tutores, continue lendo este artigo do PeritoAnimal para descobrir as principais razões.

Também lhe pode interessar: Por que os gatos passam entre as pernas?

1. Busca o seu calor

Os gatos sempre procuram lugares quentes para descansar, seja uma cama cheia de cobertores ou um lugar com luz solar, pois adoram o bom tempo e as boas temperaturas e não toleram muito bem o frio e as correntes de ar, especialmente se forem gatos de pelos curtos e finos ou se não tiverem nenhum pelo. O corpo humano é um lugar que eles vêem como quente e aconchegante, algo como uma "panela ambulante", então se essa panela também estiver estática e quieta no sofá, cama ou cadeira, seja lendo, assistindo TV ou usando o telefone celular, alguns gatos não hesitarão em subir em nossas pernas para se deitar e receber nosso calor.

Embora eles possam fazer isso durante todo o ano, o gato provavelmente dormirá mais vezes no seu colo nos meses mais frios ou quando o sol se põe para receber seu calor e lidar melhor com o clima mais frio.

Neste artigo você conhecerá as escovas para gatos de pelo curto.

2. Confia em você

É da natureza do gato ser receoso e desconfiado, especialmente se ele não foi bem socializado quando filhote ou foi traumatizado por humanos em qualquer momento de sua vida. Por esta razão, se o gato dorme entre as suas pernas, é porque ele realmente confia em você e sabe que você não seria capaz de prejudicá-lo de forma alguma. Por exemplo, se o gato dorme em cima de você, nas pernas, pés ou no colo ou perto de você, e também deixa você tocar sua barriga ou se deita com a barriga para cima perto de você, não há dúvida de que o seu companheiro felino confia completamente em você.

Quando estão dormindo, mesmo que mantenham alguma consciência, os gatos ficam muito mais expostos ao perigo e aos "predadores" porque têm menos tempo para reagir à agressão ou ao perigo. O mesmo acontece quando expõem o estômago, onde se encontram seus órgãos-chave para sua saúde, e qualquer golpe ou dano pode ser muito prejudicial para eles. Eles sabem disso e, portanto, quando estão calmos com uma pessoa, é porque estão completamente confiantes e seguros de que seriam incapazes de lhes fazer qualquer tipo de mal. Neste vídeo, compartilhamos mais sinais de que seu gato confia em você:

3. Se sente protegido

Derivado do aspecto anterior, quando um gato confia em seu tutor ou tutora, ele não hesita em dormir entre suas pernas. Isto, além da confiança, indica que o gato acredita que você pode salvá-lo de qualquer adversidade. Você o alimenta todos os dias, limpa sua caixa de lixo, passa tempo brincando com ele, com sua higiene e carinho, de modo que ele assume que você também estará pronto para defendê-lo de qualquer perigo ou ameaça que possa ocorrer, sentindo-se totalmente protegido e seguro.

Este comportamento também pode ser comum quando um novo animal é introduzido na casa, há hóspedes ou novas pessoas em casa que não são totalmente confiáveis ou agradáveis para o pequeno felino, pois ele se sente seguro com seus tutores ou pessoas de confiança.

Também é comum para os gatos que vivem com mais de uma pessoa e consideram ambos como parte de sua família, deitar-se entre as pernas das duas pessoas, buscando o calor e a proteção do grupo.

Por que meu gato dorme entre as minhas pernas? - 3. Se sente protegido

4. Está demonstrando que gosta de você

Os gatos mostram seu afeto de maneiras únicas e especiais. O felino pode ser muito dependente carente e estar constantemente procurando por você, demonstrando carinho e pedindo carinho, mas em muitos outros casos os sinais de amor são muito mais sutis. Entre eles, podemos detectar que dormem perto de nós ou em nossas pernas. Desta forma, estes atos demonstram grande afeto por parte do gato, pois ele te considera um membro de seu grupo social, de sua família e de seu lar. É uma demonstração de amor do gato que você deve valorizar muito.

Neste outro artigo mostramos como fazer um gato te amar.

5. Se sente confortável

Além de ser um lugar quente, nossas pernas são confortáveis para eles, especialmente quando as temos em certas posições que lhes permitem uma maior superfície para se deitar e descansar ou colocar a cabeça sobre elas. Não é o mesmo que uma cama, mas às vezes os gatos até preferem caixas de papelão às camas, então como eles não gostariam de cochilar em nossas pernas de vez em quando?

6. Prefere áreas elevadas

Você sabia que os gatos se sentem muito melhor e mais seguros quando controlam todo o seu espaço em lugares altos ou elevados? Isto porque sentem que estão no controle, dominando seu entorno e que também estão mais seguros porque estão mais protegidos de ameaças. Por esta razão, é uma boa ideia fornecer lugares altos e seguros e prateleiras para os gatos.

Os gatos poderiam descansar ou se enroscarem ao seu lado ou ao seus pés, mas eles preferem fazê-lo em suas pernas porque assim ficam mais altos para poder ter controle sobre tudo. Isto é um fato e uma explicação para o porquê do gato dormir no colo.

7. Há mais de um gato

Finalmente, quando mais de um gato vive na mesma casa, pode ocorrer a seguinte situação: um dos gatos dorme no colo, o segundo gato se aproxima e "expulsa" para se deitar. Por muitos anos este tipo de comportamento tem sido relacionado à territorialidade e dominância, no entanto, a marcação de felinos não é geralmente realizada em outros seres vivos e a dominância só existe entre animais da mesma espécie. Então, por que isso acontece? Dependendo dos papéis dos gatos no mesmo grupo e do contexto, pode haver um gato que é mais dominante e outro mais submisso. O dominante pode reclamar o lugar de descanso (neste caso, suas pernas) e o submisso, para evitar conflitos, pode desistir. Estes papéis não são fixos e podem variar dependendo de muitos fatores. Falamos sobre isso neste outro artigo: "O gato dominante".

É importante esclarecer que os gatos delimitam seu território por meio de marcas de cheiro que podem deixar com a urina, suas garras ou esfregando partes de seu corpo que emitem certas feromonas. Este último também é usado como sinal de afeto e confiança, razão pela qual muitas vezes é confundido com "territorialidade". Quando um gato dorme entre as pernas de seus tutores, ele não o faz por causa de marcação ou domínio (lembre-se que os gatos não desempenham esse papel com humanos), mas pelas razões mencionadas acima, ou seja, confiança, busca de calor, etc.

Agora que você conhece as diferentes causas, fale pra gente, por que você acha que seu gato dorme entre suas pernas?

Se deseja ler mais artigos parecidos a Por que meu gato dorme entre as minhas pernas?, recomendamos-lhe que entre na nossa seção de Curiosidades do mundo animal.

Escrever comentário

Adicione uma imagen
Clique para adicionar uma foto relacionada com o comentário
O que lhe pareceu o artigo?
Por que meu gato dorme entre as minhas pernas?
1 de 2
Por que meu gato dorme entre as minhas pernas?

Voltar ao topo da página