Curiosidades do mundo animal

Os peixes mais venenosos do mundo

 
Nick A. Romero H.
Por Nick A. Romero H., Biólogo e educador ambiental. 21 fevereiro 2023
Os peixes mais venenosos do mundo

Os peixes se incluem dentro do filo dos cordados, um grupo de animais muito diverso e que são exclusivamente de vida aquática. Os peixes conquistaram todos os ecossistemas de água doce e salgada, o qual possuem diversas adaptações que os permitem se desenvolver apropriadamente dentro deste tipo de habitat. As formas, tamanhos e hábitos variam de uma espécie para outra e, entre as diferentes características que podem possuir, encontramos que alguns contam com defesas constituídas por substâncias tóxicas, perigosas para outros animais e com os seres humanos.

Te convidamos a seguir lendo este artigo do PeritoAnimal para que você conheça mais sobre os 20 peixes mais venenosos do mundo.

Também lhe pode interessar: Os mamíferos mais venenosos do mundo

Índice

  1. Peixe-pedra (Synanceia verrucosa)
  2. Baiacu japonês (Takifugu rubripes)
  3. Peixe-ouriço (Diodon hystrix)
  4. Peixe-leão em faixas (Pterois antennata)
  5. Raia ratão (Dasyatis pastinaca)
  6. Peixe-vaca-comum (Lactoria cornuta)
  7. Peixe-escorpião da Califórnia (Scorpaena guttata)
  8. Peixe-escorpião (Scorpaenodes minor)
  9. Falso peixe-pedra (Scorpaenopsis diabolus)
  10. Peixe-cofre-colmeia (Acanthostracion polygonius)
  11. Outros peixes venenosos
Ver mais >>

Peixe-pedra (Synanceia verrucosa)

É uma espécie de peixe amplamente distribuído nos Oceanos Índico e Pacífico, com presença no Mar Vermelho, África Oriental, Sri Lanka, Mar da China Meridional, Japão, Austrália Meridional e Polinésia Francesa. É considerado o peixe mais venenoso do mar, já que, nas espinhas da região dorsal, existem sacos de um veneno formado por proteínas que, em certas doses, resultam letais para uma pessoa.

Se localiza em locais de recifes rasos com pouca profundidade em marés baixas. É de cor marrom ou cinza, mas pode apresentar áreas do corpo de cor amarela, vermelha ou laranja; pode medir uns 20 cm e raramente pode crescer até os 40 cm. Está classificado como de menor preocupação na natureza.

Os peixes mais venenosos do mundo - Peixe-pedra (Synanceia verrucosa)

Baiacu japonês (Takifugu rubripes)

O peixe baiacu japonês é uma das várias espécies deste gênero, que neste caso se distribui pela Ásia, com presença na China, Japão, Coreia e Taiwan. Pode se localizar em desembocaduras de rios para o mar, em águas salobres, mas se movimenta sem problemas em águas marítimas profundas, preferencialmente a uns 135 metros mas pode chegar aos 150.

O baiacu possui uma toxina conhecida como tetrodotoxina, na qual ocorrem em certos animais pela presença de algumas bactérias. Este como outras espécies podem ser mortais, mas são muito apreciadas por sua carne, que se preparada adequadamente não causa problemas. O tamanho máximo é de 80 cm, mas usualmente medem uns 40 cm. Este que é um dos peixes mais venenosos do mundo está classificado como quase ameaçado de extinção.

Consulte este post do PeritoAnimal com animais marinhos em perigo de extinção para ter mais informações sobre o tema. Não deixe de conferir!

Os peixes mais venenosos do mundo - Baiacu japonês (Takifugu rubripes)

Peixe-ouriço (Diodon hystrix)

Esta espécie tem uma ampla distribuição, com presença circumglobal em todos os mares tropicais e subtropicais. Se desenvolve principalmente em áreas de recifes, com profundidades entre 3 e 30 metros, embora possa chegar aos 50 metros. Comumente mede 40 cm, mas pode chegar aos 90 cm; quando se sente ameaçado infla seu corpo engolindo água para que cresça de tamanho.

Seu perigo reside em que também possui concentrações de tetrodoxina, que se for consumida inadequadamente é letal para as pessoas, por isso é um dos peixes mais venenosos do mundo.

Os peixes mais venenosos do mundo - Peixe-ouriço (Diodon hystrix)

Peixe-leão em faixas (Pterois antennata)

Também conhecido como peixe-fogo e peixe-leão venenoso, entre outros nomes, se desenvolve no Indo-Pacífico ocidental, de forma que tem presença desde a África Oriental e África do Sul, até a Polinésia Francesa, assim como no norte e sul do Japão e sul da Austrália. Seu habitat está associado a recifes de corais, com profundidades entre 2 e 76 metros.

O tamanho deste que é um dos peixes mais venenosos do mundo é de aproximadamente de 15 cm, e é bastante agressivo com as pessoas, a quem pode causar danos com seus espinhos venenosos, nos quais originam forte dor que pode durar dias e deficiência respiratória. Várias espécies deste gênero são invasoras, causando graves problemas ambientais. Está classificado como de menor preocupação ambiental.

Os peixes mais venenosos do mundo - Peixe-leão em faixas (Pterois antennata)

Raia ratão (Dasyatis pastinaca)

As raias são um tipo de peixe do grupo dos condrictes, por isso estão aparentadas de forma próxima com os tubarões. Esta espécie se encontra estendida no oceano Atlântico oriental, mar Mediterrâneo, Mar Negro, Mar do Norte, Ilhas Canárias, Madeiras, Açores e Angola. Seu tamanho tem um comprimento que vai desde 1 até 4 metros.

Não costumam ser agressivas, mas se ficam assustadas não hesitam em usar suas caudas de cartilagem que contém um veneno potente que pode ser letal para os seres humanos. Os sintomas do envenenamento incluem colapso respiratório e circulatório, dor intensa, necrose, náuseas, hipotensão, entre outros. O estado de conservação deste que é um dos peixes mais venenosos do mundo é vulnerável.

Não deixe de consultar o seguinte artigo sobre todos os tipos de peixes que existem.

Os peixes mais venenosos do mundo - Raia ratão (Dasyatis pastinaca)

Peixe-vaca-comum (Lactoria cornuta)

É uma espécie que habita em áreas marinhas da África e Ásia, em locais de recifes de corais, estuários e baías, encontrando-se geralmente de 1 a 45 metros de profundidade. Tem usualmente um comprimento de 40 cm, com dois característicos chifres na cabeça.

Este se encontra entre os peixes mais venenosos do mundo porque caso se sinta ameaçado excreta uma toxina mortal para os animais que se encontram perto, e para os seres humanos podem causar intoxicações importantes se é consumido como alimento. Não foi avaliado para ser estabelecido seu estado de conservação.

Os peixes mais venenosos do mundo - Peixe-vaca-comum (Lactoria cornuta)

Peixe-escorpião da Califórnia (Scorpaena guttata)

É uma espécie de peixe bastante venenoso que habita os Estados Unidos e México, em Baja Califórnia, Califórnia e no Golfo da Califórnia, desenvolvendo-se em substratos rochosos, com cascalho ou areia, com profundidade comumente acima dos 30 metros, mas que podem chegar a uns 130 metros.

Mede entre 43 e 47 cm, e é um peixe extremamente venenoso, que possui uma substância cardiotóxica, que causa variações no ritmo cardíaco, pressão arterial e dor muito forte. Está na categoria de dados insuficientes.

Os peixes mais venenosos do mundo - Peixe-escorpião da Califórnia (Scorpaena guttata)

Peixe-escorpião (Scorpaenodes minor)

Esta outra espécie de peixe venenoso habita o oceano Indo-Pacífico ocidental, com presença desde a Indonésia até a Polinésia Francesa, desde o norte até o sul do Japão e Austrália. Se camufla muito bem em fundos arenosos e de recifes. Seu tamanho máximo é de quase 4 cm. Possui espinhas com um tecido glandular que contém um veneno, no qual pode causar uma dor extremamente forte nas pessoas. Se inclui na categoria de menor preocupação.

Os peixes mais venenosos do mundo - Peixe-escorpião (Scorpaenodes minor)

Falso peixe-pedra (Scorpaenopsis diabolus)

Entre os peixes mais venenosos do mundo também encontramos o falso peixe-pedra, no qual está classificado como de menor preocupação e com uma ampla distribuição nos oceanos Indico e Pacífico. Habita nos fundos de recifes e corais, onde se camufla por sua aparência à uma rocha. Possui vários espinhos venenosos, nos quais causam forte dor se penetram na pele das pessoas. Seu tamanho alcança os 30 cm.

Os peixes mais venenosos do mundo - Falso peixe-pedra (Scorpaenopsis diabolus)

Peixe-cofre-colmeia (Acanthostracion polygonius)

Esta espécie habita no oceano Atlântico ocidental, ao longo dos Estados Unidos até a América do Sul. Vive em águas claras, com presença em recifes de corais e também em estuários. Tem um comprimento máximo de 50 cm, embora comumente mede 25 cm. Possui toxinas em seu corpo, no entanto, é comestível e utilizado na gastronomia de alguns países, e caso não seja preparado adequadamente, pode causar intoxicação que deve ser atendida. Este peixe altamente venenoso está classificado como de menor preocupação.

Os peixes mais venenosos do mundo - Peixe-cofre-colmeia (Acanthostracion polygonius)

Outros peixes venenosos

Além dos anteriores, a seguir te apresentamos outras espécies que fazem parte da lista de peixes mais venenosos do mundo:

  • Peixe-tronco liso (Lactophrys triqueter).
  • Peixe-pedra estuarino (Synanceia horrida).
  • Peixe-pedra do Mar Vermelho (Synanceia nana).
  • Peixe-boi (Lactoria fornasini).
  • Baiacu-cofre (Lactophrys trigonus).
  • Peixe-cofre-amarelo (Ostracion cubicum).
  • Baiacu (Takifugu flavidus).
  • Peixe-cofre (Lactophrys bicaudalis).
  • Baiacu-de-chifre (Acanthostracion quadricornis).
  • Peixe-escorpião-de-mancha-amarela (Sebastapistes cyanostigma).

Se deseja ler mais artigos parecidos a Os peixes mais venenosos do mundo, recomendamos-lhe que entre na nossa seção de Curiosidades do mundo animal.

Bibliografia
  • Animal Diversity Web. (2020). Disponível em: <https://animaldiversity.org>. Acesso em 15 de fevereiro de 2023.
  • Froese, R. y D. Pauly. Editores. (2022). Base de peces. Publicación electrónica de la World Wide Web. Disponível em: <www.fishbase.org>. Acesso em 15 de fevereiro de 2023.
  • IUCN. (2022). The IUCN Red List of Threatened Species. Version 2022-1. Disponível em: <https://www.iucnredlist.org>. Acesso em 15 de fevereiro de 2023.

Escrever comentário

Adicione uma imagen
Clique para adicionar uma foto relacionada com o comentário
O que lhe pareceu o artigo?
1 de 11
Os peixes mais venenosos do mundo