menu
Partilhar

Curiosidades sobre as borboletas

 
Curiosidades sobre as borboletas

Ao longo de sua vida você verá centenas de borboletas em campos, florestas ou mesmo na cidade. Elas pertencem à família dos lepidópteros, a maioria voadores. As borboletas, diferentemente de muitos outros insetos, é uma espécie que não cria repulsa nos humanos. Na verdade, pelo contrário, somos capazes de admirar a beleza de suas asas e podemos ficar muito tempo apenas observando-as.

Presentes em todo o mundo, as borboletas são criaturas bastante apreciadas. Por esse motivo, no PeritoAnimal, apresentamos este artigo com diversas curiosidades sobre as borboletas que você certamente vai adorar. Boa leitura!

Também lhe pode interessar: Como nascem as borboletas

Características das borboletas

As borboletas são atrópodes da classe Insecta e da ordem Lepidoptera, que possui 34 superfamílias com uma imensa variedade de espécies. Os fósseis mais antigos já encontrados demonstram que elas existiam há pelo menos 40 ou 50 milhões de anos. Presentes em praticamente do o mundo, elas só não podem ser encontradas na Antártida.

Talvez as borboletas façam você se apaixonar por elas por suas habilidades, cores vibrantes ou sua mera presença que embeleza todo o ambiente, mas há muitos aspectos de sua vida que, talvez, você não conheça. Aqui apresentamos algumas curiosidades das borboletas com foco em suas características:

  • São animais com grande sensibilidade e seu olfato e tato estão nas antenas das borboletas.
  • Os tamanhos das borboletas variam bastante, de pequenos 3 milímetros até cerca de 30 centímetros.
  • A maioria das espécies de borboletas registradas são noturnas, ainda que as mais conhecidas só voem durante o dia, na luz do sol.
  • As cores das borboletas funcionam como uma espécie de RG desses animais. É por meio delas que os demais insetos da natureza sabem o sexo e a família a qual pertencem.
  • As borboletas diurnas evoluíram a partir das noturnas.
  • É a segunda ordem animal com mais espécies, isto é, existe uma variedade inimaginável.
  • Para alcançar o néctar das flores, as borboletas extraem sua boca como se fosse um canudinho.
  • Os olhos têm entre 6 mil e 12 mil lentes individuais, além do mais, sua gama de cores só alcança o verde, o vermelho e o amarelo.
  • Se suas asas ficam sem ver o sol, elas se tornam incapazes de voar.
  • Parecem delicadas, mas podem alcançar velocidades entre 8 e 20 quilômetros por hora e, inclusive, algumas espécies chegam aos 50 km/h.
  • As asas estão formadas por membranas cobertas com escamas, o que lhes permite regular-se termicamente.
  • As lagartas alimentam-se de folhas, flores, talos, frutos, raízes, mas ao converterem-se em borboletas, só se alimentam a base de pólen, esporas, fungos e néctar.
  • Algumas espécies de borboletas são importantes polinizadoras de plantas, enquanto outras são até consideradas pestes já que suas larvas podem provocar danos na agricultura e em árvores.
  • Algumas borboletas desenvolveram relações simbióticas e parasíticas com insetos sociais, como com algumas espécies de formigas.

Neste outro artigo explicamos tudo sobre a reprodução das borboletas. E no vídeo abaixo, saiba tudo sobre a simbiose:

Curiosidades sobre o comportamento das borboletas

Se você quer saber tudo sobre a borboleta, continuando com mais curiosidades sobre as borboletas, a reprodução e o ciclo de vida desses animais merecem destaque:

  • O acasalamento pode durar entre 20 minutos até várias horas.
  • O ciclo de vida da borboleta possui quatro etapas: ovo, larva, pupa e borboleta. Cada uma dessas etapas, assim como a expectativa de vida da borboleta, varia de acordo com a espécie.
  • O cortejo das borboletas é muito interessante. Os machos fazem um voo de reconhecimento em busca das fêmeas, chamando sua atenção por meio de diferentes movimentos no ar e espalhando feromônio. Por sua vez, as fêmeas respondem ao chamado liberando seus próprios feromônios, capazes de serem percebidos pelos machos a quilômetros de distância.
  • Depois do acasalamento, a fêmea da borboleta flambeau (Dryas Julia) coloca seus ovos no maracujazeiro. Se houver houver excesso de larvas num mesmo lugar, ao eclodir, elas acabam comendo umas às outras para ter mais espaço. Para evitar isso, normalmente a fêmea coloca ovos em vários lugares das folhas.
  • O número de ovos na posta estão ao redor de 500, ainda que poucos são os que chegam à etapa adulta.
  • Podem chegar a viver entre 9 e 12 meses, no máximo.
Curiosidades sobre as borboletas - Curiosidades sobre o comportamento das borboletas

Curiosidades sobre algumas espécies de borboletas

Como já mencionamos, existe uma imensa variedade de espécies desses insetos. Nesta seção vamos falar algumas curiosidades das borboletas de regiões diferentes do mundo:

  • Uma espécie que chama bastante atenção é a borboleta transparente (Greta oto). Encontrada no México, Panamá, Venezuela, Colômbia e em certas regiões do Brasil, ela busca plantas tóxicas para se alimentar pois são imunes à toxina dessas plantas.
  • As borboletas monarcas viajam uma distância de 3.200 quilômetros durante o inverno, deslocando-se dos Grandes Lagos, no Canadá, até o Golfo do México, só retornando para o norte na primavera.
  • A maior borboleta do mundo já encontrada ficou conhecida como Rainha Alexandra Birdwings. Descoberta em 1906, os machos alcançam 19 cm enquanto as fêmeas podem chegar a 31 cm de uma ponta da asa à outra.

Borboletas ameaçadas de extinção

  • Segundo uma estimativa da Embrapa, Brasil, Equador, Peru e Colômbia são os países com mais espécies de borboletas no mundo. Só no Brasil seriam cerca de 3.500 espécies.
  • Na lista brasileira de animais ameaçados de extinção do Instituto Chico Mendes, as borboletas, infelizmente, são o grupo de insetos mais recorrente, há cerca de 50 correndo o risco de extinção. Um dos principais motivos para isso é a perda do seu habitat natural.
Curiosidades sobre as borboletas - Curiosidades sobre algumas espécies de borboletas
Imagem: Borboleta transparente/Aerton Guimarães

O que é o efeito borboleta?

Criado pelo meteorologista, matemático e filósofo estadunidense Edward Norton Lorenz, na década de 1960, o termo efeito borboleta é utilizado para definir alterações mínimas capazes de ocasionar grandes diferenças ou fenômenos de grande magnitude.

A expressão faz ilusão à possibilidade teórica de uma borboleta bater as asas em algum ponto e tal movimento influenciar um sistema do outro lado do planeta. O termo efeito borboleta também ficou bastante popular após o filme de mesmo nome com o ator Ashton Kutcher, lançado em 2004.

Mais curiosidades sobre as borboletas

Ainda não acabamos, siga lendo essas outras curiosidades sobre as borboletas:

  • Você sabia que as borboletas podem comunicar-se com as formigas?
  • Na China e em alguns países tropicais, as borboletas são consideradas um prato exótico.
  • São muito românticas e atraem seu par mediante o "pó do amor", uma substância que elas mesmas soltam.
  • As culturas orientais veem a borboleta como uma encarnação da alma, igual faziam os gregos antigos. E até hoje, em diferentes países do mundo, acredita-se que quando uma borboleta pousa na gente é um sinal de contato com algum espírito ou bons presságios.

Agora que você viu uma série de curiosidades sobre as borboletas, não perca este outro artigo sobre as borboletas brasileiras: nomes, características e fotos.

Curiosidades sobre as borboletas - Mais curiosidades sobre as borboletas

Se deseja ler mais artigos parecidos a Curiosidades sobre as borboletas, recomendamos-lhe que entre na nossa seção de Curiosidades do mundo animal.

Bibliografia
  • UNB. Pesquisa investiga hibernação de borboletas no Cerrado. Disponível em: <https://unbciencia.unb.br/biologicas/104-ciencias-biologicas/31-pesquisa-investiga-hibernacao-de-borboletas-no-cerrado>. Acesso em 27 de maio de 2021.
  • FIOCRUZ. Borboletas e mariposas. Disponível em: <http://www.fiocruz.br/biosseguranca/Bis/infantil/borboletas2.htm>. Acesso em 27 de maio de 2021.
  • EMBRAPA. Agência de Informação. Bioma Cerrado. Borboletas e Mariposas. Disponível em: <http://www.agencia.cnptia.embrapa.br/Agencia16/AG01/arvore/AG01_81_911200585235.html/>. Acesso em 27 de maio de 2021.
  • R7. Maior borboleta do mundo – Características da espécie que passa de 30cm. Disponível em: <https://noticias.r7.com/hora-7/segredos-do-mundo/maior-borboleta-do-mundo-caracteristicas-da-especie-que-passa-de-30cm-19082020>. Acesso em 27 de maio de 2021.
  • BORBOLETA.ORG. A menor borboleta do mundo. Disponível em: <https://www.borboleta.org/2011/03/menor-borboleta-do-mundo.html>. Acesso em 27 de maio de 2021.

Escrever comentário

Adicione uma imagen
Clique para adicionar uma foto relacionada com o comentário
O que lhe pareceu o artigo?

Curiosidades sobre as borboletas
Imagem: Borboleta transparente/Aerton Guimarães
1 de 4
Curiosidades sobre as borboletas

Voltar ao topo da página