Partilhar

Os 13 animais mais exóticos do mundo

 
Por Aline Nunes. 9 agosto 2018
Os 13 animais mais exóticos do mundo

No planeta Terra, encontramos uma imensa variedade de animais e seres vivos com qualidades únicas que os tornam tão especiais e diferentes, bichos estranhos e animais desconhecidos. Existem todos os tipos de mamíferos, pássaros, peixes ou insetos que nos causam ternura ou até mesmo medo, uma vez que alguns podem até ser chamados de animais esquisitos. Continue lendo esse artigo do PeritoAnimal para descobrir tudo sobre os animais mais exóticos do mundo e conferir as fotos maravilhosas que reunimos para você!

Também lhe pode interessar: Os 10 animais mais bonitos do mundo

Slow Loris

O Slow Loris, Loris lento ou Loris-preguiçoso é um tipo de primata que vive na Ásia e é considerado um dos animais mais exóticos e lentos do mundo. A sua história evolutiva é misteriosa, uma vez que os restos fósseis de seus ancestrais quase não foram encontrados. O macaco lento tem pouca defesa contra os seus predadores, portanto, desenvolveu uma glândula nas axilas que destila um veneno. Eles lambem a secreção para ativá-lo e, ao misturar à saliva, mordem os predadores. Também aplicam o veneno na pele dos seus filhotes para protegê-los.

É uma espécie ameaçada de extinção e o seu principal predador é o ser humano. Além do desmatamento do seu habitat, o comércio ilegal é o principal problema desse pequeno mamífero. Tomamos todos os tipos de medidas para evitar a venda, porém, mesmo após serem incluídos no acordo CITES, e estar presentes na lista vermelha da IUCN, infelizmente podemos encontrar ofertas destes pequenos mamíferos na Internet e em becos e lojas na Ásia.

A posse do Slow Loris como animal de estimação é ilegal em todo o mundo. Além disso, a complicada tarefa de separar a mãe do seu filhote termina com a morte do progenitor. Alguns traficantes de animais puxam os seus dentes com pinças ou alicates para torná-los apropriados para o convívio com crianças e evitar o envenenamento.

Os 13 animais mais exóticos do mundo - Slow Loris

Pato-mandarim

Originário da China, Japão e Rússia e introduzido na Europa, o pato-mandarim é uma raça apreciada pela sua grande beleza. O macho tem uma variedade de cores incríveis, como verde, fúcsia, azul, marrom, creme e laranja. Devido à sua cor, o pato-mandarim é considerado um dos animais mais exóticos do mundo.

Geralmente, essas aves vivem em áreas próximas a lagos, charcos ou lagoas. Em toda a Ásia, o pato-mandarim é considerado um portador de boa sorte, sendo também conhecido como símbolo do afeto e do amor conjugal. Ele é oferecido nos casamentos mais importantes como um presente principal.

Os 13 animais mais exóticos do mundo - Pato-mandarim

Anta

A anta é um grande mamífero herbívoro que vive em áreas arborizadas da América do Sul, América Central e sudeste Asiático. Possui um tronco muito versátil e é um animal dócil e calmo. A anta pertence a uma das famílias mais antigas, surgida a cerca de 55 milhões de anos atrás e está em perigo de extinção, especialmente no México, devido à caça indiscriminada, ao baixo potencial reprodutivo e à destruição do seu habitat.

Os 13 animais mais exóticos do mundo - Anta

Gafanhoto cor-de-rosa

É comum encontrar gafanhotos verdes, marrons e até brancos. O gafanhoto cor-de-rosa apresenta esse tom diferente porque desenvolve um gene recessivo característico, ao contrário dos outros gafanhotos. Embora haja um caso isolado a cada 50.000, acredita-se que a sobrevivência desse tipo de gafanhoto é devido a esse colorido, que deixa de ser tão atraente aos olhos dos predadores.

Os 13 animais mais exóticos do mundo - Gafanhoto cor-de-rosa

Centopeia ou lacraia gigante da Amazônia

A centopeia gigante da Amazônia ou Scolopendra gigantea é uma espécie de lacraia gigante encontrada nas terras baixas da Venezuela, Colômbia, Ilhas de Trindade e Jamaica. É um animal carnívoro que se alimenta de répteis, anfíbios e até mesmo mamíferos, como ratos e morcegos.

Esse animal exótico pode ultrapassar 30 centímetros de comprimento e possui pinças com veneno que podem causar dor, calafrios, febre e fraqueza. É conhecido apenas um caso de morte humana produzido pelo veneno da centopeia gigante, na Venezuela.

Os 13 animais mais exóticos do mundo - Centopeia ou lacraia gigante da Amazônia

Dragão-marinho-folhado

O dragão-marinho-folhado é um belo peixe marinho da mesma família do cavalo-marinho. Este ostentoso animal tem longas extensões na forma de uma folha que são distribuídas por todo o seu corpo, o que ajuda na sua camuflagem. Este é um dos animais exóticos mais desejados do mundo.

Parece uma alga flutuante e, devido às suas características físicas, está sujeito a inúmeras ameaças. Eles são presos por colecionadores e, até mesmo, usados em medicina alternativa. A sua posição atual é de menor preocupação, mesmo assim, atualmente eles são protegidos pelo governo australiano.

A obtenção de dragões-marinhos para a exibição em aquários é um processo difícil e caro, já que são necessárias licenças especiais para distribuí-los e garantir a origem ou as autorizações apropriadas. Mesmo assim, a manutenção do espécime em cativeiro é muito difícil e a maioria acaba morrendo.

Os 13 animais mais exóticos do mundo - Dragão-marinho-folhado

Caulophryne Jordani

Esse ser habita as áreas mais profundas e remotas dos oceanos em todo o mundo e mal temos qualquer informação clara sobre o seu comportamento e a sua vida. O Caulophryne possui um pequeno órgão luminoso com o qual atrai as presas.

As dificuldades que eles têm para encontrar um parceiro no escuro fazem com que as fêmeas, de grande tamanho, se tornem hospedeiras do macho que entra dentro de seu corpo como um parasita e a mantém fecundada por toda a vida.

Os 13 animais mais exóticos do mundo - Caulophryne Jordani

Macaco-japonês

O macaco-japonês possui muitos nomes e vive na região de Jigokudani. Eles são os únicos primatas adaptados a temperaturas tão frias e a sua sobrevivência se dá ao seu manto de lã que os isola do frio. Acostumados à presença humana, durante o inverno inóspito, passam longas horas desfrutando dos banhos termais, onde os melhores lugares são dados às mais altas classes sociais. Esses macacos mantêm relações sexuais de maneira heterossexual e homossexual.

Os 13 animais mais exóticos do mundo - Macaco-japonês

Boto cor-de-rosa

O boto cor-de-rosa vive nos afluentes do Amazonas e da bacia do Orinoco. Ele se alimenta de peixes, tartarugas e caranguejos. A população total é desconhecida, portanto, esta incluída na lista vermelha da UICN. É mantido em cativeiro em alguns aquários do mundo, no entanto, é um animal difícil de adestrar e viver em estado não selvagem causa alta mortalidade. O boto cor-de-rosa é considerado um verdadeiro animal exótico por causa do seu incrível caráter e da sua cor peculiar.

Os 13 animais mais exóticos do mundo - Boto cor-de-rosa

Ligre

O ligre é o híbrido produzido entre o cruzamento do leão macho e a tigresa. Pode atingir até 4 metros de comprimento e a sua aparência é grande e volumosa. Não há nenhum caso conhecido de macho adulto que não seja estéril. Além do ligre, o tigrão também é conhecido como fruto do cruzamento entre um tigre macho e uma leoa. Se conhece apenas um caso de tigrão não estéril.

Os 13 animais mais exóticos do mundo - Ligre

Atelopus

Existem muitas espécies de Atelopus, todas conhecidas pelas suas brilhantes cores e o seu diminuto tamanho. A maioria já foi extinta em seu estado silvestre e a espécie se mantém devido ao cativeiro. São considerados a mais exótica família de sapos do mundo pela sua variedade de cores, como amarelo e preto, azul e preto ou fúcsia e preto.

Os 13 animais mais exóticos do mundo - Atelopus

Pangolim

O Pangolim é um tipo de mamífero de grandes escamas que vive em áreas tropicais da Ásia e da África. Embora ele não possua uma arma primária, as pernas poderosas que usa para cavar são fortes o suficiente para quebrae uma perna humana com um só golpe.

Esses animais curiosos se escondem cavando buracos em tempo recorde e emitem ácidos de odor fétido para afastar os seus predadores. Eles vivem sozinhos ou em pares e são atribuídos a eles poderes medicinais inexistentes. As populações foram reduzidas pela demanda excessiva da sua carne na China, além disso, eles são vítimas de tráfico de espécies.

Os 13 animais mais exóticos do mundo - Pangolim

Feneco

Finalmente, mostraremos o Feneco ou raposa do deserto. São mamíferos que habitam o Saara e a Arábia, perfeitamente adaptados ao clima árido que oferecem. As suas orelhas grandes são usadas como ventilação. Essa não é uma espécie ameaçada, no entanto, o acordo CITES regula o seu comércio e distribuição com fins de proteção. Tremendamente pequeno, atingindo 21 centímetros de altura e 1,5 quilos de peso, este adorável animal exótico é um dos mais belos do mundo.

Os 13 animais mais exóticos do mundo - Feneco

Se deseja ler mais artigos parecidos a Os 13 animais mais exóticos do mundo, recomendamos-lhe que entre na nossa seção de Curiosidades do mundo animal.

Escrever comentário sobre Os 13 animais mais exóticos do mundo

Adicione uma imagen
Clique para adicionar uma foto relacionada com o comentário
O que lhe pareceu o artigo?

Os 13 animais mais exóticos do mundo
1 de 14
Os 13 animais mais exóticos do mundo

Voltar ao topo da página