Partilhar

Características dos mamíferos: definição e exemplos

 
Por Ana Diaz Maqueda. 30 agosto 2019
Características dos mamíferos: definição e exemplos

Os mamíferos são o grupo de animais mais estudado, por isso são os vertebrados mais conhecidos. Isso ocorre porque é o grupo em que o ser humano está incluído, portanto, após séculos tentando se conhecer, nossa espécie pesquisou sobre os outros mamíferos.

Neste artigo do PeritoAnimal, vamos explicar sobre a definição de mamíferos, que é muito mais extensa do que aquela que geralmente conhecemos. Além disso, explicaremos as características dos mamíferos e alguns exemplos conhecidos e outros não tão comuns.

O que são mamíferos?

Os mamíferos são um grande grupo de animais vertebrados com temperatura corporal constante, classificados na classe Mammalia. Geralmente, os mamíferos são definidos como animais com pelos e glândulas mamárias, que dão à luz seus filhotes. No entanto, os mamíferos são organismos muito mais complexos, com características mais definitórias do que as mencionadas.

Todos os mamíferos descendem de um único ancestral comum que apareceu no final do Triássico, cerca de 200 milhões de anos atrás. Especificamente, os mamíferos descendem de synapsida primitivos, os tetrápodes amnióticos, isto é, animais de quatro patas cujos embriões se desenvolviam protegidos por quatro envelopes. Após a extinção dos dinossauros, cerca de 65 milhões de anos atrás, os mamíferos se diversificaram, a partir desse ancestral comum, em várias espécies, adaptando-se a todos os meios, terrestres, aquáticos e aéreos.

11 características dos mamíferos

Como mencionamos anteriormente, estes animais não são definidos por apenas um ou dois caracteres, na verdade, apresentam umas características morfológicas únicas, bem como uma grande complexidade etológica que torna cada indivíduo único.

As características dos mamíferos vertebrados são:

  1. Mandíbula formada apenas pelo ossos dentários.
  2. A articulação da mandíbula com o crânio é feita diretamente entre os ossos dentário e esquamosal.
  3. Apresentam três ossos no ouvido médio (martelo, estribo e bigorna), com exceção dos monotremados, que apresentam um ouvido reptiliano, mais simples.
  4. A estrutura epidérmica fundamental desses animais são os pelos. Todas as espécies de mamíferos desenvolvem pelos, em maior ou menor medida. Algumas espécies, como os cetáceos, só têm pelos ao nascer, e vão perdendo esses pelos conforme crescem. Em alguns casos, o pelo se encontra modificado, formando, por exemplo, as barbatanas das baleias ou as escamas do pangolim.
  5. Embebidas na pele dos mamíferos, uma enorme quantidade de glândulas sudoríparas e sebáceas pode ser encontrada. Algumas delas são transformadas em glândulas odoríferas ou venenosas.
  6. Apresentam glândulas mamárias, que derivam de glândulas sebáceas e secretam leite, que é o alimento necessário para os filhotes de mamíferos.
  7. De acordo com a espécie, podem possuir unhas, garras ou cascos, todos constituídos por uma substância chamada queratina.
  8. Alguns mamíferos têm cornos ou chifres. Os chifres têm uma base óssea coberta por pele, e os cornos têm também uma proteção quitinosa, e ainda há outros sem base óssea, formados por uma acumulação de camadas de pele, como é o caso dos cornos dos rinocerontes.
  9. O aparato digestivo dos mamíferos é muito desenvolvido e é mais complexo que em outras espécies. A característica que mais os diferencia é a presença de um saco cego,o apêndice.
  10. Os mamíferos têm um neocórtex cerebral ou, para dizer de outra forma, um encéfalo extremamente desenvolvido, o que os leva a desenvolver um grande número de capacidades cognitivas complexas.
  11. Todos os mamíferos respiram ar, mesmo que sejam mamíferos aquáticos. Por isso, o sistema respiratório dos mamíferos possui dois pulmões que, dependendo da espécie, podem ou não ser lobados. Eles também têm traqueia, brônquios, bronquíolos e alvéolos, preparados para trocas gasosas. Apresentam também um órgão vocal com cordas vocais localizadas na laringe. Isso lhes permite produzir vários sons.
Características dos mamíferos: definição e exemplos - 11 características dos mamíferos

Tipos de animais mamíferos

A definição clássica de mamífero excluiria algumas das primeiras espécies de mamíferos que apareceram no planeta. A classe Mammalia se divide em três ordens, os monotremados, marsupiais e placentários.

  1. Monotremados: a ordem dos mamíferos monotremados é formada por apenas cinco espécies de animais, os ornitorrincos e equidnas. Estes mamíferos se caracterizam por ser animais ovíparos, ou seja, que botam ovos. Além disso, conservam uma característica de seus antepassados reptilianos, a cloaca, para onde convergem tanto o aparato digestivo quanto o urinário e o reprodutor.
  2. Marsupiais: os mamíferos marsupiais se caracterizam por, apesar de serem animais vivíparos, ter um desenvolvimento placentário muito curto, completando-o já no exterior do útero materno mas dentro de uma bolsa de pele chamada marsúpio, dentro da qual se encontram as glândulas mamárias.
  3. Placentários: finalmente, há os mamíferos placentários. Estes animais, também vivíparos, completam seu desenvolvimento fetal dentro do útero materno, e ao sair dele, dependem totalmente de sua mãe, a qual vai lhes proporcionar a proteção e alimentação que precisarão durante os primeiros meses ou anos de vida, o leite materno.

Exemplos de mamíferos

Para que você conheça melhor esses animais, apresentamos a seguir uma ampla lista de exemplos de animais mamíferos, embora não seja tão extensa como as mais de 5.200 espécies de mamíferos que existem atualmente no planeta Terra.

Exemplos de mamíferos terrestres

Começaremos com os mamíferos terrestres, alguns deles são:

  • Zebra (Equus zebra);
  • Gato-doméstico (Felis silvestris catus);
  • Cachorro-doméstico (Canis lupus familiaris);
  • Elefante-africano (Loxodonta africana);
  • Lobo (Canis lupus);
  • Cervo-comum (Cervus elaphus);
  • Lince-euroasiático (Lynx lynx);
  • Coelho-europeu (Oryctolagus cuniculus);
  • Cavalo (Equus ferus caballus)​​;
  • Chimpanzé-comum (Pan troglodytes);
  • Bonobo (Pan paniscus);
  • Orangotango-de-bornéu (Pongo pygmaeus);
  • Urso-pardo (Ursus arctos);
  • Urso-panda ou panda-gigante (Ailuropoda melanoleuca);
  • Raposa-vermelha (Vulpes vulpes);
  • Tigre-de-Sumatra (Panthera tigris sumatrae);
  • Tigre-de-Bengala (Panthera tigris tigris);
  • Rena (Rangifer tarandus);
  • Bugio ​(Alouatta palliata);
  • Lhama (Lama glama);
  • Doninha-fedorenta (Mephitis mephitis);
  • Texugo-comum (Meles meles).
Características dos mamíferos: definição e exemplos - Exemplos de mamíferos terrestres
Imagem: Raposa-vermelha
Imagem: Doninha-fedorenta
Imagem: Lhama

Exemplos de mamíferos marinhos

Também existem mamíferos aquáticos, alguns deles são:

  • Baleia-cinzenta (Eschrichtius robustus);
  • Baleia-franca-pigmeia (Caperea marginata);
  • Golfinho-do-ganges (Platanista gangética);
  • Baleia-comum (Balaenoptera physalus);
  • Baleia-azul (Balaenoptera musculus);
  • Golfinho-da-bolívia (Inia boliviensis);
  • Toninha (Lipotes vexillifer);
  • Boto-do-araguaia (Inia araguaiaensis);
  • Baleia-da-gronelândia (Balaena mysticetus);
  • Golfinho-do-crepúsculo (Lagenorhynchus obscurus);
  • Toninha-comum (Phocoena phocoena);
  • Boto-cor-de-rosa (Inia geoffrensis);
  • Golfinho-do-rio-indo (Platanista minor);
  • Baleia-franca-do-Pacífico (Eubalaena japónica);
  • Baleia-jubarte (Megaptera novaeangliae);
  • Golfinho-de-laterais-brancas-do-atlântico (Lagenorhynchus acutus);
  • Vaquita (Phocoena sinus);
  • Foca-comum (Phoca vitulina);
  • Leão-marinho-australiano (Neophoca cinerea);
  • Lobo-marinho-sul-americano (Arctophoca australis australis);
  • Urso-do-mar (Callorhinus ursinus);
  • Foca-monge-do-mediterrâneo (Monachus monachus);
  • Foca-caranguejeira (Lobodon carcinophagus);
  • Foca-leopardo (Hydrurga leptonyx);
  • Foca-barbuda (Erignathus barbatus);
  • Foca-harpa (Pagophilus groenlandicus).
Características dos mamíferos: definição e exemplos - Exemplos de mamíferos marinhos
Imagem: foca-comum
Imagem: Golfinho-do-crepúsculo

Imagem: Boto-cor-de-rosa/Reprodução: https://www.flickr.com/photos/lubasi/7450423740

Exemplos de mamíferos monotremados

Seguindo com os exemplos mamíferos, aqui estão algumas espécies de mamíferos monotremados:

  • Ornitorrinco (Ornithorhynchus anatinus);
  • Equidna-de-focinho-curto (Tachyglossus aculeatus);
  • Equidna-de-Attenborough (Zaglossus attenboroughi);
  • Equidna-de-Barton (Zaglossus bartoni);
  • Equidna-de-bico-longo (Zaglossus bruijni).
Características dos mamíferos: definição e exemplos - Exemplos de mamíferos monotremados
Imagem: ornitorrinco
Imagem: Equidna-de-focinho-curto
Imagem: Equidna-de-bico-longo/Reprodução-zoochat

Exemplos de mamíferos marsupiais

Também existem mamíferos marsupiais, entre eles, os mais populares são:

  • Vombate-comum (Vombatus ursinus);
  • Petauro-do-açúcar (Petaurus breviceps);
  • Canguru-cinza-oriental (Macropus giganteus);
  • Canguru-cinza-ocidental (Macropus fuliginosus);
  • Coala (Phascolarctos cinereus);
  • Canguru-vermelha (Macropus rufus);
  • Diabo ou demônio-da-tasmânia (Sarcophilus harrisii).
Características dos mamíferos: definição e exemplos - Exemplos de mamíferos marsupiais
Imagem: canguru-cinza-ocidental
Imagem: Petauro-do-açúcar
Imagem: Demônio-da-tasmânia

Exemplos de mamíferos voadores

Para terminar este artigo sobre as características dos mamíferos, vamos mencionar algumas espécies de mamíferos voadores que você precisa conhecer:

  • Morcego-lanudo (Myotis emarginatus);
  • Morcego-arborícola-grande (Nyctalus noctula);
  • Morcego-meridional (Eptesicus isabellinus);
  • Morcego-vermelho-do-deserto (Lasiurus blossevillii);
  • Morcego-voador-das-filipinas (Acerodon jubatus);
  • Morcego-martelo (Hypsignathus monstrosus);
  • Morcego-comum ou morcego-anão (Pipistrellus pipistrellus);
  • Morcego-vampiro (Desmodus rotundus);
  • Morcego-vampiro-de-pernas-peludas (Diphylla ecaudata);
  • Morcego-vampiro-de-asas-brancas (Diaemus youngi).
Características dos mamíferos: definição e exemplos - Exemplos de mamíferos voadores
Imagem: morcego-vermelho-do-deserto
Imagem: Morcego-comum ou morcego-anão
Imagem: Morcego-vampiro-de-pernas-peludas

Se deseja ler mais artigos parecidos a Características dos mamíferos: definição e exemplos, recomendamos-lhe que entre na nossa seção de Curiosidades do mundo animal.

Bibliografia
  • Kemp, T. S. 2005. The Origin and Evolution of Mammals. Oxford University Press, Oxford, Reino Unido
  • Murphy, W.J. y Eizirik, E. 2009. Placental mammals (Eutheria). In Hedges, S.B. y Kumar, S. 2009. The timetree of life. Oxford University Press, Oxford, Reino Unido
  • Hallström, B.M. y Janke, A. 2008. Resolution among major placental mammal interordinal relationships with genome data imply that speciation influenced their earliest radiations. BMC Evolutionary Biology 8: e162.

Vídeos de Características dos mamíferos: definição e exemplos

1 de 3
Vídeos de Características dos mamíferos: definição e exemplos

Escrever comentário sobre Características dos mamíferos: definição e exemplos

Adicione uma imagen
Clique para adicionar uma foto relacionada com o comentário
O que lhe pareceu o artigo?

Características dos mamíferos: definição e exemplos
Imagem: Raposa-vermelha
Imagem: Doninha-fedorenta
Imagem: Lhama
Imagem: foca-comum
Imagem: Golfinho-do-crepúsculo
Imagem: ornitorrinco
Imagem: Equidna-de-focinho-curto
Imagem: Equidna-de-bico-longo/Reprodução-zoochat
Imagem: canguru-cinza-ocidental
Imagem: Petauro-do-açúcar
Imagem: Demônio-da-tasmânia
Imagem: morcego-vermelho-do-deserto
Imagem: Morcego-comum ou morcego-anão
Imagem: Morcego-vampiro-de-pernas-peludas
1 de 17
Características dos mamíferos: definição e exemplos

Voltar ao topo da página