Partilhar

Animais da Mata Atlântica: aves, mamíferos, répteis e anfíbios

 
Por Julia Latorre, Redatora do PeritoAnimal. Atualizado: 29 julho 2020
Animais da Mata Atlântica: aves, mamíferos, répteis e anfíbios

Originalmente a Mata Atlântica é um bioma formado por florestas nativas de diferentes tipos e ecossistemas associados que já chegou a ocupar 17 estados do Brasil. Infelizmente, hoje em dia, segundo dados do Ministério do Meio Ambiente, resta apenas 29% da sua cobertura original. [1] Em poucas palavras, a Mata Atlântica combina montanhas, planícies, vales e planaltos com árvores altas na costa continental Atlântica do país e alta diversidade na sua fauna e flora[2]que fazem desse bioma único e prioritário na conservação das biodiversidade mundial.

Neste artigo do PeritoAnimal listamos os animais da Mata Atlântica: aves, mamíferos, répteis e anfíbios com fotos e algumas de suas características mais marcantes!

Fauna da Mata Atlântica

A flora da Mata Atlântica chama atenção pela sua riqueza que chega a superar a América do Norte (17 mil espécies vegetais) e a Europa (12,5 mil espécies vegetais): são cerca de 20 mil espécies vegetais, dentre as quais podemos citar endêmicas e ameaçadas de extinção. Quanto ao animais da Mata Atlântica, os números até a conclusão deste artigo, são:

Animais da Mata Atlântica

  • 850 espécies de aves
  • 370 espécies de anfíbios
  • 200 espécies de répteis
  • 270 espécies de mamíferos
  • 350 espécies de peixes

Abaixo conhecemos algumas delas.

Aves da Mata Atlântica

Das 850 espécies de aves que habitam a Mata Atlântica, 351 são consideradas endêmicas, ou seja, só existem ali. Algumas delas são:

Pica-pau-amarelo (Celeus flavus subflavus)

O pica-pau-amarelo existe apenas no Brasil e habita as partes mais altas das florestas de mata fechada. Devido ao desmatamento do seu habitat a espécie corre risco de extinção.

Animais da Mata Atlântica: aves, mamíferos, répteis e anfíbios - Aves da Mata Atlântica

Jacutinga (Aburria jacutinga)

Esse é um dos animais da Mata Atlântica que só existem por lá mas é cada vez mais difícil de ser encontrado pelo seu risco de extinção. A jacutinga chama a atenção pela plumagem preta, penugem branca nas laterais e o bico com uma combinação de cores variadas.

Outras aves da Mata Atlântica

Se você olhar para cima na Mata Atlântica, com muita sorte, você pode se deparar com algumas delas:

  • Araçari-banana (Pteroglossus bailloni)
  • Arapaçu-beija-flor (Campylorhamphus trochilirostris trochilirostris)
  • Inhambuguaçu (Crypturellus obsoletus)
  • Macuco (Tinamus solitarius)
  • Mergulhão-caçador (Podilymbus podiceps)
  • Tangará (Chiroxiphia caudata)
  • Tesourão (Fregata magnificens)
  • Topetinho-vermelho (Lophornis magnificus)
  • Sabiá-castanho (Cichlopsis leucogenys)
  • Socó-boi-escuro (Tigrisoma fasciatum)

Anfíbios da Mata Atlântica

A diversidade da flora da Mata Atlântica e sua paleta de cores coloridas transpassa aos seus habitantes anfíbios:

Sapinho-pingo-de-ouro (Brachycephalus ephippium)

Olhando a foto, não é difícil adivinhar o porquê do nome dessa espécie de sapo que parece uma gota de ouro reluzente no no solo da Mata Atlântica. Ele é pequeno no tamanho e mede 2 centímetros, caminha pelas folhas e não pula.

Animais da Mata Atlântica: aves, mamíferos, répteis e anfíbios - Anfíbios da Mata Atlântica

Sapo-cururu (Rhinella ictérica)

Ao contrário da espécie anterior, esse sapo é um dos animais da Mata Atlântica que costuma ser sempre lembrado pelo seu tamanho perceptível que explica o seu apelido 'sapo-boi'. Os machos podem chegar a 16,6 centímetros e as fêmeas 19 centímetros.

Répteis da Mata Atlântica

Alguns dos animais brasileiros mais temidos pelo ser humano são répteis de Mata Atlântica:

Jacaré-do-papo-amarelo (Caiman latirostris)

Essa espécie herdeira dos dinossauros se distribui pela Mata Atlântica brasileira em seus rios, brejos e ambientes aquáticos. Alimentan-se de invertebrados e pequenos mamíferos e podem chegar a medir 3 metros de comprimento.

Animais da Mata Atlântica: aves, mamíferos, répteis e anfíbios - Répteis da Mata Atlântica

Jararaca (Bothrops jararaca)

Essa serpente altamente peçonhenta mede cerca de 1,20 m e se camufla muito bem no seu habitat natural: o chão da mata. Alimenta-se de anfíbios ou pequenos roedores.

Outros répteis da Mata Atlântica

Além das citadas, existem muitas outras espécies de répteis da Mata Atlântica que precisam ser lembradas:

  • Cágado amarelo (Acanthochelys radiolata)
  • Cágado-pescoço-de-cobra (Hydromedusa tectifera)
  • Cobra coral-verdadeira (Micrurus corallinus)
  • Falsa-coral (Apostolepis assimilis)
  • Jiboia-constritora (Boa constrictor)

Mamíferos da Mata Atlântica

Algumas das espécies mais emblemáticas da fauna da Mata Atlântica são esses mamíferos:

Mico-leão-dourado (Leontopithecus rosalia)

O mico-leão-dourado é uma espécie endêmica desse bioma e uma das representações mais icônicas da fauna da Mata Atlântica. Lamentavelmente, está em perigo de extinção.

Animais da Mata Atlântica: aves, mamíferos, répteis e anfíbios - Mamíferos da Mata Atlântica

Muriqui-do-Norte (Brachyteles hypoxanthus)

O maior primata que habita o continente americano é um dos animais que vivem na Mata Atlântica, apesar do seu estado de conservação atual crítico devido ao desmatamento do seu habitat.

Gato-maracajá (Leopardus wiedii)

Esse é um dos animais da Mata Atlântica que pode ser confundido com a jaguatirica, se não fosse o tamanho reduzido do gato-maracajá.

Cachorro-do-mato (Cerdocyon thous)

Esse mamífero da família dos canídeos pode aparecer em qualquer bioma brasileiro, mas os seus hábitos noturnos não permitem que eles sejam facilmente avistados. Podem estar sozinhos ou em grupos de até 5 indivíduos.

Outros mamíferos da Mata Atlântica

Outras espécies de mamíferos que vivem na Mata Atlântica e merecem destaque são:

  • Bugio (Alouatta)
  • Bicho-preguiça (Folivora)
  • Capivara (Hydrochoerus hydrochaeris)
  • Caxinguelê (Sciurus aestuans)
  • Gato-do-mato (Leopardus tigrinus)
  • Irara (Eira barbara)
  • Jaguaritica (Leopardus pardalis)
  • Lontra (Lutrinae)
  • Macaco-prego (Sapajus)
  • Mico-leão-de-cara-preta (Leontopithecus caissara)
  • Onça-pintada (Panthera onca)
  • Ouriço-preto (Chaetomys subspinosus)
  • Quati (Nasua nasua)
  • Rato-do-mato (Wilfredomys oenax)
  • Saíra-lagarta (Tangara desmaresti)
  • Sagui-da-serra (Callithrixflaviceps)
  • Tamanduá-bandeira (Myrmecophaga tridactyla)
  • Tatu-canastra (Priodontes maximus)
  • Tatu-peludo (Euphractus villosus)
  • Veado-campeiro (Ozotoceros bezoarticus)

Se deseja ler mais artigos parecidos a Animais da Mata Atlântica: aves, mamíferos, répteis e anfíbios, recomendamos-lhe que entre na nossa seção de Animais em perigo de extinção.

Referências
  1. Ministério do Meio Ambiente. Mata Atlântica. Disponível em: <https://mma.gov.br/biomas/mata-atl%C3%A2ntica_emdesenvolvimento/>. Acesso em 28 de julho de 2020.
  2. LATORRE, Julia. UMCOMO. O que é bioma. Disponível em: <https://educacao.umcomo.com.br/artigo/o-que-e-bioma-27787.html/>. Acesso em 28 de julho de 2020.
Bibliografia
  • ICMBio. Plano de Ação Nacional para a Conservação das Aves da Mata Atlântica. Disponível em: <https://www.icmbio.gov.br/portal/faunabrasileira/planos-de-acao/2865-plano-de-acao-nacional-para-a-conservacao-das-aves-da-mata-atlantica/>. Acesso em 28 de julho de 2020.
  • TERRA DA GENTE. G1. Sapinho-pingo-de-ouro mede dois centímetros e tem toxina na pele. Disponível em: <http://g1.globo.com/sp/campinas-regiao/terra-da-gente/fauna/noticia/2016/10/sapinho-pingo-de-ouro-mede-dois-centimetros-e-tem-toxina-na-pele.html/>. Acesso em 28 de julho de 2020.

Escrever comentário sobre Animais da Mata Atlântica: aves, mamíferos, répteis e anfíbios

Adicione uma imagen
Clique para adicionar uma foto relacionada com o comentário
O que lhe pareceu o artigo?

Animais da Mata Atlântica: aves, mamíferos, répteis e anfíbios
1 de 11
Animais da Mata Atlântica: aves, mamíferos, répteis e anfíbios

Voltar ao topo da página