Alimentação das tartarugas de água

Alimentação das tartarugas de água

A tartaruga de água começou a ser um animal de estimação popular devido aos seus cuidados muito simples, algo que pode ajudar a incutir alguma responsabilidade nos mais pequenos. Mas no que diz respeito à alimentação começam a existir algumas dúvidas e, por vezes, cometemos alguns erros por falta de conhecimento. A quantidade de comida que a tartaruga de água deve comer costuma ser uma das dúvidas mais comuns. Aqui, no Perito Animal, esclarecemos algumas dúvidas para que possa dar uma melhora qualidade de vida à sua tartaruga de água.

Continue lendo e descubra qual é a melhor alimentação das tartarugas de água.

O que comem as tartarugas de água no estado selvagem?

Para os fãs desta espécie não será uma novidade saberem que se tratam de répteis omnívoros, que significa que se alimentam de carne, peixe e vegetais. No estado selvagem, dependendo da espécie, temos algumas mais carnívoras e outras mais vegetarianas. Devemos estar atentos a este dado e consultar o veterinário sempre que tivermos dúvidas para lhes darmos a comida mais apropriada segundo a espécie a que pertença a nossa tartaruga.

Outro dado muito importante é que normalmente são animais de muito apetite, em algumas ocasiões comem com muita voracidade. Por outro lado, se a tartaruga não demonstra apetite e/ou rejeita o alimento, isso será um motivo suficiente para nos preocuparmos e recorrer a um especialista. Em alguma ocasiões acontece porque a temperatura não é a adequada ou a limpeza do aquário não foi feita. Esteja muito atento a estes fatores.

O que deve comer uma tartaruga de água doméstica?

A quantidade adequada de comida diária para as tartarugas de água costuma ser um tema muito importante, tal como dissemos, são animais que têm sempre apetite, por isso podemos cair no erro de acreditarem que têm fome. O alimento base costuma ser a ração especial para tartarugas, ou seja, por ser algo comercial facilita muito a nossa vida seguir o racionamento das indicações da embalagem. Regra geral, devemos dar uma vez por dia.

A comida ou alimento vivo costuma ser um problema, uma vez que existem proprietários que se negam a este tipo de alimentos. Devemos recordar a espécie que temos como pet e quais são as suas necessidades para viver feliz e saudável. Se não estamos dispostos a assumir estes compromisso, não devemos ter um tartaruga de água, visto que ao estar em cativeiro dependerá exclusivamente de nós para a sua alimentação. O alimento vivo aguça os sentidos da tartaruga e nutre-a, como acontece por exemplo no caso dos grilos (os mais comuns) ou es escaravelhos (cuidado que estes últimos são agressivos). Também podemos administrar minhocas da terra e ou caracóis. A quantidade adequada será 1 vez por semana.

Não nos devemos esquecer das frutas, verduras e plantas aquáticas. Isto entra dentro do alimento vivo, por isso 1 vez por semana será o correto. Dentro das frutas boas para as tartarugas de água temos:

  • Polpa macia de maçã
  • Pera
  • Melão
  • Melancia
  • Figos
  • Bananas

Os citrinos devem ser excluídos da sua alimentação. Por outro lado, dentro dos vegetais apropriados para as tartarugas temos as plantas aquáticas como a alface e a lentinha de água. Entre as verduras mais populares temos as seguintes:

  • Alface
  • Cenoura
  • Pepino
  • Rabanete
  • Beterraba

Devemos sempre evitar o espinafre e as couves em grandes quantidades. Estes alimentos devem ser consumidos apenas de forma esporádica. Ao serem consumidos apenas de vez em quando, tanto os espinafres como as couves são muito benéficos nutricionalmente para a tartaruga. O problema acontece quando as tartarugas estão sujeitas a uma dieta pouco variada em que o excesso de determinado alimento pode causar alguns problemas. No caso da couve, o excesso pode causar problemas renais e bócio. Quanto aos espinafres, o abuso deste alimento pode levar a problemas na absorção do cálcio.

Quantas vezes deve comer uma tartaruga de água?

Como comentamos anteriormente, a quantidade de comida diária para tartarugas de água deve ser estipulada em função da espécie de tartaruga a que pertencer. No entanto, esta não é a única dúvida que ronda a nossa cabeça quando decidimos partilhar a nossa vida com uma tartaruga. Outra das dúvidas mais recorrentes é a frequência, ou seja, quantas vezes a devemos alimentar. Assim sendo, aqui tem uma lista segundo a idade da tartaruga:

  • Jovens: 1 vez por dia
  • Sub-adultas: a cada 2 dias
  • Adultas: 2 vezes por semana

Leia também o nosso artigo com informações completas sobre como cuidar de uma tartaruga de aquário.

Se deseja ler mais artigos parecidos a Alimentação das tartarugas de água, recomendamos-lhe que entre na nossa seção de Dietas equilibradas.